Você está na página 1de 12

Aulas Multimídias ² Santa Cecília

Prof. Marcôncio

Origem da Vida Evolução e Origem da Vida .

também espontaneamente da matéria inanimada. sem vida. dentre eles podemos citar: Francesco Redi Esse cientista derrubou a hipótese da abiogênese com o experimento das moscas. determinados materiais continham um ³princípio ativo´ que os transformavam em seres vivos.Origem da Vida  GERAÇÃO ESPONTÂNEA OU ABIOGÊNESE Até o século XIX. mas. Frascos 1 Frascos 2 . imaginava-se que os seres vivos poderiam surgir não só da reprodução. Para essa hipótese.  BIOGÊNESE Muitos cientistas não concordavam com a abiogênese. Assim se explicava o surgimento de larvas em frutas maduras.

a solução não apresentou qualquer manifestação de vida. provando que toda vida provém de outra vida preexistente. A solução é preparada O gargalo é aquecido e moldado. A solução é fervida e esterilizada Os frascos com pescoço de Cisne. de Pasteur. microorganismos não são encontrados na solução. Ao quebrar o gargalo.Louis Pasteur Esse cientista trabalhando com experimentos com bico de cisne contribuiu para derrubar a teoria da abiogênese. Mesmo com o balão aberto. . derrubaram definitivamente a teoria da ABIOGÊNESE.

a vida teria se desenvolvido em várias regiões do universo e que microorganismos podiam viajar pelo espaço sideral e colonizar outros planetas. PANSPERMIA CÓSMICA EXTRATERRESTRE OU HIPÓTESE Para essa hipótese. O principal defensor dessa hipótese foi o físico e químico sueco Svante August Arrhenius. . Assim a vida teria chegado à terra pela queda de um meteoro. pois o choque de um meteoro com a atmosfera da terra provoca explosão e incêndio. não havendo microorganismo que suportasse tal acontecimento. Tal teoria torna-se falsa.

ao longo dos anos. Os coacervados dão origem a seres unicelulares heterótrofos. Terra Primitiva Mudança da superfície terrestre e da atmosfera Surgem os oceanos. rios e lagos Aminoácidos formam proteínas que. no interior delas forma-se o DNA. TEORIA DOS COACERVADOS OU (HIPÓTESE DE OPARIN) Para essa teoria. a vida surgiu da evolução lenta de substâncias químicas. surge o oxigênio Na água surgem moléculas orgânicas Os coacervados são moléculas de proteína revestidas por água. formam COACERVADOS Surgem os seres unicelulares Surgem os seres pluricelulares A terra sofria constantes erupções vulcânicas e sua atmosfera não tinha oxigênio O vapor de água eliminado dos vulcões forma a chuva que resfria a terra. Acompanhe o esquema para entender essa teoria. Com a diminuição do alimento esses seres se tornam autótrofos Ao longo de bilhões de anos os seres unicelulares dão origem aos pluricelulares .

3.A água fervendo elimina vapor que circula no aparelho.Descargas elétricas simulam os raios presentes na atmosfera primitiva.Aquecimento da água 2 . 5 ± Local onde ocorreu a condensação do vapor de água e dos gases. 6 ± Frascos onde amostras da mistura são retiradas para análise. 1. comprovando parte da Teoria dos Coacervados.O EXPERIMENTO DE STANLEY MILLER Stanley Miller reproduziu as condições primitivas da terra em laboratório. . 4 ± Mistura de gases que supostamente estariam na atmosfera primitiva.

DIFERENÇA ENTRE A CÉLULA ANIMAL E VEGETAL Célula Animal Célula Vegetal Membrana Plasmática Citoplasma Núcleo Membrana Celulósica ou Parede Celular (É um reforço de celulose que fica por fora da membrana plasmática nas células vegetais) .

Rato Canguru Raposa Ártica O rato canguru é um pequeno roedor que vive no deserto. Vejamos um exemplo. contribuindo para manter a temperatura do corpo. se o ambiente sofre mudanças. Seu corpo é coberto por pelos longos e uma grossa camada de gordura. isso reduz a perda de calor.Evolução dos Seres Vivos  Uma visão geral da vida na terra  A Importância dos Fósseis O que são fósseis? Adaptação Cada ser vivo tem características favoráveis para sobrevivência em determinado ambiente. Suas fezes são secas e seus rins produzem pouca urina. esse animal não produz suor. Passa o dia escondido. saindo à noite para se alimentar. A raposa do ártico vive em regiões frias. essas características podem não ser mais favoráveis. .

. veja o caso das mariposas de Manchester. Seleção Natural Para entender esse conceito. na Inglaterra. Mariposa Clara Mariposa Escura Tronco das árvores sem poluição Mariposa Clara Mariposa Escura Tronco das árvores com poluição Seleção natural é o processo pelo qual a natureza seleciona os seres melhor adaptados à sobrevivência no ambiente.

Dois cientistas tentaram explicar a evolução dos seres vivos. incluindo a origem de novas espécies. Assim ele explicava o fato das girafas terem pescoço longo. o uso freqüente aumentou o pescoço da girafa e essa característica. foi transmitida aos descendentes. Segundo a teoria de LAMARCK.  LAMARCK (Lamarckismo) Esse cientista criou a LEI DO USO E DESUSO que dizia que os órgãos se tornam mais fracos ou fortes dependendo do uso ou não. por ser útil. Evolução É o processo de transformação pelo qual passam os seres vivos através dos tempos. .

sejam preservadas as características que permitam à espécie reproduzir-se e sobreviver. podendo ser espontâneas ou provocadas. As mutações resultam no aparecimento de novas características que podem ser favoráveis ou não a adaptação dos seres vivos. com eles. .  MUTAÇÕES São alterações que ocorrem no material genético. Segundo a teoria de Darwin.DARWIN (Darwinismo) Esse cientista explicou pela SELEÇÃO NATURAL o fato das girafas terem pescoço longo. a seleção natural age fazendo com que os mais aptos sobrevivam e. A natureza é quem vai fazer essa seleção.