Mamografia Imagenologia

Aula dia 13.04.2011

y

y

y y y y y

y

Posicionamento mamográfico o Mama D e mama E o Projeções rotineiras:  Mediolateral-oblíqua: y da pra ver o m. peitoral y Quadrantes superiores: acima do mamilo e inferiores abaixo do mamilo (mais comum CA).  Crânio-caudal: y Acima é externo e abaixo é interno  OBS: linha do eixo mamilar o Incidências adicionais  Lateral: tudo que tiver de liquido desce, importante na pesquisa de microcalcificações  Crânio-caudal exagerada: pega bem atrás da mama  Cauda axilar: p/ ver metástases nos linfonodos  Incidencia de clivagem  Incidências roladas: cisto muda de configuração e nódulo não muda o Compressão: mais indicada p nódulos e densidades  Vantagens  Intensidade o Ampliação  Para ver microcalcificações 1. Confirmação da lesão o Alterar a projeção o Compressão o Ampliação 2. Localizaçao da lesão 3. 4. 5. Classificaçao BI-RADS vale p USG TC e Ressonancia o 0: inconclusiva: mama densa dmais o 1: negativa o 2: benigno o 3: provavelmente benignos o 4: suspeitos o 5: o 6: Padroes de densidade mamaria o Mais branca: mais tecido glandular o Mais cinza: mais lipossubstituida o Padrao X idade: ao logo dos anos lipossubstituiçao o Padra X biótipo o Padrao X gestacional : há muito câncer em pcte amamentando o Padrao X TRH: a mama fica mais branca quando começa com a TRH o Mamas assimétricas: principais causas: congênita ou cirurgia

vcvelinearidades o Fibroadenoma  Lesão solida benigna mais comum  É BI-RADS 3  Comum em adolescentes  Duro a palpação  Lesões circunscritas  O cisto e o fibroadenoma são duas patologias mais comum e muitas vezes são similares de contornos bem definidos.o y Tecido mamário acessório:da dor. lisamente lobulada  A imagem regride um tempo depois  Após trauma o Abscesso  Mamografia raramente solicitada  Sinais clínicos . margem e  Ao longo dos anos vao se calcificando em pipoca: benignidade. por isso se faz a ecografia y Anecoido: cisto y Solido: fibroadenoma  Localizaco. fazer nodulectomia)  Fibroadenoma gigante o Hamartoma (fibroadenolipoma)  Muita gordura  Benigno  Diagnostico diferencias com fibroadenoma o Lipoma  Imagem cinza com contorno  Benignidade o Hematoma  Massa circunscrita. contorno. localizadas. moveis  Aparência mamografica y Lesão nodular densa. e dizer a incidência y Obs cisto nodulado: qd pega um ducto mamário  Cistos e calcificações y Conteúdo espesso: deposito em casca de ovo y Precipitado em leite de cálcio: indica benignidade. calcificações grosseiras  O CA pode desenvolver-se no epitélio do fibroadenoma ATIPIA (pre-maligno. da câncer e muitas vezes resulta em cirurgia plástica Neoplasia benignas localizadas o Mais comum: CISTO o Cisto  Existe desde que a menina entra na menarca  Oclusao do ducto  Pode aumentar diminuir ou desaparecer  Acumulo de fluido  Homogenio x heterogenio x solido  O carcinoma é raramente encontrado  Aspectos a palpação y Geralmente macios. contornos precisos.

fazer outra incidência: compressão o Densidade assimétrica focal: tem que faze incidência compressiva o Calcificações com distribuição linear  Estão dentro dos ductos  Fala a favor de carcinoma ductal  Pode ser tbm em paciente que amamentou o Calcificações em desaparecimento o Massa circunscrita solitária  Pode pedir uma USG  Se as margens não estão bem definida. retroalreolar  Podem se calcificar ao longo dos anos mimetizando o fibroadenoma Galactocele  Dilatação do ducto que ta cheio de leite  Não tem sinais flogisticos Hiperplasia ductal e lobular Hiperplasia ductal atípica OBS: fazer mamografia depois da menstruação. repetir exame em 6 meses  O diag pode ser cicatriz ou recidiva do ca o 90% é carcinoma ductal o (Achados que podem estar associados ao câncer de mama) o Microcalcificações com pleomorfismo (grãos de arroz). desvio ou inversão do mamilo: se não é desde que nasceu.o o o o o o y Esteatonecrose  Foco de gordura  Geranmentepos trauma e pos cirúrgico  Deposição de cálcio em padrão esférico . tem um alo  Benigno Papiloma  Benigno  Dentro da papila  Descarga branca ou sabguinolenta  Nodular. tem que fazer biopsia o Distorção da arquitetura (excêntrico ao mamilo). comum em plástica o Prova: densidade assimétrica em mama D. conteúdo heterogenio. pq a mulher desincha Neoplasia Maligna da mama o Detecção x diagnostico o Suspeita alertando para uma biopsia o Mamografia e lesões benignas o Idade e probabilidade de câncer (47 e 49 anos) o O exame anterior é uma forma de se dar o diag precoce de uma lesão maligna o Neodensidade ou calcificações novas o Mais comum em quadrantes superiores e externos o Tumor maligno é aquele em que os contornos são espiculados e irregulares o Cicatriz pos-cirurgica x câncer de mama  Laudo: Densidade assimétrica em posição justacicatricial. faça uma biopsia o Tecido mamário assimétrico (benigno) o Espessamento trabecular (aumento da densidade da mama). heterogêneas. qd a pele espessa já é um sinal de câncer o Retração. pensar em Paget o Gânglios linfáticos axilares dilatados (linfoma) .

ovário.o o o o o o o o o o o o o o y Comedocarcinoma mal diferenciado (é um tipo de carcinoma ductal) O carcinoma mais comum é o ductal Densidade assimétrica com microcalcificações agrupadas = câncer. ca de pulmão. a pele mais espessada  Mama vermelha. estomago. aumentada Carcinoma lobular in situ  Tumor mais comum que da nas duas mamas  Fazer estudo comparativo Carcinoma lobular invasivo Tumor filoide  Massa de crescimento rápido  Maioria é benigno  Extensa lesão envolvendo todo o parênquima mamário Sarcoma osteogênico  Raro  Metástase do osso para a mama Linfoma  Geralmente passa desabercebido  Nódulo discreto  Nódulos difusos  Linfoma mediastinicoda metástases para a mama  O linfoma melhora com quimioterapia Melanoma. não predispõe ao desenvolvimento de câncer o Densidade discoide abaixo do mamilo: ginecomastia o Cisto de inclusão epidérmica: cisto cebaceo Casos que vão cair na prova o Esteatonecrosepos cirurgia (plástica) o Microcalcificações agrupadas y . BI-RADS 5 Carcinoma ductal invasivo não especificado de Outra Maneira Câncer tubular (forma bem diferenciada do Ca ductal invasivo) Carcinoma medular Carcinoma inflamatório  A mama fica mais branca. rim  Fazer mamografia de screening Agenesia do m peitoral maior: sd de poland Mama masculina o Ginecomastia ou câncer o Mutação gene BRCA2 (cancer) o Ginecomastia não é neoplásico.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful