FUNCIONAMENTO DO RETIFICADOR DE ONDA COMPLETA COM DERIVAÇÃO CENTRAL

___________________________________________________________________________
Universidade Federal do Ceará Departamento de Engenharia Elétrica Elcid Rodrigues de Oliveira Filho elcid_oliveira@hotmail.com

___________________________________________________________________________
RESUMO: Circuito retificador é aquele que transforma um sinal de corrente alternada em corrente contínua, ou seja, impede que haja mudança de sentido de fluxo de corrente elétrica. A energia elétrica disponível através das redes de distribuição apresenta-se sob a forma de corrente alternada, pois esta é a forma mais eficaz de transmissão a longas distâncias, entre outros motivos. Entretanto, diversas aplicações domésticas exigem o uso de corrente contínua, como, por exemplo, os aparelhos eletrônicos. É necessário, então, um sistema que transforme de uma forma para outra. É geralmente utilizado em projetos de fontes de alimentação CC. Uma solução simples que utiliza conceitos básicos de eletrônica analógica é o retificador de onda completa com derivação central, cuja função é retificar toda a tensão de entrada. PALAVRAS CHAVE: Retificador, Eletrônica, Diodo, Onda Completa, Derivação Central. ABSTRACT: Rectifier circuit is one that transforms a signal of alternating current into direct current, or prevents a change of direction of flow of electrical current. The power available through the distribution networks is presented in the form of alternating current, as this is the most effective way of transmission over long distances, among other reasons. However, many domestic applications require the use of direct current, for example, electronics. It is necessary, then, a system that transforms from one form to another. It is generally used in designing DC power supplies. A simple solution that uses basic concepts of analog electronics is the full-wave center tap rectifier, whose function is to rectify all input voltage. KEY WORDS: Rectifier, Electronic, Diode, Full Wave, Center Tap.

1. INTRODUÇÃO
Neste retificador, aproveita-se a

derivação central do transformador e dois diodos podem formar um retificador de onda completa, que permite que ambos os semiciclos da tensão alternada possam contribuir para a corrente contínua, tornando-o mais suave do que um retificador de meia onda. Esta forma de circuito retificador de diodos economiza em comparação com uma ponte de diodos, mas tem pior aproveitamento dos enrolamentos do transformador. Tais

retificadores eram comuns de fornecimento de energia em equipamentos de tubo de vácuo. Diodos semicondutores modernos são de baixo custo e compactos, assim,

geralmente uma ponte de 4 diodos é utilizada

é acoplado ao circuito um capacitor paralelo à carga. tem-se uma grande vantagem neste . conforme mostra a figura a seguir: 2. este aproveita os dois estágios referentes à polaridade da tensão de entrada. a tensão média final é a mesma que se obteria usando um retificador de meia onda com este mesmo transformador (ignorando-se a derivação central). Em relação as especificações dos diodos.707 ∙ 02 01 Ora. percebe-se que a tensão na carga possui uma elevada oscilação. a tensão media na carga também dobra.em detrimento ao uso da derivação central. A fim de que seja possível reduzir essa oscilação na saída.318 ∙ 0. portanto. controle na variação de tensão na carga. a vantagem deste retificador esta na especificação do diodo e na qualidade da filtragem. cuja função é o Porém. EQUACIONAMENTO DO RETIFICADOR DE ONDA COMPLETA Diferente do retificador de meia onda. como a tensão de pico na carga é metade da tensão de pico no secundário do transformador. Esses retificadores pode ainda podem ser usado em aplicações de alta corrente. Por outro lado. como grandes carregadores de bateria automotiva. ou seja: é 0. dada a entrada alternada ainda exercida sobre a mesma. pelas formas de onda √2 apresentadas. conforme mostrado na figura a seguir: A frequência da tensão de saída dobra de valor e.

Editora Pearson. SIMULAÇÃO DO CIRCUITO 400mA RETIFICADOR 200mA 15V 0A 10V -200mA 0s -I(C3) Time 5V 2ms 4ms 6ms 8ms 10ms 12ms 14ms 16ms 18ms 20ms 22ms 24ms 26ms Corrente no capacitor. Como cada diodo conduz corrente num semi ciclo. Boylestad / Nashelsky. “Circuitos Elétricos”. Por outro lado. 20V 10V 0V -10V -20V 0s 2ms 4ms V(D11:2) V(D11:1) 6ms 8ms 10ms 12ms Time 14ms 16ms 18ms 20ms 22ms 24ms 26ms Entrada x Carga (Tensão/com filtro). “Dispositivos Eletrônicos e Teoria de Circuitos”. REFERÊNCIAS Nilsson / Riedel. 600mA 3. 8ª Edição. . 0V 0s 2ms 4ms V(D11:2) V(D14:2) 6ms 8ms 10ms 12ms Time 14ms 16ms 18ms 20ms 22ms 24ms 26ms Filtro x Sem filtro (Tensão na carga). Editora Pearson Prentice Hall. 0s 2ms 4ms V(D14:2) V(L13:2) 6ms 8ms 10ms 12ms Time 14ms 16ms 18ms 20ms 22ms 24ms 26ms Entrada x Carga (Tensão/sem filtro). 8ª Edição. já que -20V -10V suas duas metades somam-se sobre os diodos quando estes estão cortados. a tensão reversa que os diodos devem suportar é a tensão total de pico do secundário.20V circuito. a corrente que eles devem suportar corresponde à metade da corrente 0V 10V média na carga.

. DR. PROFESSOR RENÉ PASTOR TORRICO BASCOPÉ. DR. 2003 (Apostila) . “CURSO DIDÁTICO SOBRE O SIMULADOR DE CIRCUITOS ELÉTRICOS E ELETRÔNICOS”.Notas de aula do professor RENÉ PASTOR TORRICO BASCOPÉ.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful