Você está na página 1de 3

FEBRE

39.5°C

B
C

A
36.6°C

As fases da febre. *A: Clinicamente está pálida, com extremidades frias, calafrios e taquicardia. (75% dos casos de convulsão são nesta fase). *tto: Nesta fase devo medicar com antitérmico e agasalho. *B: Clinicamente corada e com extremidades normais e Fc normal. (25% das convulsões são nesta fase). *tto: expectativa, somente medico se a febre já tem dias de evolução. *C: Clinicamente ruborizada e suor nas têmporas. (0% de convulsões). *tto: Aqui é a hora da termolise com banho morno.

A febre em picos existe para aperfeiçoar a fagocitose.

Convulsão febril
*Epidemio: Ocorre entre 2 meses e 4 anos e o pico é e de 6 meses a 2 anos.

*Metanálise: Na escala da 6m 2anos apenas 3-4% irá convulsionar. Rx. 1ºMACETE: diferenciar origem bacteriana (meningococo) de viral *Momento zero do exame: No exame físico está com febre e prostrada. 3 -4 irão fazer episódios. Assim a ação profilática fica sem sentido. Ou seja. PL.*Clínica: 75% ocorre na ascensão da febre. *28 dias 3meses é alto risco: Para internar dependerá da clínica. é tônico clônica generalizada. . sem foco (FSF dura até 7 dias) e de origem obscura (FOO dura mais de 7 dias). Teste do PARACETAMOL *Faço 15mg/Kg de paracetamol. dura 10 min. Se não há melhora clínica e continua prostrada a etiologia é bacteriana e devo procurar foco SNC e investigar meningococcemia. . 75% delas terão convulsão no 1° pico quando a mãe nem se deu conta da febre e 25% delas (uma) terá convulsão fora da fase ascendente. 2º MACETE: Avaliar a situação de risco *0-28 dias é altíssimo risco: internar sempre. de cada 100 crianças nesta faixa etária. Contra indicado o uso de AINE. hemocultura. **Caso Clínico: Risco de liberar uma meningococemia!!!!** Criança com febre (+) e clínica normal. pois inibe a resposta inflamatória imediata. *Revisão em 1 h: 1. *Quando a criança tem clínica normal faz-se dx com Febre sem sinal localizatório (FSSL dura 7 dias). Se houve melhora clínica. comorbidades. pico nas 1ªs 24 hs da doença febril e ocorre no 1° p ico da febre. Tratamento **Dipirona: 15mg/Kg/dose 1 gota = 25mg (efeito em 30 min) **Paracetamol: 15mg/Kg/dose 1 gota = 10mg (efeito em 60 min) *Prefere-se o paracetamol como tto eletivo. alterações e complicações na gestação e parto. brinca e come. a etiologia é viral ou bacteriana menor como uma amigdalite por estrepto. 2.

meningococo e haemophi lus. *Leucócitos 15. Acompanhamento: Rx tórax. interno e acompanho. * 3meses 3anos é baixo risco: teste do paracetamol. Os mais comuns são: pneumococo. se não melhora. sem FR com melhoria ao paracetamol. reavalio em 24 hrs.000 entra no grupo de risco então deverei internar e acompanhar. Faço o . % de bacteremia oculta. Trato com ceftriaxone 50mg/kg para logo repetir os testes de bacteremia oculta.000 ou 4.y Se febre 3dias. Com as vacinas o nº de casos está diminuindo. Urocultura e Hemocultura em busca de bacteremia/bacteriúria oculta na 1ª infância. y Se febre 3 dias faço exame de sangue .