Você está na página 1de 11

| 


    

  
| 

|



!  
j !  
 
j  
 
! 
j   
j 
 ! 
j  
    !
 " 

#  $ 


 $%


A primeira demonstração da relação entre a acidez


da chuva e a poluição industrial foi feita por Robert
Angus Smith em 1852
1852,, num estudo realizado em
Manchester, Inglaterra
Inglaterra.. Em 1872 recebeu a
designação  &
& ..

Apesar da relação entre precipitação ácida e


poluição do ar ter sido descoberta em 1852, o seu
estudo científico sistemático apenas se iniciou nos
finais da década de 1960.
ï interesse público pelos efeitos da `  `
iniciou--se na década de 1970
iniciou 1970,, a partir dos Estados
Unidos da América, quando o New York Times
publicou os resultados obtidos em estudos feitos
na Hubbard Brook Experimental Forest (HBES),
em New Hampshire, que demonstravam os
múltiplos danos ambientais que a acidez da
precipitação estava a causar
causar.. Em 1972,
1972, Harold
Harvey, professor de Ecologia na Universidade de
Toronto, publicou um dos primeiros trabalhos
sobre um lago "morto" em resultado da
acidificação das suas águas pela deposição ácida
ácida..
!! $ 
  
 
As atividades humanas são os principais agentes
causadores dos gases poluentes que causam a
chuva ácida
ácida.. ï maior exemplo é a ação das
indústrias, das usinas termoelétricas e dos
veículos de transporte que utilizam combustíveis
fósseis, como o petróleo e o carvão
carvão..
 

j ïs efeitos são extremamente nocivos ao


meio ambiente, principalmente aos ambientes
aquáticos, ph inferior a 4,5 torna este
ambiente inóspito
inóspito..
j Existem vários estudos relacionando a
saúde das populações com a @ `@

` 2oenças como   podem sofrer


`
aumento de ocorrências devido a presença
de alumínio no abastecimento de água
água..
 ! '! 

Ror causa do vento, a precipitação pode ocorrer


a centenas de quilômetros do local onde os
poluentes foram liberados
liberados.. ïu seja, as chuvas
ácidas podem cair a grandes distâncias das
fontes poluidoras, prejudicando outros países
países..
O 
Rodemos concluir que os métodos produtivos
muitas vezes estão apenas voltados para a produção de
bens de consumo não interessando os rejeitos desta
produção, seja esse, liquido, gasoso ou sólido
sólido.. ï destino
destes rejeitos normalmente sem qualquer tratamento
prévio já sabemos é o meio ambiente
ambiente..
Contudo, sabemos também que existem
mudanças nesta forma de produção, e que a
preocupação com meio ambiente já não é mais utopia, e
sim uma realidade
realidade..