P. 1
Os Principais Biomas Da Terra

Os Principais Biomas Da Terra

5.0

|Views: 40.490|Likes:
Publicado porGil Chuquela
obra que retrata os mais importantes biomas da terra, caracterizando-os e acima de tudo localizando-os. traz com profundidade elementos pouco explorados outrora como a diversidade da fauna nesses biomas, a vegetacao vista de forma exaustiva e com analise do padrao de relacao com o factor abiotico (clima, solo, agua, etc).
obra que retrata os mais importantes biomas da terra, caracterizando-os e acima de tudo localizando-os. traz com profundidade elementos pouco explorados outrora como a diversidade da fauna nesses biomas, a vegetacao vista de forma exaustiva e com analise do padrao de relacao com o factor abiotico (clima, solo, agua, etc).

More info:

Categories:Types, Research, Science
Published by: Gil Chuquela on Aug 08, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/14/2014

pdf

text

original

Universidade Eduardo Mondlane Faculdade de Letras e Ciências Socias

Geografia

Os Grandes Biomas da Terra

Gil Celestino Chuquela

Maputo 5 De Maio, 2011

pg. 1
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

INDICE Introdução««««««««««««««««««««««««.2 Objectivos««««««««««««««««««««««««.3 Metodologia«««««««««««««««««««««««..3 Os grandes Biomas Terrestres«««««««««««««««««4 A distribuição geográfica dos Biomas««««««««««««««4 Os Principais Biomas Terrestre««««««««««««««««...5 Floresta Tropical««««««««««««««««««««««..5 Tundra«««««««««««««««««««««««««.......6 Taiga«««««««««««««««««««««««««..««.7 Montanhas«««««««««««««««««««««««.««.8 Savana«««««««««««««««««««««««««««8 Florestas Temperadas«««««««««««««««««««««.9 Estepes«««««««««««««««««««««««««««9 Pradarias«««««««««««««««««««««««...««..9 Deserto««««««««««««««««««««««««.««.10 Chaparral«««««««««««««««««««««««..«....11 Bosque Mediterrânico e Bosques Esclerófilos «««««««««««11 Conclusão«««««««««««««««««««««««««..12 Bibliografia««««««««««««««««««««««.««...13

pg. 2
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

INTRODUÇÃO O presente trabalho enquadra-se no contexto do cumprimento do plano temático da disciplina de biogeografia, a seu enfoque é a descrição dos mais variados Biomas terrestres. Faz alusão a distribuição destes biomas, suas características principais (fauna e vegetação), factores diferencias entre os biomas, e fundamentalmente a forma como o clima e outros factores influencia na distribuição geográfica dos biomas. Cada bioma é representado por um tipo de vegetação principal que lhe confere uma característica visual, neste sentido o presente tema se reveste de total importância no seu estudo, visto que os biomas fazem parte das nossas vidas e nos também fazemos parte dos biomas.

pg. 3
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

OBJECTIVOS

Geral: Descrever os principais Biomas terrestres

Específicos: Caracterizar os principais Biomas terrestres; Tipos de biomas terrestres Distribuição dos principais biomas terrestres Factores que influencia na distribuição

Metodologia: Esta obra se resume a uma consulta bibliográfica simples, em termos de principais obras destaco algumas, na sua generalidade serão apresentadas na bibliografia, nas obras consultadas: Dragonomir Knapic, 11º ano escolar, Lisboa. E, Apostila de Biogeografia 3º ano, Professor José H. D. FERREIRA, 2006. E uma consulta na internet que resume em 2 artigos: http://geoprofessora.blogspot.com/2008/04/biomas.html blogue que tem como objectivo socializar praticas de ensino de geografia, e, http://professor.ucg.br/siteDocente/admin/arquivosUpload/3909/material/GRANDES%20BI OMAS%20DO%20MUNDO.pdf, principais biomas da terra.

pg. 4
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

OS GRANDES BIOMAS TERRESTRES BIOMAS são grandes ecossistemas constituídos por comunidades que atingiram o estágio climácico, caracterizados pelo seu clima, flora e fauna. Bioma terrestre é uma comunidade de plantas e animais, com formas de vidas e condições ambientais semelhantes. O bioma da Terra compreende a biosfera. Um bioma pode ter uma ou mais vegetações predominantes. É influenciado pelo macroclima, tipo de solo, condição do substrato e outros factores físicos), não havendo barreiras geográficas; ou seja, independente do continente, há semelhanças das paisagens, apesar de poderem ter diferentes animais e plantas, devido à convergência evolutiva. Os Biomas são grandes ecossistemas constituídos por comunidades que atingiram o estágioclímax. São influenciados por vários factores, tais como a latitude, as temperaturas médias e extremas da região, o relevo, o regime de chuvas e o tipo de solo. Um bioma é composto da comunidade clímax e todas as subclímax associadas ou degradadas. É geralmente identificado pela flora clímax, pela estratificação vertical ou pela adaptação da vegetação. Os biomas terrestres, por suas características mais acentuadas relacionadas ao tipo de vegetação, também são conhecidos como formações fitogeográficas.

A Distribuição geográfica dos Biomas A distribuição dos biomas terrestres e seus tipos de vegetação e fauna estão directamente ligados ao clima, uma vez que são diferentes condições de temperatura, chuva e incidência de luz solar nas várias regiões do planeta que facilitam ou impedem a existência de qualquer tipo de vida. Desse modo, praticamente, a cada tipo climático corresponde um bioma, marcado por uma determinada cobertura vegetal O relevo (altitude), as águas continentais e oceânicas e os solos também influenciam a distribuição dos biomas na superfície da Terra. Os biomas, portanto, não se distribuem aleatoriamente, mas conservam uma certa sequência, tanto no sentido horizontal (latitude) como no sentido vertical (altitude). Geralmente se dá um nome local a um bioma em uma área específica. Por exemplo, um bioma de vegetação rasteira é chamado estepe na Ásia central, savana no sul da África, pampa na América do Sul e campina na América do Norte. A savana é chamada cerrado no Brasil.

pg. 5
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

Os Principais Biomas Terrestre 1. Floresta Tropical Localização e Clima: As florestas tropicais se desenvolvem em baixas altitudes e próximas do equador, entre os trópicos de Câncer (30oN) e Capricórnio (30oS), estando presente em ambos os hemisférios e encontradas principalmente na África, Austrália, Ásia e Américas Central e do Sul. Clima húmido e quente, chuvas abundantes, estações mal definidas, com temperaturas elevadas (21ºC a 32ºC). Condições abióticas favoráveis ao desenvolvimento exuberante (grande biodiversidade).

Características Gerais: A vegetação é exuberante e com árvores de grande porte. Ela é muito densa e rica em espécies. Árvores perenifólias, muitas delas de grande porte; sub-bosque com grande variedade de espécies de arbustos, epífitas e herbáceas. Essas florestas são formadas por árvores que alcançam entre 18 e 46 metros de altura, a copa das grandes árvores se tocam formando uma cobertura sob a qual se encontra as copas formadas pelas árvores menores. Essas copas impedem a penetração dos raios solares, por essa razão o solo da floresta é escuro mesmo durante o dia. A reciclagem da matéria orgânica é muito rápida, forma um -se solo escuro rico em matéria orgânica (húmus). Ocorre estratificação vertical desde o topo das grandes árvores até à vegetação rasteira. A estratificação origina diversos microclimas (diferentes graus de luminosidade e humidade). Há grande diversidade de hábitats, o que permite a existência de fauna rica e variada tanto em vertebrados como em invertebrados. Destacam-se os mamíferos arborícolas (macacos, lémures, preguiças) gorila, chimpanzé, leopardo (África); orangotango. Tigre (Ásia) e aves. Dentre os terrestres citam-se: serpentes, onças, gatos-do-mato, cotias, capivaras, tapires, insectos como: mosquitos, besouros, formigas, grandes mamíferos são raros. Este é o bioma de maior produtividade biológica da Terra.

pg. 6
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

2.

Tundra

Localização e Clima: Situam-se nas regiões próximas ao Pólo Ártico, Suas áreas de ocorrência são as regiões próximas ao oceano Glacial ártico: Alasca, norte do Canadá, Groenlândia, norte da Rússia e da Escandinávia, acima dos 57° Norte. Esse é o bioma mais frio do mundo e é basicamente um deserto gelado, pois apresenta poucas precipitações (neve) durante o ano. Podemos classificá-lo na categoria E dos climas de Köppen. É característica do seu clima possuir apenas duas estações; um inverno longo e frio, com noites contínuas e um verão curto com temperaturas amenas. A estação mais quente dura mais ou menos 60 dias e a temperatura mais alta não ultrapassa 10 ºC. Apesar da quantidade de chuva estar concentrada no verão e ser inferior a 100 mm por ano, este não é um factor limitante para a vida, já que a taxa de evaporação também é baixa. As baixas temperaturas e as curtas épocas de crescimento são os principais factores limitantes da vida nesse bioma. Todo o solo passa o inverno congelado e durante o verão apenas uma fina camada superior, cerca de 15 cm, descongela, e, o subsolo que continua congelado é chamado em inglês de permafrost. Características Gerais: A tundra possui um solo com pouca profundidade e encharcado durante o verão, devido à precipitação, o que possibilita o crescimento da vegetação, que é formada principalmente por gramíneas, musgos, líquenes, plantas lenhosas anãs, plantas rasteiras, pois as árvores não sobrevivem nesse tipo de clima. A fauna é composta na sua maioria de animais migratórios que chegam durante o verão, mas alguns animais são residentes como o caribu, as raposas, as aves predadoras, o urso polar e pequenos mamíferos que constroem túneis no manto da vegetação, como os lemingues (roedores), bois almiscarados, renas, alces, lebres, perdizes da neve, também são vistos nestas áreas.

pg. 7
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

3. Taiga

Localização e Clima: A Taiga é também chamada de Floresta Boreal porque ocorre apenas no hemisfério norte, entre as latitudes de 50ºN e 60ºN. Os invernos são muitos rigorosos, com queda de neve, e os verões são quentes (clima temperado continental ou Dfc e Dfb, na classificação de Köppen). Este bioma recebe menos de 300 mm de chuva por ano distribuída durante todo ano, e como a Tundra, possui duas estações bem distintas com o predomínio do inverno sobre o verão Características Gerais: Taiga é uma floresta homogénea, pois é formada quase só por coníferas (abertos e pinheiros), que possuem folhas aciculares, resistentes e adaptadas a falta de água. A fauna mostra mamíferos característicos como: alces, ursos polares, lobos, raposas, marta, lince, vários tipos de insectos e aves migradoras.

Fig1. Aspecto geral da Taiga

pg. 8
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

4. Montanhas Localização e Clima: Segundo o artigo do site (uol) para a ciência este tipo de Bioma aparece nas grandes cadeias montanhosas, como os Andes, as Montanhas Rochosas, os Alpes e outros. O factor climático que caracteriza esse bioma é a altitude, por isso encontramos neve em altas montanhas, em plena zona tropical, como na parte central da Cordilheira dos Andes. É também um clima muito frio, com temperatura de 10ºC a 15ºC no verão e abaixo de zero no inverno, do tipo alpino (H), na classificação de Köppen. Características Gerais: Em regiões montanhosas ocorre uma grande diversidade de condições físicas, com isso em uma dada montanha podem existir um mosaico biomas subdivididos em muitas zonas. Quando subimos uma área montanhosa, passamos por vários biomas. O mais baixo é a vegetação da região onde a montanha está situada. Por exemplo, nas montanhas Rochosas começamos em um deserto. À medida que a altitude aumenta, vemos sucessivamente a floresta temperada, a floresta de coníferas e os campos alpinos. Conforme a localização da montanha, podemos passar também por campos e estepes. Nas grandes altitudes (acima de 3.000 m) as montanhas não apresentam vegetação. A cobertura vegetal, que alcança de 2.500 a 3.000 m, é composta de plantas orófilas, que formam uma vegetação rasteira ± os campos alpinos, com cerca de 200 espécies que se adaptaram às baixas temperaturas e à seca 5. Savana Localização e Clima: Encontrado na África, na Ásia, na Austrália e nas Américas, embora seja típica do continente Africano. São formações típicas de regiões de clima tropical, com estação chuvosa (curta) e outra seca (tipo Aw, de Köppen). A precipitação varia de 1.000 a 1.500 mm por ano. No entanto, como as chuvas não são distribuídas uniformemente podem ocorrer longos períodos de seca com ocorrência de fogo, que constitui um fenómeno importante deste ambiente, principalmente, na estrutura da vegetação. Características Gerais: A vegetação que predomina nesse bioma é herbácea, geralmente baixa, com algumas árvores como (Embondeiros e acácias) e arbustos espaçados entre si. Savana africana tem fauna com herbívoros de grande porte (girafas, elefantes, rinoceronte, zebra) e grandes carnívoros (leões, leopardos e guepardos), rica avifauna (pássaros, gaviões, avestruz), muitos répteis (lagartos e serpentes), anfíbios e rica fauna de invertebrados (insectos, aracnídeos). As estações são marcadas por abundância de alimentos durante o período chuvoso e escassez de alimento no período seco, sendo que em anos mais secos os animais herbívoros sofrem com extrema fome e mortalidade. Desta forma, muitas espécies, principalmente de aves, não conseguem encontrar recursos suficientes para sobreviver neste bioma durante o ano inteiro e migram para outras áreas durante o período seco.

pg. 9
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

6. Florestas Temperadas Localização e Clima: É um bioma encontrado nas regiões situadas entre os pólos e os trópicos. Recobre as áreas que hoje são as mais povoadas na superfície terrestre ± Europa, China, Japão, leste da América do Norte. No hemisfério sul, pode ser encontrada na Austrália, Nova Zelândia e Chile. Clima temperado, com estações do ano bem definidas, do tipo Cf na classificação de Köppen, Apresenta as quatro estações do ano bem definidas; com precipitação anual entre 750 mm e 1250 mm. Características Gerais: É uma floresta decídua, pois perde suas folhas no inverno. No Outono, as folhas mudam de cor, assumindo um tom avermelhado. É o bioma mais devastado do mundo, pois seu solo fértil foi muito aproveitado para a agricultura. Dentre suas áreas de ocorrência, o maior número de espécies está na América do Norte. As florestas temperadas não são todas iguais. Podem ser encontradas espécies perenes entre as decíduas, bem como flores e tapetes de musgos e cogumelos. Suas principais espécies são o abeto, a fa e o ia carvalho. Na fauna são encontrados: javalis, veados, raposas doninhas, esquilos, vários tipos de pássaros, corujas e várias espécies de insectos. 7. Estepes Localização e Clima: São encontradas principalmente nos EUA, na Mongólia, na Sibéria, no Tibete e na China. Esse bioma é seco, frio, com vegetação rasteira. Geralmente as estepes estão na faixa de transição entre o deserto e a floresta, longe da influência marítima e perto de barreiras montanhosas. Nas estepes os verões são quentes e os invernos muitos frios; em altas latitudes, cai muita neve. Com um pouco mais de chuva, a estepe poderia ser classificada como pradaria; com um pouco menos, como deserto. Corresponde ao tipo BS, de Köppen. Características Gerais: Apresentam gramíneas e poucas plantas herbáceas, embora existam algumas árvores e arbustos dispersos. E em termos Faunísticos realça-se a presença de aves, répteis, tatus, roedores, guaraxaim. Abundantes insectos como os coleópteros besouros e joaninhas. 8. Pradarias Localização e Clima: Este tipo de vegetação herbácea (rasteira) recebe o nome de pradaria, na América do Norte, e pampas, na América do Sul (Brasil e Argentina), onde o clima é mais húmido. As pradarias do hemisfério sul recebem mais chuvas do que as do hemisfério norte. Na América do Norte, ocupam uma área que se estende desde o Canadá (Alberta, Saskatchewan e Manitoba), continuando pelas planícies Centrais dos Estados Unidos, até o Texas, ao sul, e Indiana, a oeste. Características Gerais: Vegetação constituída basicamente por gramíneas. A fauna formado por roedores, lobos, coiotes, raposa, muitas aves (algumas migratórias) e também muitos insectos, e nas pradarias norte-americanas, bisões e marmotas.

pg. 10
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

9. Deserto Localização e Clima: Os desertos cobrem cerca de 1/5 da superfície terrestre, na África destaca-se o Sahara, o maior deserto do mundo, na Austrália, nos Estados Unidos, Chile, Bolívia e Tibete. Os desertos têm em comum o fato de receber poucas e irregulares precipitações, apresentar baixíssimas taxas de humidade relativa do ar, céu com poucas nuvens e evaporação alta. As temperaturas do deserto apresentam grandes amplitudes térmicas, podendo atingir 50ºC durante o dia e cair para -1ºC à noite. Na classificação de Köppen, os desertos têm clima BW, sendo BWh nos desertos quentes Características Gerais: A vegetação é composta de plantas de pequeno porte, muito espalhadas pela extensão arenosa, ela é escassa e adaptada à insuficiência de água. Destacamse os cactos (América) e as palmeiras (África e Ásia), além de gramíneas e arbustos típicos desse bioma. A fauna é composta por roedores, répteis (serpentes e lagartos), insectos e aracnídeos. Os seres vivos do deserto têm marcada adaptação a falta de água. Maioria dos animais com hábitos nocturnos.

Fig. 2 Dunas do deserto

fig.3 vegetação típica

pg. 11
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

10. Chaparral Localização e Clima: Em algumas literaturas é possível encontrar este Bioma pouco falado. Segundo o blogue geoprofessora, o Chaparral ou ³macchie´, como é conhecido na região do mediterrâneo, distribuem-se em regiões com clima temperado ameno, como a Califórnia, México, litoral do mar Mediterrâneo, Chile e Costa Meridional da Austrália. Estas áreas se caracterizam por possuir o inverno chuvoso e o verão seco. Características Gerais: A vegetação consiste desde arbustos até árvores de pequeno e médio porte. Suas folhas são duras, grossas e permanecem sempre verdes. Sendo que, diversas espécies possuem micorrizas, associação íntima entre certos fungos e suas raízes, o que aumenta a chance de sobrevivência em condições adversas. O fogo é um importante factor ecológico, uma vez que, favorece o domínio de gramíneas. Entre os animais presentes no Chaparral estão aves migratórias e o veado (Odocoileus hemionu), além de vertebrados pequenos e de cores apagadas, como coelhos, ratos, lagartos e pássaros que são residentes.

11. Bosque Mediterrânico e Bosques Esclerófilos Localização e Clima: Esse bioma se estende entre 30º e 40º LN ou LS. Ele é chamado assim porque suas características básicas se destacam nas margens da região banhada pelo mar Mediterrâneo, na Europa, África e Ásia. Mas ele aparece em outras partes do mundo, como o oeste dos EUA (Califórnia), o extremo sul da África do Sul, o oeste e o sul da Austrália. O clima desse bioma é marcado por uma estação muito seca e quente: o verão. O inverno é ameno e chuvoso (Cs, segundo Köppen) Características Gerais: Formado por uma vegetação arbustiva ou por bosques de árvores de folhas duras esclerófilas), contém também árvores de pequeno porte (azinheira, sobreiro), arbustos e plantas herbáceas, muitas delas aromáticas (tomilho, alecrim, alfazema). A Fauna é dominada por: Lagartos, coelhos, lebres, linces, raposas.

Glossário: - Orófilas: planta adaptada às grandes altitudes. - Decídua: Ou de folhas caducas; diz-se de planta que perde as folhas em certas épocas do ano (sobretudo no inverno) - Aciculifoliadas: possuem folhas em forma de agulhas, como os pinheiros. Quanto menor a superfície das folhas, menos intensa é a transpiração e maior a retenção de água pela planta. - Esclerófilos: são árvores do género dos eucaliptos

pg. 12
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

CONCLUSÃO O trabalho aqui apresentado vergou por uma exaustiva pesquisa bibliográfica, que forneceu preciosas ilações sobre os biomas terrestres, o facto de grande parte do estudo feito nesta área serem muito baseados no carácter visual, visto que os grandes biomas terrestres tem características bastante visíveis e o facto de o homem localizar-se em quase todas as áreas do globo, fazem do estudo dos biomas uma componente importante na abordagem cientifica da natureza, referir que facto interessante é verificar que a distribuição dos grandes biomas esta intimamente ligada com o clima que associado a outros factores e pelas diferenças e semelhanças na sua distribuição conferem essa imponente e espantosa diversificação dos ecossistemas na terra.

pg. 13
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

BIBLIOGRAFIA

Professor FERREIRA, José H. D., Apostila de Biogeografia 3º ano, 2006. http://geoprofessora.blogspot.com/2008/04/biomas.html blogue que tem como objectivo socializar praticas de ensino de geografia http://professor.ucg.br/siteDocente/admin/arquivosUpload/3909/material/GRANDES %20BIOMAS%20DO%20MUNDO.pdf Grandes Biomas do Mundo Dragonomir Knapic, 11º ano escolar, Lisboa http://ciencia.hsw.uol.com.br/biomas2.htm artigo de ciências da uol

pg. 14
Os Biomas Terrestres, Gil 2011

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->