P. 1
O Absolutismo Inglês

O Absolutismo Inglês

4.64

|Views: 28.577|Likes:
Publicado porsetentaesete

More info:

Published by: setentaesete on Sep 06, 2008
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/08/2013

pdf

text

original

História Geral - Ricardo Resumo O Absolutismo Inglês

e burguesia escolhidos por voto. O território inglês, antes de ser unificado, era controlado por romanos que o chamavam de Bretanha. Após a queda do Império Romano do Ocidente, o local foi invadido por bárbaros Anglo-Saxões que se deslocavam do interior da Europa. Apenas em 1066, na Batalha de Hastings vencida por Guilherme, o Conquistador da Normandia, que o terrtório foi propriamente unificado. Iniciou-se assim a monarquia inglesa com a dinastia Plantageneta de nobres franceses. Henrique II que fovernou de 11541189, iniciou a centralização do território. Seu sucessor, Ricardo Coração de Leão, governou por uma década e não desfrutou de grande popularidade, pois aumentou impostos para bancar e liderar a Terceira Cruzada também chamada de Cruzada dos Reis. O fim de seu reinado aconteceu com um golpe de estado administrado pelo próprio irmão, João Sem-Terra. No entanto, João teve a infelicidade de governar durante a tentativa do rei Felipe Augusto da França de incorporar a Normandia ao território francês. João enviou socorro aos normandos mas foi derrotado e perdeu grande quantidade de terras. Além disso, aumentou impostos para sustentar suas tentativas militares. Perdendo prestígio e apoio de todos os setores da sociedade, João foi forçado a assinar a Magna Carta, documento que obrigava o rei a obter autorização dos senhores feudais para aumentar impostos e declarar guerra. O documento foi o início do conceito da Lei acima do Rei e antecedeu a formação do Parlamento Inglês. A Magna Carta fora assinada em 1215. Cinquenta anos depois, em 1265, Henrique III foi obrigado a assinar os Estatutos de Oxford que criaram o parlamento inglês que na época tinha caráter essencialmente consultor e possuia apenas uma câmara. Em 1350, as duas casas do parlamento: a câmara dos lordes e a câmara dos comuns foram criadas. A câmara dos lordes era composta de clero e nobreza e tinha cargos hereditários. A câmara dos comuns era composta de cavaleiros Em 1337, eclodiu a Guerra dos Cem Anos entre Inglaterra e França. O resultado foi uma vitória da França e a expulsão de ingleses da Normandia. Isso gerou uma falta de terras na Inglaterra e aumentou a tensão entre partes da nobreza. As duas maiores famílias da GrãBretanha entraram em uma sangrenta guerra civil: a Guerra das Duas Rosas, que durou de 1455 até 1485. A família Lancaster representada pela rosa vermelha lutou contra a York (rosa branca). Nenhuma família saiu vitoriosa e a guerra só cessou com o casamento de um bastardo de Lancaster com uma nobre dos York. Com a resolução da guerra se estabeleceu a dinastia Tudor que durou de 1485 até 1603. O primeiro rei da dinastia foi Henrique VII. Em 1509 , seu filho, Henrique VIII, assumiu o poder. Durante seu reinado, fundou a Igreja Anglicana, fortalecendo o absolutismo inglês. Dos seus seis casamentos, Henrique só gerou três filhos legítimos. Eduardo VI o substituiu com apenas dezessete anos. Eduardo inseriu idéias Calvinistas na igreja. Esse plano resultou em seu envenenamento por Maria Tudor, filha de Catarina de Aragão e primogênita de Henrique. Maria governou por apenas cinco anos- tempo em que foi casada com Felipe II da Espanha, católico fervoroso, mas não conseguiu ter filhos. Com sua morte por câncer, Maria foi substituída por Elizabeth I que reinou de 1558 até 1603 definindo o Anglicanismo e fortalecendo a monarquia. Uma das principais medidas da rainha foi o estímulo ao Mercantilismo com a construção de uma grande frota mercante, criação de companhias de comércio para melhor controle das finanças, apoio aos corsários e incentivo à indústria de lã. Essa última provisão foi catapultada pela criação de enclosures que resultou no êxodo rural e na colonização da América Inglesa. Sua maior vitória militar foi consequência do aumento repentino na popularidade de sua prima Mary Stuart. Como Elizabeth deixou de produzir herdeiros, sua prima seria a próxima na linha da dinastia. Mary Stuart fora criada na França e casou-se com o rei da França ficando viúva logo após. Com isso, Mary foi governar a

História Geral - Ricardo Resumo O Absolutismo Inglês

Escócia presbiteriana trazendo consigo ideais renascentistas. Sua popularidade era grande mas seu plano de implementar o catolicismo na Escócia gerou inimigos e ela teve de fugir. Noiva de Felipe II, rei da Espanha, Mary pediu ajuda à Elizabeth para chegar `a França para de lá alcançar território espanhol. Elizabeth prendeu Mary na Torre de Londres e depois a decapitou. Felipe II manda sua Armada Invencível para a Inglaterra onde são derrotados por uma tempestade. Pela sua coragem em frente a armada espanhola e após seu triufo, Elizabeth se torna ainda mais popular, chegando a ser considerada até santa pelo povo. Com a morte de Elizabeth se instalou a dinastia Stuart, família da Escócia. O primeiro rei foi James I que governou sob a sombra de Elizabeth. Seu filho, Charles I, governou de 1625 a 1649 adotando uma filosofia de grandes impostos e abusos de poder. Com isso, eclodiu em 1642 a Revolução Puritana que colocou os Cabeças Redondas (a favor do parlamento) contra os Cavaleiros (apoio ao rei). Os cabeças redondas foram liderados por Oliver Cromwell que, vitorioso, declarou a república Puritana que durou de 1649-1659. Cromwell também julgou Carlos I que foi decapitado. Esse é o término da idéia da origem divina do poder real. Em 1653, iniciou-se a ditadura militar e pessoal de Cromwell que se titulou Lord Protetor e fechou o Parlamento. Em 1658, morre Cromwell deixando seu filho no poder que logo caiu e a dinastia Stuart foi restaurada. O maior legado de Cromwell foi o Ato de Navegação que catapultou a Inglaterra para a conquista dos mares. O Ato decreteou que todas as mercadorias importadas pela Inglaterra só poderiam ser transportadas em navios ingleses ou do país de origem. Isso prejudicou diretamente a Holanda e resultou na guerra Anglo-Holandesa de 1651. Os reis Stuart que seguiram perderam a confiança do parlamento. O que seguiu foi a chamada Revolução Gloriosa, uma revolução sem sangue ou mortos que instituiu Guilherme III de Orange como rei em troca da ratificação

da Bill of Rights Parlamentarismo.

que

instaurou

o

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->