Você está na página 1de 2

DEFINA: ALIMENTAO: Estuda a composio dos alimentos e os padres de exigncias, no sentido de alimentar os animais de forma econmica e nutritiva, Teixeira(1998).

_ _ _ Objetiva suprir os animais para atender a manuteno e a produo racionalmente _ Representa de 60 a 80% do custo de produo _ Correponde administrao racional de alimento ALIMENTO BASAL: BALANO DE NITROGNIO: CONDIO CORPORAL: COVERSO ALIMENTAR: Capacidade do animal converter o alimento em uma nidade de produto animal, sendo: CA = Consumo de alimento/ganho de peso DEFICINCIA NUTRICIONAL: Insuficincia de um nutriente essencial. _ Quadro sintomtico apresentado pelo animal como resultado da deficincia nutritiva DESEMPENHO: DIETA: Conjunto de alimentos, incluindo a quantidade respectiva, prescrita para uma determinada categoria animal DISTRBIO METABLICO: EFICINCIA ALIMENTAR: Quantidade de produto animal obtida por quantidade unitria de alimento, sendo: EA = (Ganho de peso/Consumo de alimento) x 100 ENERGIA BRUTA: Energia desprendida da oxidao total de uma amostra ENERGIA DIGESTVEL: ENERGIA LQUIDA: EL = EM incremento calrico ENERGIA METABOLIZVEL: EM = ED (EB da urina + EB dos gases) ENERGIA DIGESTVEL: ED = EB ingerida EB fezes EQUIVALENTE PROTICO: EXIGNCIA NUTRICIONAL: Quantidade de cada nutriente, requerida por determinada espcie e categoria animal, para sua boa manuteno, produo e reproduo

eficientes. INCREMENTO CALRICO: IONFORO: METABOLISMO: METABOLISMO BASAL: PESO METABLICO, OU TAMANHO METABLICO: PESO VIVO: RAO BALANCEADA: a rao, sendo a quantidade fornecida e ingerida estimada com base nas exigncias dos animais e nas carctersticas dos alimentos usados. UNIDADE ANIMAL: FIBRA: Frao lentamente digestvel ou incompletamente disponvel dos alimentos, que ocupa espao no trato gastrointestinal dos animais FIBRA BRUTA: Celulose, hemiceluse, lignina e protenas desnaturadas pelo calor FIBRA DIGESTVEL: FIBRA EFETIVA: INDICADOR: