RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA

Introdução: O objetivo desse material é levá-lo a organizar e estruturar um ministério com juventude que de fato faça diferença em seu contexto local. Temos convicção que tal apostila, produzida através de leituras e compilações, não é a única solução para um ministério sadio e eficiente, porém é um primeiro passo em busca de uma solução prática para os problemas que cercam o ministério com jovens e adolescentes. Não temos a intenção de esgotar o assunto de Ministério com Jovens/Adolescentes nesta oficina, até porque necessitaríamos de muito mais tempo, porém gostaríamos de te levar a uma reflexão mais aprofundada sobre o porquê utilizar ferramentas específicas para o crescimento / desenvolvimento do seu ministério com jovens/adolescentes. Em síntese, um Ministério com JOVENS/ADOLESCENTES sadio, atuante e vibrante só vai “funcionar” se houver em seu coração, espaço para Deus trabalhar. Nosso objetivo não é levá-lo a modismos, truques ou formulas prontas para o sucesso do seu ministério, mas levá-lo a buscar e construir um alicerce sólido, bíblico e coerente para o ensino e o discipulado de seus jovens e adolescentes. Aqui iremos apresentar algumas ferramentas práticas para um Ministério com Jovens/Adolescente mais eficiente, lembrando que não existe uma “receita de bolo” pronta e acabada. O que existe são princípios que deverão ser estudados e adaptados para a sua realidade. Este é apenas um primeiro passo para aqueles líderes que desejam ter um ministério sadio e eficaz. Daqui deverão sair líderes com curiosidade e com interesse de estudar tudo o que se refere ao assunto, depurando e adaptando aquilo que mais lhe parecer apropriado para a implementação em seu ministério na Igreja local. Gostaríamos que você estivesse com a mente aberta para mudanças ou adequações, lembrando que não é nossa intenção fazer com que você mude o que já faz, porém te levar a uma reflexão mais aprofundada sobre se deve ou não mudar e o porquê mudar.

A necessidade da Liderança: Justificativa UM CHAMADO À LIDERANÇA Deus está chamando líderes. Não detentores de poder. Nem peritos em congratulações mútuas. Nem traficantes de influências. Nem demagogos exibicionistas,

manipuladores de multidões. Deus está chamando líderes!

RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA A chamada de líderes é necessária porque estamos experimentando uma crise de liderança em nosso mundo. em todos os seus níveis. O ministério com jovens e adolescentes é fundamental pois as decisões tomadas na . O mundo não precisa de um bando de oradores de clichê. No Brasil cerca de 71 milhões de pessoas têm entre 12 e 34 anos. e chega até as autoridades municipais. em nossas Igrejas não é diferente. Esta crise de liderança começa na presidência de grandes empresas. com sua crescente ameaça. Quem as liderará? Seus líderes as aprimorarão ou destruí-las-ão? Esses líderes aperfeiçoarão nosso mundo? Como será a liderança que esses novos cidadãos do mundo terão? Será honesta ou corrupta? Estará se sacrificando ou se enriquecendo? Será humilde ou arrogante? Como serão esses novos líderes? Outra causa dessa crise é que muitos dos que se acham em posição de liderança abdicaram de sua responsabilidade. As massas buscam uma verdadeira liderança. freqüentemente. o último ato de abdicação da liderança familiar. Por esta época no próximo ano. Há hoje uma crise de liderança na família. de magos que dizem possuir “soluções rápidas”. O egocentrismo dos pais impede que se disponham a liderar e não apenas controlar seus filhos. O mundo não necessita de um elenco de elitistas que falem de amor e compaixão enquanto se mantêm isolados das pessoas de carne e osso. O divórcio. pelos púlpitos de igrejas. O mundo está à procura de líderes. Esta influência leva a marca de um benefício permanente. homens e mulheres entregues nas mãos de Deus e compassivamente interessados pelo povo. Dessa maneira estruturar um Ministério Especifico que trabalhe as necessidades dos jovens e adolescentes nunca foi tão necessário como em nossos dias. clamam por uma liderança eficiente em nosso sistema educacional. apenas 5% dos obreiros dedicam-se a esse público. o nosso mundo em mudança também precisa. Assim como a Europa do século XVIII precisava de líderes. onde 65% das decisões por Cristo são tomadas até os 18 anos de idade. haverá neste planeta noventa milhões de pessoas a mais do que as que hoje existem. Está acontecendo um aumento de casos de desmoronamentos familiar. é. Apesar dessa enorme necessidade. As sociedades do nosso mundo. na política internacional. em nossas igrejas. e passa pelos governos nos Estados. Em Geral os adolescentes e os jovens constituem 30% da membresia das igrejas evangélicas. O mundo precisa de líderes que exerçam aquela influência especial sobre os que sofrem e que estão à procura de uma maneira de resolver suas crises pessoais. o que torna uma iniciativa com adolescentes e jovens de vital importância para vida da igreja local.

Ser ministro é servir em determinado ministério. dirigir o curso de outrem”. Nós seguimos o exemplo de liderança de Jesus e devemos viver o conceito de liderança espiritual. guiar. Alocar Recursos. Estamos a serviço da JUVENTUDE! A LIDERANÇA Definição de Liderança: O dicionário1 define LIDERANÇA como: “função do líder. o verbo LIDERAR significa “mostrar o caminho. São funções dessa liderança: Lançar e sustentar a visão. A Bíblia apresenta inúmeros exemplos da capacitação de Deus a homens e mulheres usados por Ele. os cursos. aos pastores e mestres e ao Filho do Homem. Estabelecer os valores centrais.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA adolescência precisam ser reafirmadas na juventude. Construir equipes. Encontrar e liderar outros líderes. poucas são as que têm um ministério com juventude atuante e vibrante. Em nossas igrejas. Liderar é fazer com que as pessoas ajam de forma efetiva. precisamos conversar mais sobre os por quês do que fazemos. É algo que Deus atribui. O termo também é aplicado a magistrados. conduzir. Os ministros de Salomão eram aqueles servos que faziam o serviço na corte. Liderar mudanças. Se queremos ser mais do que simples realizadores de programas. Js 1. Liderança é a arte de conduzir pessoas de forma a alcançar objetivos.13. e sim em virtude de seu desempenho. não para ser servido mas para servir (para ser ministro). Isto não é nada fácil. Enfim. palestras e congressos não conferem liderança espiritual. como Josué em relação a Moisés (Ex: 24. que veio a este mundo. Definição de Ministro: Individuo que oficia ou serve outra pessoa. forma de dominação baseada no prestígio pessoal e aceita pelos liderados”. 1 Dicionário Escolar da Língua Portuguesa – 11ª Edição – FAE (Ministério da Educação) . Apesar de serem recursos de aprimoramento do que já está em uso. Todas as outras formas de liderança podem ser encaradas como habilidades.1). a liderança espiritual não. Segundo o dicionário. Você não é um líder em virtude de sua posição. Essa é a liderança capacitada e legitimada pelo próprio Deus.

Ele mesmo reconhece e afirma sua incapacidade diante do chamado que Deus tinha para ele. nós começamos a identificar o líder como uma pessoa “poderosa”. melhor. não importa que sofra. ou seja. O que não se importa em ser melhor que outras pessoas. “Entre os gentios são reis que governam sobre eles. capaz de impressionar outros quando fala à frente. O Servo é aquele que. Mas não deve ser assim conosco” (Lucas 22:25) “Para ser o maior de todos. as pessoas são dominadas por objetivos egoísticos. o mais forte. Enxergando este quadro. No entanto para exercer a liderança é preciso depender do poder de Deus. Não ser o maior. resolve problemas. abrindo mão de seus objetivos para cumprir o propósito de Deus. servir e dar. prepara um cronograma. a pessoa que exerce o domínio sobre outras. “Pois o próprio Filho do Homem não veio para ser servido. organiza um programa. Esta é a missão do líder. não para satisfazer os interesses e necessidades de outros. Influenciados pelo conceito e exemplo da sociedade da qual participamos. almeja primeiro servir. Alguém bem distante. o mais rico. é preciso ser servo” (Mateus 23:11). como no tempo de Jesus. motivado pelo amor. O líder que é servo cultiva um coração de servo e dá de si mesmo aos outros. delega responsabilidades. o mais forte domina e explora o mais fraco. mas para servir e dar a sua vida em resgate de muitos”(Marcos 10:45). O líder que é servo está entre aqueles que ele lidera e não acima deles... quero relacionar aqui algumas possíveis respostas: determina objetivos. quem seja usado ou quem morra. mas não deve ser entre nós. e serve.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA O QUE UM LÍDER FAZ? Antes mesmo que você comece a formar uma resposta na sua mente. Lembre-se da experiência de Moisés. Podemos afirmar que sentiu até medo. mas cumprir aquilo que Deus quer que ele faça e seja. despercebidamente. planeja as atividades necessárias. Hoje. No sistema do mundo. mas os seus próprios. exerce autoridade . A regra é: usar o poder. Medo que o levou depender do poder de Deus para ter sucesso na missão. Algumas Funções da Liderança:  Lançar e sustentar a visão . Jesus deixa claro que esta situação pode ser comum no mundo. vestindo roupas caras e impondo suas idéias...

43 “Aquele que é capaz de fazer infinitamente mais do que pedimos ou pensamos.” 2 Co 13..4 .11.” Lc 9.7 . 3.. Tem acesso a sabedoria Divina e a Sua Direção > Ec 3. Também pôs no coração do homem anseio pela eternidade. . mas pelo poder de Deus. 3...20 “E todos ficaram atônitos ante a grandeza de Deus. Da mesma forma. use tudo o que você possui para adquirir entendimento. mas vive pelo poder de Deus.” Ef. Se surpreenderá com os Resultados > Ef.Ele teve uma experiência poderosa com Deus que o forçou a liderar o povo no Êxodo. somos fracos nele. Lc 9. de acordo com o seu poder que atua em nós. na verdade.. mesmo assim ele não consegue compreender tudo o que Deus fez.” Ec 3.4 “Pois. Pv 4..20.7 “Ele fez tudo apropriado há seu tempo.” Pv 4.Ele nos mostra que para Liderar é necessário depender do PODER DE DEUS! O Líder de Juventude que Depende do Poder de Deus. viveremos com ele para servir vocês. Reconhecerá quem provê força para Continuar > 2 Co 13.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA  Saber para Onde Vai (Objetivos Claros)  Persuadir outros a acompanha-lo  Construir equipes  Liderar mudanças  Estabelecer os valores centrais  Alocar Recursos  Encontrar e liderar outros líderes (MOTIVADOR) O que precede a Liderança? Deve haver uma experiência poderosa que força essa pessoa a ser líder! Veja o caso de Moisés: ..43 . foi crucificado em fraqueza.11 “O conselho da sabedoria é: Procure obter sabedoria. ..

Os jovens-adolescentes precisam de líderes que ministrem a eles. e ambas influenciam os liderados. existem qualidades positivas e negativas. Uma fidelidade constante e a toda prova é algo que se faz desesperadamente necessário nas vidas dos líderes espirituais em todo mundo. Você só precisa encontrá-los: É importante que os líderes de juventude comecem o seu ministério de maneira correta. 1 . Um ministério com jovens sem uma liderança adequada pode nunca vir a ser sadio. Carecemos de homens e . Um líder em especial tem qualidades que podem ultrapassar à dos seus liderados e garantir-lhe essa posição. O maior segredo que um líder pode ter é uma vida espiritual tão extraordinária que cause vontade nos outros de imitá-lo.Qualquer um que queira liderar o povo de Deus ou as organizações que trabalham em prol do Reino de Deus. Qualidades Espirituais .Deus tem os líderes.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA 3 Princípios da Liderança Líderes podem construir ou destruir um ministério. encontrando bons líderes e aprendendo a se tornar líder de líderes. pastorear o coração da juventude e não simplesmente limitar o que deve e o não deve fazer como se o Cristianismo fosse um joguinho de regras. 2 . CARACTERISTICAS DA VIDA DO LÍDER Toda pessoa tem qualidades. não simplesmente acompanhantes que supervisionem o grupo: É necessário acompanhar. ouvir. mas sim a inabilidade do líder de saber administrar os seus pontos falhos. 3 .Você pode fazer a obra. mas o ministério com abundância de líderes de qualidade terá sempre o potencial de ser saudável. No entanto. só não pode fazer sozinho: Ministros de Juventude com poucos líderes em sua equipe encontram-se constantemente sobrecarregados e cansados demais para buscar novas ideias. Não são os liderados que tiram o líder de seu posto. precisa ter as qualidades espirituais como prioridade absoluta de sua vida.

16) “Santifiquem-se pois amanha o Senhor fará maravilhas” (Josué 3.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA mulheres em quem possamos confiar. “Sede santos por que Deus é Santo. Deus também quer líderes que tenham o desejo de ser limpos por causa D´ele e não por medo dos seus liderados. No entanto existem algumas qualidades pessoais com as quais cada líder deve preocupar-se. C. ou qualquer outra coisa que traz somente prazer momentâneo e depois destrói toda a carreira. Liderança sem moralidade é ilusão. os quais vos falaram a palavra de Deus.” (I Pedro 1. Até mesmo Davi caiu no adultério e provocou conseqüências desastrosas em sua vida.3). Deus precisa de líderes limpos. B. sexo. outros falam somente o necessário e assim por diante. UMA VIDA PARTICULAR DINÂMICA (FAMÍLIA) Passar tempo sozinho.“Lembrai-vos dos vossos guias. mas algo essencial para recuperar suas forças e energias (I Reis 17.5). Líderes de todas as épocas têm caído por dinheiro.: Corredor durante uma competição. Hebreus 13:7 . atentando para o êxito da sua carreira. Qualidades Pessoais . AS MARCAS DE UM LÍDER AMADURECIDO A. você não conseguirá ver direito os caminhos pelos quais deve conduzir o povo de Deus ou a Organização que você lidera. e que podem se constituir em verdadeiros segredos para o sucesso na liderança. com a família – NÃO É UMA OPÇÃO. . imitai-lhes a fé” (Hebreus 1`3:7). e. AUTOCONTROLE – Todas as áreas (dinheiro. que se tenham mostrado fiéis nas questões da vida e da crença cristã.Para ser líder no Reino de Deus é preciso que sua vida seja limpa. Por não conseguir derrubar os líderes de outra forma. etc). Qualidades Morais . Ex. que tenham uma visão clara e sem distúrbios. tempo [não se recupera]. Satanás tem usado este artifício em todos os tempos. RESISTÊNCIA – O líder deve ser flexível. mas também firme. Uns são extrovertidos até demais.Todo líder tem alguns traços que o caracterizam. Se na sua vida moral tiver sujeira. desanimo. Alguns são mais organizados que outros.

Efésios 5.17.: Neemias. ESPIRITO DE SERVO – Jesus é o maior modelo: “Eu vim não para ser servido. sede imitadores meus”. crescei na graça. FÉ – O líder crê em um Deus especial. PERCEPÇÃO – O verdadeiro líder é perceptivo. especialmente um seguidor de Cristo. alcançaram os objetivos. O servo não vira os exércitos de Deus. I. eles levantaram os muros. 2º erro – Guerra de Estrelas: o que não falta nesse time são estrelas.15-17 vemos que o servo de Eliseu. MODELO – Exemplo consistente. Ocorre quando alguém se acha a estrela do time.. Em 2 Reis 6. J. A Bíblia tem diversos exemplos de modelos.” Isso significa continuar crescendo – fazer do crescimento um hábito. espelho meu..21: Estar sujeitos uns aos outros. mas toma conhecimento do que está acontecendo aqui e agora. Você não será um bom líder a menos que seja um bom seguidor. Paulo diz: “Irmãos. CONFIANÇA – Confiança em Cristo. F. FIRMEZA – Não contra as idéias. Nosso problema é que geralmente enxergamos tantas dificuldades. . A pergunta é: Você está seguindo a Cristo? E.13 diz: “Posso todas.. Filipenses 4.. que deixamos de avistar os exércitos de Deus. Abraão x Isaque. Nosso maior é JESUS. Em Filipenses 3. A fé sempre envolve riscos. Mesmo em meio aos problemas. mas para servir”. existe alguém mais genial do que eu?”. A submissão é o estilo de vida do cristão. H.18: “Antes. Pedro diz em 2 Pedro 3. ENSINÁVEL – A capacidade de aprender é a capacidade de crescimento do indivíduo..RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA D. mas contra a oposição. O inimigo tentou impedir a reconstrução dos muros de Jerusalém. TEXTO COMPLEMENTAR: Os 7 maiores erros MAIS cometidos por líderes 1º erro – “Espelho. G. Ex. Olha para frente.” para fazer tudo o que Deus quer que eu faça. Ex. Lembre-se a pessoas seguirão você..

“não é comigo”: Vale para líderes de equipe que não assumem responsabilidades. versão reduzida: em vez do famoso “um por todos. esse é o líder que se protegeu tanto a ponto de se tornar inatingível. 7° erro – Missão Impossível: É típico das equipes que não acreditam que podem atingir os objetivos. nós líderes de ministério. pensamos em montar atividades que sejam cada vez mais “loucas”. 6º erro – Os contrários a Noé. O que é mais importante no seu ministério: os programas ou a oração? Ou seja. eles usavam armadura por razões de segurança. Ele perdeu completamente a credibilidade. a intimidade com Deus ou as idéias de ativismos exacerbados? Infelizmente. Existe uma relação direta entre a vitalidade espiritual do líder e um ministério com adolescentes sadio. O mais importante não é como fazer a obra de Deus. nesse grupo só acontece o todos por um. quase sempre. Planejando e Estruturando – Seus primeiros passos em Direção ao Ministério (Missão e Visão. Numa equipe. Planejamento Estratégico) Abaixo seguem alguns princípios básicos para a implementação / implantação de um ministério com adolescentes na igreja local.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA 3º erro – Os Três Mosqueteiros. Geralmente. 5º erro – Os Cavaleiros da Idade Média: no passado. O líder só está interessado nos próprios objetivos. todos por um”. 4º erro – Síndrome do Pinóquio: ninguém mais acredita no que o líder fala. mas como ser uma pessoa de Deus. Dependência de Deus: A boa saúde de um ministério com adolescentes começa quando levamos a sério a total Dependência de Deus em nossa própria vida espiritual. buscamos e rebuscamos idéias criativas e programas elaborados para tornar . em busca de se ter uma “clientela” fiel.

mas de líderes espirituais. o que temos de fazer? – (Missão) O que é Visão? A Visão refere-se a objetivos mais gerais e de mais longo prazo. ou deveria ser o nosso público alvo? Quais são os valores centrais do nosso ministério? O que atualmente está dirigindo o nosso ministério? O que deveria dirigir a existência do nosso ministério? Como Ministério. ou recomeçando. Apesar da Missão ser específica para cada ministério e ou organização. maridos. Pense! Você já reparou que administra uma geração? Esta “galerinha” que está com você hoje.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA deslumbrante o nosso ministério. As visões com mais efeito são aquelas que criam inspiração. daqui alguns anos não estará mais. Serão. A visão descreve as aspirações para o futuro sem especificar os meios para alcançá-las. Seu primeiro passo em direção ao ministério é descobrir e construir sua Missão e Visão. Começando do zero. O tempo é hoje! Esta é à hora para se tentar fazer algo diferente em prol de uma vida de maior qualidade espiritual para eles (os adolescentes). os novos médicos. comece com as perguntas certas. esposas etc. engenheiros. professores. Trocando em miúdos: O que somos? – (Missão) O que queremos ser? – (Visão) . Esquecemos que um ministério sadio não é feito de idéias. num amanhã bem próximo. Então se as visões são para inspirar. a definição poderá ser feito a partir das seguintes perguntas:       Qual a razão da nossa existência? Qual é o nosso propósito? Quem é. O que é Missão? A Missão reflete o que o líder pensa sobre as direções que o ministério deve seguir. elas tem que ser comunicadas possivelmente para muitas pessoas.

aprendendo e ensinando em busca da semelhança com Cristo. treinando e edificando. incentivando. Convenção Batista Mineira . A visão: Que os jovens e adolescentes batistas brasileiros cumpram seus propósitos como indivíduos. A visão: Queremos ver os jovens e adolescentes batistas mineiros cumprindo seus propósitos como indivíduos. agradando a Deus com suas vidas. tendo comunhão com seus irmãos e cumprindo a missão de evangelizar. comprometidos com o ministério com jovens e adolescentes. tendo comunhão com seus irmãos. Formar líderes para os ministérios com jovens e adolescentes. Juventude Batista Mineira A missão: Atuar no Corpo de Cristo. apresentando-lhes a Jesus Cristo. agradando a Deus com suas vidas. semeando valores eternos e discipulando-os a tornarem-se firmes e constantes no Senhor. assessorando. treinando. assessorando. Junta de Mocidade do Brasil ou Juventude Batista Brasileira A Missão: Atuar no corpo de Cristo. semeando e resgatando valores e discipulando-os a tornarem-se firmes e constantes no Senhor. Missão e Visão da CBM. para que eles alcancem a sua própria „turma‟. proclamando e edificando. Missão e Visão da JUMOC.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA Exemplos de Missão e Visão de Organizações Batistas: Missão e Visão da JUBAM. liderando. atuando na igreja local com seu ministério e cumprindo a missão de evangelizar o estado.

promover. educacional e social. mais específico.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA MISSÃO Mobilizar as igreja filiadas. VISÃO Fortalecer as igrejas para cumprirem a sua missão. Por exemplo: você conhece a realidade dos adolescentes/jovens de sua igreja? E a realidade dos adolescentes/jovens do seu bairro? E a realidade dos adolescentes/jovens da sua cidade? Quem é o seu alvo? Você precisa conhecer o seu público. . Primeiramente você precisa saber o que pretende alcançar. Não pode em hipótese alguma utilizar outro tipo de isca e anzol. executar e manter programas cooperativos. Dessa maneira você poderá compreender e envolver melhor o seu grupo. Planejar. Você precisa identificar claramente quem você deseja alcançar. estratégias e ações a serem tomadas e criadas a fim de cumprir a Missão e Visão elaboradas para ele. coordenar. Identificando o público alvo para o seu ministério será mais fácil definir metas. no desenvolvimento das atividades missionária. Afinal de contas. Você deve procurar conhecer o seu público através de pesquisas que o levem a traçar o perfil com o qual irá trabalhar. Se vai pescar traíra. Quais são os jovens que freqüentam sua igreja? Quem é batizado? Quem não é? Quem é comprometido? Quem não é? Como são os jovens da sua comunidade? Quem queremos alcançar? Isso é extremamente importante. a quem sua igreja dá mais valor? Tendo um público alvo o seu caminho de ações estará mais claro. Próximo Passo > Definindo seu Público Alvo É identificar as diferenças de compromisso espiritual de seus adolescentes para que seus programas sejam mais eficazes. e indicará qual importância você dá às pessoas. deverá utilizar isca e anzol para pegar traíra. Um ministério não existe em função da estrutura e sim em função das pessoas. por meio das associações e instituições denominacionais. Capacitar a liderança das igrejas filiadas para a expansão do evangelho em Minas Gerais.

(anônimo) Depois de elaborar a Missão e a Visão do seu ministério. Um detalhamento do que se deve fazer. traçar seus valores. Tratando-se de Administração e Marketing uma das principais etapas é o Plano de Ação. O que fazer para cumprir nossa Visão e Missão? Quais os programas deveremos fazer para alcança-las? É necessário pensar em algumas estratégias de ação para se alcançar as metas estabelecidas. Com o Planejamento de um ministério não deve ser diferente. chegou o momento crucial. conhecer o seu público. * Para ter um instrumento de controle. Quanto? Quanto se investirá em recursos financeiros e outros? . quando e como essas atividades serão desenvolvidas. O Plano de Ação é praticamente a síntese das atividades pretendidas.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA O Plano de Ação. Corresponde às atividades de um ministério. Por que Planejar? * Para fazer as coisas acontecerem. as que observam as coisas acontecerem e as que se espantam com o que aconteceu”. E agora? O que fazer? “Há três tipos de organizações: as que fazem as coisas acontecerem. O Plano de Ação pode ser elaborado a partir de respostas às seguintes questões: O quê? Qual ação deve ser desenvolvida? Trocando em Miúdos: Quem? Quem será o responsável pela sua realização? A Missão e a Visão revelam o porquê de seu ministério. Onde? Onde a ação será desenvolvida? atingir. * Para ter bases mais seguras para tomada de decisões. O Público Alvo define quem você planeja       Por quê? Por que foi definido esta ação (resultado esperado)? Como? Como a ação vai ser implementada (passos da ação)? Quando? Quando será realizada? O Plano de Ação esboça como você pretende atingir seu alvo.

Os valores mostram o que é importante para seu ministério A Dependência de Deus determina quando o crescimento vai acontecer Revisando o Processo de Planejamento 1. 6. Valores são os filtros que guiam o processo de tomada de decisões. Eles respondem a pergunta: Qual é a nossa maneira de fazer as coisas? 7. Ela responde a pergunta: O que estamos fazendo? 3.Identificar os Valores.Descrever a Missão.Estabelecer as Estratégias. 4. A visão é um quadro convincente do futuro que vai atrair pessoas para uma causa em comum. A Missão é uma afirmação clara que define o propósito do nosso Ministério. . Ela responde a pergunta: Para onde estamos indo? 5.Clarificar a Visão.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA O Planejamento revela para onde você quer que a juventude siga visando o crescimento espiritual. O que é importante na realização do Ministério. Que se identifique com a missão e cause identificação com a juventude. Estabelecer que Deus e a Sua palavra serão o centro do ministério e que todas as outras coisas serão construídas a partir deste fundamento.Diagnóstico Conhecendo a necessidade do seu público alvo e da sua comunidade. Elas respondem a pergunta: Quais são os passos a serem dados no processo? 8. Estratégias identificam as pessoas que precisam ser tomadas para alcançar a missão.Estabelecer o Fundamento.Escolher o Nome.

Um ambiente que leva o jovem a desenvolver seus dons e o desafia a cumprir sua missão.. louvor e adoração. Sugestão: Vivendo Plenamente em Pequenos Grupos.Fazer os ajustes e mudanças conforme for necessário e alinhar-se aos alvos estratégicos da Igreja. voluntários. Quebra-gelo. Dentre tais programas ou estratégias destaca-se o Pequeno Grupo. compartilhamento e confraternização.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA 9. Encontro semanal com o objetivo de promover crescimento e comunhão. 13.. líderes. 11.Colocar o Plano em Prática 12. anseios e preocupações. Ouvir adolescentes.. É importante lembrar-se que os programas são ferramentas para alcançarmos nossos objetivos. .Estabelecer um Plano de Ação. Um ambiente seguro onde os jovens possam celebrar suas vitórias. compartilhar suas lutas e angustias. Os encontros envolverão os seguintes momentos: Oração. Doug Fields. pelas razões. Avaliar continuamente. Responda a pergunta: O que? Porque? Por quem? Para quem? Como? Onde? Quando? Quanto?.. baseado no Livro.jovens. pais.Avaliar Continuamente. sentimentos. Entrevistar voluntários. Depois de pesquisar e de procurar em várias igrejas encontramos um modelo bastante prático que segue como sugestão. Pessoas certas. portanto se um programa não está dando certo deve-se reavaliar e mudar a estratégia para alcançar o objetivo proposto. nos lugares certos. feridas. etc. “Um Ministério com Propósitos para Líderes de Juventude” do pr. 10.Desafiar os Voluntários Este é um desafio contínuo. Estudo Bíblico..

3 – ELÉ É INCLUSIVO – Um grupo pequeno pode mostrar uma abertura cativante a todos os tipos de pessoas. numa loja ou em qualquer outro lugar.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA As Vantagens de um Pequeno Grupo: As Vantagens de um Pequeno Grupo: 1 – ELE É FLEXIVEL – Como grupo é pequeno. É livre para ser flexível quanto ao ritmo. tempo. 7 – REQUER UM MINIMO DE LIDERANÇA PROFISSIONAL – É necessária uma liderança competente nestes grupos. 2 – ELE É MÓVEL – Um grupo pequeno pode se encontrar numa casa. 6 – PODE TORNAR-SE UM MEIO EFICIENTE DE EVANGELISMO – O grupo pequeno é melhor ambiente em que pecadores podem ouvir a voz convincente e vitoriosa do Espírito Santo de nascer espiritualmente por meio da fé. . O grupo vai descobrir que a fé é contagiante quando a comunhão é genuína. mas a experiência tem comprovado que tais lideres podem ser desenvolvidos na própria igreja por um ou dois grupos iniciais chaves. mas pode facilmente reproduzir-se. temos referências sobre este assunto tanto no VT quanto no NT. oito ou mais. Paes) A estratégia de pequenos grupos de comunhão e discipulado nos lares é muito antiga. ele pode facilmente mudar seus procedimentos ou funções para ir ao encontro de situações de mudanças ou ainda atingir objetivos diferentes. dependendo da vitalidade de cada grupo. 4 – ELE É PESSOAL – A comunicação cristã sofre pela impessoalidade. num escritório. Texto Complementar Com Pequenos Grupos É Melhor (Pr Carlito M. Num grupo pequeno uma pessoa se encontra com a outra. freqüência e duração das reuniões. por ser uma estratégia bíblica. a comunicação se dá a nível pessoal. Ele pode multiplicar-se como célula viva em duas. e embora seja antiga será sempre atual e relevante para a igreja de Jesus em qualquer lugar do mundo. quatro. 5 – PODE CRESCER AO SE DIVIDIR – Um grupo pequeno só é eficiente enquanto for pequeno.

facilitando assim o trabalho. mas se fortaleceu através dos grupos pequenos nos lares.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA Moisés. Ele também dividiu o povo em grupos pequenos sentados sobre a grama. Preparam informalmente novos líderes. em meio às perseguições do Império Romano. Aproximam as pessoas umas das outras. Como começar um Pequeno Grupo? Inicie com um grupo chave. (Mc. líderes em potencial. Dizem as escrituras em Atos. São ágeis instrumentos de mobilização do rebanho. Quando . Ele passou a maior parte do seu ministério discipulando doze homens. Em um dos milagres de Jesus. São mais acessíveis aos não crentes (sem igreja).. Viabilizam a concretização do amor fraternal. o da multiplicação dos pães e dos peixes. Financeiramente tem custo zero para igreja. aconselhado por seu sogro Jetro. a igreja cristã ficou prejudicada em suas reuniões públicas. Jesus foi um líder de pequeno grupo. Facilitam o processo ensino-aprendizagem.. E sem dúvida que. para que julgasse o povo em todo tempo (Ex. que possam liderar outros Pequenos Grupos. Os Grupos Pequenos. de cem. Vejamos alguns benefícios diretos na vida da igreja trazidos pela implantação dos pequenos grupos. Nesse grupo é fundamental você identificar entre 5 e 10 pessoas. 18:1-27). São mais aconchegantes aos novos na fé. Estendem os limites do cuidado do rebanho. embora se dirigisse freqüentemente a grandes multidões. que eles se reuniam no templo e nas casas. dividiu o povo em pequenos grupos. Ampliam as possibilidades de engajamento dos membros no ministério cristão. Integram os novos decididos com maior eficácia. de cinqüenta e de dez. 6:39-40) A Igreja primitiva também estava estruturada nessa visão. estabelecendo chefes de mil.

18 ed. ensinando-os a obedecer tudo o que eu lhes ordenei.”) – Adoração como Estilo de Vida (Intimidade com Deus) O Propósito da Comunhão (“Batizando-os.” (Mateus 22:37-40) A Grande Comissão: “Portanto. A. Dicionário Bíblico Universal. O Segundo. batizando-os em nome do Pai e do Filho e Espírito Santo. semelhante a este. São Paulo: Editora Vida. O Propósito do Serviço (“Amarás o teu próximo como a Ti mesmo. vão e façam discípulos de todas as nações. Destes dois mandamentos depende toda a lei e os profetas. de toda a sua alma e todo o seu entendimento. Bibliografia: BUCKLAND.”) – Comunhão é ter uma vida em comum.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA este grupo inicial crescer e estiver pronto a se multiplicar em outros pequenos grupos você terá entre 5 e 10 lideres que poderão liderar esses Grupos.”) – Criando um lugar efetivo para se ganhar vidas para Jesus e entrar em contato com pessoas interessadas. vão e façam discípulos. E eu estarei sempre com vocês. O Grande Mandamento: “Amarás o Senhor o teu Deus de todo o seu coração. Os Cinco Propósitos Bíblicos no ministério da Juventude A partir da Grande Comissão e do Grande Mandamento podemos concluir que uma igreja deve estar fundamentada em cinco propósitos bíblicos. Traduzido por Joaquim dos Santos Figueiredo.R. 2003 . Onde os Pequenos Grupos ajudarão no relacionamento e conexão com o novo convertido e com os membros. é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.” (Mateus 28:19-20) O Propósito da Evangelização (“Portanto. O Propósito do Discipulado (“Ensinando-os a Guardar”) – Onde tanto novos convertidos quanto os membros antigos poderão crescer na fé através do ensino. O Propósito da Adoração (“Amarás o Senhor teu Deus te todo o seu coração.”) – Dentro de um ambiente que estimule o desempenho do ministério de cada cristão na vida da Igreja. até o fim dos tempos.

7 ed. Bacharel em Teologia. São Paulo: Editora Vida. Traduzido por Jorge Camargo e Fátima Camargo.RESGATANDO SEU MINISTÉRIO – COMO COMEÇAR OU RECOMEÇAR DO ZERO SEU O MINISTÉRIO COM JUVENTUDE NA SUA IGREJA FIELDS. Bacharelando em Educação/Pedagogia e Pastor da Congregação Batista em Silva Jardim/RJ. . 2006 Apostila sobre Liderança da JUMOC por Daniel Ventura Braga .Pós-Graduando em Análise de Sistemas. Ministério com Propósitos para líderes de jovens. Doug.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful