Você está na página 1de 1

Significado do termo TOMBO A expresso Tombamento e Livro de Tombo, provm do Direito Portugus, onde a palavra tombar tem o sentido

de registrar, inventariar inscrever bens nos arquivos do Reino. Tal inventrio era inscrito em livro prprio que era guardado na Torre do Tombo, a torre albarr, do castelo de So Jorge, em Lisboa (Portugal). Ali se guardavam, para alm dos referidos tombos de registo e demarcao de bens e direitos, os documentos da Fazenda, os captulos das Cortes, os livros de chancelaria, os registos de instituio de morgados e capelas, os testamentos, os forais, as sentenas do juiz dos feitos da Coroa, as bulas papais, os tratados internacionais, a correspondncia rgia e muitos outros documentos oficiais da histria do pas, e muitos referentes Histria do Brasil. Na atual designao oficial, o Instituto dos Arquivos Nacionais / Torre do Tombo uma instituio com uma longa histria, maior do que a da maioria dos prprios documentos que conserva. Para a normalizao, descrio e produo de instrumentos tcnicos dos bens a preservar, a Lei Estadual N. 1.211, no artigo terceiro, descreve a forma de se adotar o registro dos bens patrimoniais: EM LIVRO TOMBO. Lei Estadual N. 1.211 Data: 16 de setembro de 1.953 ARTIGO 3 - A Diviso do Patrimnio Histrico, Artstico e Cultural do Paran possuir quatro (4) Livros do Tombo, nos quais sero inscritos as obras a que se refere o artigo 1 desta Lei a saber: 1) - no livro do tombo arqueolgico, etnogrfico e paisagstico, as coisas pertencentes s categorias de arte arqueolgica,etnogrfica, amerndia e popular, bem assim os monumentos naturais; 2) - no livro do tombo histrico, as coisas de interesse histrico e obras de arte histrica; 3) - no livro do tombo das belas artes, as coisas de arte erudita estadual, nacional ou estrangeira. 4) - no livro do tombo das artes aplicadas, as obras que se inclurem na categoria das Artes Aplicadas, nacionais e estrangeiras;