UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

FILIPE PILOTO DE ANDRADE JULIANA GABRIELLE FLORÊNCIO GOMES CARDOSO MARIANA ROLLEMBERG SANTANA DE CARVALHO NADJA NAIRA DE OLIVEIRA SANTOS RODRIGO FERNANDES CORREIA TELES

CALORIMETRIA

ARACAJU 2011

como um dos prérequisitos para a conclusão da disciplina Laboratório de Física A. Departamento de Física.FILIPE PILOTO DE ANDRADE JULIANA GABRIELLE FLORENCIO GOMES CARDOSO MARIANA ROLLEMBERG SANTANA DE CARVALHO NADJA NAIRA DE OLIVEIRA SANTOS RODRIGO FERNANDES CORREIA TELES CALORIMETRIA Relatório de laboratório apresentado à Universidade Federal de Sergipe. Orientador: Professor José Joatan Rodrigues. Data de realização do experimento: 12 de maio de 2011 ARACAJU 2011 . Centro de Ciências Exatas e Tecnologia. turma 104522-T2.

................. CONCLUSÃO ... INTRODUÇÃO ............................................................... OBJETIVOS ........................................................................ REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS .. DISCUSSÃO ........... 2....SUMÁRIO 1...................... 3......................................... MATERIAIS E MÉTODOS .......... 5........ 4.................................................................. 03 04 05 06 07 09 02 ......................................................................................

avaliaremos a temperatura final TF do conjunto após a água e o calorímetro atingirem o equilíbrio térmico. 03 .CALORIMETRIA 1. seja transferido para o calorímetro. variação térmica e calor específico. Introdução Estudaremos os efeitos do calor sobre os corpos. Tomando uma amostra de água aquecida a uma temperatura TA e despejando-a num calorímetro de temperatura inicial TI<TA. e as relações entre quantidade de calor. Como as paredes do calorímetro são adiabáticas. esperamos que todo o calor perdido pela água.

2. Objetivos Determinar o calor específico de uma peça metálica Determinar a capacidade térmica de um calorímetro y y 04 .

dentro do calorímetro durante todo o processo. A segunda parte do experimento é voltada para a determinação do calor específico de uma peça metálica. Após o equilíbrio térmico. que é depositada no calorímetro. 05 . meche-se a água para que seja medida sua temperatura de equilíbrio. com o auxílio do termômetro. Em seguida é medida a massa do sistema calorímetro + água fria. Mede-se mais 100 g de água que é colocada no aquecedor até que atinja uma temperatura maior que 80°C. cuja massa deve ser aferida. os procedimentos da primeira parte são repetidos mantendo uma peça metálica. anota-se a temperatura inicial do sistema. em temperatura ambiente. a temperatura final de equilíbrio térmico e a massa total do sistema calorímetro + água quente + água fria são medidas. Rapidamente coloca-se a água quente dentro do calorímetro. e confere-se a ocorrência de evaporação da água durante o aquecimento. Materiais e Métodos Materiais necessários para a realização do experimento: y y y y y y y Calorímetro Béqueres diversos Aquecedor Termômetro Balança Água Peça metálica Roteiro Experimental: Inicialmente mede-se 50 g de água. Por fim. Deste modo. O procedimento é repetido mais duas vezes e são realizados os cálculos para determinação da capacidade térmica do calorímetro.3. Utilizando o termômetro.

4. Discussão 06 .

foi aproximadamente igual. variação térmica e calor específico. verificou-se que a temperatura final do conjunto. Ou seja.5. logo depois de a água e o calorímetro atingirem o equilíbrio térmico. a maior parte do calor perdido pela água foi transferido para o calorímetro. 07 . e as relações entre quantidade de calor. Conclusão Após a análise dos efeitos do calor sobre os corpos.

Referências Bibliográficas Calorimetria disponível em: y http://pt.wikipedia.org/wiki/Calorimetria 08 .