P. 1
Micróbios úteis e prejudiciais

Micróbios úteis e prejudiciais

4.0

|Views: 5.952|Likes:
Publicado porPaulo Vasco Pereira
Trabalho de grupo para apresentação e "defesa" em aula de CN6, do grupo 3 da minha direção de turma do AE de Cinfães.
Trabalho de grupo para apresentação e "defesa" em aula de CN6, do grupo 3 da minha direção de turma do AE de Cinfães.

More info:

Categories:Types, School Work
Published by: Paulo Vasco Pereira on Jun 08, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial Share Alike

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPT, PDF or read online from Scribd
See more
See less

10/22/2014

pdf

original

MICRÓBIOS

Cinfães, Maio de 2011

INTRODUÇÃO
No âmbito da disciplina Ciências da Natureza abordamos o tema ´micróbiosµ. Neste trabalho vamos falar de micróbios patogénicos e micróbios úteis. Pretendemos adquirir novos conhecimentos e competências nesta nova unidade em estudo.

O QUE SÃO MICRÓBIOS PATOGÉNICOS?
Os micróbios são, geralmente, considerados inimigos do ser humano, prejudiciais para a saúde e responsáveis por doenças em animais e plantas. No entanto, somente alguns micróbios são prejudiciais e estes são conhecidos pelo nome de patogénicos , isto é, causadores de doenças. O termo patogénico deriva de «pathos» - doença - e «génesis» origem. São, portanto, microrganismos que originam doenças.

COMO PODEM SER TRANSMITIDOS OS MICRÓBIOS?
Os micróbios podem ser transmitidos ao ser humano por contacto directo ou através dos alimentos ou da água, causando infecções geralmente relacionadas com o sistema digestivo, como

gastroenterites.

O QUE SÃO MICRÓBIOS?
Micróbios são microrganismos vivos que: - são tão pequenos que só podem ser vistos ao microscópio. - têm tamanhos e formas diversas. - podem encontrar-se em todos os lados! - alguns micróbios são úteis e até nos podem beneficiar. - alguns micróbios podem causar doenças (patogénicos).

ALGUNS EXEMPLOS DE MICRÓBIOS PATOGÉNICOS
Vírus Ao entrarem nas células, os vírus tomam o comando e ´obrigamµ as células a trabalharem segundo as suas ordens.
Exemplos de doenças provocadas pelo vírus:

-Herpes; -Sida; -Gripe; -Sarampo; -Rubéola;

u
Bact rias
lg ri lera; as act rias causam t ria; ças c mo or x mplo: -Tuberculose;

-T tano;
- lgumas pneumonias;

O QUE SÃO MICRÓBIOS ÚTEIS?
Existe uma grande variedade de micróbios úteis aos seres vivos . Alguns destes micróbios são benéficos para o ser humano, como as bactérias que vivem no intestino grosso e fabricam vitamina K. Assim como outros que fazem fermentação do leite transformandoo em iogurte e queijo.

MICRÓBIOS ÚTEIS
- os que transformam os restos de plantas e animais em sais minerais essenciais à alimentação das plantas; -os que se usam no fabrico de certos alimentos: queijo, iogurte, pão, cerveja, vinho, vinagre - os que se utilizam na produção de antibióticos; - os que vivem no intestino do Homem e dos outros animais, impedindo o desenvolvimento dos micróbios prejudiciais que aí chegam e ajudando no normal funcionamento do intestino; etc

EXEMPLOS DE MICRÓBIOS ÚTEIS

ANTIBIÓTICOS

ANTIBIÓTICOS: O QUE SÃO?
São medicamentos que tratam as infecções provocadas por bactérias, como otites, pneumonia, infecção urinária, etc. Se utilizados de forma incorrecta, podem ser prejudiciais.

OS ANTIBIÓTICOS SÃO TODOS IGUAIS?
Não, cada antibiótico só actua sobre alguns tipos de bactérias. Só o médico deve escolher o antibiótico adequado, conforme as queixas do doente.

QUAIS OS CUIDADOS A TER COM OS ANTIBIÓTICOS?
O efeito da maioria dos antibióticos nota-se após 3 dias, pelo que não deve interromper o tratamento se não se sentir melhor após as primeiras tomas; Os antibióticos devem ser tomados até ao fim da embalagem, excepto quando o médico recomendar um tempo de tratamento diferente; Se ao terminar o tratamento ainda restar antibiótico, devolva-o na farmácia, para ser eliminado com segurança; Utilize os antibióticos só quando necessário. Manter fora do alcance das crianças;

u
Não devem ser consumidas bebidas alcoólicas enquanto se tomam antibióticos; Uma mulher que utilize a pílula como método contracetivo deve comunicá-lo ao seu médico, na hora da prescrição de um antibiótico, de forma a evitar uma gravidez indesejada.

BIBLIOGRAFIA E LINKS
Bibliografia Lucinda, Maria et al (2010). Ciências da Natureza 6 . Porto: Porto Editora. Links http://www.educação.te.pt http://www.slideshare.net/mariaf/micrbios

Trabalho realizado por - Ana Monteiro; - Iara Micaela; - José Andrade; - Rui Pereira; - Vitor Mendes; urma 6ºH

Professores - Paulo Pereira - Marisa Morais
Cinfães, Maio de 2011

Ano lectivo 2010/2011

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->