P. 1
A importância da TI nos Processos Logísticos

A importância da TI nos Processos Logísticos

|Views: 207|Likes:
Publicado porLeandro Rocha

More info:

Published by: Leandro Rocha on Aug 28, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/28/2014

pdf

text

original

TRABALHO DE TÓPICOS EM LOGÍSTICA

Prof. Maísa Aluno: Leandro Rocha do Prado Ferreira Matricula: 201002264677

000 lojas localizadas nos Estados Unidos. O Wal-Mart. quanto pelo avanço dos hardwares. a Tecnologia da Informação ( TI ). A Logística vem sendo utilizada há muitos anos e pode ser traduzida com qualidade e exatidão sempre que as informações que são enviadas de uma d eterminada origem sejam a real tradução do empenho e profissionalismo dos que trabalham especificamente para atender as necessidades do cliente. programas (software) e comunicação de dados. maior varejista do mundo. possui 5. pois interliga todas as áreas de estoque. Neste sentido. armazenagem e tranferências de estoques com os caminhões próprios. Até pouco tempo. Através da Embratel interliga a Mat riz Rio de Janeiro com Campinas e Anápolis. o fluxo de informação está se tornando uma ferramenta de gestão logística cada vez mais importante. líder na América latina em importação e distribuição de insumos farmacêuticos.Tecnologias da informação aplicada à Logística Introdução A Logística vem apresentando uma evolução crescente e hoje é um elemento -chave na estratégia competitiva das empresas. possui um ERP poderosíssimo. tanto por meio de sistemas. a Logística era compreendida somente como transporte e armazenagem. Atualmente. .000 fornecedores em todo o mundo e 3. A Pharma Nostra. uma vez que seu uso eficiente pode sig nificar a diferença entre o sucesso e o fracasso. A TI não se restringe a equipamentos (hardware). torna-se essencial em praticamente todos os aspectos da empresa moderna. controla e gerencia suas atividades baseando-se fortemente em TI. são fundamentais para o desenvolvimento da logística. isso é TI. Atualmente as empresas já compreendem na Logística uma potente ferramenta para garantia de sucesso de seus processos e bons resultados operacionais e financeiros. Todos estes exemplos denotam como a TI.

No final dos anos 80. Intensidade de Fluxo. Acuracidade da Operação. Acuracidade de Localização. Garantia da Imagem da Empresa. com elevados investimentos em TI. Administração de Horas Extras. Com isso podia manter total rastreabilidade do pedido. Dentre eles destacamos: * Conhecimento do processo para escolha do sistema adequado ao negócio da empresa. Velocidade Operacional. Atualmente seu sistema processa 63 milhões de transações por dia. o que equivale a três (3) milhões de pacotes entregues. Para TI devemos considerar alguns fatores de grande importância. Segurança Operacional. ela passou a ter o controle de to do o ciclo do pedido do cliente.Segue fluxograma: Um exemplo de posicionamento estratégico baseado em te cnologia de informação é: A Fedex foi a primeira a oferecer serviço de entrega para o dia seguinte em 1973 nos Estados Unidos. . * * * * * * * * * Redução dos Custos Operacionais. Administração de Retornos do Estoque em Vazio.

* Planejamento de rotas. associado à sua maior facilidade de uso. * Aumento da eficiência operacional. * Redução no tempo de inventário. por se obter maior velocidade. * Redução na falta de material. O custo decrescente da tecnologia da informaçã o. como: * Redução do valor de estoque. com o objetivo de transferir e gerenciar informações eletronicamente. com maior eficiência. Investimentos em TI. Além destes. * Rastreabilidade de frotas e produtos. isto dependerá do ramo de atividade em que a empresa atua. * Melhoria no atendimento aos clientes. podemos obter outros.* * * * * * * * Áreas de Estocagem. Movimentação Livre de Perdas. qualidade e rapidez A Tecnologia da Informação bem estrutura da trará benefícios para os processos Logísticos. * Níveis de estoque mais focados com a realidade da demanda. Qualificação de pessoal. Informações em Tempo Real. * Cumprimento dos prazos de entrega. Acuracidade de Estoque. cargas e modais. * Melhoria no nível de serviço. Cada uma deve analisar a sua Cadeia de Suprimentos para implementar as melhores práticas. Movimentação Livre de Perdas. permite aos gestores de logística utilizar essa tecnologia. Administração de Fluxos de R etorno em Vazio. .

Essa integração faz uso de uma base de dados comum a toda empresa. alguns tipos de ferramentas que facilitam e tornam a informação mais acurada para aplicação na cadeia de suprimentos. transferência e processamento das informações corporativas. o código de barras. no mercado. eliminando interfaces complexas e caras entre sistemas não projetados para compartilhar dados.Sistemas de Informação Os sistemas de informações logísticos funcionam como elos que ligam as atividades logísticas em um processo integrado. Assim destacamos dentro dos processos logísticos os sistemas: (WMS) sistemas para centros de distribuição. permitindo assim uma maior eficiência. * Integração das informações através da automação e padronização dos pr ocessos. conforme perfil do usuário. A grande vantagem da implementação do ERP advém da sua própria concepção integrada. Segue alguns Sistemas: ERP (Enterprise Resource Planning) Planejamento dos Recursos da Empresa As empresas brasileiras de médio e grande porte e de vários setores da economia vem implementando Sistemas de Gestão Empresarial (ERPs). consolidando assim toda a operação do negócio em um único ambiente c omputacional. Existem. eficácia e rapidez nos processos de coleta. * Adoção de melhores práticas de negócio: obtenção de ganhos de produtividade e de velocidade de resposta da empresa suportados pelas funcionalidades do ERP. o ECR (Ef ficient Consumer Response) e o (ERP) para toda a empresa e que integram todos os outros. armazenagem. . Os sistemas ERP foram desenvolvidos nos anos 90. controlar e gerenciar as operações logísticas . organizando e disseminando a informação de forma integrada entre as diferentes áreas da companhia. o EDI (Electronic Data Interchange). * Redução dos inconvenientes proporcionados pela transferência de dados entre os diferentes setores de uma mesma empresa. combinando hardware e software para medir. * Produção e acesso a i nformações em tempo real por toda a empresa. Estes sistemas integram e coordenam os principais processos da empresa através de um software. (TMS) sistemas para empresas de transporte. Esta concepção pode ser representada pelos seguintes benefícios: * Unicidade de dados: utilização da mesma informação por todos os setores da empresa.

acompanhamento e funcionalidade de administração de mão -deobra. * Total adequação da funcionalidade do armazém. * Agilização na separação de pedidos. * Acompanhamento de inspeção e controle de qualidade. armazenagem. quando e onde os recursos podem ser utilizados. permitindo identificar qual.* Redução de custos: otimização do fluxo de ma teriais através de um maior controle da informação e dos processos permitindo uma redução dos estoques e uma redução das atividades que não agregam valor. Os fornecedores de soluções WMS oferecem sistemas que integram hardware. como. gerando melhorias de qualidade. produtividade e de serviço prestado ao cliente interno e externo à empresa. * Desenvolvimento de software com parâmetros conforme necessidade do armazém. Os principais benefícios do WMS são: * Funcionalidade de administração da mão -de-obra em tempo real. Um sistema de WMS busca agilizar o fluxo de informações dentro de uma instalação de armazenagem. quanto. software e serviços relacionados aos processos logísticos. de Armazém O (WMS) trabalha com a integração de hardware. * Controle do equipamento de estocagem automatizado. * Programação e entrada de pedidos. estocagem. . * Disponibilização de informações em tempo real. software e equipamentos periféricos para gerenciar espaço físico. * Controle do dispositivo de movimentação de material. * Planejamento e alocação de recursos. equipamentos e mão -de-obra em centro de distribuição (armazéns). melhorando sua operacionalidade e promovend o a otimização do processo. * Pré-recebimento e recebimento. * Planejamento. * Comunicação integrada com o sistema central. WMS (Warehouse Management System) Sistema de Ger. * Coletam dados de rotina da empresa e disponibilizam as informações necessárias de acordo com o perfil do usuário. * Melhoria no nível de serviço: auxílio na tomada de decisões suportadas por uma base de dados que reflete a realidade da empresa e do mercado.

As principais funcionalidades dos TMS são: * Monitoramento e controle de frotas e cargas. emissão de documentos.* Expedição. * Menor tempo necessário para planejar a distribuição e a montagem de cargas. * Redução de erros de operações. * Apoio à negociação e auditoria de frete. rastreabilidade da frota e de produtos. execução. * Acompanhamento da evolução dos c ustos com transportes. como. por exemplo por cliente ou por produto. * Disponibilidade de dados acurados dos custos do frete mostrados de várias formas. * Melhoria na composição de cargas (consolidação) e rotas. monitoramento e controle das atividades relativas à consolidação de carga. apoio à negociação. monitoramento de custos e nível de serviço. . * Aumento de produtividade. * Inventários. planejamento de rotas e modais. * Acuracidade de informações e banco de dados para o WMS. e planejamento e execução de manutenção da frota. * Melhoria na ocupação do espaço. TMS (Transportation Management System) Sistema de Gestão de Transporte Este sistema é utilizado pelas empresas de transporte. * Planejamento e execução. expedição. O mesmo auxilia no planejamento. entregas e coletas de produtos. * Relatórios operacionais e gerenciais. * Principais benefícios: * Redução nos custos de transportes e melhoria do nível de serviço. * Melhor utilização dos recursos de transportes. auditoria de fretes. Os benefícios mencionados são traduzidos em fatores quantitativos e fazem com que determinadas empresas viabilizem implementação de um sistema WMS.

VMI (Vendor Managed Inventory) Estoque Gerenciado pelo Fornecedor O VMI ou Estoque Gerenciado pelo Fornecedor é uma ferramenta muito importante principalmente para a cadeia de suprimentos que pretende ou já trabalha com o JIT (Just-in-Time). Leitores in stalados nas caçambas dos caminhões monitoram os produtos que entram e saem da caçamba e as informações sobre o tipo de mercadoria transportada. como os celulares. Colocando um destes celulares em frente a um produto com RFID obtém -se seu preço. O principal objetivo desta técnica é fazer com que o seu fornecedor. Caminhões que fazem o serviço de entrega das mercadorias também podem ser equipados com sistema de radiofreqüência para um monitoramento mais ágil e eficiente. o receptor GPS localiza sua própria posição. são salvas em um computador de bordo.. Esta tecnologia é comument e conhecida como AVL (Automatic Vehicle Location). O celular também pode ser usado para compras. Outra opção é a comunicação via rádio. esta deve ser transmitida via canal de comunicação para uma central que fará efetivamente o monitoramento. Os sistemas TMS dão o suporte necessário para que as empresas de transporte utilizem melhor seus recursos. utilizando -se de equipamentos de GPS ali ados a link de comunicação. assim como suas especificações. hora que foi entregue. onde não há custo de comunicação. A companhia de cartão de crédito efetua o pagamento através da autorização do celular. pois. por exemplo. otimizem seus processos e obtenham um melhor resultado financeiro. Os RFID são muito utilizados em logística São largamente utilizados leitores de RFID móveis: os leitores de RFID podem ser instalados em aparelhos que fazem parte do dia -a-dia das pessoas. Esta modalidade é muito simples de implantar. . etc. O casamento GPS + Comunicação é necessário. tem um custo de implantação baixo. Rastreamento de Frotas com Tecnologia GPS (Global Positioning System) .* Disponibilidade de informações on -line. através da leitura do RFID de um determinado produto.Este sistema é muito usado nas empresas Rastreamento é o processo de monitorar um objeto enquanto ele se move. Hoje em dia é possível monitorar a posição ou movimento de qualquer objeto. tendo que fazer a regulamentação com a ANATEL (no B rasil). * Suporte de indicadores de desempenho para aferir a gestão de transportes.

* Reposição Eficien te: Otimizar o tempo e o custo no sistema de reposição de produtos no estoque. planejamento de abastecimento e distribuição para os depósitos. a exemplo de outros países desenvolvidos. no momento certo e na quantidade certa. em vez da eficiência individual das partes. principalmente de produtos perec íveis. verifique a sua real necessidade de produto. Este recurso tem uma maior funcionalidade para as empresas que tem um grande número de fornecedores e possui um amplo mix de produtos.através de um sistema de EDI. Trata-se de uma estratégia da indústria supermercadista na qual distribuidores e fornecedores trabalham em conjunto para proporcionar melhores resultados ao consumidor. otimizando transporte de carga. enfocando a eficiência da cadeia de suprimentos como um todo. O nível de detalhamento é tanto que . melhorando a interface com o consumidor. o conceito ECR. dos estoques e bens físicos. . outra infinidade de produtos diferentes e precisa de uma cadeia de suprimentos to talmente integrada para poder oferecer aos seus clientes o produto na pr ateleira. no qual distribuidore s e fornecedores trabalhem juntos como aliados comerciais a fim de minimizar custos. O objetivo final do ECR é a geração de um sistema eficaz. ECR (Efficient Consumer Response) Resposta Eficiente ao Consumidor Foi implantado no Brasil . por exemplo. pois a informação chega ao seu fornecedor em tempo real. armazenagem e estocagem. Alguns benefícios : * Sortimento eficiente de loja: Otimizar a manutenção dos estoques e o espaço da loja. tem centenas de fornecedores. * Promoção Eficiente: Aplicar sistema adequado ao tratamento de promoção atingindo cliente e consumidor. * A implementação do ECR comprova bons níveis de serviços com baixos níveis de inventários com redução das perdas. A integração permite que se faça de acordo com o forecast uma mudança de planejamento de reabastecimento. o software se encarrega de traçar planos para a produção. detectada a demanda de produto acabado. As grandes redes de varejistas como Wall Mart. direcionado ao consumidor. derrubando os custos totais do sistema. * Introdução Eficiente de Produto: Aplicar medidas de desenvolvimento e introdução de novos produtos.

Tecnologia de Informação Aplicada a Logística.Material dado em aula.G. sendo fundamental para a definição e operacionalização do conceito de Supply Chain Management. ERP. devemos aliar o sistema de informações logísticas ao sistema de i nformações gerenciais. -SILVA. -Livro: Tecnologia da informação aplicado a logística Autor: Eduardo Banzato ± Instituto IMAM .wikipedia.Wikipédia ERP (Enterprise Resource Planning) disponível em: <http://pt. & PESSÔA. M. percebemos que a tecnologia está à disposição da solução da logística empresarial e é capaz de gerar soluções que satisfaçam qualquer necessidade de mercado. o aplicativo de código de barras que migra informações para um sistema de estoque onde tem informações atualizadas a qualquer tempo por meio de um outro aplicativo de EDI. L. Em relação ao que foi estudado.ACP ± Administradora do ERP da Empresa que trabalho ± PHARMA NOSTRA .Cel/Coppead.S. Referências Bibliográficas . Isso tudo pode estar disponível na intranet e extranet para toda a cadeia de produção a fim de otimizar o processo em termos de eficiência de resposta ao cliente.org/wiki/ERP> . Prof. VI SIMPEP.Conclusão Por todos estes aspectos.P. através de um sistema integrado. Podemos nos conectarmos.: "Gestão da Informação: uma Visão dos Sistemas ERP". Maísa .

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->