Você está na página 1de 10

BIBLIOTECA MUNICIPAL LÍDIA JORGE DE ALBUFEIRA

ka s B o l et i m
AlbuTe
Ano II — N.º 8
MAIO / JUNHO DE 2011

Nesta edição:
Datas em Destaque 2
Espaço Autores - Alice Vieira 3
Vamos Descobrir… Dia Mundial da Criança 4
Vamos Descobrir… Direitos das Crianças 5
Sabias que… Curiosidades sobre Animais 6
Espaço Profissões / Desafio Boletim 7
Férias da Páscoa na Biblioteca 8
Férias da Páscoa na Biblioteca 9
Sugestões do AlbuTekas 10

Pontos de interesse especiais:

Vamos conhecer a autora


de livros infantis Alice Vieira
Vamos descobrir mais acer-
ca do Dia Mundial da Crian-
ça e acerca dos Direitos
Editorial Universais das Crianças
Vamos saber curiosidades
O AlbuTekas de Maio/Junho destaca o Dia Mundial da Criança e engraçadas acerca dos Ani-
ainda dá-te a conhecer os princípios da Declaração Universal dos mais
Direitos da Criança.
Vamos apresentar a autora portuguesa de literatura infanto-
juvenil, Alice Vieira.
Mostrar como foram as férias de Páscoa na Biblioteca. Entre mui-
tas outras curiosidades!
Boa Leitura amigos e amigas.
PÁGINA 2 ALBUTEKAS BOLETIM

DATAS EM DESTAQUE

15 MAIO 5 JUNHO
DIA INTERNACIONAL DA FAMILIA DIA MUNDIAL DO AMBIENTE
A Assembleia Geral da ONU proclamou, pela Criado em 5 de Junho de 1972, pela Assembleia
Resolução n.º 47/237 de 20 de Setembro de Geral da ONU, foi o marco da abertura de
1993, o dia 15 de Maio como DIA INTERNACIO- uma Conferência sobre Meio Ambiente, ocorri-
NAL DA FAMÍLIA, com o objectivo de chamar a
da naquele ano em Estocolmo – Suécia. Foi o
atenção do mundo, governos, responsáveis por
políticas locais e famílias, para a importância da primeiro passo para que a ONU e governos de
FAMÍLIA como núcleo vital da sociedade e para diversos países evidenciassem a necessidade de
os seus direitos e responsabilidades. Este dia se dar mais atenção ao meio ambiente e aos
serve também para reflectir sobre os problemas resultados que a poluição provoca na natureza.
económicos, sociais e culturais que afectam as Desde então anualmente o Dia Mundial do
famílias, sem esquecer o problema do decrésci- Meio Ambiente é lembrado em todo o mundo
mo demográfico que está a afectar as socieda-
através de diversas iniciativas que lembram a
des ocidentais.
O primeiro Dia Internacional da Família foi importância de preservar o meio ambiente.
comemorado em 1994.
FONTE: http://www.portalis.co.pt/
FONTE: http://www.apfn.com.pt

22 MAIO

DIA DO AUTOR PORTUGUÊS

O Dia do Autor Português é comemorado anual-


mente a 22 de Maio com diversas manifesta-
ções culturais promovidas pela SPA – Sociedade
Portuguesa de Autores, cooperativa que gere os
direitos dos autores portugueses de todas as
disciplinas literárias e artísticas. O dia foi criado
em 1982 por iniciativa do maestro Nóbrega e
Sousa, membro da direcção da SPA.
Com este dia pretende-se prestar homenagem
aos autores que têm contribuído para o enri-
quecimento da cultura portuguesa com as suas
criações nas mais variadas áreas e distinguir
aqueles que se destacaram na defesa e promo-
ção dos direitos de autor.

FONTE: http://www.spautores.pt/
ANO II — N.º 8 PÁGINA 3

BREVE BIOGRAFIA
Alice Vieira nasceu em 1943 em Lisboa, é escritora e jornalista.
É licenciada em Estudos Germânicos pela Faculdade de Letras da Universidade de
Lisboa.

Desde cedo, Alice Vieira dedicou-se ao jornalismo, tendo trabalhado nos jornais
"Diário de Lisboa" (onde, juntamente com o jornalista Mário Castrim, dirigiu o
suplemento "Juvenil"), Diário Popular", "Diário de Notícias". Actualmente traba-
lha para o "Jornal de Notícias" e para as revistas "Activa" e "Audácia".

Também trabalhou em vários programas de televisão para crianças.

Alice Vieira publica regularmente livros, desde 1979. Actualmente tem editados
pela Editora Caminho, cerca de três dezenas de títulos.

Recentemente foi indicada pela Secção Portuguesa do IBBY (International Board


on Books for Young People) como candidata portuguesa ao Prémio Hans Christian
Andersen. Trata-se do mais importante prémio internacional no campo da litera-
tura para crianças e jovens, atribuído a um autor vivo pelo conjunto da sua obra.

Alice Vieira é hoje considerada uma das mais importantes autoras portuguesas de
literatura infanto-juvenil, tendo ganho grande projecção nacional e internacional.
Várias das suas obras foram editadas no estrangeiro. As suas obras já foram tra-
duzidas em alemão, búlgaro, basco, castelhano, galego, francês, húngaro, holan-
dês, russo e servo-croata.
FONTE: http://pt.wikipedia.org/wiki/Alice_Vieira

h is tó r ia s d e A li c e Vieira na
Descobre mais
M u n ic ip a l L íd ia J orge...
Biblioteca
PÁGINA 4 ALBUTEKAS BOLETIM

DIA MUNDIAL DA CRIANÇA


1 DE JUNHO
Vamos
Descobrir...

QUANDO SURGIU E PORQUÊ


O dia da criança foi comemorado, pela primeira vez, no mundo inteiro a 1 de Junho de 1950.
Após a 2ª Guerra Mundial, em 1945, os países da Europa e Oriente, entraram em crise. As popula-
ções destes países viviam muito mal, em especial as crianças. Os adultos estavam preocupados
em voltar à sua vida quotidiana normal, deixando a educação para último plano.

Foi quando em 1946, a ONU — Organização das Nações Unidas, começou a tentar mudar esta
situação, deu-se então o surgimento da UNICEF que é conhecida mundialmente pelo que faz pelas
crianças em todo o mundo!

Apesar de todos os esforços na altura, ainda era difícil fazer com que o mundo olhasse para os
direitos das crianças, então em 1950 a Federação Democrática Internacional das Mulheres, pro-
pôs à ONU que fosse criado um dia dedicado às crianças em todo o mundo. Este dia foi comemo-
rado pela primeira vez em 1 de Junho de 1950.

A ONU reconheceu desde então que qualquer criança, independentemente da raça, cor, sexo,
tem o direito a: amor e compreensão; alimentação; cuidados médicos; educação; protecção con-
tra todas as formas de exploração; crescer num clima de Paz.

Em 20 de Novembro de 1959, foram passados estes direitos para o papel e então foi legalmente
aprovada a "Declaração Universal dos Direitos da Criança", foi um reconhecimento muito impor-
tante; embora nem sempre sejam cumpridos.
Esta Declaração contém uma lista de 10 princípios. (apresentados na página seguinte)

Em 1989, a ONU aprovou a "Convenção sobre os Direitos da Criança", que é um documento com
um conjunto de leis para protecção das crianças; e em 1990 tornou-se lei internacional.

Fonte: www.sobre.com.pt
ANO II — N.º 8 PÁGINA 5

Vamos
Descobrir...
DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS
DIREITOS DA CRIANÇA
QUANDO SURGIU E PORQUÊ
A Declaração Universal dos Direitos da Criança foi aprovada por unanimidade em 20 de Novembro de
1959, pela Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas - ONU. É integralmente fiscalizada pela
UNICEF. Organismo unicelular da ONU, criada com o fim de integrar as crianças na sociedade e zelar
pelo seu convívio e interacção social, cultural e até financeiro conforme o caso, dando-lhes condições de
sobrevivência até a sua adolescência.

OS 10 DIREITOS PRESENTES NA DECLARAÇÃO SÃO:

Princípio I - Direito à igualdade, sem distinção de raça, religião ou nacionalidade.

Princípio II - Direito a especial protecção para o seu desenvolvimento físico, mental e social.

Princípio III - Direito a um nome e a uma nacionalidade.

Princípio IV - Direito à alimentação, moradia e assistência médica ade-


quadas para a criança e a mãe.

Princípio V - Direito à educação e a cuidados especiais para a criança


física ou mentalmente deficiente.

Princípio VI - Direito ao amor e à compreensão por parte dos pais e da


sociedade.

Princípio VII - Direito à educação gratuita e ao lazer infantil.

Princípio VIII - Direito a ser socorrido em primeiro lugar, em caso de catástrofes.

Princípio IX - Direito a ser protegido contra o abandono e a exploração no trabalho.

Princípio X - Direito a crescer dentro de um espírito de solidariedade, compreensão, amizade e justiça


entre os povos.

FONTE: http://pt.wikipedia.org/
PÁGINA 6 ALBUTEKAS BOLETIM

Tema: ANIMAIS

 A maioria dos animais e plantas adaptam-se ao meio que os rodeia. Os castores fazem exac-
tamente o contrário, eles alteram o ambiente de acordo com as suas necessidades, construindo
lagos e barragens para proteger as suas tocas que têm entradas subaquáticas.

Os mosquitos causaram mais mortes do que todas as guerras juntas.

A maioria dos pássaros constrói ninhos novos todos os anos. A águia careca acasala para a
vida toda e constrói apenas um ninho, o qual vai ampliando todos os anos. Alguns ninhos pesam
quase uma tonelada.

O peso de um elefante recém-nascido é de 100 quilos.

O olho de uma avestruz é maior do que o seu cérebro.

O material mais resistente criado pela natureza é a teia de aranha.

 Milhões de árvores no mundo são plantadas acidentalmente por esquilos que enterram
nozes e não lembram onde as esconderam.

 Os espinhos dos porcos-espinhos estão cobertos por antibióticos. Isto ajuda-os porque é
comum eles picarem-se nos seus próprios espinhos.

FONTE: http://www.sitedecuriosidades.com/ver/58_curiosidades_do_mundo_animal.html
ANO II — N.º 8 PÁGINA 7

PROFISSÕES
Breve apresentação do perfil de diver-
sas profissões. Informações úteis para
o teu futuro profissional...

Controlador de Tráfego Aéreo


Funções: A partir de um plano de voo pré-estabelecido e já com conhecimentos acerca do avião,
e recorrendo às comunicações com os pilotos, o controlador de tráfego aéreo mantém uma vigi-
lância permanente de cada aeronave.
Ordena o fluxo de tráfego aéreo, separando os aviões, de forma a evitar possíveis colisões.
Controla os aviões, no espaço aéreo e no solo, utilizando radiocomunicações e radares.

Onde exercer: Nas Torres de Controle dos aeroportos

Mercado de Trabalho: Em Portugal os controladores aéreos só trabalham na Navegação Aérea


de Portugal, que é a entidade que ensina os cursos ligados a esta área. Há uma grande necessida-
de deste tipo de profissionais, mas não há muitas pessoas especializadas nesta área, pois a
Navegação Aérea de Portugal é a única entidade que ensina e emprega os controladores de trá-
fego aéreo.
FONTE: http://cdp.portodigital.pt/profissoes/profissoes-com-futuro

Desafio

Imagem para o Boletim


O AlbuTekas, o Boletim da Biblioteca Municipal Lídia Jorge continua à espera de mais ideias para
encontrar uma imagem / logótipo que represente o Boletim. Por exemplo, faz um desenho ligado aos
livros ou sobre algo relacionado com o espaço da Biblioteca.
Envia as tuas ideias para: dramos.1793@cm-albufeira.pt. PARTICIPA!
PÁGINA 8 ALBUTEKAS BOLETIM
ANO II — N.º 8 PÁGINA 9
Sugestões do AlbuTekas
OCUPA AS TUAS FÉRIAS DE VERÃO DE FORMA DIVERTIDA E VEM
PARTICIPAR NAS ACTIVIDADES QUE SE REALIZAM NA BIBLIOTECA NO
SECTOR INFANTO-JUVENIL.

FICA ATENTO! INSCRIÇÕES ABERTAS A PARTIR DE 15 DE JUNHO NA


BIBLIOTECA...

Blo gue s d as Bib lio te cas


d as
Escolas de A lbu fei ra
BLOG DA BIBLIOTECA DA E. B. 1º CICLO DOS CALIÇOS
http://biblioteca-calicos.blogspot.com/
BLOG DA BIBLIOTECA DA E. B. 1º CICLO DOS OLHOS DE ÁGUA
http://eb1olhosdagua.blogspot.com/
BLOG DA BIBLIOTECA DA E.B. 1º CICLO Nº 1 - AVENIDA DO TÉNIS
http://bibliotecatenis.blogspot.com/

Edição
BIBLIOTECA MUNICIPAL LÍDIA JORGE DE ALBUFEIRA

Endereço:
Visita o nosso site na Internet
Quinta da Correeira
8200 Albufeira www.cm-albufeira.pt

Contactos:
289 598 714
289 598 700
E-mails: dramos.1793@cm-albufeira.pt
biblioteca@cm-albufeira.pt