Você está na página 1de 6

Discurso da Turma: MAva 35.03.09 - Leanderson Mariano M.

Ribeiro

Boa noite,
A todos que se fazem presentes; ilmo professor Steffano Nunes, diretor
deste grupo; à diretora técnica Elaydene Araújo, à coordenadora de curso
Conceição Pacheco; à diretora de nossa unidade, Prof. Danessa Ribeiro, aos
nossos mestres, a todos os funcionários desta casa, aos nossos pais e aos
senhores e senhoras convidados.
Inicialmente quero agradecer a Deus por nos ter dado força e coragem
para chegarmos até aqui e também aos meus colegas a confiança depositada,
ao me escolherem para proferir neste dia tão importante a todos nós, algumas
palavras que tentam expressar o pensamento da turma e servir de reflexão ao
início desta nova jornada.
Encontramos ao longo desta nossa caminhada, valores os quais jamais
esqueceremos. A importância de aprender e ensinar reciprocamente, de
discutir ideias e formular novos conceitos, a maturidade de conviver com a
divergência de opiniões ou interesses e algo muito valioso, mágico e rico, o
conhecimento adquirido que nos instrumentalizará a atuar na vida prática como
agentes de mudanças e responsabiliza-nos pelos rumos que nossa sociedade
poderá tomar.
Acreditamos que o uso constante de um senso crítico positivo aliado à
ação permanente construtiva é atitude imperativa para contribuirmos com a
redução das nossas mazelas sociais e destruição do nosso meio ambiente.
Temos consciência de que enfrentaremos inúmeros desafios, um deles
são os fenômenos da natureza que tem nos mostrado como o planeta vem se
comportando diante da violência causada pelo homem. Nosso papel é portanto,
fazer com que todos se sensibilizem, tornando-se seres responsáveis pela
conservação, preservação do meio ambiente e pela construção de uma
sociedade justa e solidária.
Capazes que somos de tal mudança continuemos sempre plugados no
meio ambiente. Diante de tudo isso, finalizo com um pequeno texto do apóstolo
Paulo em sua 1ª carta aos Coríntios: ” Todos esses nossos esforços seriam em
vão se não fizéssemos tudo isto por amor, por que só o amor constrói e vence
todas as barreiras”
Discurso da Turma: MAnb 35.02.09 – Edson Pereira

Boa noite
Caros colegas formandos, no decorrer deste período, tivemos sempre
em mente que a vitória do ser humano não é somente a chegada e sim cada
passo, cada minuto em direção ao alvo. Afinal, a viagem deve ser tão
prazerosa quanto o destino.
E como foi boa a nossa viagem até aqui neste ambiente, por que não
dizer meio ambiente de profundo e intenso aprendizado? Foram dois anos de
nossas vidas juntos, nos preparando para este grande dia e aqui estamos,
vencedores desta primeira etapa.
Temos hoje a certeza de que a profissão que escolhemos está inserida
num ambiente que sofre mudanças constantes, por isso, devemos estar
sempre preparados para os possíveis desafios.
Não somos apenas técnicos em Meio Ambiente, mas sim cidadãos
críticos e queremos assim contribuir para melhorar a consciência do país, lutar
por um Maranhão e um Brasil melhor e mais justo, com a consciência de que a
educação é fundamental para que o desenvolvimento do planeta.
Por tudo isso, traçamos há dois anos este objetivo e iniciamos nossa
caminhada e hoje, um grande sentimento nos invade a alma, o de realização
pelo dever cumprido.
Por fim, ficará a saudade desses anos de curso, dos amigos, das
aulas, das noites de festas, dos momentos de angústia e até mesmo de tudo
aquilo que contávamos nos dedos os dias para acabar.
E como já dizia Milton Nascimento em letra e música: Amigo é coisa
pra se guardar do lado esquerdo do peito”, onde já residem professores,
formandos e familiares.
Temos certeza de somos bons profissionais e seremos ainda melhores,
o amanhã só depende de nós
A todos nós muito sucesso e que Deus esteja sempre conosco.
Muito Obrigado!
Discurso da Turma: STvb 246.02.09 – Diogo André Pereira Ferreira

Boa Noite.

Gostaria de agradecer primeiramente aos meus amigos e colegas por


me cederem à honra de representá-los nesse momento tão importante que
ilustra o encerramento desse ciclo em nossas vidas. A história se iniciou com a
busca de um curso de respeito que nos promovesse uma qualidade única de
ensino técnico.

Intenso, inexplicável, incomparável. Assim foi esse tempo em que


estivemos unidos. Um período no qual descobrimos o mundo: estudamos,
brincamos, aprendemos, sorrimos… Juntos alunos, funcionários e professores
vivemos intensamente muitos momentos alegres, produtivos e inesquecíveis.
Momentos esses que, sabemos, permanecerão em nossas vidas, como uma
marca muito agradável em nossos corações, pois cativamos e fomos cativados.

Aprendemos a ter responsabilidade com nossas palavras, com nossas


atitudes…nos tornamos livres. Liberdade de trilhar veredas possíveis e
impossíveis. Escolher o futuro. Nossa escola nos preparou para isso. O que
somos hoje é, em grande parte, fruto do caminho percorrido durante todos
esses anos em nosso adorado ICEP.

Tivemos a oportunidade de conviver com todo tipo de pessoas. Alguns


questionadores; outros, com capacidade de expressão e liderança, há também
aqueles que foram verdadeiros exemplos de dedicação. E como não poderia
faltar, aqueles responsáveis por alegrar todas as aulas e motivar os amigos.

Finalizo então, citando uma frase de Christopher Reeve que mostra


exatamente a jornada para a realização desse sonho: Temos tantos que no
início parecem impossíveis. Com o tempo eles parecem improváveis. Quando
temos força de vontade, logo eles se tornam inevitáveis. ”

Obrigado, pais, funcionários, amigos, alunos.


Não diremos adeus, e sim um “até qualquer dia!“
Discurso da Turma: STnb 246.02.09 - Maria da Conceição Mendes Dias

O momento é de celebração!

Foram dois anos de muitas conquistas e realizações, que ao final nos leva a
refletir sobre os acontecimentos, a jornada do dia a dia e ao final concluirmos
que tivemos um saldo de crescimento e aprendizado.

O momento também é de agradecimentos;

A Deus por tudo que construímos e pelo ofício que escolhemos, a esta
instituição e professores, que com sabedoria e dedicação nos conduziram até
aqui, aos nossos colegas de turma, a quem hoje chamamos de amigos, pela
cooperação e solidariedade.

Que tenhamos força e tranqüilidade para enfrentarmos os obstáculos que hão


de vir e que os sentimentos de compromisso, coragem, superação e justiça
possam estar presentes em nossos dias. Que Deus nos proteja e nos conceda
saúde e felicidade.

A todos os formandos meus parabéns!


Discurso da turma: STna 35.03.09 – Janaina Machado da Silva Oliveira

Colegas formandos, pais, professores, funcionários do ICEP, amigos e


convidados.
Primeiramente gostaria de agradecer aos meus colegas a confiança
depositada em mim, quando me escolheram para proferir neste dia tão
importante para todos nos, algumas palavras que possam expressar o
pensamento da turma e servir de reflexão no inicio desta nova caminhada.
Citando Shakespeare “Se seus sonhos estão nas nuvens... eles estão
no lugar certo, agora construa os alicerces.”
No começo olhamos para o alto e vimos uma confusão de teorias,
livros, trabalhos provas... Sem que tivéssemos a exata noção da dimensão do
desafio que nos aguardava. Naquela ocasião, então, procurávamos nos
familiarizar uns com os outros e com a nova rotina que se estabelece.
Olhamos ao nosso redor e percebemos que muitos amigos ficaram no
meio do percurso e nessa hora... Bem... Nessa hora, é que as pessoas que
amamos fazem a diferença! Palavras amigas, de afeto, olhares compreensivos.
Nós, hoje aqui reunidos, saudamos a conquista de nosso almejado
diploma, o qual agrega em si fatores que extrapolam os limites do
conhecimento técnico adquirido.
Durante 2 anos escalamos e edificamos nossas colunas, e nesta
semana, esta caminhada chega ao fim para que se possa fazer um novo
começo, e podem ter certeza que sentiremos saudades do percurso.
Como deixar de mencionar, a influência de nossos mestres, pilares
ativos em nosso desenvolvimento, sempre auxiliando-nos em alguma coisa,
ainda que não percebamos. Como suprimir nosso agradecimento aos nossos
companheiros e companheiras, que sempre se fizeram presentes, sabendo
calar-se e nos afagando quando necessitados estávamos, há eles... nossos
mais sinceros sentimentos de amor.
Agora é tomar posse do que é nosso, e que esta cerimônia não
represente uma despedida em nossas vidas, e sim a reafirmação do
comprometimento que temos para conosco e para com a sociedade.

Que Deus abençoe a todos, obrigada!!!


Discursos

dos

Oradores

Unidade COHAB
Profª. Danessa Ribeiro