P. 1
Prova Professor Educacao Infantil 2011

Prova Professor Educacao Infantil 2011

|Views: 4.018|Likes:
Publicado porLuciana Baptista

More info:

Published by: Luciana Baptista on Jul 15, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/13/2013

pdf

text

original

Concurso Público para provimento no cargo de PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL

COORDENADORIA GERAL DE GESTÃO DE TALENTOS COORDENADORIA DE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO

CADERNO DE QUESTÕES OBJETIVAS E DISCURSIVAS ATENÇÃO
1. A prova terá duração de 4 (quatro) horas e 30 (trinta) minutos, considerando, inclusive, a marcação do CARTÃO-RESPOSTA e o preenchimento do CADERNO DE RESPOSTAS DEFINITIVO. 2. Quando autorizado o início da prova, confira atentamente este caderno que contém 60 (sessenta) questões de múltipla escolha, cada uma com 4 (quatro) alternativas (A,B,C e D), e 03 (três) questões discursivas, distribuídas da seguinte forma:

3. Observe as seguintes recomendações relativas ao CARTÃO-RESPOSTA: → verifique, no seu cartão, o seu nome, o número de inscrição e o número de seu documento de identidade; → o CARTÃO-RESPOSTA será o único documento válido para correção eletrônica através de leitura ótica, e seu preenchimento e respectiva assinatura são de inteira responsabilidade do candidato; → a maneira correta de marcação das respostas é cobrir, fortemente, com caneta esferográfica de tinta azul ou preta, o espaço correspondente à letra a ser assinalada, para assegurar a perfeita leitura ótica. 4. Não haverá substituição parcial ou integral do CARTÃO-RESPOSTA, por erro do candidato. 5. O candidato será automaticamente excluído do certame se for surpreendido: → utilizando-se, no decorrer da prova, de qualquer tipo de consulta a material impresso, anotações ou similares, ou em comunicação verbal, escrita, ou gestual, com outro candidato; → utilizando aparelhos eletrônicos, tais como: telefone celular, bip, walkman, rádio receptor/transmissor, gravador, agenda eletrônica, notebook, calculadora, palmtop, relógio digital com receptor ou qualquer outro meio de comunicação ativa ou passiva. O telefone celular deverá permanecer desligado, desde o momento da entrada no local de prova, até a retirada do candidato do respectivo local. 6. No CADERNO DE RESPOSTAS DEFINITIVO para a prova discursiva, utilize caneta esferográfica de tinta azul ou preta. 6.1 Não assine e nem faça qualquer tipo de marcação que possa identificar o candidato no CADERNO DE RESPOSTAS DEFINITIVO. 6.2 Ao terminar a prova discursiva, destaque o canhoto. Ele é seu comprovante e contém o código criptografado identificador de sua prova. 7. O candidato somente poderá se retirar definitivamente do recinto de realização da prova, entregando o CARTÃO-RESPOSTA devidamente assinado, e o CADERNO DE RESPOSTAS DEFINITIVO após decorrida 1 (uma) hora do início da prova. No entanto, só poderá levar o CADERNO DE QUESTÕES se deixar a sala faltando 15 (quinze) minutos para o término do exame. Os exemplares não levados serão eliminados. 7.1 o candidato que se retirar da sala de prova, antes do horário autorizado para levar o CADERNO DE QUESTÕES, não poderá retornar à sala para este fim. 8. Os três últimos candidatos deverão permanecer em sala, sendo liberados somente quando todos tiverem concluído a prova ou o tempo tenha se esgotado e tenham sido entregues todos os CARTÕES-RESPOSTA e os CADERNOS DE RESPOSTAS DEFINITIVOS da prova discursiva, sendo obrigatório o registro dos seus nomes na ata de aplicação de prova. 9. O fiscal não está autorizado a alterar quaisquer dessas instruções. 10. O gabarito da prova será publicado no Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro, no segundo dia útil seguinte ao de realização da prova, estando disponível também, no site concursos.rio.rj.gov.br .

2011

Boa Prova!

só se revela quando os nossos sentidos estão aptos para descobrirem.] Tudo palpita em redor de nós.”.” 07.. paranoia. o coração a essa infinidade de formas naturais ou artificiais que encerram seu segredo. haverá na terra verdadeira solidão? Não estamos todos cercados por inúmeros objetos. porém ainda se usa em distraído.. a vista..CGGT Concurso Público Secretaria Municipal de Educação . essa linguagem secreta ajuda a esclarecer o nosso próprio mistério. Meier (D) imã. generosa e invisível. o espelho onde pousa o nosso rosto.. sem que por isso deixe de existir. pelo qual transitamos atentos ou distraídos. Mundo delicado..PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL LÍNGUA PORTUGUESA Texto: Da solidão Há muitas pessoas que sofrem do mal da solidão. “Basta que em redor delas se arme o silêncio. como se dos horizontes se levantasse o anúncio do fim do mundo.. europeia (C) forma. E que em silêncio nos oferece sua múltipla companhia. portanto não há motivo para temer a solidão. contrariando a ordem direta da frase. no qual importa não apenas o que é dito.) 03. mantem. por antecipação. A intenção da autora.. que pode ficar para sempre ignorado.. suas memórias. o pronome pessoal em destaque representa a seguinte forma nominal anteriormente expressa: (A) violência (B) frivolidade (C) mundo (D) respeito 04. a série em que nenhuma das palavras deve receber acento gráfico é: (A) tem. feiura. No entanto. para que delas se apodere imensa angústia: como se o peso do céu desabasse sobre a sua cabeça. em redor de nós. paraibano 2 Responda às questões da prova com base na compreensão do texto. futuro. de ideias. camuflando uma declaração que se contrapõe ao expresso no primeiro parágrafo (C) desqualificar. que não se manifeste aos seus olhos nenhuma presença humana.. (C) Participaram da festividade não apenas os moradores da vila. boleia. a fronha por onde se desenham os sonhos de quem dorme. (Cecília Meireles. 01. tudo. mas que podemos aprender a escutar. sem anunciar nem pretender prevalecer. Não há mais acento em ideias. embora com vida e voz que não são humanas. presente. “Da solidão” IN: Escolha o seu sonho.. de raciocínios. tudo é um mundo com passado. mas o modo como é dito. ruim. benção. tratando-o com deferência enfática 02. haverá na terra verdadeira solidão?” (segundo parágrafo). a autora optou por uma construção na qual. Xerem (B) voo. concentrado em sua essência. por infinitas formas da Natureza e o nosso mundo particular não está cheio de lembranças.. Trata-se de um texto literário.. de sonhos. Segundo o atual Acordo Ortográfico. que não faz da sua presença um anúncio exigente “Estou aqui! estou aqui!”. (D) Nossa família é sempre muito unida. 05. de ideias. creem.” (segundo parágrafo) as vírgulas são empregadas para: (A) realçar elementos que exercem funções sintáticas diversas (B) indicar supressão de um verbo (C) isolar adjuntos adverbiais antecipados (D) separar elementos que exercem a mesma função sintática 06. o verbo é anteposto ao sujeito.” (C) “. Em “.. s/data. ao se servir da primeira pessoa do plural ao longo da crônica. Nesse segmento. porque muitas vezes essa linguagem secreta ajuda a esclarecer o nosso próprio mistério.. contudo as falhas no atendimento são evidentes.. “No entanto. que não se impõe com violência: que aceita a nossa frivolidade ou o nosso respeito. tunel. como se dos horizontes se levantasse o anúncio do fim do mundo. é: (A) ocultar ao leitor a rispidez da imposição de suas ideias com essa fórmula de cortesia (B) destacar o poder de sua função de escritora (C) provocar a impressão de que as ideias que expõe são compartilhadas pelo leitor (D) dirigir-se cerimoniosamente ao leitor..” (B) “Tudo palpita em redor de nós. o nosso mundo particular não está cheio de lembranças. Em “... (B) Temos obrigação de votar com consciência.. de sonhos. [. que espera que o descubramos. Mas.. pois desejamos o melhor para todos. generosa e invisível. Assim. Rio de Janeiro: Record.” (primeiro parágrafo). no quarto parágrafo. A rosa que se despede de si mesma. o que será dito a seguir (D) esclarecer e ratificar a constatação pela qual o texto é introduzido Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos . e é como um dever de amor aplicarmos o ouvido. mas também aqueles dos arredores.. observa-se que as perguntas formuladas no segundo parágrafo cumprem o objetivo de: (A) atenuar a expressão do pensamento que será desenvolvido a seguir e que coincide com o fato constatado no primeiro parágrafo (B) despertar a curiosidade do leitor.” (D) “. Páginas 35 – 37. Basta que em redor delas se arme o silêncio. Excerto adaptado... Isso também se verifica em: (A) “E que em silêncio nos oferece sua múltipla companhia. que impedem uma total solidão? Tudo é vivo e tudo fala. de raciocínios. suas silenciosas experiências. Constata-se a mesma relação de sentido expressa pelo conectivo em destaque em: (A) O administrador afirma que o hospital funciona bem. que espera que o descubramos..

O número máximo de lanches distintos com um sanduíche..” (C) “Músicas passam... Tetraedro regular é um sólido geométrico formado por quatro triângulos equiláteros..” (B) “Não direi que assisti às alvoradas do Romantismo.. (D) Sobrou do romance apenas lágrimas de desespero por saudade e solidão. o verbo varia para conformar-se ao número e à pessoa do sujeito. Figura 1 Figura 2 O quadrado da figura 1 é chamado de mágico porque.” (D) “Quando ele nasceu.. é igual a: (A) 37 (B) 39 (C) 41 (D) 45 13. Tetraedo Figura 1 Figura 2 MATEMÁTICA 11. parece se desprender. o que também se verifica em: (A) “Rio lento de várzea. / vou agora ainda mais lento. nessa lanchonete. como regra geral.. As orações “.. A tabela abaixo mostra a representação de um tetraedro e quatro figuras planas formadas com os quatro triângulos da superfície do tetraedro. apenas as figuras de número: (A) 1 e 3 (B) 1 e 4 (C) 2 e 3 (D) 2 e 4 14. um doce e um refresco. A quantidade total de caixas empilhadas é igual a: (A) 19 (B) 28 (C) 30 (D) 36 Para que o quadrado da figura 2 também seja mágico. Em um pote de vidro há 169 balas e em outro há 247. (C) Deve existir outros motivos para as pessoas sofrerem por angústia... não direi que também eu fui fazer poesia. Em “A rosa que se despede de si mesma. 10.PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL 08. Sabe-se que. 3 tipos de doces e 4 tipos de refrescos.. o resultado é sempre o mesmo. Várias caixas iguais com formato de um cubo foram empilhadas no canto de duas paredes conforme mostra a figura abaixo. de forma que os dois potes fiquem com a mesma quantidade de balas.. Uma lanchonete oferece 6 tipos de sanduíches.” (quarto parágrafo) ocorre transferência de atributos humanos a seres inanimados.” (quarto parágrafo) unem-se. Observe os quadrados abaixo: Figura 3 Figura 4 12.” 09. / que agora minhas águas / de tanta lama me pesam.. sendo estabelecida entre elas a seguinte relação de sentido: (A) explicação (B) conclusão (C) oposição (D) adição Representam a planificação de um tetraedro regular. mas há casos que fogem a essa regra. é igual a: (A) 72 (B) 54 (C) 28 (D) 13 15.. e delas. (B) Faz muitos anos que se procura fugir da solidão indo ao shopping. de cada vertical ou de cada diagonal. A quantidade de balas que deve ser tirada do segundo pote e colocada no primeiro. sem anunciar nem pretender prevalecer. A frase correta quanto à concordância verbal é: (A) Basta dois filhos para o casal lastimar os momentos de solidão perdidos. o valor de X deve ser igual a: (A) 3 (B) 4 (C) 5 (D) 6 Concurso Público Secretaria Municipal de Educação 3 Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos . como se a cor ganhasse ritmos preciosos. se difundir uma harmonia azul. somando-se os três números de cada horizontal. nasceu de birra / Barro ao invés de incenso e mirra / Cordão cortado com gilete. azul.CGGT .

+. ÷. A figura abaixo representa um círculo dividido em 8 partes iguais. dentre outras. . um sinal de adição (+).CGGT 4 Concurso Público Secretaria Municipal de Educação . principalmente. Colocando em cada quadradinho da expressão abaixo.÷ Um aluno pretende ampliar o retângulo ABCD acima de modo que sua área fique multiplicada por 9.PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL 16. cada uma dessas partes representa o seguinte percentual: (A) 12. o seguinte número de retângulos distintos: (A) 6 (B) 5 (C) 4 (D) 3 19.50% (B) 12. no máximo. x. o professor demonstrou aos alunos que esse sólido possui o seguinte número de arestas: (A) 6 (B) 9 (C) 12 (D) 15 18. +. estarão entre as seis maiores economias mundiais até meados deste século. incluído no grupo conhecido como BRIC. -. ATUALIDADES 21.25% (D) 14. Na malha quadriculada abaixo. ÷. subtração (–). cada lado de um dos 24 quadradinhos mede 1 cm. A sequência de sinais a ser colocada nos quadradinhos é: (A) (B) (C) (D) -. respectivamente: (A) um – proporcional ao número de municípios (B) dois – proporcional ao número de eleitores (C) três – proporcional ao tamanho da população Com exatamente 24 quadradinhos pode-se formar. será igual a: (A) 144 (B) 108 (C) (D) 54 36 17. +. a seguinte vantagem em relação aos demais países do BRIC: (A) formação de grandes empresas nacionais com Em relação à área total do círculo. por isso. O Brasil vem consolidando uma posição cada vez mais expressiva no cenário geopolítico e econômico mundial e foi. x. Rússia. ÷ -. o perímetro do retângulo. em cm. +. x + . conforme mostram as figuras abaixo: uma oportunidade de eleger novos senadores e deputados federais. O Brasil possui. Nas eleições de 2010. iniciais para Brasil.75% atuação global (B) possibilidade de significativa expansão das áreas agricultáveis (C) mercado consumidor amplo e diversificado (D) grande extensão do território nacional Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos . + +. multiplicação (x) ou divisão (÷). Utilizando sempre 6 quadradinhos podem ser formados somente dois retângulos diferentes. (D) quatro – proporcional ao tamanho da economia 22. São critérios que definem os quantitativos de parlamentares que cada unidade federativa tem direito no Senado e na Câmara dos Deputados Federais. Após a ampliação. pelo fato de que. x. Um professor levou para a sala de aula uma embalagem com a forma de um paralelepípedo. a expressão fica correta.75% (C) 14. segundo projeções estatísticas. os brasileiros tiveram mais Com esta embalagem. Esses países destacam-se. 20. +. Índia e China. Essa representação está organizada de modo a garantir a participação de todas as unidades federativas no poder nacional.

conhecido como pósfordista ou toyotista. Um fator explicativo desse processo.” (Época. garantindo recursos para sustentar os aposentados do futuro. com mercados consumidores significativos e cujas economias respondem por uma parcela cada vez maior da economia mundial. impulsionando o crédito bancário para a construção de residências populares (D) multipolaridade da localização industrial na cidade. e que representou um estímulo à expansão dessas comunidades no período apresentado na tabela abaixo. principalmente. Nos últimos anos vem ganhando força uma denominação para fazer referência aos países subdesenvolvidos industrializados ou em fase de industrialização avançada.UNASUL 28. “Segundo projeções do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Paralelamente ao advento da Terceira Revolução Industrial ocorreu um conjunto de mudanças na organização do capitalismo contemporâneo. A principal fonte de emissão dos gases apontados como causadores do aquecimento global está corretamente enunciada em: (A) utilização de adubos químicos na agricultura (B) acúmulo de lixo e de esgoto não tratado (C) geração de energia em centrais nucleares (D) queima de combustíveis fósseis 26. A população economicamente ativa (de 15 a 64 anos) é hoje maior que a de dependentes (crianças e aposentados). facilitando a aquisição de moradias nos subúrbios cariocas (B) precariedade dos transportes públicos. pode-se afirmar que o término do “bônus demográfico” ocorrerá. O termo subdesenvolvimento surgiu após a Segunda Guerra Mundial. respectivamente: (A) NAFTA – Mercosul (B) ALADI – APEC (C) União Européia – ASEAN (D) ALCA .PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL 23. quando mais gente trabalha e contribui para a Previdência. O processo de favelização na cidade do Rio de Janeiro possui várias causas socioeconômicas.CGGT . o bloco econômico que constitui uma zona de livrecomércio e o bloco que está na condição de união aduaneira em processo de implantação são. Uma característica marcante das relações internacionais das últimas décadas tem sido a formação de blocos econômicos reunindo diversos países de uma mesma região do mundo. O aquecimento global é considerado por muitos como o fenômeno mais marcante da relação sociedade-natureza em nossos dias. o Brasil tem duas décadas para aproveitar o “bônus demográfico”. a visão de que os países subdesenvolvidos formam um conjunto homogêneo é absolutamente falsa. dando origem ao atual modelo produtivo. Considerando a dinâmica demográfica brasileira. Esses países vêm sendo chamados de: (A) periféricos (B) megablocos (C) integralistas (D) emergentes (A) expansão dos programas públicos de financiamento habitacional. é: 25. Assinale a alternativa que contém uma característica correta desse novo modelo: (A) grandes unidades produtivas que realizam todas as etapas da produção (B) ampliação da oferta de empregos no setor industrial (C) produção diversificada e vinculada às demandas específicas do mercado (D) elevado índice de defeitos e de desperdício de matéria-prima 27. 8 de novembro de 2010). em função do seguinte processo: (A) aumento da expectativa de vida e correspondente elevação da proporção de idosos no conjunto dos habitantes do país (B) elevação da taxa de natalidade e correspondente aumento da proporção de jovens na sociedade (C) redução dos índices de mortalidade infantil e correspondente incremento do percentual de crianças na população (D) diminuição dos indicadores de saúde e assistência médica e correspondente declínio da população economicamente ativa 24. Considerando esse quadro. Contudo. favorecendo a formação de favelas com elevada presença de operários Concurso Público Secretaria Municipal de Educação 5 Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos . evidenciando as desigualdades socioeconômicas entre as nações. tornando primordial a residência próxima ao local de trabalho (C) redução acentuada do emprego informal.

A Palestina não aceitará a sugestão americana para retomar a negociação direta.cn . Analise os dados da tabela abaixo: CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS DE EDUCAÇÃO INFANTIL 31. precisam de intervenção do adulto. O conflito entre palestinos e israelenses é um dos mais significativos da geopolítica mundial dos últimos sessenta anos. devem ser atividade dirigida 32. previsibilidade. em seu pensamento. têm significado para quem brinca. assinale a alternativa que contém uma característica que justifica a posição dos países com maior percentual de usuários com acesso à Internet: (A) população economicamente ativa (PEA) predominantemente jovem (B) generosos subsídios estatais para a compra de linhas telefônicas (C) elevada renda média da maioria da população (D) rede da educação básica predominantemente privada Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos . a participação. lista de idéias (D) estruturação. A causa principal dessa disputa está relacionada ao fato de que esses dois povos: (A) possuem diferenças religiosas capazes de fomentar um ódio recíproco há mais de dois mil anos (B) disputam o mesmo território como base para seus respectivos estados-nacionais (C) apresentam diferenças étnicas que vêm servindo de base à política racista israelense há pelo menos dois séculos (D) competem pelo controle estratégico das grandes jazidas de petróleo e gás natural da região 30.cri.PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL 29. elenca as principais características dos jogos. descrição de materiais e atividades (C) organização. possuem regras previamente construídas. expressando suas intenções e preferências em situações diversas na escola (C) favorece a expressão livre e espontânea das crianças colocando-as em contato com as outras crianças da turma de maneira prazerosa (D) permite que as crianças comecem a diferenciar. afirmam que as crianças de dois a três anos de idade dão sinais de que estão construindo a função psicológica de representar.” (China Radio Internacional http://portuguese. A autora. são intrinsecamente motivados. Concluem também que a brincadeira/jogo do faz de conta favorece o desenvolvimento desta função psicológica em específico – a de representar . não são atividades escolares (B) representam a realidade e atitudes. sequenciação. Isto quer dizer que o brincar tem certas características. Corsino (2009) indica características do planejamento. ferramenta pedagógica. possuem metas exclusivamente individuais. Essas características do planejamento são: (A) o inacabamento. geralmente são apenas extrinsecamente motivados. Coelho e Pedrosa (2000). “O presidente da Autoridade Nacional da Palestina (ANP).acesso em 22/11/2010). abordam conhecimentos específicos (D) são submetidos a regras implícitas ou explícitas. “Toda criança é sujeito ativo e nas suas interações está o tempo todo significando e recriando o mundo ao seu redor. refletem a imaginação das crianças sendo fantasiosos e irreais. e a continuidade e o encadeamento (B) organização. a criança é ativa. construção coletiva entre os adultos responsáveis. precisam de intervenção do adulto para construção de regras.porque esta brincadeira: (A) reforça o pensamento concreto e sincrético da criança. oferecendo brinquedos específicos que dão sustentação ao objetivo da criança (B) permite que as crianças compreendam mais concretamente o mundo. antecipação. A aprendizagem é a possibilidade de atribuir sentido às suas experiências. descrição da rotina e atividades. reiterou ontem (21) o pedido de que Israel cesse a construção dos assentamentos na Cisjordânia e Jerusalém Leste. Kishimoto (2005) afirma que o brincar é polissêmico. mesmo que a concepção do brincar varie de cultura para cultura. as quais: (A) são interessantes e livres. citando Dóris Fromberg (1987). possuem metas espontaneamente construídas (C) têm como objetivo principal a socialização. Planejar inclui escutar a criança para poder desenhar uma ação que amplie suas possibilidades de produzir significados”. as relações entre as coisas ou as situações vividas expandindo sua forma de pensar 33.CGGT 6 Concurso Público Secretaria Municipal de Educação . A partir desta visão. Analisando a tabela. as quais dirigem a atenção do professor ao construir situações de produção e apropriação dos saberes. baseadas nos estudos de Wallon. neles. Mahmoud Abbas. a previsibilidade e imprevisibilidade. mas sujeitos a regras. referência escolar O acesso às tecnologias da informação ocorre de forma socialmente desigual.

O autor defende que. com exercícios para registro gráfico e por meio do manuseio de livros e recursos impressos (D) as crianças se apropriam do uso da escrita e leitura espontaneamente e à medida que crescem e se desenvolvem em ambientes onde o currículo é aberto e flexível 38. “Segundo Vygotsky. na educação infantil: (A) as crianças devem desenhar e juntar letras. Kishimoto (2005) defende que o processo de letramento. As autoras defendem que há duas interpretações sobre este “cuidar bem”. por incluir uma dimensão pedagógica. construindo assim seu processo de codificação e decodificação de maneira ordenada (B) deve haver preocupação com a sequência lógica da apresentação do sistema da escrita e da leitura para que as crianças aprendam e estejam preparadas para a alfabetização (C) deve-se introduzir as letras. sem direcionamento. A Secretaria Municipal de Educação do Município do Rio de Janeiro publicou em 2010 as “Orientações Curriculares para a Educação Infantil” com o intuito de subsidiar o trabalho pedagógico das creches e préescolas do município. Luis Persival Leme Brito (2005) discute conceitos como o de letramento. Froebel (1782-1852) pode ser considerado o “pai dos jardins de infância” porque: (A) criou um espaço para crianças e adolescentes que divergia tanto das casas assistenciais. a: (A) brincadeiras livres. gibis. Campos e Coelho (2006) coordenaram uma pesquisa para conhecer as percepções existentes a respeito da qualidade da educação infantil em quatro estados brasileiros. De acordo com a autora. por sua vez. é muito importante que as escolas de educação infantil “cuidem bem das crianças”. vivido durante a educação infantil. jornais e outros materiais impressos. dando mais oportunidades para atividades livres e espontâneas. revelaram que. para que elas pudessem ser divididas em turmas com características homogêneas 41. para que. Campos e Rosemberg (2009) escrevem que as crianças têm direitos quando atendidas em creches. com a participação ativa da criança. revistas. mas com tempo definido para que as crianças não se dispersem (B) brincadeiras em espaços interno e externo. no sentido de garantir: (A) um lugar seguro para as crianças enquanto as mães trabalham (B) a ordem. para eles. usando livros. de maneira clara e sistemática. pois não tinha preocupação de modelar as crianças (B) valorizou a diminuição do tamanho de móveis e objetos de modo a adaptá-los ao tamanho das crianças (C) defendeu a organização da sala por meio de centros de interesse. o respeito aos direitos básicos e zelo pelo bem estar das crianças (D) uma postura estritamente de ensino de conteúdos. ao dominá-las. isto porque esta construção acontece devido: (A) ao uso de instrumentos de dimensão material (B) à utilização da natureza sensorial e instintiva do ser humano (C) à possibilidade humana de partilhar significados (D) à capacidade dos sujeitos individuais de construir e descobrir signos 40. com direcionamento esporádico (B) a emergência do letramento depende de experiências diversas e planejadas que deem subsídios para o fazer e que este. iniciadas ou não pelas crianças (D) atividades planejadas e estruturadas que usem brinquedos que veiculem conhecimentos gerais e específicos para os bebês e crianças pequenas Concurso Público Secretaria Municipal de Educação 7 Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos . devem se basear em: (A) mediações constitutivas do sujeito (B) tarefas variadas com atividades dirigidas (C) experiências e aprendizagens individuais (D) emoções. por meio de atividades dirigidas. pais e profissionais das escolas. As opiniões dos envolvidos. quanto da escola. mas que devem acontecer em ambientes sem pressão. conviver com a organização do discurso escrito e experimentar as diferentes formas do mundo escrito 39. espontâneas. genericamente. Uma delas é a perspectiva predominantemente de custódia e a outra perspectiva é. principalmente da alfabetização 37. as crianças comecem a escrever e dar sentido ao mundo da escrita (D) deve-se construir as bases para que as crianças possam participar criticamente da cultura escrita. a construção do pensamento e da subjetividade é um processo cultural. alfabetização. Este documento revela uma proposta cuja concepção está centrada: (A) nas crianças (B) nas relações e interações entre os envolvidos (C) nas ações do educador para planejamento (D) no currículo e conteúdos 35.PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL 34. mas esse último somente quando as crianças demonstram ser capazes de se orientar sozinhas (C) brinquedos disponíveis e acessíveis em espaço adequado e tempo flexível para brincadeiras participativas. Um deles é o direito à brincadeira e este se refere. associação e expressão (D) preconizou a observação rigorosa das crianças. e não uma formação natural e universal da espécie humana” (OLIVEIRA. deve ser concebido a partir de situações que têm intencionalidade. afetividade e atenção 36. estruturados em três eixos: observação. alfabetismo e cultura da escrita. 2002). a limpeza e a disciplina rígida no ambiente da escola (C) a proteção.CGGT . promova condições para o falar/dialogar. encorajando ainda a expressão gráfica e simbólica (C) o processo de letramento se dá por meio de atividades dirigidas e pré-estabelecidas. A abordagem sociointeracionista tem influenciado fortemente a educação infantil no Brasil com indicações claras de que as ações da prática pedagógica tanto na creche quanto na pré-escola. é correto afirmar que: (A) o brincar na educação infantil é uma maneira ilegítima de fomentar o processo de letramento.

Os estudos da sociologia da infância indicam a necessidade de mudança no conceito de socialização. De acordo com pesquisa realizada sobre as rotinas em unidades de educação infantil em relação ao uso do tempo.PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL 42. Estas orientações pretendem alertar sobre os cuidados pessoais. A autora defende que estes espaços devem ser flexíveis. A Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro. contribuindo para: (A) uma aprendizagem formal e organizada dos conteúdos selecionados para a educação infantil (B) a execução do planejamento conforme previsto com o corpo técnico da unidade (C) o bem estar. com a criança e ainda com a comunidade. com o ambiente. De acordo com Martins Filho (2006. a socialização pode ser entendida como um processo: (A) reprodutivo e interpretativo (B) imposto e determinado (C) natural e funcional (D) adaptativo e estruturante 48. relacionais e instigadores. a melhor forma de o professor trabalhar o processo de sensibilização artística das crianças é: (A) intensificando as atividades estéticas na unidade de educação infantil. tendo um tempo de duração previamente determinado 44. Barbosa (2008) define as rotinas na educação infantil como categorias pedagógicas planejadas pelos responsáveis pelas unidades de educação infantil no sentido de desenvolver os trabalhos cotidianos nessas instituições. pois permite o desenvolvimento da crítica através da comparação dos trabalhos (D) criando um dia por semana para trabalhar cada cor ou forma (o dia do amarelo. na maioria dessas unidades: (A) os tempos de transição entre uma atividade e outra geralmente eram bem trabalhados pelas educadoras (B) as educadoras utilizavam canções para fazer a transição de uma atividade para outra (C) as crianças costumavam discutir sobre o uso do tempo com os adultos (D) as atividades eram cronometradas. o educador tem garantia de quais conhecimentos elas apreenderão (C) a função lúdica do brinquedo é propiciar diversão. 18) e outros autores contemporâneos. desde o nascimento”. Kishimoto (2008). Barbosa (2008) refere que. Ao discorrer sobre o brinquedo ou jogo educativo. brinquedo. prazer e até desprazer. p. quando escolhido voluntariamente (D) o brincar livre é incompatível com a aprendizagem formal e necessária 45. inspirada em modelos italianos de educação infantil. Segundo a autora. a avaliação. elaborou um documento para orientar os profissionais da rede municipal de educação infantil sobre os procedimentos básicos para promoção da saúde nas unidades. A autora chama a atenção para o fato de que as rotinas: (A) têm sido bastante estudadas e explicitadas nas teorias pedagógicas (B) costumam não ter relação com o projeto políticopedagógico das unidades (C) são determinadas por questões legais e administrativas da unidade (D) são elementos de normatização da subjetividade de crianças e adultos nas unidades 43. segurança e todo o tipo de aprendizagem social. Guimarães (2009).CGGT 8 Concurso Público Secretaria Municipal de Educação . brincadeira e a educação”. Oliveira (2002) propõe que a avaliação na educação infantil deva ser “ferramenta para o arranjo de boas condições para o desenvolvimento de meninos e meninas. Dias (2007) expõe uma proposta de educação estética e artística para crianças em unidades de educação infantil. Nesse sentido. deve ser constituída: (A) pela apresentação de obstáculos e caminhos emergentes nas trajetórias das crianças (B) pela descrição detalhada e cronológica de todos os avanços das crianças (C) por meio de uma escala de méritos e valores com o propósito de classificar as crianças (D) por aspectos provisórios e permanentes relacionados as respostas das crianças no aqui e agora 46. Este documento tem a intenção de: (A) desenvolver ações pedagógicas com maior ênfase nos cuidados das crianças (B) fortalecer o trabalho com as crianças por meio de relações interpessoais saudáveis (C) incluir procedimentos diários relativos aos cuidados das crianças e aos profissionais adoentados (D) atender as necessidades das crianças e de suas famílias com relação às doenças e ao acompanhamento do crescimento e desenvolvimento infantil Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos . na obra “Jogo. ressalta a importância da organização do espaço com vistas à ampliação das possibilidades socializadoras e criativas das crianças. afirma que: (A) o educador potencializa situações de aprendizagem à medida em que deixa as crianças brincarem livremente (B) ao propor um brinquedo educativo às crianças. afetiva e cognitiva das crianças (D) a seleção dos mobiliários determinando os locais para as atividades previstas 49. já que este tipo de formação é restrito ao espaço escolar (B) eximindo-se de elogiar conforme seu próprio padrão estético e solicitando que as crianças mesmas falem a respeito de suas produções e das de seus colegas (C) estimulando a homogeneização das produções das crianças. Gerência da Educação Infantil. o dia do retângulo e assim por diante) 47.

em redação alterada pela Emenda Constitucional nº 11. limitam-se ao espaço da sala (B) considera todo o planejamento feito pelo/a professor/a prevendo o caminho a ser percorrido e os materiais a serem utilizados (C) organiza o ambiente deixando-o bonito. Sobre os procedimentos de disciplina em sala. é correto afirmar que: (A) é composto por nove dimensões que abordam diferentes aspectos (B) propõe uma avaliação realizada exclusivamente pela diretora e pelos professores (C) constitui-se em um processo de autoavaliação da Unidade de Educação Infantil (D) suas dimensões são avaliadas por meio de notas de 1 a 10 52. social e cidadão (C) físico. ilustrado e atrativo para as crianças (D) contempla uma visão multifacetada dos conhecimentos e das informações LEGISLAÇÃO 56. sugeridas por autores clássicos. é interessante que as crianças nas creches e pré-escolas tenham a possibilidade de: (A) participar de atividades em grande grupo na maior parte do dia produzindo trabalhos coletivos (B) poder se olhar no espelho e ter outra perspectiva da sala (C) entrar e sair da sala. Sobre o documento “Indicadores de Qualidade da Educação Infantil” (MEC. art. cognitivo. de 2006 (D) pelo Estatuto da Criança e do Adolescente. A partir daí. já que crianças pequenas tem capacidade limitada de compreensão 55. no Título I. um dos elementos constitutivos das rotinas na educação infantil é a organização do ambiente. dos Direitos Fundamentais 57. desde o nascimento. quando ela não estiver se comportando bem (D) estabelecer regras. mas não justificá-las. no Título II. a criança vivencia o processo de constituição do “eu”. de 3 (três) anos. com construções materiais e não materiais das quais. A dona de casa Mariana procurou informações na Secretaria Municipal de Educação de sua cidade para matricular. como Montessori.PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL 50. e Jáder. conforme seu desejo (D) expressar-se em situações diversas podendo contribuir individualmente para o grupo 51. a criança começa a se perceber como indivíduo e a consolidar o uso dos pronomes na primeira pessoa: ganham relevância o EU e o MEU. a partir dos 3 anos de idade. Pode-se perceber isto porque. Joane. em seus aspectos: (A) psicológico.CGGT . Em relação a este tema. explorando as contradições existentes nas relações humanas (C) aumentar o tempo de espera para uma criança ser atendida. Freinet e Decroly (C) brincar com as crianças mais tempo no espaço interno do que no externo. não tem consciência 54. constroem uma lógica narrativa (C) nascem sem estruturas pré-adaptadas para se relacionar com outros seres humanos (D) são confrontados. 2009). De acordo com teorias psicogenéticas do desenvolvimento. tem como finalidade complementar a ação da família e da comunidade na educação integral da criança. a aprendizagem só ocorre quando a experiência é significativa para todos os envolvidos e defendem que a pedagogia de projetos é uma das muitas possibilidades de organizar as práticas educativas. motor e emocional (B) intelectual. o que lhe é garantido: (A) pelo Estatuto da Criança e do Adolescente. cognitivo. de 4 (quatro) anos. A Educação Infantil. Mariana sabe que seus filhos têm direito à Educação Infantil na rede pública de ensino. quando menores em companhia de adulto responsável. de 1996 (C) pela Constituição Federal. já que é mais fácil cuidar delas em ambientes fechados (D) evitar mudanças no ambiente de forma que as crianças se sintam estáveis e seguras 53. De acordo com Barbosa e Horn (2008). das Disposições Preliminares (B) pela Constituição Federal. nesta fase. é possível afirmar que o professor deve: (A) construir um ambiente moral apenas depois de condutas indisciplinadas das crianças (B) ajudar as crianças a resolverem os conflitos. Para Barbosa (2008). a autora recomenda: (A) construir o espaço junto com as crianças. Sabendo disso. art. intelectual e social Concurso Público Secretaria Municipal de Educação 9 Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos . a princípio. psicológico. a criança intensifica a imitação (por admiração) e a capacidade de representação (de si e dos outros). centros de interesse. 205. em creche e em pré-escola. em 2011. Oliveira (2002) afirma que os bebês: (A) agem de forma que dissocia afeto e cognição (B) antes de construírem uma lógica na ação. de acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação. 208. As autoras afirmam que a pedagogia de projetos é interessante em termos de organização pedagógica porque: (A) as outras possibilidades de organização. buscando projetar o ambiente com base na perspectiva das crianças e de suas medidas (B) organizar o ambiente de acordo com as plantas baixas. emocional e cultural (D) físico. intelectual. como por exemplo. em redação dada pela Emenda Constitucional nº 53. A respeito das interações e possibilidades de aprendizagens dos bebês.

Articule o seu planejamento pedagógico. mas o fato é que foi tudo real.QUESTÕES DISCURSIVAS Leia o caso A e responda às questões 1 e 2. 01. Na Educação Infantil. curioso. que propicie o conhecimento dos fundamentos científicos e sociais de suas competências de trabalho (C) o aperfeiçoamento de suas competências. apoiavam-se. de Boriollo e Betoni) Resolva as questões 01 e 02 como se você fosse o(a) professor(a) desta turma. enfim. engatinhavam para lá e para cá. nº 5. identificavam-se com o novo amigo. Assim que os homens se distraíram. para atender às especificidades do exercício de suas atividades. era um educador-gato. com as áreas do conhecimento e linguagens do currículo. CASO A Enquanto o pessoal de apoio descarregava os materiais de consumo na entrada da unidade de Educação Infantil. Várias sugestões foram dadas. somente em instituições de ensino 59. formando um caminho a ser percorrido por mãozinhas tateantes.CGGT 10 Concurso Público Secretaria Municipal de Educação . iniciaram uma jornada de exploração: tocavam. (10 pontos) Leia o caso B e responda à questão 3. constitui-se como: (A) o princípio ético-político (B) a função sociopedagógica (C) a concepção de currículo (D) o planejamento didático 60. (Texto adaptado da crônica “Balaio de gato”. descrito na questão anterior. terno e afetuoso com os pequeninos. ambiental. A formação dos profissionais da educação. científico e tecnológico. “de gatinhos”. que observava tudo a certa distância.. ora nas paredes enfeitadas com imagens do felino.. entre outros: (A) a garantia de efetiva participação na gestão da escola. foi um pulo. que permita a construção de conhecimentos administrativos e pedagógicos (B) a presença de sólida formação básica. ao notar a presença do Gato. algumas crianças entre 4 e 5 anos observavam atentamente. o “conjunto de práticas que buscam articular as experiências e os saberes das crianças com os conhecimentos que fazem parte do patrimônio cultural. (Texto adaptado da crônica “O aniversário da minha mãe e como mandar crianças para a lua”. para o surgimento dele. aproveitou a oportunidade para problematizar a situação e propor ao grupo pensar em alternativas para a utilização das caixas vazias. CASO B O dia a dia no berçário é um rebuliço só. de 17/12/2009). Esquisito? Pode até ser. compete ao dirigente de estabelecimento de ensino fundamental a comunicação ao Conselho Tutelar quando ocorrer: (A) qualquer falta que o aluno tenha (B) maus tratos envolvendo seus alunos (C) inadequação do aluno à escola (D) indicação de doença contagiosa CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS DE EDUCAÇÃO INFANTIL . ágil. De repente. Se você trabalhasse com o educador-gato. artístico. Na verdade. sorriam. até que uma criança disse: “Vamos fazer um foguete para viajar ao espaço sideral”. As crianças demonstraram grande interesse e curiosidade sobre a sugestão da/o colega.) foi assim que apareceu o Gato. Tanto rebuliço que. No caso relatado. as crianças aproximaram-se do material e fizeram comentário sobre as grandes caixas de papelão que embalavam as mercadorias ali deixadas. Ele vinha leve. como você organizaria o ambiente e os materiais para que as crianças pudessem usufruir da experiência trazida por este educador e qual(is) seria(m) seu(s) objetivo(s)? (10 pontos) Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos . em formação continuada. terá como um dos seus princípios. De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente. de modo a promover o desenvolvimento integral de crianças de 0 a 5 anos de idade” (Resolução CNE/CEB. manso. Elabore um planejamento pedagógico para esta turma de forma a aproveitar o entusiasmo e curiosidade dos meninos e das meninas sobre a sugestão dada pela criança. o Gato é um educador fantasiado. (20 pontos) 02. Os pequenos. A professora da turma. Obs. ora no Gato. (. incluindo licenciamento periódico para esse fim (D) o aproveitamento de formação e de suas experiências anteriores. de Moraes e Santiago) 03. lá estava ele no meio dos bebês (entre 8 e 14 meses) que.PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL 58.

CGGT .RASCUNHO PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL Concurso Público Secretaria Municipal de Educação 11 Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos .

CGGT 12 Concurso Público Secretaria Municipal de Educação .RASCUNHO PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos .

RASCUNHO PROFESSOR DE EDUCAÇÃO INFANTIL Concurso Público Secretaria Municipal de Educação 13 Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria Geral de Gestão de Talentos .CGGT .

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->