Você está na página 1de 1

Demandas da atualidade e seus reflexos na prática docente

Percebemos que o momento atual impulsiona a ampliação da visão sobre as atuais demandas
da vida em sociedade. E com o aumento da demanda, crescem em número e em complexidade
as habilidades que o indivíduo deve ter para atender a essas novas exigências. Daí a relevância
das idéias sobre as Habilidades de século XXI apresentadas por Pedro Demo.
De fato, é inquietante a ideia de que a conquista de uma habilidade hoje não será
necessariamente suficiente para que se esteja apto amanhã. Pois a realidade, com o avanço
das novas tecnologias e a globalização, tornou-se mutável de forma tão veloz que manter-se
atualizado é uma tarefa de difícil execução. O referido autor salienta a postura daqueles que
resistem a estas mudanças aceleradas e daqueles que fazem desta busca por atualizar-se o
objetivo da própria existência. Ambas parecem um tanto extremadas. Mas não se pode negar
que no mundo atual não há mais espaço para a acomodação, uma vez que a própria realidade
não é mais compatível com isso.
Parece, portanto, pertinente a visão apresentada pelo autor sobre o papel do docente. Pois a
prática docente pode se tornar obsoleta se não houver um movimento de reconhecimento e
adequação às novas demandas. Isso não significa que a função docente seja obsoleta ou
desnecessária, tendo em vista que a prática atualizada é capaz de se mostrar sempre
necessária. Uma prática docente compatível com a demanda deve ser focada no incentivo a
autonomia do aluno, aliada da tecnologia e do amplo acesso a informação e também do prazer
que não pode ser esquecido no processo de construção do conhecimento. Nesse sentido, o
lugar do professor pode ser considerado indispensável.