Você está na página 1de 13

A linguagem: semântica e sintaxe

m m  



 m
A SINTAXE E A SEMÂNTICA
¬ Na linguagem verbal, as regras a que nos referimos são
de duas naturezas: regras de sintaxe e de semântica.

¬ Quando desejamos aprender uma língua, necessitamos


antes de mais de um dicionário, pois este dá-nos o
significado das palavras; permite que interpretemos
corretamente os signos. No dicionário encontramos o
conteúdo semântico da língua, na medida em que a
semântica estuda o significado das palavras e das
frases.
¬ orém, ainda que nos fosse possível conhecer
todas as palavras contidas no dicionário, ainda
assim não estaríamos aptos a dominar a
língua. Isto porque nos faltaria conhecer a
forma adequada de articular os diferentes
signos, de forma a dar um conteúdo lógico ao
que dizemos ou escrevemos. O uso da Língua
não se faz através de palavras soltas. Temos a
necessidade de organizá-las em frases.
¬ Neste plano precisamos de recorrer a uma
gramática. É com a gramática que aprendemos
como concatenar correta e adequadamente as
palavras. É a gramática que nos ensina a sintaxe
da língua, pois é a ciência que estuda as relações
e funções das palavras nas frases.

¬ Em conclusão, podemos afirmar que quanto maior


for o domínio que tenhamos quer da semântica,
quer da sintaxe da língua, mais adequadamente
poderemos comunicar-nos através dessa língua.
 

¬ Exemplo do texto Maria toma banho.


¬ Exemplo sintaxe e semântica
¬ Homófonas heterográficas (ou homófonas) - são
as palavras iguais na pronúncia e diferentes na
escrita.
¬ Ex.: cela (substantivo) - sela (verbo)
¬ Cessão (substantivo) ² sessão (substantivo)
¬ Cerrar (verbo fechar) - serrar (verbo cortar com
serra ou serrote)
 

¬ Homófonas homográficas (ou homônimos
perfeitos) - são as palavras iguais na pronúncia
e na escrita.
¬ Ex.: cura (verbo) - cura (substantivo)

¬ Verão (verbo) - verão (substantivo)

¬ Cedo (verbo) - cedo (advérbio)


Elementos básicos da semântica e suas relações de sentido na
frase.

 m
POLISSEMIA E SENTIDOS DIVERSOS...

É a propriedade que uma mesma palavra tem de apresentar vários


significados.
Ex.: Ele ocupa um alto posto na empresa.
Abasteci meu carro no posto da esquina.
SINONÍMIA

É A DIVISÃO NA SEMÂNTICA QUE ESTUDA AS PALAVRAS SINÔNIMAS, OU


AQUELAS QUE POSSUEM SIGNIFICADO OU SENTIDO SEMELHANTE.
ANTONÍMIA:

SENTIDOS INCOMPATÍVEIS COM A MESMA


SITUAÇÃO.
AMBIGUIDADE
A ambigüidade surge quando algo que está sendo dito admite mais de
um sentido, comprometendo a compreensão do conteúdo.
HIPONÍMIA
[elação semântica de inclusão no
sentido parte/todo. No exemplo, Todo
carro é uma viatura, mas nem toda
viatura é um carro.