GESTÃO FINANCEIRA TRIBUTÁRIA

Prof. Msc. Roberto Bohlen Seleme E-mail: rbseleme@fatecinternacional.com.br

1

Currículo 
Graduação: Engenharia ElétricaUniversidade de Mogi das Cruzes SP- 1986  Especialização - MBA Internacional ênfase Finanças pelo ISPG /PR2000  Mestre em Administração pela UNICENP- 2005
2

COMPETÊNCIAS
Compreender o papel do administrator financeiro, das instituições financeiras e mercado de capitais; Compreender os conceitos básicos e a simbologia dos cálculos financeiros; Compreender as demonstrações financeiras básicas;
3

COMPETÊNCIAS Compreender os conceitos de juros simples e compostos e as diferenças entre taxas de juros. 4 . Avaliar risco e retorno. Analisar um fluxo de caixa. Avaliar os principais índices financeiros. Compreender as demonstrações financeiras básicas.

COMPETÊNCIAS Avaliar a importância da fiscalização interna em uma organização. Compreender fusões. alienação de investimento e falência. 5 . aquisições. Compreender o mercado de capitais e os diversos agentes financeiros. Compreender os aspectos controláveis da administração tributária.

INTRODUÇÃO A Gestão Financeira de uma empresa até os anos 80 era apenas fazer controle de fluxo de entrada e saída de dinheiro da mesma. 6 .

INTRODUÇÃO A partir dos anos 90 com avanço da globalização comercial e com o avanço da informática. 7 . aumentou-se desta forma a competitividade. obrigando o gestor financeiro tornar-se mais informado tanto no mundo interior da empresa como também no mundo exterior. tornando-a mais acessível.

8 . Nas Empresas: Objetivo das Empresa = LUCRO Maximização de seu valor de mercado a longo prazo.1. assim estará aumentando a riqueza de seus proprietários.

LUCRO SOCIAL Resultado positivo de uma empresa pública ou ONG LUCRO COMERCIAL Resultado positivo de uma empresa privada 9 .

investimentos em melhoria ambiental etc. 10 . remuneração adequada dos empregados. por meio de geração de impostos.Um conceito geral é que a geração permanente de lucros e caixa contribui para que a empresa moderna cumpra suas funções sociais.

1 Atividades de Operações ou Operacionais Estas atividades tem a função para que os investimentos feitos pela empresa tenham andamento e finalização esperada. 11 . ATIVIDADES EMPRESARIAIS 2.2.

Ex: Matéria Prima (ativo circulante). publicidade e controles financeiros. serviços jurídicos. 12 . Planejamento Estratégico. após as diversas transformações torna-se receitas e despesas e até patrimônio.No primeiro momento as atividades são lançadas e contabilizadas no Ativo Circulante.

2 Atividades de Investimentos Está voltada às atividades que refletirão nas decisões de aplicações dos recursos de caráter temporário e permanente para realização do empreendimento. 13 .2.

Contabilmente é lançado em Investimentos Temporários e em Ativo Permanente. 14 . Ex: Compras de equipamentos. aplicações financeiras de curto e longo prazo. integralização de capital.

2. emissão de debêntures 15 . Ex: Captação de empréstimos báncarios.3 Atividades de Financiamentos Refletem os efeitos das decisões tomadas sobre forma de financiamentos das atividades de operações e de investimentos.

O QUE É UM GESTOR? Gestor é um cara que tem como objetivo fazer com que sua organização seja a melhor do mercado em que atua. 16 .

COMO ELE FAZ ISTO? Implementando processos onde o grau de riscos estejam computados e atenuados por ferramentas e mecanismos administrativos. 17 .

Dentre os mecanismos administrativos encontraremos a figura do: GESTOR FINANCEIRO (ADMINISTRADOR FINANCEIRO) 18 .

Gerente Financeiro. 19 . Diretor Financeiro. Controller.3.O Administrador Financeiro     Vice Presidente de Finanças.

20 . sempre a atingir o seu objetivo maior que é o lucro.ADMINISTRADOR FINANCEIRO 3.1 Compete a ele a indicar a melhor forma de conduzir as atividades operacionais pré determinadas em uma empresa.

planejamento e controle financeiro ou seja. através dos dados financeiros da mesma e assim determinar o montante necessário.ADMINISTRADOR FINANCEIRO Funções Básicas: a) Análise. coordenar. 21 . monitorar e avaliar todas as atividades da empresa.

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA Funções Básicas: Assim os tomadores de decisão de marketing devem levar em conta como suas ações afetam (ou são afetadas) por fatores como disponibilidade de recursos. 22 . política de estoques e utilização da capacidade fabril.

23 . determinar a destinação dos recursos para aplicações no seu ativo circulante ou corrente e não correntes (realizáveis a longo prazo e permanentes). sempre levando em consideração a proporcionalidade RISCO x RETORNO.ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA Funções Básicas: b) Decisões de investimentos.

para captação de recursos a financiar os ativos correntes e não correntes sempre favorável a determinados financiamentos a curto e longo prazos e a sua estrutura de capital.ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA Funções Básicas: c) Decisões de Financiamentos. 24 .

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA Funções Básicas: Em suma. como esses ativos devem ser financiados e como a empresa deve gerir seus recursos. 25 . os administradores financeiros decidem que ativos suas empresas deve adquirir.

Estrutura Organizacional da Área de Finanças (Hoji. 2004) Ve reidn Facir ic Psete inneo TSUAIA EORR CNRLDR OTO OIA A CNRLE OTO R L Cnbiddgrecl otail aee nia Amis çoe bto dintraãdtri us 26 Amisaãdcix Cdoeotaa cbr Cnbiddfinnea dintr çoeaa réit s cns reee otail ae acir Cnsaaa ota pgr Pnjeetonneo laam fi acir n Cmo âb i Oaeto rçm s n Steadinrmã is m e fo a o s ç .

ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DA ÁREA DE FINANÇAS Assim temos:  Finanças  Tesouraria  Controladoria 27 .

Administrador financeiro que recebe a assessoria da tesouraria e controladoria. 28 .ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DA ÁREA DE FINANÇAS Finanças .

ou gerente financeiro. responsável pelo planejamento. controle e movimentação de recursos financeiros.Tesoureiro.ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DA ÁREA DE FINANÇAS Tesouraria . 29 .

30 .ESTRUTURA ORGANIZACIONAL DA ÁREA DE FINANÇAS Controladoria Controller (contador) responsável pelo planejamento. controle e análise das operações e investimentos.

CONCEITOS BÁSICOS Personalidade Jurídica: 1) Pessoa física: é a pessoa natural. o ser humano. a criatura gerada pela mulher. que possuirá um nome próprio.2005). (Ávila. 31 .

2005) 32 .CONCEITOS BÁSICOS 2) Pessoas Jurídicas: é a entidade abstrata. para explorar uma atividade caracterizada como comum. (Avila. pode ser constituída por uma pessoa física ou pode ser constituída por duas ou mais pessoas físicas e/ ou jurídicas.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful