Exemplos de Condicionamento Clássico ou Respondente

 Joana foi classicamente condicionada a sentir-se calma com a sensação de pressão no seu lábio inferior. Isso aconteceu quando ela associou o som da música e o ato de tocar flauta com o sentimento de calma e segurança. Embora tenha demorado algum tempo para que isso se desenvolvesse, acabou por se formar uma relação entre a pressão abaixo dos meus lábios e a sensação de segurança. Agora, quando se sente estressada ou ansiosa, basta pressionar abaixo do lábio para imediatamente se sentir mais calma.  Estímulo Neutro = Pressão abaixo do lábio  Estímulo Incondicionado = Som da música da Flauta  Resposta Incondicionada = Redução da Ansiedade  Estímulo Condicionado = Pressão abaixo do lábio  Resposta Condicionada = Sensação de Calma e Segurança.  Bia sempre assiste a filmes de terror na TV acompanhada de uma grande tigela de pipocas. Antigamente, toda vez que via pipoca se sentia angustiada e assustada, no entanto, de um tempo para cá, após a uma maratona de filmes de terror na TV acompanhados de pipoca, ela nem se incomoda mais tanto com o cheiro e se sente quase sem medo.  Estímulo Neutro = Pipoca  Estímulo Incondicionado = Filmes de Terror  Resposta Incondicionada = Medo  Estímulo Condicionado = Pipoca  Resposta Condicionada = Medo  Habituação = Após um curto espaço de tempo e exposição constante ao estímulo condicionado (pipoca) e a resposta condicionada (medo) ocorreu uma habituação no referido reflexo condicionado, gerando decréscimo na magnitude da resposta.

 Pedro estava passando por sérios problemas financeiros. Ele ficava sentado por horas à mesa de jantar, se sentindo bastante triste e preocupado, fazendo e refazendo contas para ver se conseguia pagar todas as suas dívidas. Esse período tenebroso durou bastante tempo. Consequentemente, ele não podia mais

 Estímulo Neutro = Passeio a noite  Estímulo Incondicionado = Cão  Resposta Incondicionada = Receio  Estímulo Condicionado = Passeio a noite  Resposta Condicionada = Medo  Generalização = O gato. se o cachorro do vizinho. um pequeno poodle. foi perseguido por um grande cachorro vira-latas que estava na rua. Um dia. o cavalo disparou enlouquecido com ele em cima. Além disso. no verão passado. A princípio Miguel ficou imensamente apavorado em relação a qualquer cavalo que cruzasse seu caminho. ou qualquer outro cachorro passar por perto de nossa casa. para sua infelicidade.  Meu gato Miau adorava passear sozinho toda a noite.passar perto ou sentar-se a mesa de jantar que se sentia muito angustiado. no entanto. Embora ele não tenha se machucado. gerando ampliação na magnitude da resposta (distância total da mesa de jantar). depois da perseguição. não só em relação ao cão que o atacou. generalizou a resposta condicionada de medo para qualquer cachorro (estímulos semelhantes).  Miguel foi dar um passeio a cavalo na fazenda de seu avô e. e já pensava em trocá-la por outra bem diferente. ele imediatamente corre para a porta da casa para se esconder lá dentro.  Estímulo Neutro = Mesa de Jantar  Estímulo Incondicionado = Contas a Pagar / Dívidas  Resposta Incondicionada = Angustia / Preocupação  Estímulo Condicionado = Mesa de Jantar  Resposta Condicionada = Angustia / Preocupação  Potenciação = Após um frequente espaço de tempo e exposição constante ao estímulo condicionado (Mesa de jantar) e a resposta condicionada (preocupação) ocorreu uma potenciação no referido reflexo condicionado. Isso foi crescendo tanto que ele quase não se aproximava mais da sala de jantar. estava muito traumatizado. ao sair no horário de sempre. mesmo durante o dia. passado um tempo. Agora Miau não sai mais durante a noite. ele resolveu fazer faculdade de .

 Algum tempo depois uma campanha publicitária constante na TV. para surpresa minha. tipo de condicionamento respondente onde o estímulo neutro (óleo) é emparelhado com um estímulo que já foi condicionado (amendoim).  Condicionamento de 2ª Ordem = Emparelhamento EC-EC. e não por um estímulo incondicionado (vodca). Com isso seu medo foi desaparecendo. bastava eu ver a embalagem do referido óleo que já me sentia levemente enjoada. e que gera uma resposta condicionada de menor magnitude (levemente enjoada).  Estímulo Neutro = Cavalo  Estímulo Incondicionado = Disparada de um animal  Resposta Incondicionada = Receio  Estímulo Condicionado = Cavalo  Resposta Condicionada = Medo  Discriminação = Miguel. gradativamente. Durante a madrugada. no entanto. basta ver o cavalo da fazenda de seu avô que seu medo reaparece. Logo depois. no entanto. passei mal e vomitei diversas vezes. começou a discriminar o estímulo que realmente lhe provocava a resposta condicionada de medo (Cavalo da fazenda do avô).veterinária e começou a distinguir os diferentes tipos de cavalo. a princípio.  Estímulo Neutro = Amendoim  Estímulo Incondicionado = Álcool excessivo / vodca  Resposta Incondicionada = Vômito  Estímulo Condicionado = Amendoim  Resposta Condicionada = Ânsias de vômito. começou a utilizar amendoim numa propaganda de óleo.  Estímulo Condicionado (1º momento) = Amendoim  Estímulo Condicionado (2º momento) = Óleo =============================================================================================== . Mesmo depois de algum tempo. realizou uma generalização ao ter medo de todos os cavalos do mundo. não podia ver um amendoim que tinha ânsias de vomito. ================================================================  Fui a uma festa recentemente onde bebi muita vodca e comi muito amendoim.

 Estímulo Neutro = Chuva  Estímulo Incondicionado = Choque Elétrico  Resposta Incondicionada = Retirada da mão / Medo  Estímulo Condicionado = Chuva  Resposta Condicionada = Crise de Medo e Choro.  Estímulo Neutro = Cheiro do café  Estímulo Incondicionado = Elogios do Rapaz  Resposta Incondicionada = Sorriso  Estímulo Condicionado = Cheiro do café  Resposta Condicionada = Sorriso  Depois de um tempo o cara bonito que trabalhava na cafeteria foi despedido e o novo empregado de lá não sorria ou elogiava Ana. Nesta hora.  João. quando criança.Como só ocorreu uma vez. ouvindo um som de água caindo. Percebendo isso. enfraquecida. chorando incontrolavelmente. sua mãe não ficou preocupada. Depois deste acontecido ele passou a ter bastante pavor de chuva e de trovões. o que gerou o enfraquecimento e consequente desaparecimento do reflexo condicionado. Principalmente porque nunca mais ocorreu de novo e João nunca mais teve medo de chuva.  Gradativamente. ã medida que foi crescendo. Depois de um tempo. Ana sempre tomava um café na lanchonete da esquina. João teve uma crise de pavor.  Recuperação Espontânea = é o reaparecimento de uma resposta condicionada. estava chovendo muito forte. até que sumiu. seu medo foi desaparecendo. o que fazia Ana sorrir. um cara bonito que trabalhava lá sempre sorria para ela e a elogiava bastante. O que aconteceu?  Extinção = O estímulo condicionado (cheiro do café) começou a ocorrer sem associação com o estímulo incondicionado (elogios do rapaz). Durante seu intervalo no trabalho. não durou muito tempo e foi bem menos intensa do que as outras crises de medo. . Um dia. quando sua mãe já achava que ele estava curado. levou um choque muito grande ao mexer numa aparelhagem elétrica. Ana fez um café em casa e apenas o cheiro do café provocou um sorriso em Ana. neste caso a crise de medo. Ela já não sorri mais quando sente o cheiro de café. a mãe de João foi mostrando a ele que não acontecia nada quando chovia. depois de uma pausa. Neste momento em particular.

com o emparelhamento repetitivo desses elementos. Francisco gostava de nadar no lago perto de sua casa. E agora. que flerta com ele. vê sua nova vizinha nadando. Logo após as sessões de quimioterapia ela passava muito mal. ao passar próximo ao lago. generalizou a resposta condicionada de enjoo para qualquer hospital e pessoas vestidas de . uma mulher muito atraente. Isto se repete várias vezes. o lago passa a ser estímulo condicionado da resposta condicionada de prazer. ==============================================================================================  Minha melhor amiga esteve com câncer e fez o tratamento de quimioterapia no hospital da cidade onde moramos. Ele ficou enjoado pelo ato de puxar os corpos viscosos para fora de sua perna. ao se aproximar do lago (EC) um novo estímulo incondicionado (mulher atraente) elicia uma nova resposta incondicionada (prazer e excitação sexual).  Estímulo Neutro = Lago  Estímulo Incondicionado = Sanguessugas  Resposta Incondicionada = Repulsa  Estímulo Condicionado = Nadar ou se aproximar do lago  Resposta Condicionada = Nojo  Um dia.  Estímulo Neutro = Hospital  Estímulo Incondicionado = Quimioterapia  Resposta Incondicionada = Enjoo e vômitos  Estímulo Condicionado = Hospital  Resposta Condicionada = Náuseas  Generalização = Minha amiga. depois de nadar. depois da quimioterapia (EI). Agora.  Contra condicionamento = Isso acontece quando se condiciona uma resposta contrária aquela produzida pelo estímulo condicionado. com enjoos constantes e vomitando por 04 dias consecutivos. ela não pode passar na rua de um hospital ou ver alguém de jaleco branco que se sente nauseada e com vontade de vomitar. em vez de sentir enjoo. Uma tarde. Apesar disso. quando ele chega à beira do lago ele treme de desgosto e nojo. descobriu duas grandes sanguessugas sugando o sangue da sua perna. O tratamento já terminou e os médicos a declararam curada. quando Francisco estava passando perto do lago. ele sorri. ou seja.

O que aconteceu?  Dessensibilização Sistemática = Consiste em dividir o procedimento de extinção em pequenas etapas onde se expõe o indivíduo. etc.  Estímulo Condicionado = Cadeira de Balanço de Palha. quando pequena. fazendo com que estes pacientes entrassem em contato com outras profissões que também se vestem de branco (exemplo: macumbeiros. levou as pessoas para tomarem sorvete na mesma rua do hospital. e principalmente na sala de tratamento.  Estímulo Incondicionado = Violência / Palmadas.  Este processo de condicionamento pode gerar:  Habituação = Após um tempo apanhando repetidamente. Algumas vezes ele exagerou demais. massagistas.  O psicólogo do hospital. Para isto ele se sentava numa cadeira de balanço de palha que havia na casa. levando as suas sucessivas extinções. percebendo estes sintomas em alguns ex-pacientes da quimioterapia. Seu pai diversas vezes a castigou por suas malcriações.  Generalização Respondente = Quando Maria passou a sentir raiva perante qualquer tipo de cadeira de balanço ou de palha.. dentistas. ================================================================ Condicionamento Respondente (Exemplo de Conceitos)  Maria.). colocava a filha nos joelhos. até conseguir faze-los entrar no hospital. e dava-lhe umas palmadas. resolveu ajudar. ou. Maria não se incomoda mais e nem sente mais nada.  Resposta Incondicionada = Raiva. Gradativamente foi mostrando fotografias de bebês nascendo em hospitais. sem passar mal.  Estímulo Neutro = Cadeira de Balanço de Palha. a estímulos que eliciam respostas de menor magnitude. gradativamente. até se alcançar o EC original (Hospital) e este também ser extinto. não só o da nossa cidade ou por pessoas que trabalham naquele hospital específico. era uma menina bem levada.branco (estímulos semelhantes.  Potencialização = Depois de um tempo vendo seu pai praticando esses atos violentos ela tem uma crise de raiva tão intensa que passa mal fisicamente. mas não iguais).  Resposta Condicionada = Raiva. . Agora Maria sente muita raiva cada vez que vê uma cadeira de balanço de palha.. causando machucados sérios.

associando a ideia de amor. agora. repetidas vezes na cadeira de balanço de palha da casa da vizinha. Condicionamento de 2ª Ordem = Numa campanha publicitária de Margarina apresentada na TV. o simples pensamento de um avião faz com que ele fique muito nervoso. ao retornar lá e ver a cadeira. sentar em outros tipos de cadeiras de balanço ou cadeiras de palha. O EC foi o cheiro da colônia e a RC seria a reação de alegria.  Martin teve um ataque de pânico durante uma viagem de avião.  Extinção Respondente = Ao se sentar. mas poderia ser se Jacob respondesse de uma forma semelhante a outras colónias e. sente raiva da referida margarina também. num processo gradativo. visitar lojas onde se vende este tipo de cadeira.  Recuperação Espontânea = Depois de 01 mês sem visitar a vizinha. sempre se mostra a imagem de uma cadeira de balanço de palha. Explicação: Este exemplo é de condicionamento clássico principalmente. No dia seguinte. O EC seria o avião e a RC seria medo (a resposta aparentemente generalizada para todos os aviões). (No entanto.  Dessensibilização Sistemática = Enfrentamento gradativo com situações referentes ao EC: apresentação de fotografias de cadeira de balanço de palha em situações agradáveis.) O EI seria o ataque de pânico e a RI seria o medo que é acionado automaticamente. em seguida. Agora. o que levou à RI de uma reação alegre. até chegar ao ponto de sentar na cadeira que o pai usava para o castigo. o sentimento de raiva foi desaparecendo. alegria e afeição ao referido tipo de cadeira. desenvolve uma resposta específica para apenas a colônia usado por sua namorada. em si foi muito apaixonado. Vinte anos se passam e Martin ainda está com medo de aviões. Maria. Explicação: Este é um exemplo do condicionamento clássico. quando Jacob entra em seu carro ele sente o cheiro persistente perfume de sua namorada e fica radiante de alegria. O EI seria a namorada apaixonada. embora ele nunca mais tenha voado. A resposta não se extinguiu por 20 anos porque ele nunca passou por . sente um pouco de raiva. a escolha para evitar aviões seria um condicionamento operante pois seu comportamento é voluntário. Generalização e discriminação de estímulos não estão envolvidos aqui. porque a resposta de tornar-se radiante de alegria é automática.  A namorada de Jacob estava usando um perfume muito sedutor em seu encontro recente.  Contra condicionamento = Amamentar a filha numa cadeira de balanço de palha. porque a sua resposta de medo é automático.

Com o tempo.  Um indivíduo recebe injeções frequentes de drogas. porque o aumento da frequência cardíaca é uma resposta automática.  Você come um alimento novo e depois ficar doente por causa de uma gripe. Explicação: Este exemplo é o condicionamento clássico. porque saltar longe da água quente é uma resposta automática. Explicação: Este exemplo é o condicionamento clássico. Explicação: Este exemplo é de condicionamento clássico por que a náusea é uma resposta automática. mas depois de várias viagens para a clínica.  Toda vez que alguém da descarga num banheiro do prédio de apartamentos.extinção. Ele precisaria ser exposto ao EC (aviões) sem os EI (ataques de pânico) ao longo de muitas experiências para a sua RC (medo) se extinga. você desenvolve uma aversão pela comida e sentesse enjoada sempre que você sente o cheiro desta comida. a pessoa começa a voltar automaticamente para trás após ouvir a descarga e antes das mudanças da temperatura da água. A própria droga provoca aumento da frequência cardíaca. No entanto. . o chuveiro fica muito quente e faz com que a pessoa de um pulo para trás. basta estar em uma sala pequena que logo sente um aumento de seus batimento cardíacos. que são administradas em uma pequena sala de exames em uma clínica.

780/0 5.43.5.20/0441424897.4770::2.:5./4 4:././.2..... 30890.:507.03/4 .6:0.3/4 .9.43.780/020/4  .43/.780/00/40474   7.020/4/0..4 8543930..5. /46:0....70.70.20390 20//..4..3/4:2842/0E:.. !73./4:.40443:3./.20E.  #085489.6:014..  F 4 70.20394 /0 :2./.84:97..   #0.43.9F6:08:2: 0548/0:290254 6:...2.43/.5.03/4 . /0548/0:2.84..708.4770:/034. 7085489.3/4 4490.  !07.3/4./.47 4248O4.8. 3.0 34/:74:2:9490254014-022034839038.7808/020/4 8:.84.:.890.20390 5476:03:3.4:5704.00 6:0 34 ./.20341. 6:000089.0-03/4 884  80: 20/4 14 /08.4390.0:2. . 0317.:8. 6:.3/48:...0/4  89J2:443/...:7.5..

 504 089J2:4 .5O8 .4  89J2:43./. .4390.07 0 10 4 97..94 /05:.757O24.88.8 8:.43/.44  &2 /..3/4  :2.8 /0 .0390  6:0 1079.7 /4 .3/4 4 8.8.:7.43./4$.48 .   0307.089/.3:088:./.3.3. 2047 .3:0 /.. 7085489. .8. ..8  #085489.43/.4 6:0 80 803903.3/4 80 .39080. 6:24907.88.6:07 4859.47548 ./. .43/../.43.3/400.43/.3/4 7. .43. 5073. .43.43/.20394 /0 6:24907. ./.4 -7.3:088:. 9.3. /0 0344 5..43./.2.  89J2:43./4/.7/4.43/.3.07     3.43/.43./4":24907.3. . 57.43/.  . 7:.8 .7.43/././.4 50794 /0 8:.  508.47./.:F2 /0 .88.4 089J2:4 3.0 6:.43. 5. 5073. 34.40097020/0/0848940344   89J2:40:974. 5. .8  0307.4  #085489.42 4 025.  7.74:80. 0890./0 43/0 247. /0.  6:.  /0548 /.4   :2 34./.6:0./057.07 0 0.. 7085489.43. /0 :2 4859. :2..3/4 50794 /4 ./4  4: 80.4 5.  47.7 3./.7.45. 34.7 /884  0.8..48485.  &2. .43./..7/0  /0548 /0 3.. /.4  3.8 .43.9.4 089.8 7.E7.7  /08./.4 /08808 00203948  4 .4: .6:.4.43.43.4203448. 574/:/.0.43. 7085489.4 80 .. 4: .5.. 3. 34 4859.4 02. /0 3./4 504 .008 .42.43. 147.43/.9.429./4. 34 54/0 5.20394  884.97.5742./0/0.48   97.H 8:.4  .3.07 .20394 E 907234: 0 48 2F/. 0.43/.0 .7 48 .-07.88.7.2948  89J2:443/..4-7: /:.2 .3.429. 6:.  .#05:8.42 ./4 2:07 .4397E7.4 489.9.248  44 .7085489.E:80.8.70.97.  89J2:443/.:80./4..88.4:034.4380.8 808808 /0 6:24907.43/. 807 089J2:4 .43.2./.  01.43/.4 80:. .3440.42 00  894 80 705090 . 2:07 2:94 . /0 8:. 3.439.20394 705099.8. 8:.3/4547 /.43.0. :2.5.7.7 34 .43/./44859.4389.0/0803970344 008477   4397.  #085489.5742.2:942.5.0390  0.:9.  #085489.0.7   89J2:40:9744859.3/08 8. 050884.5.

42 4:97.  0.89400808039..0850. 0 :2.7.9F 80 .3.:. 4859.074: /02.3..3908 2.86:097.7 34 4859..8802 02 ..3/4 506:03..8 /0 20347 2.03908/.20390 14 24897.43/.:8./48 8F748  47.8.H:2.090 3.9.0/20394 /0 0934 02 506:03..20390  ..4 $8902E9.:/. 7:.. 507..4 00254 2.1. -02 0. 2033. 2082.  $0:5.203903.4    58..88.7.  438890 02 /.:2-0748  /03989..34/05../0.7.8 ..34 /0 5.0 48 0397../.5.2-F2 80709394   43/.7.4: .  ..  0 573.8 5.  0 0890 9. . 348 4048  0 /.088.:380 5..03908 0397.7../...3:2. :2.4390.3/4 14947.5..06:0.0948    .42 6:0 08908 5.08902 /0 -7.44. /.8 348O4/.702 847.3/4 2.8 50884..439../0-.0:  088038-.8  :2.8  1.8../07../.J/:4  7./4'4H3.... 3...J1.834:.  .  6:0.8 09308  .   89J2:43. 6:24907. 942.././097.2 7085489. .03/4 02 4859.03/4 .43.802.8 8:. 6:0 .  6:. 089J2:48 6:0 0.008 00 0./07.008 .8  .88.8 43/0 80 050 4 3/.078. .8  2. /4 4859..20394 8025.2..08 !../..   89J2:40:974..34/0!.3488.894:5478:..4380:7 1..8 5.89. 07..8 8:.72..6:004859.2-F2 80 ..82./07.94 .O44/44859.20394#08543/0390 0254/043.7..8 57418808 6:0 9.3.8 /0 -0-H8 3.3/4 ...0: ./.-.7 4  473. 1.0-03/408908 83942.9.803902:9.8 .9F .9..7  7..43.23..39:/0  0..4 089J2:488020.8 09./0-../7 4 574.  7084.5.8  09.-7..8./04: 54750884.

6:07954/0./07../.948 . 57.902:2.43.9439038.3/4 .4 #08543/0390  ":.3/4 70509/.7.....34/0!..03/4 80: 5.9.   #085489./0-.   890574.-9:.43.18...   89J2:443/.#.#.3../4..4039480.2.0884/0.7  .  . 34 80 3.43/./..3/4 08808 .83..20390  . 507../.2039454/007..6:05..7.5.43/.390 6:.2.20390   0307.780/07./0.. 80397 7./07.43..2./.43/.80302803902.4  5O8 :2 90254 .424/.3.88.. 4:   !4903.4  0548 /0 :2 90254 ..344:/05.43. 5.!.8   #085489.884: .

4220/4/0.7E0../E.9F.9.34 /05.././. .47./..247.4.41.34 /0 5..4..7024:97489548/0.3/..20394 F .08  .20394 4507.5...5708039../. 02 80: ... 4 . 1.  807./020/4F.774 00 80390 4 .70.43. 7..89..:942E9.9E7.7 4.5..43/.7 .43.9.4../0-.. . .4. .73.07.0850..20 .9.:942E9.7 807. 46:0 0. .07.5.2039.247 ./.03/0 0890 954 /0 .80780./0.6:0/053.43974 70.1472.08807.07.40 .0:2..9...8.43/.14 /08.07. 20/4 .6:  2.4 /0 089J2:48 34 089403.089E.4.70107/. /0 ./4  4 /./07./07.8.247.:507.70.7.73.02 /0 .43.43./4.390 :2./07.  0548 /0  2H8 802 .1.7085489.884.08 .074/. # 807.08 7010703908.7./../07..20394 7..4 /:7.070  144.4573. .0..7085489.02 /0 :2.  317039.34/05.  . 3.348805. 80:390  6:.4 709473.4:#/0:2..503. 34 80 093:: 547   .20394  2...7..8/0.E88.7./0.  0307..3/4 .08.003:3.42 89:..34 /05.0./0-.43/..3.5.8020../.08 02-47.89.9.7085489.  8039.#807. .854/07.4- 089.390 548 80: ..0 :2 ./...884: 547 .  4 82508 5038..#807.40./07.20394/0:2.5.43.5..470107/4954/0.08   7085489.4 4803920394/07.7./07. 0 1.9.390.4 8543930.8903.344:. .425479....43./07.4890F:200254/4..:942.. 8:.247.7 . 5:-./07.2..0.4  4039..4.3/4. :2 ./07./..426:00016:02:94307.2-F2   934#08543/0390480 8039. 02 89:..5.70390203900307.0390   02 8 14 2:94 .   . 5.4-708543/0880/0:2. 4 .5./.7..454394/08039. 80390:254:...394 ./4547 8:.. /0803.F.E88.4:39E74    807.7085489. . .8/0-. /0 -.3.0083.104.25.4 5476:0...7.4O3.. 803907.7  70509/.4.3.73.484 '390. 3:2574.20390  807.723.2. 43/.88..4 0 /8.390/0.8 0 0280:/.420/46:0F. :8. .   088038-.20394..43./07.J1.. ./48 ... 94/4848 .7./.3/4 :2 5071:20 2:94 80/:947 02 80: 03.4:97./.43.43/.. /0 .4  47.4/07.8.793 90.9./.8/05.. .894     3.3... 3:2.6:0 /0 53.4- 0397.8 43/0 80 . 3..:8..4/014947..390 /0 .5..489000254F/0.  5.074 5078890390 5071:20 /0 8:.20394 /0   7/02  :2.348 5476:0 00 3:3.20394.08847./4  5...07.7 .43.793.0.3.5708039./0 9473.6:045./.4 $8902E9.03/4   #0. 2.8 .20390 5476:0.:8.70.247. /0 -. %'  802570 80 24897.4 .43...4 /0 .   4397.7.

4.9..:20394/080:8-..E:.:20394 /..43.  5.89..920394.5O8 4:..0385.20390 5. . 50884. 0 80390880 034.7 .9:7.9...   '4.80507H3. 3E:80...4.:.8  6:0 84 . .7 /40390 547 .3074 /4 57F/4 /0 .42/.4 . /08...7./0:25:45. 1706:H3. 8. .4 547 6:0 .E7.43/.H /0803.4 0 /0548 1.:942...7..420.6:04480390:2.20394 34./. 8025706:0 .48  5./. -.:20394 /.4 890 00254 F 4 .43/.074/089.7 ..F:2.8.203948  4 .7/J.   &2 3/.:942E9.3908 /..43. .# 20/4 80093.7085489.49..7.902507.. 8.0-0 3008 1706:03908 /0 /74.6:08/053.8:.089...4 890 00254 F /0 .0741.20394..420 :2 . 750  4 039. /08.506:03.4.8/0548/0.7..8/.6:0390F:2. F :2.   %4/.0934 0570.9...:942E9. .20394 .0 :2..   .0784 50.H803904.7 430 /.7/J.. 0 . .4 .0 6:0 .50884.08 80248 .:942E9.:F2 /. 97E8 ..82:/./.7.. /0 :2.7.4  5476:0 4 . 574.426:0. /74.7085489..7/J.. 2. . E:..43/.208 02 :2./23897.  5.42/. 506:03.20394 .7085489.3.7.97E8 42490254  ..J/:4 70.43.H .E88..79.2:946:039001. . /0 0..8.4  5476:0 8..5..702:2.4 89000254F 4.4 434/02:9.807054894.. 1706:H3.J3.J3.85.E88.:8.8 02 :2.E88.. 3:2 -.   57O57..394 .4...