Você está na página 1de 2

ESCOLA SECUNDÁRIA FILIPA DE VILHENA 2006/2007

MATRIZ DO EXAME DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA

TÉCNICAS DE EXPRESSÃO E COMUNICAÇÃO – 12º Ano - CÓDIGO 252

Parte II - Prática

Duração da Prova: 90 minutos

OBJECTIVOS CONTEÚDOS
C

Explorar potencialidades sonoras do Noção de fonte sonora convencional e não convencional Cap
corpo e da voz, enquanto elementos dist
expressivos e estruturantes na Noção de mistura tímbrica con
relação indivíduo/grupo con
Expressão e intencionalidade emocional das misturas tímbricas.
Estruturar técnicas rudimentares na Cria
produção de sons Exploração sonora livre dos materiais de desperdício exp
mis
Reconhecer potencial sonoro em par
Criação de ambientes sonoros a partir de um ambiente dado reci
materiais de desperdício
Construção de objectos sonoros rudimentares Cria
Fazer combinações, misturas e fusões
tímbricas com matéria-prima em utliz
bruto Potencialidade de utilização de resíduos sólidos na reutilização reci
e reciclagem
Construir instrumentos rudimentares Cap
de vários tamanhos a partir de Construção e exploração livre de fantoches con
materiais recicláveis inst
par
Experimentar técnicas básicas de reci
transformação
Cap
con

Cap
exp
um
ESCOLA SECUNDÁRIA FILIPA DE VILHENA 2006/2007

MATRIZ DO EXAME DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA

TÉCNICAS DE EXPRESSÃO E COMUNICAÇÃO – 12º Ano - CÓDIGO 252

Parte II - Prática

Duração da Prova: 90 minutos

Material imprescindível
Colas, fitas colantes, fios, lãs, tecidos, serapilheiras, plásticos;

Esponja, redes;

Material de desperdício para reciclar ( jornais, revistas );

Canetas e lápis de cor;

Papéis e cartolinas;

Garrafas e/ou frascos de plástico e/ou vidro de diferentes tamanhos;

Pequenas porções de: massas; arroz e feijões.

Nota: Poderão ser trazidos outros materiais equivalentes que serão utilizados mediante
autorização do júri