P. 1
pesquisa esmalte

pesquisa esmalte

|Views: 932|Likes:
Publicado pordark_angel2

More info:

Published by: dark_angel2 on Aug 21, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/18/2013

pdf

text

original

ESMALTE DE UNHA- COMPOSIÇÃO

(imagem: http://2.bp.blogspot.com) ALÔ PESSOAL!!!!!!!! Menininhas, mocinhas e todas que a-d-o-r-a-m suas unhinhas pintadinhas das mais diferentes cores!!!!!!! Voces já se perguntaram porque o esmalte não escorre da unha e fica pingando? Como fixa e seca? Por que sai em lascas? Mas o XQUIMICA está aqui para resolver suas dúvidas!!!!!!!! Saiu na SUPER de agosto /2010: No esmalte tem PMMA- polimetilacrilato- plástico que é usado como preenchedor labial e no esmalte tem a função de ligar os ingredientes: por conta disso ele não escorre! Tem esteralcônio de hectorita - usado em baterias de celular e laptops.É um minério de onde é extraído o litio. Triturado é usado em forma de pó no esmalte e vira um espécie de cola. Em contato com a temperatura da mão (cerca de 35°C) ele provoca e evaporação dos solventes usados como a acetona: é assim que o esmalte se fixa na unha! Nitrocelulose que é usado como detonador de explosivos, mas na unha forma um filme plástico e maleável . Copolímero de etileno- o mesmo componente do seu chinelo praiano( nesse caso o copolímero entra para enrijecer o solado.)No esmalte garante que o filme formado não vá sair se despedaçando por aí...Por isso o esmalte sai em lascas! Poliuretano o mesmo plástico que substitui o látex nos preservativos especiais para alérgicos. A missão ,no esmalte, é integrar os pigmentos para que não formem um grude insolúvel no fundo do vidrinho!!!!!!!! VAI ME DIZER QUE NÃO CURTIU!!!!!!!não é sempre que voce tem a oportunidade de decifrar a química do dia a dia! No caso , esmalte do dia a dia... BOA SEMANA A TODOS!

3 ml. De água (3). De corante (8). De água com cmc (4). caracterizada por ser constituída por utilizar uma formulação básica (2) em base a água (3). De água com cmc (4). lugares onde levamos as mãos com freqüência. Pode-se dizer que 10% da população possui alergia ao esmalte.blogspot. De betonita (10). De frita (6). 2 ml. todos combinados em diversas proporções. De água (3) e 06 gotas de tripolifosfato de sódio (5). 87 gr. 03 gotas de tripolifosfato de sódio (5) e 01 gota de óleo mineral branco (7). 03 gotas de tripolifosfato de sódio (5) e 01 gota de óleo mineral branco (7). O principal causador de reações alérgicas é o .esne /1 Avaliar vote com_content 272 Melhor Parte inferior do formulário Saúde .html Composição quimica para fabricação de esmalte para unhas "Composição química para fabricação de esmalte para unhas".5 gr. De água (3). http://www. sendo que a primeira versão utiliza 10 gr. 9. De corante (8). (1). 3 ml. De água (3). a terceira versão utiliza 5.http://xquimica.Mulher Escrito por Ginevaldo Araújo Sex. De transparente mtp-621 (9). 3 ml. água combinada com cmc (4) e tripolifosfato de sódio (5). De água com cmc (4).html Saiba tudo sobre alergias e esmaltes de unha Parte superior do formulário Avaliação do Usuário: Pior http://w w w . com vermelhidão e coceira.patentesonline.com/2010/08/esmalte-de-unha-composicao. O que poucas pessoas sabem é que os esmaltes de unha são uma causa freqüente de alergia de pele e que o local mais freqüente são as pálpebras superiores que se tornam vermelhas com descamação.com. mas auxiliam no fortalecimento e protege as unhas das agressões diárias. 2 ml.br/composicao-quimica-para-fabricacao-deesmalte-para-unhas-68525. De água com cmc (4). 3 ml. De transparente mtp-621 (9). A alergia ao esmalte causa lesões ao redor dos olhos e pescoço.5 gr. 03 gotas de tripolífosfato de sódio (5) e 01 gota de óleo mineral branco (7) e a quarta e última versão utiliza 3 gr. 3 ml. 9. os quais e mediante a adição de outros elementos permitem criar até quatro versões de esmalte para unhas. A presente patente de invenção diz respeito a composição química para fabricação de esmalte para unhas. 11 de Setembro de 2009 12:51 Os esmaltes são utilizados não apenas esteticamente. De ryg 855 (11). a segunda versão utiliza 5 gr. 2 ml.5 gr.

ela tem os mesmos produtos que o esmalte. A pessoa alérgica não pode mais usar esmaltes que não seja hipoalérgico. O formaldeído está presente na resina do esmalte. quando aparece vermelhidão e até bolhas no local de determinada substância (isto quer dizer que a pessoa é alérgica a esta substância) Existe tratamento ou remédio para quem tem alergia a esmaltes? O tratamento é o mesmo para qualquer alergia.nas pálpebras.o formaldeído e o tolueno são substituídos por outra resina. sulfonamida. Canadá e nos países do oeste europeu.pescoço e colo e às vezes na palma das mãos. A função da resina é dar a aderência e a durabilidade ao produto.formaldeído e o tolueno presentes na composição dos esmaltes. Qual cuidado preciso ter quando for à manicure? Se for alérgica a esmaltes. Usei um esmalte antialérgico e continuei tendo alergia. O teste dá positivo. A segunda avaliação é após 96 horas. vermelhidão e coceira no pescoço. é alergia a esmalte? Provavelmente. fico com os olhos inchados. As substâncias são coladas à pele das costas com adesivo hipoalérgico. entre elas temos o formaldeído e as resinas). Quais são os sintomas da alergia a esmaltes? Inchaço nos olhos (pálpebras). Como é realizado o teste? O teste tem uma bateria de substâncias padronizadas (no Brasil são 35. O tolueno é um solvente (barato) da fórmula tradicional de esmaltes. para aumentar a aderência do esmalte. Como posso saber se sou alérgica somente ao tolueno ou também a outras substancias do esmalte? O diagnóstico é feito pelo teste de contato feito no alergista. Quando faço a unha. Após 48 horas é retirado e é feita a primeira avaliação (observa-se se em algum local ocorreu à reação alérgica e a qual substância esta reação corresponde). Temos que lembrar que a alergia pode não ser do tolueno ou do formaldeído e sim da mica. formaldeído) é maior. se deve usar sempre base e esmaltes hipoalergênicos.sendo que a quantidade de resina (tolueno. . Até o momento o formaldeído só está proibido nos Estados Unidos. a alergia (dermatite de contato) a esmaltes aparece como placas vermelhas com descamação. A base incolor aplicada antes do esmalte dá alergia? Sim. rosto e mãos.Você pode ser alérgica a esta nova resina. é normal? No esmalte antialérgico ou hipoalergênico.ou a algum outro componente do esmalte. que é um pigmento utilizado nos esmaltes cintilantes e perolados.

C. Apenas depois da Primeira Guerra Mundial ele começou a ser oferecido comercialmente como um produto para a limpeza dos cabelos. ungüentos (medicamento cuja base é gordura) feitos de cinza de ouriço. um breve histórico das origens dos salões de beleza. clara de ovo. Os olhos eram maquiados com kajal. Conforme Revista Galileu. sob orientação das professoras Vânia Senna e Rafaela Jorge. como se pode ver nas gravuras e nas estátuas. Apresenta-se a seguir.http://www. na antiga Grécia. estes tinham uma grande quantidade de chumbo em sua composição e chegaram a causar várias mortes prematuras. No Egito antigo. sua côr era extraída do cinabre (sulfeto de mercúrio). apareceu em 1927. um mineral vermelho. sangue de morcego. Embora fosse feito com amoras e algas marinhas. polir e branquear a testa. foi feita em 1909 pelo químico francês Eugène Schueller. apresentado como requisito parcial de avaliação de curso Técnico em Meio Ambiente. Constata-se que desde o inicio o meio ambiente já sofria algum tipo de agressão.br/saude/mulher/272-unha aspectos e impactos ambientais gerados em salões de embelezamento Trabalho de conclusão de curso. no século III a. mercúrio e baba de lesma para depilar. Os reis pintavam as unhas com as cores preta e vermelha.esnews. Baseando sua fórmula num novo componente químico. Quando se chega à idade média as mulheres e alguns homens começam a ostentar uma testa grande e cabelos louros.C. onde era mais facilmente ingerido e também causava envenenamento.com. substâncias naturais. oferecido pelo Colégio Barbosa Ferraz. Outra prática comum foi a pintura de unhas que nasceu na China. Esta prática foi usada até o surgimento das primeiras tinturas para coloração dos cabelos que ocorre por volta de 1909 anos que surge a primeira tentativa bem sucedida de desenvolver uma tintura de cabelo. O primeiro tipo de detergente que se tornaria o atual xampu foi produzido na Alemanha em 1890. Schueller escolheu um nome mais glamuroso para sua empresa: L'Oréal. a paraphenylenediamine.INTRODUÇÃO Tudo tem um começo. Os primeiros eram feitos de goma arábica. como batom. Imedia. A primeira tentativa bem-sucedida de desenvolver uma tinta para cabelos. uma vez que os materiais eram retirados do mesmo. O mesmo rouge era usado nos lábios. e de cocção de lagartos verdes no óleo de noz e enxofre para clarear as madeixas. Sua tintura mais famosa. isso não seria diferente com a beleza. As cores do esmalte indicavam a classe social do indivíduo. a tradição se repetiu. Os pós faciais. aluna: Carla Rosâna Maia Belmont Rapozo Giglio 1. gelatina e cera de abelha. ele fundou a Fábrica de Tinturas para Cabelos Inofensiva. Percebe-se que o ser humano em nome da beleza já produziu uma grande quantidade de . cal viva.0 .C quando a rainha Nefertiti se casou com o faraó Amenófis IV. asas de abelha. a mulher egípcia se lavava toda manhã com água e carbonato de cal e esfregava o corpo com uma pasta de argila retirada do lodo do rio Nilo para manter a pele jovem. Em 1372 a. Um ano depois. O rouge era um pouco mais seguro. A mulher da Idade Média usava ingredientes como sulfureto de arsênico. que surgiram em 4 000 a. para que se tenha uma noção de a quanto tempo o ser humano vem produzindo resíduos sólidos em nome da beleza. depois substituídas pelo dourado e pelo prateado.

reciclar. armazenamento. Sabe-se que o plástico demora mais de 100 anos para se decompor e que causa sérios danos ao meio ambiente como diz Mauricio Waldman Dan sobre a embalagem plástica: . que são retirados das ruas e logradouros pela operação de varrição e enviados para os locais de destinação ou tratamento. Os metais fazem parte da composição das tinturas. etc. Quando identificados. entre eles: Embalagens plásticas e metálicas.se sob estado sólido. galhos. os problemas podem ser minimizados através de sistemático controle de qualidade e programas de educação sanitária. Normalmente. reutilizar e reduzir a produção de resíduos. 2.resíduos sólidos. São vários os resíduos sólidos gerados por um salão de beleza. semi-sólido ou semi-líquido. xampus. uma vez que novos produtos são criados em todas as partes do mundo. os perigos de contaminação pelo mal uso e mal acondicionamento dos resíduos. afetando a saúde humana. Produtos estes que agora passa a usar metais pesados tanto na fabricação como na composição das tinturas. pois são utilizados na produção de pigmentos Este ensaio visa determinar a quantidade de metais pesados (arsênio. indesejáveis ou descartáveis. cabelo. Também pode ser definido como: Restos das atividades humanas. Pretende-se então apresentar os mais prejudiciais e comuns. como folhas. considerados pelos geradores como inúteis. porém é só no século XX que esta agressão começa a tomar proporções mundiais. Exames microscópicos e microbiológicos refletem as condições higiênicas que envolvem a produção. cádmio e chumbo) encontrados nas amostras de tinturas capilares. resíduos estes que afetam o meio ambiente.0 – CARACTERIZAÇÃO DOS RESIDUOS SOLIDOS GERADOS POR UM SALÃO DE EMBELEZAMENTO. terra. Problemas estes que serão apresentados a seguir. Uma vez visto o significado de resíduo sólido. Resíduos sólidos são definidos como o conjunto dos produtos não aproveitados das atividades humanas (domésticas. tinturas de cabelo. areia. minimizar impactos. industriais. Percebe-se com este breve histórico das origens dos salões de beleza. algodão. xampus e outros.0 – OBJETIVO O presente trabalho apresenta uma reflexão sobre os impactos ambientais provocados pelos salões de embelezamento encontrados em todo o mundo. lixas de unhas. Começando-se pelas embalagens. que em nome da beleza as pessoas tem se esquecido do meio ambiente em que vivem e de si próprias. dos esmaltes. tanto nas pessoas quanto no meio ambiente . Neide Campos / Ambiente Brasil comenta sobre as tinturas de cabelo: As tinturas são passíveis de contaminação que podem levar ao desenvolvimento de doenças desencadeadas por microorganismos patogênicos ou suas toxinas. 3. basta entrar em um salão de beleza e já verifica-se uma quantidade enorme de embalagens vazias e mal acondicionadas. de serviços de saúde) ou aqueles gerados pela natureza. apresentam. passaremos a destacar os mais produzidos nos salões de embelezamento. transporte e manuseio para elucidar a ocorrência de enfermidades transmitidas por tinturas capilares e outros tipos de cosméticos. comerciais. bem como na maioria das vezes sendo jogadas no meio ambiente sem cuidado algum. vem poluindo com resíduos sólidos este meio e trazendo problemas sérios. e durante muitos anos.

O consumo habitual de água e alimentos . a produção do plástico é ambientalmente nociva. Para produzir uma tonelada de plástico são necessários 1. química ou biológica que produza modificação no ciclo biológico normal. uma das mais sérias. Define-se como poluição qualquer alteração física.5 quilos por ano. substância não renovável. Entre eles os que se destacam são o Cádmio. Apesar de antiga a invenção veio explodir no Brasil a partir da década de 80.9 quilos.contaminados com metais pesados coloca em risco a saúde. além disso. A poluição aquática. Há dez anos era de apenas 11. feita de uma resina chamada polietileno de baixa densidade (PEBD) e sua degradação no ambiente pode levar séculos. químicas e biológicas das águas. Nota-se que os impactos ambientais provocados pelas tinturas de cabelo são vários e entre eles esta o impacto no solo como afirma o site Ajuda Brasil: O acúmulo de metais pesados altera a química e biologia dos solos e afeta a saúde de plantas e animais. as quais interferem na sua qualidade. Quando absorvidos pelo ser humano. pois são utilizados na produção de pigmentos. Outros resíduos são jogados no meio ambiente também através das tinturas de cabelo utilizadas. ou seja. Os metais pesados fazem parte da composição das tinturas. No Brasil aproximadamente 9. Os metais entram na alimentação humana por meio do consumo de carne. na água e no ar. Em relação aos perigos destes metais pesados e de como eles afetam o meio ambiente o site Centro Vegetariano afirma: O perigo está no solo.A ingestão de animais significa um risco acrescido de contaminação. em primeiro lugar a embalagem plástica é um derivado do petróleo. Dan ainda fala sobre o porquê as embalagens plásticas são prejudiciais ao meio ambiente: Bem. crômio e o chumbo. leite e peixes.Sua invenção data de 1862 e foi uma revolução para o comércio por sua praticidade e por ser barata. sem contar a água utilizada no processo e os dejetos resultantes. E que o lixo brasileiro contém de 5 a 10% de plásticos. impossibilitando . contribuindo para a filosofia do "tudo descartável". Outros dados alarmantes sobre as embalagens plásticas são a de que atualmente o consumo per capita de plástico está em 22. os metais pesados (elementos de elevado peso molecular) depositam-se no tecido ósseo e gorduroso e deslocam minerais nobres dos ossos e músculos para a circulação. interferindo na composição da fauna e da flora do meio. provoca mudanças nas características físicas. bem como várias outras coisas que antes utilizávamos sem nenhum peso na consciência. seu tataraneto pode no futuro se deparar as embalagens que você jogou fora hoje. Mas agora sabemos (e os Europeus já sabem há um bom tempo) que elas são um dos grandes vilões do meio ambiente e apenas agora nos demos conta disto. visto que a probabilidade destes terem acumulado produtos nocivos ao longo da sua vida é bem maior do que a de encontrar produtos vegetais nas mesmas condições.7% de todo o lixo é composto embalagens plásticas.140 kw/hora (esta energia daria para manter aproximadamente 7600 residências iluminadas com lâmpadas econômicas por 1 hora).como peixes de água doce ou do mar .Esse processo provoca doenças. E Mauricio W. causando sérios problemas à saúde.

Com isso. muitas vezes de origem comprovada (matas legais). Os metais pesados presentes nos efluentes industriais reduzem a capacidade auto depurativa das águas. invalidez total e irreversível. entra com facilidade na cadeia alimentar. Mesmo sendo de madeira. Provoca perda de olfato. comer e ouvir. em toda a cadeia alimentar (trófica). Provoca perda de coordenação dos movimentos. mais comuns encontrados nas tinturas de cabelo apresenta-se o quadro a seguir: Metal Chumbo Crómio Cádmio Efeito na saúde Provoca alterações no sangue e na urina. ocasionando doenças graves e em alguns casos. As principais alterações são no desenvolvimento cerebral das crianças. representando um perigo para o homem que se alimenta de peixes ou aves dessas áreas. a água e o ar e desta forma contamina os organismos vivos. Analogamente ao mercúrio afeta o sistema nervoso e os rins. a água e o lençol freático. podendo provocar o idiotismo. Efeito no meio ambiente Polui o solo. ocorre um aumento na demanda bioquímica de oxigênio (DBO). musculaturas. câncer pulmonar e irritação no trato respiratório. Apesar de menos agressivo na água do que no ar. redução na produção de glóbulos vermelhos e remoção de cálcio dos ossos. Sobre os impactos ao meio ambiente provocado pelos metais pesados. efluentes contendo esses metais não devem ser descartados na rede pública. a quantidade usada é muito grande. Provoca alterações renais e neurológicas. provoca estado de agitação. É bioacumulativo em toda a cadeia alimentar (trófica). perda da capacidade intelectual e anemia. formação de um anel amarelo no colo dos dentes. depositado nos ossos. Ocasiona problemas respiratórios. . Esses microorganismos são os responsáveis pela recuperação das águas. através da decomposição dos materiais orgânicos que nelas são lançados. Outro resíduo produzido pelos salões de embelezamento são os conhecidos “paus de laranjeira”. devido a seu efeito bioacumulativo. utilizados para acabamento das unhas pintadas. urogenital e endócrino. Afeta o sistema nervoso central. provocando intoxicação nos seres humanos quando ingerirem peixes contaminados com cádmio. Alguns metais pesados são substâncias altamente tóxicas e não são compatíveis com a maioria dos tratamentos biológicos de efluentes existentes. para tratamento em conjunto com o esgoto doméstico. o ar. tremores. É absorvido pelos organismos vivos e vai-se acumulando de forma contínua durante toda a vida. Ocasiona edema pulmonar. dificuldade no falar. Contamina o solo. principalmente no cérebro. além de atrofia e lesões renais.o seu uso para o consumo humano. nervos e rins. epilepsia. Alterações em órgãos do sistema cardiovascular. Compromete ossos e rins. provocando lesões no córtex e na capa granular do cérebro. caracterizando um processo de eutrofização. medula e rins. Pela contaminação da água ou do solo. Provoca alterações no sistema nervoso central e no sistema respiratório. devido à ação tóxica que eles exercem sobre os microorganismos. Acumula-se no sistema nervoso. Dessa forma.

que poluem o solo. dor nos olhos. Os impactos ambientais provocados por ela no Ar são os vapores do produto que reduzem a concentração do oxigênio no ar tornando o ambiente asfixiante e extremamente explosivo. lacrimação e visão embaçada. que por sua vez fazem uso indiscriminado destes dois elementos.Um salão usa em média 10 destes palitos por dia. e percolar e contaminar o lençol freático. Porém sabese que as maiorias dos cabelos que são cortados nos salões estão empregnados de produtos químicos. Multiplicando-se pela quantidade de salões existente. Todos os salões de embelezamento possuem uma ou mais manicures. O primeiro é o algodão que é a fibra de maior relevância na produção têxtil mundial. O algodão é conhecido como uma fibra natural porque vem do cultivo da terra. O mesmo é considerado resíduo orgânico e que não provoca danos no meio ambiente. levando ao edema pulmonar e pneumonia. diminuição da freqüência respiratória. irritação à pele. Apesar de o algodão ser considerado uma fibra natural. dando a ele uma origem segura e não o descartando em qualquer lugar. temos o exemplo do algodão orgânico. a biodiversidade e contaminam a saúde dos agricultores e dos consumidores. Como substituto da acetona algumas empresas tem usado uma mistura mais diluída do produto. sua produção é uma das culturas que mais polui a natureza. Em alguns casos de inalação pode causar câncer no aparelho respiratório. Na água a acetona é biodegradada lentamente. Por isso deve-se tratar este resíduo com muito cuidado. Além do fato de serem de madeira. conforme citou-se acima. que pode em contato com o ser humano causar. Outro resíduo muito comum é o algodão juntamente com a acetona usado na remoção dos esmaltes de unhas. Pode também ainda causar graves ferimentos nas vias respiratórias. o que somando no final de um ano alcança a marca de 3. segundo dados da Organic Exchange. Enquanto no solo.365 por ano. Já a acetona (CH3)2CO é freqüentemente o componente primário (ou único) na remoção de esmalte de unha. Constata-se também nos salões de embelezamento modernos a aplicação das chamadas escovas progressivas. . diminuindo assim o seu impacto ambiental. poderá em parte ser evaporado e em parte ser lixiviado. derivadas do petróleo. É uma grande quantidade. com vermelhidão. Outro resíduo produzido pelos salões de embelezamento é o cabelo. dor e queimaduras. Sabe-se que muito tem-se feito para que isso mude. mas os produtos químicos usados para realizá-las são altamente tóxicos. pois é uma das maiores consumidoras mundial de agrotóxicos que são substâncias químicas. o ar. a terra. eles contaminam o meio ambiente com as bactérias que provocam doenças na pele do ser humano. irritação do nariz. por volta de 47% dos têxteis do mundo contém algodão. Como é miscível com a água ela não é absorvido pelo solo. que usa muito menos agrotóxico. irritação e sensibilização do trato respiratório. Percebe-se que o uso indiscriminado tanto do algodão como da acetona pode provocar sérios problemas ao ser humano bem como diretamente no meio ambiente. tosse. que a primeira vista parecem inofensivas. Pode causar dor de garganta. Entre os produtos encontrados nestas escovas progressivas o mais danoso é o formol.

A Resolução apresenta a classificação dos resíduos em cinco grupos definido-os em: Grupos A . vidros de esmalte. restos de cabelos. por suas características de maior virulência. D e E . precisa-se definir o manejo destes resíduos que é a ação de gerenciar estes resíduos desde a sua produção até seu destino final. 2001) e RDC n°33/2003 (Brasil. Tais como refis de navalhas. Em 2003. harmonizando os princípios contemplados entre CONAMA n° 283/2001 (Brasil. Grupo E: Material perfurocortante ou escarificante. Grupo D: Resíduos comuns que são os que não apresentam riscos biológicos. infectividade e concentração de patógenos. químicos ou radiológicos à saúde ou ao meio ambiente. papel higiênico e absorventes.807/93. entra em vigor a RDC nº. 33 da ANVISA modifica a classificação dos resíduos em 5 grupos. podendo ser equiparados aos resíduos domésticos. Resíduos contendo substancias químicas. algodão e o pau de laranjeira estão presentes. mas não se pode esquecer que também existem os resíduos considerados resíduos infectantes. De acordo com essa definição. Em 2004. No salão de embelezamento considera-se apenas 04 grupos: 4. Cristiane da Conceição de Barros. pinças. Grupo B: Resíduos químicos. Nesse grupo temos: bisnagas de tinturas. pode-se afirmar que umas frações dos resíduos sólidos produzidos pelos salões de embelezamento sejam compostas por resíduos infectantes também. lixas. C .1 . tesouras. Uma vez apresentados os resíduos mais comuns produzidos no salão de embelezamento. papéis em geral. 2003). São os que apresentam risco em potencial à saúde publica e ao meio ambiente devido as suas características químicas. 306.Segundo a Diretora da Vigilância Sanitária de Pinhais. embalagem de xampu. uma vez que plásticos de depilação. a RDC nº. Percebe-se claramente que um salão de embelezamento gera muitos resíduos como vimos anteriormente. de diferentes níveis de virulência e grau de infectividade. 4.Classificação Grupo A: Resíduos infectantes que apresentam risco potencial a saúde publica e ao meio ambiente devido à presença de agentes biológicos. B . apresentam risco potencial adicional à saúde pública. embalagens plásticas com produtos químicos. Esses resíduos contêm alta concentração de microrganismos. spray e acetona. algodão com resíduo de sangue e folhas plásticas utilizadas na depilação). A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). em sua NBR 12. Resíduos provenientes de procedimentos cirúrgicos (neste caso as cutículas retiradas. Grande parte dos métodos normalmente utilizados para o alisamento de cabelo não são registrados no Ministério da Saúde e na Anvisa. papel alumínio usado para tintura de cabelo. define resíduo infectante como aquele gerado em serviço de saúde que. Verifica-se na divisão anteriormente citada que todos os resíduos sólidos de um salão de embelezamento precisam receber um tratamento diferenciado e para que isso ocorra alguns passos são necessários. . São eles: Copos descartáveis.0 – CARACTERIZAÇÃO E CLASSIFICAÇÃO DOS RESÍDUOS SÓLIDOS GERADOS DE ACORDO COM O CONAMA.

tambores. Sobre a identificação a melhor maneira é identificar os tipos de resíduos usando os . possibilitando tratamento específico e de acordo com as necessidades de cada categoria. O acondicionamento inadequado ou impróprio oferece os meios para proliferação principalmente de moscas. biológicas e seu estado físico. de forma a atender aos requisitos ambientais e de saúde pública. a segregação adequada. os resíduos não sendo separados.4.2 . Sobre a importância da segregação o CONAMA afirma: Resolução CONAMA nº05/93 estabelece que o gerador seja responsável pelo gerenciamento de seus resíduos sólidos desde a geração até a disposição final. basculantes. Feito o acondicionamento precisa-se promover a identificação destes resíduos. contêineres). Portanto. ratos e baratas. resistente a punctura. que consiste em embalar os resíduos segregados em sacos ou recipientes que evitem vazamentos e resistam às ações de ruptura. Sem uma boa segregação corre-se o risco de se continuar a fazer o que é feito hoje em dia. Especialista em Gestão da Qualidade do Ambiente e Materiais (PPGEAM-ULBRA) afirma que: A segregação na origem possibilita a reciclagem e o reuso de determinados tipos de resíduos. O acondicionamento é de responsabilidade direta da população. a segregação dos resíduos na origem é de grande importância.Tratamento dado aos resíduos. Este acondicionamento dentro de um salão de embelezamento pode ser realizado da seguinte maneira: 4. Inicia-se pela segregação que é a separação dos resíduos no momento e local de sua geração. Bem como a contaminação do meio ambiente. devidamente identificada. de acordo com as características físicas. ruptura e vazamento. no local de geração. ou seja. conforme discriminação abaixo: -Resíduos domiciliares/comercial (recipiente plástico/metálico/borracha. químicas. já que racionaliza os recursos. A doutora Rosane Regina Pilger. Grupo B (químico): Lixeira acionada por pedal com saco verde e identificada. Nesse contexto. Uma vez feita uma boa segregação. Grupo A (infectantes): lixeira com pedal com saco branco leitoso e identificada. permite diminuir o volume de resíduos que necessitam de um manejo especial. tomar medidas que permita o reconhecimento dos resíduos contidos nos recipientes utilizados. plástico) -Resíduos de varrição (sacos plásticos. Depois o acondicionamento. contêineres. E por fim precisase identificar.Destinação dos resíduos Grupo D (lixo comum): lixeiras acionada a pedal com saco preto para acondicionamento e identificada. -Feiras livres/eventos (basculantes. é muito importante que ela seja feita de forma correta uma vez que é a partir dela que o gerenciamento dos resíduos começa. Grupo E (perfurocortantes): caixa rígida. Existem várias maneiras de acondicionar os resíduos sólidos. com tampa.3 . coletores) Entulhos (contêineres). diminuindo também os custos com o tratamento. que uma vez bem realizado vai facilitar o manejo e a destinação dos resíduos. promovendo assim uma diminuição dos impactos gerados pelos mesmos. Dentro da segregação. inicia-se o acondicionamento. ou seja. para que o mesmo tenha um destino correto. propiciando a minimização dos resíduos a serem dispostos na natureza.

.Associação Brasileira de Normas Técnicas NBR 9190 – Sacos Plásticos para acondicionamento de lixo. vidro de esmalte.. 1993.... 1997..... sendo que algumas delas foram feitas à partir do reaproveitamento de embalagem de pó descolorante utilizado no salão.... Uma vez bem identificados... spray.. 1993......... Dezembro.. GRUPO D Lixo Comum (ou reciclável) .... palitos de laranjeiras e plásticos usados para depilação. fica o produtor do resíduo responsável em dar um destino correto ao mesmo.............. 14... e ao meio ambiente.............. 5.......... Grupo D (lixo comum) embalagens em geral....... James................. quanto a sua categoria: Grupo A (infectantes) cutículas.. mesmo após o término do meu estágio.. GUPO B (Químico ).0 – CONSIDERAÇÕES FINAIS As atividades desenvolvidas na Styllu’s Cabeleireiros e Estética visaram conscientizar sobre os perigos que podem ocorrer às pessoas.....16) Há muitas coisas que precisam ser melhoradas...... se os resíduos gerados pelo salão de embelezamento não forem bem acondicionados..... ... GRUPO E (perfurocortante) .. algodão com sangue. iniciou-se a confecção das lixeiras com suas devidas identificações.... bisnagas.. Uma vez realizada essa primeira etapa.. pinças..........15.... 6... do material de limpeza e dos objetos de uso pessoal bem como a substituição dos copos descartáveis por xícaras de vidro.. diminuindo assim a quantidade de resíduos produzidos. e somente em casos de não realização da coletas seletiva por parte deste poder..... .. Grupo E (perfurocortantes) laminas de navalha..0 – Bibliografia Manual de Saneamento......(Anexos Figuras nº...... creio que os proprietários farão tudo para realizar as melhorias para as quais foram orientados..... janeiro.... revisão técnica José Carlos Sariego.... – (Coleção preserve o mundo)..... classificação quanto ao grupo aos quais pertenciam..... 1999........ Tradução Dirce Carvalho de Campos. fica mais fácil para o poder público encaminhar cada um deles ao destino certo...... – São Paulo: Scipione.............. Bárbara Lixo e reciclagem / Bárbara James. 11) Com tudo isso conclui-se que o objetivo fôra alcançado e que os impactos negativos serão minimizados e uma vez isso ocorrendo com certeza o meio ambiente será preservado. A separação dos resíduos já está sendo feita. papel higiênico e cabelo.. ( Anexos figura nº.. GRUPO A (Infectantes) . – Brasília: Ministério da Saúde: Fundação Nacional de Saúde......... copos descartáveis ...... ABNT ........... Grupo B (químicos) embalagens de tinturas...Associação Brasileira de Normas Técnicas NBR 12808 – Resíduos de Serviços de Saúde...... ABNT ..símbolos de alerta... e já estão sendo providenciados os armários adequados para armazenamento dos produtos químicos. Conforme a seguir.... esses resíduos foram identificados e separados conforme as normas do CONAMA....... Lembrando sempre que o destino dos resíduos é por conta do poder público. 3ª ed.... ( Anexos figura nº 2) Através do monitoramento e catalogação dos materiais...... restos de varrição....

.....brl/. O método usado foi o de amostragem....ABES ..com/ .Apostila do Curso de Lixo Hospitalar da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental ........org..php3&conteudo=...br/ ..php3? base=residuos/index..com.. Diário Oficial da União... Acesso em 14/10/2008..html ....... Estes valores podem mudar de acordo com o mês pesquisado...PR de propriedade do Sr.....1 a 8 kg por mês Lixo perfuro cortantes ( lâminas . CONAMA – Conselho Nacional do Meio Ambiente...bioblue....... Metais Pesados: http://www........PR 1994...../residuos/residuos. Acesso em 12/10/2008 Resíduos Sólidos: http://www.blogspot. Acesso em 25/09/2008 Embalagens Plásticas: www. de 0 a 100 grs mês Obs......ajudabrasil.........abes-dn....... Referencial Eletrônico História da Beleza: http://www.ambientebrasil... 31 de Agosto de 1993..... sendo que os resíduos foram pesados e contados semanalmente..centrovegetariano.... Acesso em 20/10/2008 Metais Pesados: www......... Luiz Carlos Regis..com.orm. Acesso em 30/10/2008 Segregação dos resíduos: http://www....br/composer... 1 kg por mês Lixo químico (tinturas......... 8 kg por mês Lixo reciclável (embalagens de papelão). http://carlagiglio...... Constataram-se os seguintes dados: Cabelo.............. sprays). 5 de agosto de 1993.....com... Brasília....blogspot......... ** Este estabelecimento é considerado de tamanho médio por possuir duas cadeiras de corte.... pinça e agulhas)..Curitiba ...com... Resolução Nº......0 – ANEXOS PESQUISA DE CAMPO Pesquisa realizada no mês de Outubro de 2008 no Salão de embelezamento STYLLU’S CABELEIREIROS E ESTÉTICA** situado no município de Ivaiporã .org..br/ Acesso em 01/11/2008 7.. esmaltes...

. Seguem algumas delas: . Por muito tempo. era feito de uma mistura de goma arábica. por exemplo. cuidar você mesmo delas. já eram adeptos.Unhas pintadas completam os cuidados com a beleza Cuidar das unhas é um hábito tão natural quanto caminhar. Ele era uma variação da tinta utilizada para pintar automóveis.C. cera de abelha. clara de ovo e gelatina. por volta de 3. Ou. Mas antes disso. E nada melhor do que ir à manicure para mantê-las ainda mais bonitas. Mas existem cuidados que devemos tomar ao pintar as unhas. Nossas mãos estão sempre em evidência e merecem ser tratadas da melhor forma. Não há dúvidas de que uma unha bem pintada chama atenção. Hoje em dia. Existem registros de que os chineses. os homens também estão presentes.000 a. cuidando de cutículas e pintando as unhas com bases claras ou esmaltes incolores. Tanto faz se homem ou mulher. As cores utilizadas nesta época tinham a ver com a posição social do indivíduo. Nos anos 30 a. pintar unhas com tintura a base de henna era moda no Egito. apenas as mulheres freqüentavam os salões de manicure. Manter as unhas pintadas não é uma mania recente. se preferir.C. São dicas para que o esmalte permaneça por mais tempo.. Os primeiro esmalte para unhas como conhecemos foi produzido em 1925.

br . Dê preferência para removedores de esmalte a base de acetona.ondiet. Tire o esmalte um dia antes de pintá-las. Fonte: Vanessa Soares em http://www. aplique outra. Aplique uma camada de esmalte incolor em cima do esmalte escolhido para mantê-lo bonito por mais tempo. Aplique uma camada fina de esmalte e deixe secar. Isto evita um aspecto falhado. limpe as unhas com removedor de esmaltes. Use sempre uma base antes de passar o esmalte. Esmaltes escuros fazem com que suas unhas curtas pareçam menores. Eles são mais eficazes. Comece a aplicar o esmalte escuro no centro das unhas. como hidratantes. Utilize removedores de cutícula para amolecê-las mais facilmente. Nunca dê mais de três demãos de esmalte. formará uma camada espessa que tem pouca fixação. Do contrário.com. As unhas também precisam “respirar” um pouco. Eles removem resíduos que podem prejudicar o resultado final. Depois. mas com mais produto no pincel.• • • • • • • • • • • Antes de pintar. Depois vá para as laterais. A pele bronzeada fica mais destacada com esmalte clarinho.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->