Você está na página 1de 2

UFPA / UEPA / PARTICULARES

PROFº: HUBERT Frente: 01 A Certeza de Vencer


KL141107

Questões de Múltipla Escolha: 22. Quais as características da fecundação e do desenvolvimento


01. (Fuvest - SP) Uma senhora deu à luz dois gêmeos de sexos embrionário dos animais ovulíparos, ovíparos e ovovivíparos? Dê
exemplos de cada tipo.
Fale conosco www.portalimpacto.com.br

diferentes. O marido, muito curioso, deseja saber algumas informações


sobre o desenvolvimento de seus filhos, a partir da fecundação. O 23. O que caracteriza um animal vivíparo?
médico respondeu - lhe, corretamente, que:
24. Quais as funções do saco vitelínico, do alantóide e do âmnio nos
a) dois óvulos foram fecundados por um único espermatozóide.
animais ovíparos?
b) um óvulo, fecundado por um espermatozóide, originou um zigoto, o
qual dividiu - se em dois zigotos, formando dois embriões. 25. Quais as funções da placenta?
c) um óvulo foi fecundado por dois espermatozóides, constituindo dois 26. Como se formam os gêmeos verdadeiros ou univitelinos? E os
embriões. falsos?
d) dois óvulos, isoladamente, foram fecundados, cada um por um
espermatozóide, originando dois embriões. Questões Discursivas:
e) o uso de medicamentos durante a gestação causou alterações no 01. (Fuvest - SP) Um organismo apresenta reprodução sexuada durante
zigoto, dividindo - o em dois. uma fase da vida e reprodução assexuada em outra fase. Em qual
destas fases os descendentes devem apresentar maior semelhança com
02. (Cesesp - PE) Com relação a gêmeos univitelino é correto afirmar
seus genitores? Por quê?
que:
a) são resultantes da bipartição de óvulos não fecundados e 02. (Vunesp - SP) Os seres vivos podem reproduzir - se sexuada e
desenvolvidos parteno - geneticamente. assexuadamente.
b) são resultantes da fecundação de dois óvulos e dois a) Qual o tipo de divisão celular envolvido em cada uma destas
espermatozóides, podendo resultar indivíduos de ambos os sexos. modalidades reprodutivas?
c) são resultantes da bipartição de um só óvulo, fecundado por dois b) Qual a importância biológica da reprodução sexuada?
espermatozóides, dando indivíduos masculinos e femininos ao mesmo 03. (Unicamp - SP) Considerando que a informação genética é
tempo. igualmente carregada pelo óvulo e pelo espermatozóide, responda:
d) são resultantes da bipartição de um só óvulo, fecundado por um só a) Por que o óvulo é geralmente muito maior do que o espermatozóide?
espermatozóide, dando indivíduos masculinos e femininos ao mesmo b) Como essa diferença aparece durante a gametogênese?
tempo.
e) são resultantes da bipartição de um só óvulo, fecundado por um só 04. (Fuvest - SP) Se a espermatogênese é normal e todas as células
espermatozóide, resultando indivíduos do mesmo sexo. sobrevivem, quantos espermatócitos primários são necessários para
originar quatrocentos espermatozóides? Explique.
Questões para revisão: 05. (PUC - MG) Tendo em vista os hormônios que atuam no ciclo
01. Cite três diferenças entre a reprodução sexuada e a reprodução feminino, cite:
assexuada. a) dois hormônios produzidos pelo ovário;
02. Cite na ordem de formação as células que participam da b) o que acontece com a quantidade de estrógeno nas proximidades
espermatogênese. Coloque entre parênteses a carga cromossômica de anteriores e posteriores à ovulação;
cada uma. c) como ocorre o surgimento da menstruação.
03. Faça um esquema da ovulogênese, dando o nome de cada célula e 06. (Unicamp - SP) As abelhas vivem em colônias constituídas por
sua respectiva carga cromossômica. indivíduos de três castas: a rainha, os zangões e as operárias. Sabendo-
04. Para que serve a membrana de fecundação? se que as fêmeas férteis de Apis mellifera têm 32 cromossomos, indique
o número cromossômico dos indivíduos de cada uma das castas e
05. Por que praticamente todos os animais terrestres apresentam descreva como ocorre a diferenciação em castas nesses insetos.
fecundação interna?
07. (Unicamp - SP) Considerando a anatomia e a fisiologia dos
06. Como são os gametas masculinos e femininos em relação aos aparelhos reprodutores masculino e feminino, explique por que cada
cromossomos sexuais? Qual deles determina o sexo da criança? um dos métodos seguintes é contraceptivo: vasectomia, ligação de
07. O que determina o sexo nas aves? E nos gafanhotos? trompas e pílulas anticoncepcionais.
08. O que é hermafroditismo? 08. (Vunesp - SP) No processo de reprodução sexuada, o que significa
fecundação? Onde ela normalmente ocorre na espécie humana?
09. O que é autofecundação? Qual a sua desvantagem? Que
mecanismos impedem a autofecundação? 09. (Vunesp – SP) O que ocorre normalmente no útero de uma mulher
quando o óvulo não é fecundado? Por que isso ocorre?
10. O que é partenogênese?
10. (UFRJ) A gema do ovo de uma galinha é formada por uma única
11. Como surgem os zangões entre as abelhas?
célula, o óvulo, caso não tenha sido fecundada pelo espermatozóide do
12. Em que parte dos testículos ocorre a produção de espermatozóides? galo. Nesta célula, a grande massa amarela corresponde à reserva
13. Quais as funções das vesículas seminais e da próstata? nutritiva chamada vitelo. Por outro lado, um animal muito maior, como
a vaca, produz óvulos microscópicos. Explique por que,
14. Onde ocorre normalmente a fecundação? necessariamente, o óvulo da galinha é maior que o da vaca.
15. Onde ocorre normalmente a fixação do embrião? Qual o nome 11. (Fuvest - SP) Em que grupos animais encontramos placenta? Qual
desse fenômeno? seu papel no desenvolvimento embrionário?
16. Descreva as transformações que ocorrem com o folículo no ovário 12. (Fuvest - SP) Responda:
ao longo do ciclo menstrual. Cite os hormônios que ele produz. a) Qual a função desempenhada pelo âmnio no desenvolvimento
17. Descreva as alterações pelas quais o útero passa durante um ciclo embrionário?
menstrual em que não tenha ocorrido fecundação. b) Quais os grupos de vertebrados que apresentam essa estrutura?
VESTIBULAR – 2008

18. Dê exemplos de animais com ovo oligolécito e com ovo 13. (UFRJ) Um casal tem quatro filhos: João, Maria, Paulo e Luísa. Dois
heterolécito. Qual a diferença entre suas segmentações? dos filhos do casal são gêmeos monozigóticos e os outros dois são
19. Como é a segmentação do ovo dos répteis e aves? gêmeos dizigóticos. João, um dos gêmeos monozigóticos, precisa de
um transplante de um órgão. Qual seria a pessoa da família mais
20. Cite três estruturas originadas de cada folheto embrionário. indicada para ser o doador? Justifique sua resposta.
21. Explique os conceitos: diblástico, triblástico, celomado e Gabarito:
acelomado. Exemplifique. Questões de Múltipla Escolha:
1. d; 2. e.
ESTÁ CHEGANDO A HORA!!! SUPER REVISÃO IMPACTO
Fale conosco www.portalimpacto.com.br

Questões para Revisão: 25. Nutrição, respiração e excreção do embrião, além da produção de
01. Na reprodução assexuada, há um único ser vivo, que, através de hormônios da gravidez.
mitose, origina outros seres vivos geneticamente idênticos a ele. Na 26. Gêmeos verdadeiros formam - se a partir de um único zigoto, cujos
reprodução sexuada há, geralmente, dois seres vivos, que, por meiose, blastômeros se separam. Gêmeos falsos formam - se a partir de dois
produzem gametas. Estes, por fecundação, originam indivíduos zigotos diferentes.
geneticamente diferentes.
Questões Discursivas:
02. Espermatogônias (2n), espermatócitos primários (2n), 01. Na reprodução assexuada, uma vez que é realizada por mitose, não
espermatócitos secundários (n), espermátides (n), espermatozóide (n). deverá ocorrer variabilidade genética entre os descendentes, a não ser
pela ocorrência de mutações, que são raras.
03.
02. a) Na reprodução sexuada ocorre meiose, enquanto na reprodução
assexuada há apenas mitose, b) A reprodução sexuada permite a
ocorrência de uma maior variabilidade genética entre os descendentes.
03. a) Porque o óvulo armazena material nutritivo necessário ao
desenvolvimento do embrião, b) Na fase de crescimento, as ovogônias
acumulam o material nutritivo, originando ovócitos primários
relativamente grandes; já na espermatogênese, as espermatogônias
crescem menos, originando espermatócitos primários menores que os
ovócitos.
04. São necessários cem espermatócitos primários. Isso porque os
04. Para impedir a penetração de mais de um espermatozóide.
espermatozóides formam – se através da meiose dos espermatócitos
05. Porque esta fecundação impede a desidratação dos gametas. primários e, nesse tipo de divisão, cada célula - mãe origina quatro
06. Os espermatozóides podem ser X ou Y; os óvulos são sempre X. Os células - filhas.
espermatozóides determinam o sexo. 05. a) Estrógenos e progesterona; b) anteriores: nível elevado;
07. Nas aves é a fêmea que determina o sexo, porque ela produz dois posteriores: o nível se reduz; c) em conseqüência da redução nos níveis
tipos de gametas (Z e W) e o macho apenas um (Z). Nos gafanhotos é o de progesterona, parte do endométrio é eliminada, iniciando - se a
macho, porque produz dois tipos de gametas (X e O) e a fêmea produz menstruação.
apenas um (X). 06. Rainha: 32; operárias: 32; zangões: 16. O zigoto (diplóide) origina
08. O hermafroditismo ocorre quando o mesmo indivíduo produz larvas que se transformarão em rainhas (férteis) ou operárias (estéreis),
gametas masculinos e femininos. de acordo com a alimentação que recebem durante o desenvolvimento.
Os zangões resultam do desenvolvimento de óvulos não fecundados
09. A autofecundação ocorre quando o indivíduo fecunda a si próprio. (partenogênese) e, portanto, são haplóides.
Desvantagem: menor variedade genética e maior a chance de doenças
hereditárias manifestarem - se. É impedida pelo amadurecimento das 07. Na vasectomia, os canais deferentes são cortados, interrompendo -
gônadas em épocas diferentes. se o fluxo de espermatozóides. Na ligação de trompas, a secção das
trompas impede a chegada de espermatozóide até o óvulo. As pílulas
10. É o desenvolvimento do óvulo sem ter sido fecundado. anticoncepcionais contêm derivados de estrógenos e de progesterona,
11. Os zangões surgem de partenogênese; as operárias e rainhas que bloqueiam a produção de FSH e LH, interrompendo a ovulação.
surgem de fecundação. 08. Fecundação é a penetração do espermatozóide no óvulo, seguida da
12. No interior dos tubos seminíferos. união dos núcleos haplóides; ocorre na trompa de Falópio.
13. A vesícula seminal produz um líquido nutritivo; a próstata, um 09. Caso o óvulo não seja fecundado, parte do endométrio é eliminada
líquido alcalino que neutraliza a acidez da vagina e da uretra. na menstruação. Esse fato decorre da diminuição no nível de
14. Na parte superior da trompa. progesterona.

15. No útero (endométrio). Nidação. 10. No caso da galinha o desenvolvimento do embrião ocorre dentro de
um ovo com casca. A grande quantidade de vitelo do óvulo é
16. Os folículos crescem, produzem um hormônio, o estrogênio; após a necessária para a nutrição do embrião. Daí esta célula ser relativamente
ovulação, transformam - se em corpo lúteo, que produz, grande. Já o embrião dos mamíferos, como a vaca, recebe alimento
principalmente, progesterona. diretamente da mãe, não sendo, portanto, necessária uma grande
17. O endométrio cresce, torna - se espesso e vascularizado e depois é quantidade de vitelo, o que explica o menor tamanho relativo do óvulo
parcialmente eliminado (menstruação). neste caso.
18. Ovo oligolécito: mamíferos; segmentação total e igual. Ovo 11. Principalmente nos mamíferos. Respiração, nutrição, excreção e
heterolécito: anfíbios; segmentação total e desigual. produção de hormônios.
19. Parcial e discoidal. 12. a) O âmnio contém líquido amniótico, com a função de proteger o
embrião contra a desidratação e choques mecânicos, b) Répteis, aves e
20. Ectoderme: epiderme, sistema nervoso, glândulas da pele.
mamíferos.
Endoderme: epitélio do tubo digestivo, epitélio das vias respiratórias,
fígado e pâncreas. Mesoderme: músculos, sangue, ossos. 13. Paulo. O transplante de órgãos entre gêmeos monozigóticos não
enfrenta o problema de rejeição (doador e portador são, neste caso,
21. Diblásticos: animais com apenas dois folhetos embrionários
geralmente iguais) e uma vez que Paulo é o único filho do mesmo sexo
(ectoderme e endoderme). Ex.: cnidários.
que João, ele é gêmeo monozigótico, sendo, portanto, o mais indicado
Triblásticos: animais com três folhetos (ectoderme, endoderme e
para ser o doador.
mesoderme). Ex.: platelmintos.
Celomados: animais que têm celoma, uma cavidade no interior da
mesoderme. Ex.: anelídeos.
Acelomados: animais que não têm celoma. Ex.: platelmintos.
22. Ovulíparos: fecundação e desenvolvimento externos. Ex.: alguns
peixes e anfíbios.
Ovíparos: fecundação interna e desenvolvimento externo. Ex.: muitos
répteis e aves.
VESTIBULAR – 2008

Ovovivíparos: fecundação e desenvolvimento internos. Ex.: alguns


répteis.
23. Seu desenvolvimento embrionário é interno, recebendo alimento
diretamente da mãe pela placenta.
24. Saco vitelínico: nutrição do embrião; alantóide: respiração e
eliminação de excretas; âmnio: proteção.
ESTÁ CHEGANDO A HORA!!! SUPER REVISÃO IMPACTO