Você está na página 1de 1
Figura nº 4 Em relação ao ‘eu institucional que diz’ (“Super Bock, sabor autêntico”), o
Figura nº 4 Em relação ao ‘eu institucional que diz’ (“Super Bock, sabor autêntico”), o
Figura nº 4 Em relação ao ‘eu institucional que diz’ (“Super Bock, sabor autêntico”), o
Figura nº 4 Em relação ao ‘eu institucional que diz’ (“Super Bock, sabor autêntico”), o

Figura nº 4 Em relação ao ‘eu institucional que diz’ (“Super Bock, sabor autêntico”), o ‘eu comercial que é dito’ (Super Bock em situação: registado no rótulo de uma carica, de uma lata, num copo ou numa garrafa) assume -se como o sujeito de uma predicação comercial que varia de anúncio para anúncio. É então explorado como o núcleo da evocação de um determinado life-style (ide ologia do ‘eu comercial’ também designada por ‘imagem de marca’).

O melhor disco rígido [cerveja Super Bock]. [Lisboa],Super Bock, 1996, anúncio de imprensa especializada (informática). Puxar em caso de emergência[cerveja Super Bock]. [Lisboa], Super Bock, 1996, outdoor em formato mupi. Aproveite porque tudo na vida é passageiro[cerveja Super Bock]. [Lisboa],Super Bock, 1996, outdoor em formato mupi. Há alturas para tudo [cerveja Super Bock]. [Lisboa],Super Bock, 1998, outdoor em grande formato (12 metros de altura).