P. 1
Conceitue geração de pressão neutra

Conceitue geração de pressão neutra

|Views: 790|Likes:
Publicado porBruna Sotopietra

More info:

Published by: Bruna Sotopietra on Jul 11, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/13/2013

pdf

text

original

Conceitue geração de pressão neutra.

As tensões resultantes do somatório das forças transmitidas pelas partículas são denominadas tesões efetivas ( ¶). Se o solo estiver seco, elas são também as tensões totais ( ). Considerando que os vazios estejam cheios de água e, que esta água gerará certa pressão, esta pressão é chamada de pressão neutra. Neste caso a tensão total num plano será a soma da tensão efetiva e da pressão neutra, dando origem a expressão ¶ = ± . Apresente o desenvolvimento das tensões durante um ensaio CU.

COLOCAR DESENHO

Apresente e comente a envoltória de resistência obtida no ensaio UU. A envoltória apresenta ângulo de atrito nulo ( =0), devido ao fato que as tensões efetivas, das quais depende o valor , não variam. A tensão desviadora 1 será transferida para o solo na forma de pressão neutra, não afetando as tensões efetivas, as quais permanecerão constantes.

COLOCAR DESENHO

Comente a influência da energia de compactação na densidade máxima seca e no teor de umidade ótima. Quanto maior a energia de compactação aplicada numa massa de solo, maior será a densidade máxima seca e menor será o teor de umidade ótima. Tem-se o gráfico entre o peso especifico seco e o teor de umidade. Comente a expressão ¶ = ± a + X( a ± w), em especial o parâmetro X. É a equação de Bishop para tensão efetiva em solos parcialmente saturados. Relaciona a tensão efetiva com tensões totais, pressão do ar ( a) e pressão da água ( w) em uma massa de solo. X é um fator de ponderação de áreas de contato grãos/ar/água. X varia de 0 (solo seco) a 1 (solo saturado). Qual a diferença entre a teoria de Rankine e o método de Coulomb na obtenção do empuxo da terra? A teoria de Rankine considera o paramento vertical e a superfície do terreno horizontal. Na teoria de Coulomb o ângulo do paramento e da superfície do terreno pode variar, considera o atrito entre o solo e o muro e calcula considerando o equilíbrio limite. Apresente os tipos de escorregamento. Há dois tipos de escorregamento principais: os escorregamentos onde a superfície de separação é plana, ou planares, e os escorregamentos onde a superfície de separação é curva, ou rotacional. Em função da rotação sofrida, o topo do material escorregado apresenta inclinação contraria a vertente.

Comente a expressão = B( 3 + A( 1 3)), em especial os parâmetros A e B. A expressão relaciona a variação de poro pressão numa massa de solo em função da variação das tensões principais que é submetida. 3 é a tensão confinante e 1 é a tensão de carregamento ou descarregamento. Coeficiente A = é dado em função do tipo de solo e de seu histórico de solicitação. Corrige os efeitos plásticos do solo em sua deformação. Coeficiente B = depende do grau de saturação do solo, varia de 0 (solo seco) a 1 (solo completamente saturado). Os valores de A e B são obtidos através de experimentos. Para um dado muro, apresente o valor do empuxo para a condição drenada e o valor do empuxo considerando o reaterro completamente submerso. Comente os resultados. Empuxo para a condição drenada: Ea = t.H².Ka/2 Empuxo completamente submerso E = Ea + Eh Ea = ( t ± w).H².Ka/2 Eh = w.H²/2 E = (( t ± w). ka + w). H²/2

Como obtem-se t e ? Através de ensaios de laboratório. e qualquer tensão total que venha a ser aplicada não altera a tensão efetiva se não ocorrer drenagem. O que é sentividade? É a perda de resistência do solo devido a distruição de sua estrutura original. COLOCAR DESENHOS. Deslizamento de encostas. Significa que o ensaio é não drenado. pois a pressão neutra e a tensão efetiva a que é submetida. queda de blocos (em especial em rochas ou solos que apresentam este tipo de falhas) e avalanche (quando ocorre deslizamento e este ganha energia cinética suficiente para provocar outras rupturas ao longo do caminho). Justifique o conceito de =0. t pelos ensaios de cilindro bitelado e frasco de areia e pelo ensaio triaxial e cisalhamento direto. A tensão é sempre a mesma e como o ensaio é sem drenagem a consistência é sempre igual.Portanto: Ea é menor que E. remoldada no mesmo teor de umidade da amostra indeformada. maior a compressibilidade do solo e menor a permeabilidade do solo. É definida pela razão entre a resistência a compressão simples de uma amostra indeformada e a resistência a compressão simples de uma amostra amolgada. Quanto maior for St menor a coesão do solo. Comente os mecanismos de ruptura. . São os processos que acontecem num material no transcurso de um carregamento e que o levou a uma ruptura.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->