Você está na página 1de 7
[Escolha a data]
[Escolha a data]

2011

PROCEDIMENTOS DE MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS

ÍNDICE

Objetivo ------------------------------------------------------------------------------------------ 02

Campo de Aplicação --------------------------------------------------------------------------- 02

O Que é Movimentação de Cargas ----------------------------------------------------------- 02

Motorista de Veículo Pesado ------------------------------------------------------------------ 02

Atribuições de Motorista de Veículo Presado ----------------------------------------------- 02

Ajudante de Movimentação de Cargas ------------------------------------------------------- 03

Atribuições do Ajudante de Movimentação -------------------------------------------------- 03

Operador de Guindaste ------------------------------------------------------------------------- 03

Atribuições do Operador de Guindaste ------------------------------------------------------- 03

Equipamento de Proteção Individual (EPI) -------------------------------------------------- 03

Medidas de Segurança Comportamental ----------------------------------------------------- 04

Procedimentos Seguros ------------------------------------------------------------------------- 04

Como Movimentar Uma Carga Com Segurança -------------------------------------------- 04

Sinalização de Segurança ---------------------------------------------------------------------- 04

Principais Riscos Associados À Movimentação de Cargas ------------------------------- 05

Medidas de Prevenção ------------------------------------------------------------------------- 05

1

UT-PB ARACAJU PROCEDIMENTO APLICAÇÃO NA MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS Autor (a): Juliana Franco Equipe de SMS:
UT-PB ARACAJU PROCEDIMENTO APLICAÇÃO NA MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS Autor (a): Juliana Franco Equipe de SMS:
UT-PB ARACAJU PROCEDIMENTO APLICAÇÃO NA MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS Autor (a): Juliana Franco Equipe de SMS:

UT-PB ARACAJU

PROCEDIMENTO

APLICAÇÃO NA MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS

Autor (a): Juliana Franco Equipe de SMS: Renata Oliveira, Juliana Franco e Elberlan Conceição.

Autor (a): Juliana Franco Equipe de SMS: Renata Oliveira, Juliana Franco e Elberlan Conceição.

OBJETIVO

O presente documento estabelece os procedimentos mínimos necessários de segurança, para a realização de movimentação de cargas a fim de dar conhecimento e suporte aos profissionais para que sejam evitados os acidentes e doenças relacionadas ao trabalho.

CAMPO DE APLICAÇÃO

Este procedimento aplica-se ao processo de movimentação de cargas da UT PB- ARACAJU que presta serviços à Petrobras no campo de Carmópolis.

O QUE É MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS?

É a técnica utilizada para içar ou transportar uma determinada carga até seu local de

montagem ou armazenagem.

A movimentação pode ser manualmente ou com a utilização de equipamentos como:

Guindaste; Empilhadeira. Requisitos que os profissionais de movimentação e transporte de cargas devem atender:

MOTORISTA DE VEÍCULO PESADO

Ser habilitado pelo DETRAN na categoria E conforme art. 144 do C.T.B;

Possuir treinamento em direção defensiva;

Possuir curso MOPP (Movimentação de produtos perigosos);

Ter experiência mínima de 02 (dois) anos na função, comprovada através de carteira de trabalho;

O ASO deverá comtemplar exames de acuidade visual e o que comtempla o PCMSO;

Não será permitido amarração/desamarração das cargas pelo condutor, o mesmo poderá orientar a forma correta para o transporte da carga.

ATRIBUIÇÕES DO MOTORISTA DE VEÍCULO PESADO

Operar caminhões, transportando material para sondas.

da carga. ATRIBUIÇÕES DO MOTORISTA DE VEÍCULO PESADO Operar caminhões, transportando material para sondas. 2

2

AJUDANTE DE MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS

Possuir treinamento de amarração de cargas;

Ter experiência prática na função e quando não tiver a empresa deverá promover treinamento pratico e teórico para a função que irá desempenhar;

Os ajudantes deverão amarrar e desamarrar a carga conforme solicitação e orientação do motorista;

O ajudante deverá conhecer da utilização do cabo guia sinalização e interdição da área e os cuidados na operação de movimentação de cargas.

ATRIBUIÇÕES

CARGAS

DO

AJUDANTE

DE

MOVIMENTAÇÃO

DE

ATRIBUIÇÕES CARGAS DO AJUDANTE DE MOVIMENTAÇÃO DE Auxiliar nas atividades de movimentação, carga e descarga

Auxiliar nas atividades de movimentação, carga e descarga de materiais.

OPERADOR DE GUINDASTE

Ser habilitado nas categorias D ou E conforme art. 144 do C.T.B;

Possuir treinamento de direção defensiva conforme resolução do n° 640/85 CONTRAN;

Ter experiência mínima de 02 (dois) anos na função comprovada;

Possuir treinamento específico de movimentação de cargas;

É proibido fazer uso do telefone celular durante ou enquanto estiver operando o

equipamento.

ATRIBUIÇÕES DO OPERADOR DE GUINDASTE

o equipamento. ATRIBUIÇÕES DO OPERADOR DE GUINDASTE Operar guindaste, ajustando comandos, acionando os seus

Operar guindaste, ajustando comandos, acionando os seus movimentos; avaliar condições de funcionamento, interpretando painel de instrumentos de medição, verificando fonte de alimentação, testando comandos de acionamento. Preparar área para operação do guindaste e transportar materiais.

EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL

Luvas de segurança;

Óculos de segurança;

Cinto de segurança;

Capacete de segurança;

Botas de couro ou de borracha.

 Óculos de segurança;  Cinto de segurança;  Capacete de segurança;  Botas de couro
 Óculos de segurança;  Cinto de segurança;  Capacete de segurança;  Botas de couro
 Óculos de segurança;  Cinto de segurança;  Capacete de segurança;  Botas de couro
 Óculos de segurança;  Cinto de segurança;  Capacete de segurança;  Botas de couro

3

MEDIDAS DE SEGURANÇA COMPORTAMENTAL

Estudo do ambiente onde acontecerá o levantamento e movimentação de cargas;

Verificar o peso da carga a ser içada;

Analisar a forma e as dimensões da carga;

Analisar a localização da carga e dos seus acessos;

Analisar o local onde a carga será descarregada.

PROCEDIMENTOS SEGUROS

Deve-se verificar a capacidade e comprimento da lança adequado para as características do trabalho;

Devem-se verificar o local da movimentação e vistas de levantamento;

Devem-se verificar cabos, eslingas, manilha, corda guia, cintas de nylon, correntes, roldanas e ganchos que deverão ser inspecionado, permanentemente, substituindo-se as partes defeituosas;

Possuir os equipamentos de sinalização e segurança;

Realizar completa inspeção no equipamento de elevação de carga antes de iniciar a operação de movimentação de cargas;

Verificar o estado de conservação dos acessórios;

Não

dos

ultrapassar

os

limites

de

carga

especificados

pelo

fabricante

equipamentos;

Não arrastar os acessórios de movimentação de cargas;

Nunca se posicionar abaixo (sob) cargas suspensas;

As cargas deverão está identificadas de acordo com a capacidade, largura, altura e comprimento;

É proibido a circulação e permanência de pessoas que não estejam envolvidas diretamente na operação.

COMO MOVIMENTAR UMA CARGA COM SEGURANÇA

Observar a área de trabalho verificando os obstáculos;

Observar os riscos que o ambiente oferece e providenciar medidas de contenção;

Verificar o tipo de carga e o produto e conhecer o peso da carga;

Verificar o estado de ferramentas, acessórios, equipamentos e materiais antes de realizar qualquer trabalho com movimentação de cargas.

SINALIZAÇÃO DE SEGURANÇA

A sinalização de segurança deve ser adotada em todas as fases na movimentação de cargas.

A sinalização de segurança deve:

Ficar destacada na máquina ou equipamento;

Ficar em localização clara e visível; e

Ser de fácil compreensão.

Sinalização manual para orientar o operador deve:

4

O sinaleiro torna-se os olhos do operador e o mesmo deve ter consciência de cada movimento que a carga fará a cada sinal;

Certificar se todos os sinais são visíveis pelo operador

1. IÇAR: 2. ABAIXAR: 3. LEVANTAR A LANÇA Braço esticado, dedos fechados, polegar apontado para
1. IÇAR: 2. ABAIXAR: 3. LEVANTAR A LANÇA Braço esticado, dedos fechados, polegar apontado para
1. IÇAR: 2. ABAIXAR: 3. LEVANTAR A LANÇA Braço esticado, dedos fechados, polegar apontado para
1. IÇAR: 2. ABAIXAR: 3. LEVANTAR A LANÇA Braço esticado, dedos fechados, polegar apontado para

1. IÇAR:

2. ABAIXAR:

3. LEVANTAR A LANÇA Braço esticado, dedos fechados, polegar apontado para cima.

4. BAIXAR A LANÇA Braço esticado, dedos fechados, polegar apontado para baixo.

Com o antebraço na vertical e o dedo indicador para cima, mova a mão em pequenos círculos horizontais.

Com o braço esticado para baixo, dedo indicador apontado para baixo, mova a mão em pequenos círculos horizontais.

PRINCIPAIS RISCOS ASSOCIADOS À MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS

Risco é a combinação da probabilidade e consequência de ocorrer um evento perigoso especificado.

Risco de Morte

Queda dos objetos ou carga suspensa. Queda de mesmo nível ou em altura dos operadores. Esmagamento. Agarramento ou arrastamento dos equipamentos movimentados em outros que estão fixos.

MEDIDAS DE PREVENÇÃO

em outros que estão fixos. MEDIDAS DE PREVENÇÃO Verificar o bom estado de conservação dos aparelhos

Verificar o bom estado de conservação dos aparelhos de movimentação de cargas; Proceder ao transporte de cargas à menor altura possível de modo a evitar dano maior em caso de queda; Verificar que a carga esteja bem apoiada antes de abaixá-la totalmente; Nunca subir nas cargas suspensas em movimento; Não permanecer e transitar debaixo de uma carga em movimento; Nunca fazer paradas ou arranques bruscos; Sempre verificar e manter em bom estado de funcionamento todo circuito elétrico das máquinas e instalações.

5

BIBLIOGRAFIA

NORMAS REGULAMENTADORAS:

NR – 06 (EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO DE SEGURANÇA);

NR – 11 (TRANSPORTE, MOVIMENTAÇÃO, ARMAZENAGEM E MANUSEIO DE MATERIAIS);

MANUAL

LINGHTHOUSE, 2008;

DE

SEGURANÇA

EM

MOVIMENTAÇÃO

DE

CARGAS,

MANUAL DE MOVIMENTAÇÃO DE CARGAS COM GUINDASTE, PERBRAS;

PADRÃO PETROBRAS.

6