Você está na página 1de 1

Quem sofre com a tão conhecida prisão de ventre sabe o tamanho do incômodo que ela representa.

Mau
humor, pele marcada e estômago inchado tornam os dias quase insuportáveis. Mas a nutricionista do
MinhaVida, Karina Gallerani, afirma que há solução para o problema. "Basta uma alimentação caprichada
somada a uma boa dose de exercícios físicos para garantir que a prisão de ventre desapareça". A seguir,
ela mostra o que não pode faltar na casa de quem deseja viver de forma mais tranqüila.

Alimentos Crus: Comer verduras e legumes crus rende, além de muitas vitaminas, fibras para o seu
organismo. Mastigue bem cada bocado e, em no máximo dois dias, você já vai notar a diferença.

Frutas com bagaço: O bagaço das frutas ajuda na formação do bolo fecal. Chupe laranja e mexerica,
por exemplo, sem descartá-lo. Fazendo isso uma vez por dia, o seu intestino passa a funcionar com
regularidade.

Água: Ela ajuda na digestão dos alimentos e impede o ressecamento das fezes, um problema comum se
você demora muito tempo para ir ao banheiro. A hidratação ainda traz melhoras para sua pele, que fica
mais clara e com mais brilho.

Iogurtes: Existem as versões específicas para quem sofre com a prisão de ventre. O consumo contínuo
desses iogurtes regula o trânsito intestinal e manda o inchaço e a irritação para bem longe de você.

Alimentos integrais: São várias as opções de alimentos integrais que ajudam a acabar com a prisão de
ventre; Arroz, trigo, pão, milho, aveia e granola são alguns exemplos. Uma porção desses alimentos por
dia já é suficiente.

Evite: Para acabar de vez com o mal estar proporcionado pela prisão de ventre, também é preciso evitar
alguns alimentos que colaboram com o transito intestinal. Entre eles estão as frituras, os biscoitos (com
exceção daqueles à base de fibras) e os alimentos açucarados, como balas e chocolates.