UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ GEOGRAFIA – PROSEL/ PRISE – 1ª ETAPA EIXO TEMÁTICO I – MUNDO 1. ESPAÇO MUNDIAL 1.

COMPETÊNCIAS Entender a reestruturação do espaço mundial a partir da lógica de funcionamento dos modos de produção e suas especificidades em realidades geográficas diferenciadas. 1. 2. 3. 4. 5. 6. HABILIDADES Utilizar os conceitos de paisagem, espaço geográfico, território, região, lugar, fronteira, 1. organização espacial e DIT para entender a reordenação do espaço mundial. Explicar o espaço geográfico como resultado das relações históricas entre sociedade e natureza. Compreender o papel dos modos de produção no atual período técnico-científico informacional e caracterizar as atuais estratégias de desenvolvimento. Explicar as especificidades das experiências socialistas em curso e sua contextualização face à reordenação do mundo contemporâneo. Utilizar linguagem cartográfica para obter informações e representar a reordenação do espaço mundial no período contemporâneo. Interpretar, analisar e relacionar informações sobre a reordenação do espaço mundial no período contemporâneo a partir de recursos como imagens, músicas, textos e documentos, dentre outros. CONTEÚDOS A reestruturação do espaço mundial:modos de produção, suas especificidades e repercussões na organização espacial.

2.

Entender como o espaço 7. agrário vem sendo produzido e 8. organizado em realidades 9. geográficas distintas. 10. 11. 12. 13.

Entender e aplicar a noção de espaço agrário. 2. Caracterizar a dinâmica de produção e as formas de apropriação do espaço agrário sob o modo de produção capitalista e a sua relação com outras formas de produção agrícola. Estabelecer diferenças entre o espaço agrário dos países economicamente desenvolvidos e subdesenvolvidos. Identificar e explicar os principais problemas fundiários e ambientais verificados em realidades geográficas com diferentes níveis de desenvolvimento e modernização técnico-científica. Explicar as implicações do processo de modernização técnico-científica sobre a dinâmica produtiva do campo e suas repercussões sócio-espaciais. Utilizar linguagem cartográfica para representar e obter informações sobre o espaço agrário no atual período técnico-científico informacional. Interpretar, analisar e relacionar informações sobre o espaço agrário mundial a partir de recursos como imagens, músicas, textos e documentos, dentre outros.

O espaço agrário: dinâmica da produção, formas de apropriação e suas repercussões sócio-espaciais.

A apropriação da natureza pelas sociedades contemporâneas e as implicações na produção do espaço geográfico. . Interpretar. textos e documentos. Identificar e analisar os principais impactos e problemas ambientais que vêm sendo verificados nos espaços urbano-industriais. músicas. da mundialização da 25. 4. a padrão tecnológico existente partir de recursos como imagens. ambientais e geopolíticas ocasionadas decorrentes do modelo de pela mesma. textos e documentos. 4. ecorregiões e recursos naturais no entendimento do processo de produção do espaço geográfico das sociedades contemporâneas. espaço urbano-industrial. Explicar e exemplificar a relação de interdependência que existe entre campo e cidade analisandoa sob a ótica da Divisão Territorial do Trabalho. e influências sobre a dinâmica 16. mobilidade e desigualdades sociais). 18. analisar e relacionar informações sobre a natureza e a apropriação da mesma. 3. 20. desenvolvimento e de 24. 17. Entender que a apropriação da 21. Analisar as implicações do desenvolvimento urbano-industrial sobre a dinâmica populacional populacional. Utilizar e interpretar a linguagem cartográfica para obter informações e representar a economia. Natureza pelas sociedades contemporâneas tem sido 22. Utilizar linguagem cartográfica para representar e obter informações sobre o espaço urbano mundial. Analisar a geopolítica dos recursos naturais renováveis e não renováveis. dentre outros. (crescimento. 19. da forma de caracterização. sua interrelação com o espaço rural 15.3. Entender a estruturação do 14. Analisar a distribuição da população pelo espaço urbano a partir da posição que cada grupo ou classe social ocupa no processo produtivo e de consumo. consumo. no mundo atual. distribuição de riquezas e do 26. a dinâmica e a apropriação da natureza. Identificar e aplicar a noção de biomas. O espaço urbanoindustrial e a relação campo-cidade. músicas. dentre outros. analisando as conseqüências econômicas. Identificar e analisar a importância dos movimentos e das conferências mundiais sobre o meio impactos ambientais ambiente. analisar e relacionar informações sobre o espaço urbano mundial a partir de recursos como imagens. Explicar porque a interferência humana realizada de forma descontrolada e predatória tem gerado marcada pela geração de fortes impactos ambientais nos principais biomas e ecorregiões. Interpretar. 23. Caracterizar o espaço urbano-industrial e sua dinâmica produtiva no atual período técnico-científico informacional.

região e fronteira no entendimento do processo 1. periféricas e por isto mesmo 11. analisar e relacionar informações sobre regionalização do espaço mundial a partir de recursos como imagens. 5.Exemplificar e caracterizar regiões periféricas “excluídas” das principais vantagens decorrentes manter regiões consideradas dos acordos relacionados aos blocos regionais. dentre outros. textos e documentos.Identificar o papel das organizações internacionais no atual processo de globalização: globalização e o papel das (ONU. dentre outros. organizações internacionais 8. Globalização e fragmentação “desintegradora” do espaço: as regiões “excluída” ou precariamente inseridas à nova ordem mundial.Aplicar a noção de fragmentação de espaço. política mundial. O ESPAÇO REGIONAL COMPETÊNCIAS 1.FMI).: África subsaariana. político e econômico no acordos e vantagens espaço americano e mundial. de diferenciação do espaço geográfico. 2. políticas. nesse processo bem como.Compreender os movimentos de resistência no atual processo de globalização. Utilizar linguagem cartográfica para obter informações e representar a regionalização atual do espaço mundial.Utilizar a linguagem cartográfica para obter informações e representar a fragmentação organização econômica e “desintegradora” do espaço geográfico mundial. músicas.UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ GEOGRAFIA – PROSEL/ PRISE – 2ª ETAPA EIXO TEMÁTICO: II – REGIÃO 1. textos e documentos. regionalização em curso do espaço geográfico mundial e a 3.Aplicar a noção de globalização no entendimento do atual espaço geográfico mundial e regional. Explicar como se deu a mudança da ordenação bipolar do espaço mundial para a atual ordenação multipolar. fragmentações e tem contribuído para fazer surgir e 10. Relacionar o processo de regionalização em curso do espaço geográfico mundial à consolidação da ordem mundial. Interpretar. analisar e relacionar informações sobre o processo de fragmentação atual do espaço geográfico mundial a partir de recursos como imagens.Introdução ao mundo globalizado. 7. 2. decorrentes da nova 13. Entender as relações existentes entre a nova 2. sociais e culturais que alteram a dinâmica espacial das diferentes regiões do mundo Compreender que o processo contemporâneo.Explicar e exemplificar como a globalização tem gerado transformações econômicas. América central e Ásia central. Entender a noção de 6. músicas. CONTEÚDOS A regionalização do espaço mundial: da bipolarização a multipolarização. relacionando-o ao processo de globalização e de contraditoriamente gera regionalização. . “excluídas” dos principais 12Analisar o papel desempenhado pelo narcotráfico no contexto sócio. 4. HABILIDADES Aplicar as noções de divisão territorial do trabalho. de globalização 9. 1. reordenação ocorrida na economia-mundo. Interpretar.OMC.

identificando a Européia. NAFTA. analisar e relacionar informações sobre os conflitos geopolíticos atual do espaço geográfico mundial a partir de recursos como imagens . União Européia. Explicar a importância do MERCOSUL c o m o v e t o r d e i n t e g r a ç ã o r e g i o n a l . 23. 18. cultura e etnia na interpretação dos conflitos geopolíticos e étnicos mundiais. dentre outros. Interpretar. Analisar o papel do NAFTA. músicas. ALCA. Bacia do Pacífico e suas repercussões na blocos regionais: organização do espaço geográfico regional e mundial. Analisar e exemplificar o papel dos principais conflitos geopolíticos e étnico-culturais nos processos de reconfiguração espaços-territoriais verificados no mundo contemporâneo. APEC. 17. Interpretar. bem como identificar as 3. fronteira. 19. Utilizar a linguagem cartográfica para obter informações e representar a geografia dos blocos regionais. caracterizando-as e MERCOSUL. 14. Bacia do importância do mesmo na organização do espaço brasileiro. 20.Os conflitos geopolíticos e étnico-culturais e suas configurações territoriais no mundo contemporâne o. analisar e relacionar informações sobre a geografia dos mega-blocos regionais a partir de recursos como imagens. músicas. sua formação e repercussão na dinâmica econômica mundial-regional. textos e documentos. União 16. dentre outros. Explicar as perspectivas de implantação da ALCA e da APEC. 24. Relacionar as noções de território. Analisar o perfil dos países formadores do BRIC. .Formação e diferenças sócio-econômicas existentes no interior dos blocos regionais e entre eles perspectivas dos 15. Exemplificar mudanças espaços-territoriais mundiais resultantes de conflitos geopolíticos étnicoculturais recentes. textos e documentos. 4. identificando suas possíveis repercussões na regionalização do espaço geográfico mundial. Pacífico.3-Compreender a geografia dos megablocos regionais. 4-Compreender o papel dos conflitos geopolíticos e étnicoculturais nos processos de configuração do espaço mundial 21. latino-americano e mundial. 22. Contextualizar o processo de formação dos blocos regionais.

Utilizar linguagem cartográfica para obter informações e representar a formação histórica do território brasileiro. Explicar o processo de (re) organização do espaço da circulação como resultado das produtivas do espaço geográfico transformações do espaço da produção.Explicar a organização espacial brasileira a partir do processo de desenvolvimento desigual e combinado.Explicar o papel do Estado no processo de reestruturação do espaço brasileiro a partir das políticas de integração do território nacional pós – 1950.Compreender a formação do espaço indígena antes da apropriação capitalista como uma espacial brasileira a partir daexpressão de seu universo cultural e de seu processo de territorialização. a partir de recursos como imagens. Explicar as implicações do avanço técnico-científico informacional na atual organização espacial brasileira e suas repercussões sócio-econômicas. analisar e relacionar informações sobre a organização do território. 2. analisar e relacionar informações sobre a formação histórica do território brasileiro. brasileiro. 10. 5. 6. 3.UNIVERSIDADE DO ESTADO DO PARÁ GEOGRAFIA– PROSEL/ PRISE – 3ª ETAPA EIXO TEMÁTICO III: A REGIÃO E O LUGAR 1 – O ESPAÇO REGIONAL E O ESPAÇO LOCAL COMPETÊNCIAS HABILIDADES 1. 12.Interpretar. relacionando-as à reorganização dos espaços regionais e locais. 11. músicas. analisando-o sob a ótica da DIT no período colonial. 1. Compreender os fatores que 7. Utilizar linguagem cartográfica para obter informações e representar a organização espacial brasileira face à sua inserção regional latino-americana e mundial. diferenciado de apropriação do território. relacionando-o a reconfiguração dos espaços brasileiro. textos e documentos. textos e documentos. Compreender a diferenciação 1. Analisar a dinâmica interna da população (crescimento. 2. O papel da industrialização na (re)estruturação do espaço brasileiro. 13.Compreender a diversidade socioeconômica brasileira como resultado do processo território. formação histórica do seu 2. Interpretar. . mobilidade e desigualdade sociais) e seu papel no contexto de urbanização-industrialização do espaço brasileiro e na abertura de novas frentes capitalistas de ocupação do território. 4. músicas. dentre outros. dentre outros. 9. transformações técnico8. Analisar as reorganizações efetivadas no espaço geográfico brasileiro decorrentes do produziram e produzem asprocesso de industrialização. a partir de recursos como imagens. CONTEÚDOS A formação histórica do território brasileiro: o processo diferenciado de organização espacial. regionais e locais. Analisar as políticas energéticas implantadas no Brasil e suas repercussões sócioespaciais.

contribuindo para a reorganização dos espaços locais. Analisar o processo de (re) direcionamento do modelo econômico capitalista pós – 1990 e suas repercussões nas configurações espaciais intra e interregionais. 15. analisar e relacionar informações sobre a organização espacial das regiões geoeconômicas brasileiras. dentre outros. 29. políticos. Analisar a dinâmica populacional de cada uma das regiões geoeconômicas e suas implicações na organização do espaço rural e urbano. 27. Relacionar as diversas formas de regionalização com as alterações efetuadas na 3. Explicar e exemplificar estratégias estatais e políticas territoriais voltadas para a reordenação de espaços locais no Pará. decorrentes do desenvolvimento histórico do país. 25. 19. textos e documentos. a partir de recursos como imagens. Interpretar. músicas. Interpretar. 18. 20. Identificar e analisar as principais conseqüências espaciais do processo de inserção do espaço paraense face à reestruturação recente da Amazônia. Utilizar linguagem cartográfica para obter informações e representar a organização das regiões geoeconômicas brasileiras. de planejamento e geoeconômicos. Os diferentes modelos de regionalização do espaço brasileiro. dentre outros. configuração do espaço brasileiro. A (re)configuração do espaço paraense face à reestruturação recente da Amazônia a partir da sua integração à escala nacional e global pós1960. 17. 26. 24. . Entender o papel de cada região Geoeconômica (Amazônia. Identificar e explicar os diversos critérios utilizados nas regionalizações do espaço brasileiro: . 5. Nordeste. 5. 4. Explicar as transformações ocorridas nas regiões geoeconômicas analisando-as sob a ótica da Divisão Territorial do Trabalho. CentroSul) na Divisão Territorial do Trabalho e as respectivas organizações espaciais internas. textos e documentos. Analisar o processo de apropriação da natureza decorrente da produção econômica de cada região e as repercussões sócio-espaciais causadas pelo modelo de desenvolvimento imposto.3. Compreender o papell desempenhado pelas diversas divisões regionais no processo de organização e/ou controle espacial 4. Analisar a utilização das políticas regionais como forma de organização e/ou controle territorial implementado sobre o espaço nacional. 16. Utilizar linguagem cartográfica para obter informações e representar as implicações locais do processo de ocupação recente do espaço paraense e as repercussões locais decorrentes da implementação de políticas territoriais no Estado do Pará. Compreender como as políticas públicas e os projetos econômicos e de infra-estrutura geram novas formas de produção e de circulação no Estado do Pará. A configuração das regiões geoeconômicas: integração e (re)organização dos espaços regionais. 14. morfoclimáticos. músicas. 21. 30. 23. analisar e relacionar informações sobre o processo recente de ocupação do espaço paraense as repercussões locais das políticas territoriais no Pará. 22. Explicar a inserção dos espaços locais do Pará face ao processo de ocupação recente pós 1960. 28. Utilizar linguagem cartográfica para obter informações e representar a organização das regiões brasileiras. Explicar a organização do espaço rural e urbano bem como o papel dos diversos atores sociais envolvidos nos problemas agrários e urbanos dessas regiões. Explicar o processo de reordenamento territorial responsável pela criação de novas unidades político-administrativas no espaço paraense. do IBGE. a partir de recursos como imagens.

Analisar a dinâmica interna. 39. Populações tradicionais. Interpretar. 6. Caracterizar as especificidades locais dos espaços rural e urbano no Estado do Pará. 40. 33. dentre outros. analisar e relacionar informações sobre a organização e a dinâmica do espaço rural e urbano no Pará. Utilizar linguagem cartográfica para obter informações e representar as espacialidades e as territorialidades dos atores sociais em diferentes realidades locais do espaço paraense. a partir de recursos como imagens. Interpretar. 34. 36. músicas.6. textos e documentos. textos e documentos. gerando territorialidades diversificadas 31. Explicar e exemplificar conflitos de territorialidades verificados em diferentes realidades locais do espaço paraense. 7. analisar e relacionar informações sobre as espacialidades e as territorialidades dos atores sociais em diferentes realidades locais do espaço paraense a partir de recursos como imagens. 37. novos atores sociais e diferentes territorialidades na reordenação dos espaços locais paraenses. 7. Entender a reorganização do espaço agrário e urbano do Estado do Pará face ao processo de ocupação recente da região amazônica. entre outros. músicas. 38. 35. os problemas sócio-ambientais e a importância das cidades para a dinâmica das realidades locais do espaço paraense. A organização do espaço rural e urbano no Estado do Pará. . Caracterizar e analisar o papel dos novos atores sociais e as suas respectivas territorialidades face ao processo recente de produção do espaço geográfico paraense. Utilizar linguagem cartográfica para obter informações e representar a organização e a dinâmica do espaço rural e urbano no Pará. Identificar e explicar os conflitos de territorialidades verificados em diferentes realidades locais do espaço agrário paraense. Caracterizar e analisar o papel das populações tradicionais no processo de produção do espaço geográfico paraense e a dinâmica de desterritorialização e reterritorialização dessas populações. Compreender como diferentes atores sociais contribuem para a produção de diferentes espaços geográficos locais no Estado do Pará. 32.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful