P. 1
avaliação de história - 6º ano

avaliação de história - 6º ano

|Views: 1.333|Likes:

More info:

Published by: Mireli Medeiros Kadosh on Sep 28, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/10/2013

pdf

text

original

Escola Municipal Anita Chacon Aluno: ___________________________________ 6º Ano ____ Prof.

: ____________________________________ Data ___/___/___ Avaliação Bimestral de História

Calar, jamais
Antonio Francisco Granjeiro foi um escravo ousado demais para a época em que viveu, no final do século XVIII. A fim de obter a liberdade, ele se valeu da única estratégia que tinha à mão: viajou para Portugal e foi ao encontro de D. Maria I, só o poder monárquico lhe poderia dar forças para enfrentar a fúria seu senhor. Homem pardo, casado e com filhos, Granjeiro trabalhava como alfaiate em Campos dos Goytacazes, na Capitania do Espírito Santo. Não escondia o quanto ansiava pela liberdade, pois não aguentava mais os maus-tratos de seu senhor. Assim, “unido com sua mulher nas horas vagas do dia e da noite, trabalhou com tanta eficácia que chegou a adquirir dinheiro suficiente para o seu resgate”. Mas, para conseguir sua alforria, ele precisava do consentimento de seu proprietário, Joaquim Vicente dos Reis, o que não obteve, ainda que tivesse sempre “animado seu espírito com docilidade”.  Reflexão textual 1. Responda as questões usando o texto como referência. a) Qual o principal objetivo de Antonio Francisco Granjeiro ao viajar para Portugal?

b) Granjeiro foi ousado diante da situação relatada no texto. Diante de que situação você seria ousado? Faça um breve comentário.

c) O que levou Granjeiro a lutar pela alforria?

por isso são chamadas: ( ) Cidade-Estado ( ) Extremidade triangular ( ) Invasão e conquista ( ) Não há alternativa correta 3. por isso eram chamados: ( ) Guerreiros ( ) Monoteístas ( ) Mumificação ( ) Não há alternativa correta d) Considerado o mais popular dos deuses egípcios e deus da vida após a morte: ( ) Íses ( ) Hórus ( )Amon-Rá ( ) Osíres e) Constituíam a maioria da população do Egito e tinham uma vida muito difícil: ( ) Os camponeses ( ) Os comerciantes ( ) Os políticos ( ) Não há alternativa correta f) As cidades sumerianas eram independestes entre si. a) Considerado um traço fundamental na sociedade egípcia: ( ) O comércio ( ) A humildade ( ) O poder ( ) Não há alternativa correta b) Os faraós eram empenhados na construção de imensos túmulos (pirâmides). Marque a resposta certa. foi fundado o apoio que ele recebeu. Diante dessa luta.d) Granjeiro Trabalhou bastante para conseguir dinheiro para o seu resgate. contaria com o apoio de quem? Por quê? 2. Responda as questões seguintes: . De quem? e) Se você tivesse que enfrentar uma situação semelhante a história do texto. tudo porque acreditavam: ( ) Na salvação ( ) Que ao morrer todos os pecados serão eliminados ( ) Que viver não vale a pena ( ) Na existência de vida após a morte e que seria uma forma de garantir sua casa na eternidade c) Os egípcios também acreditavam em vários deuses.

c) Quem era Menés? Comente. d) Por que os egípcios desenvolveram a técnica da mumificação? Explique.a) Quais os rios que banham a Mesopotâmia? b) Fale o que você aprendeu sobre os sumérios. e) O que o faraó representa para o povo egípcio? Boa Sorte! .

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->