O que vc entende por nutrição enteral?

R: É a nutrição feita através de sonda qdo o indivíduo não pode se alimentar através das refeições normais. Cite 05 indicações da nutrição enteral R: casos em que o trato digestivo está comprometido, qdo o paciente não quer ou não pode alimentar-se, qdo a ingestão é insuficiente, qdo a digestão ou absorção estão prejudicados,qdo houver risco de desnutrição. O que deve ser considerado para a escolha do acesso para a NE? R: O estado funcional do trato, o grau de conforto do paciente, o nível de consciência do paciente, a duração da terapia nutricional. Cite 02 vantagens e desvantagens das sondas posicionadas no estômago e no intestino R: Vantagens- estômago: maior tolerância à grandes volumes e maior tolerância às fórmulas. Desvantagens - estômago: maior risco de broncoaspiração e tosse, náuseas e vômitos favorecem a saída da sonda. Vantagens- intestino: menor risco de broncoaspiração, menor chance de saída da sonda. Desvantagens- intestino: volume mais restrito, controle rígido de gotejamento. Dê exemplos em que a NE é contra indicada. R: Necessidade de repouso intestinal, pancreatite aguda grave, íleo paralítico, fístula de alto débito. Como se classificam as dietas quanto à hidrólise ou complexidade de nutrientes? R: Polimérica - macronutrientes na sua forma intacta Oligoméricas- macronutrientes na sua forma parcialmente hidrolisada Monoméricas ou elementares- macronutrientes na sua forma totalmente hidrolisada Por que devemos atentar a osmolaridade das dietas enterais, principalmente por sondas posicionadas no intestino? R: por que quando a osmoralidade é alta o paciente corre risco de ter diarréia e distenção. Cite 03 cuidados na administração de fórmulas enterais. O paciente deve estar sentado ou reclinado a 45°C, lavar a sonda com aproximadamente 50 ml de água, hidratar o paciente com 35 ml / kg peso / dia. O que é NP? É a administração de nutrientes via endovenosa.

exames específicos para identificar se há doença associada. hiponatremia. maior suscetibilidade à infecções. diminuição do crescimento. fraqueza. R: Desjejum Chá Bolacha com geléia de morango ½ mamão Per capita: chá 150 ml. .Diferencie a NP periférica da central.tem uma aparência saudável e tem disposição. esteatose hepática. Astênico. problemas hormonais. per capita . é inapetente e tem saciedade precoce. R: Periférica .utiliza veias de menor diâmetro ( pés e mãos ) Central utiliza veias de maior calibre ( jugular interna ou subclávia) O que é a síndrome da realimentação? R: É uma complicação perigosa resultante da administração excessiva de nutrientes em pacientes com desnutrição grave ou inanição. 4 bolachas . Elabore cardápio de almoço para portador de gota em estágio agudo. Quais os riscos de peso deficiente? R: Desnutrição. Porque um paciente pode desenvolver uma crise de gota depois de participar de uma festa de confraternização? R: Por que ele pode consumir alimentos que tenham alto conteúdo de purina que com sua degradação produz ácido úrico. 10g de geléia de morango. Cite 04 complicações da NP R: Translocação bacteriana. Determine preparações. 150g de mamão. Diferencie o magro estênico do astênico Estênico. hipo ou hiperglicemia. O que considerar antes do planejamento dietoterápico para o ganho de peso? R: Avaliar a causa e gravidade do quadro.tem aparência de cansaço. Como aumentar calorias para a promoção do ganho de peso? R: Adicionar de 500 à 1000 kcal por dia para promover formação de depósitos de gordura. temperos.

úrico. óleo 5ml. ovos 02 unidaddes. arroz 150g. sorvete light de abacaxi 100g. azeite 2ml. cebola 10g . . 4ml de vinagre.Almoço Salada de alface Arroz com omelete Suco de manga Sorvete light de abacaxi Per capita: alface 20g. sal 3g . alho 2 dentes. Correlacione jejum e precipitação do ataque agudo de gota R:Quando o indivíduo está em jejum começa a formar corpos cetônicos que são produto final do metabolismo das gorduras esses corpos cetônicos competem com o ácido úrico na excreção o que causa acúmulo de ac. queijo fresco 50g.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful