P. 1
L8666

L8666

|Views: 50|Likes:
Publicado poramiiguiinha

More info:

Published by: amiiguiinha on Oct 27, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as RTF, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

02/25/2015

pdf

text

original

Sections

  • CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS
  • CAPÍTULO II DA LICITAÇÃO
  • CAPÍTULO III DOS CONTRATOS
  • CAPÍTULO IV DAS SANÇÕES ADMINISTRATIVAS E DA TUTELA JUDICIAL
  • CAPÍTULO VI DISPOSIÇÕES FINAIS E TRANSITÓRIAS

LEI Nº 8.666, de 21 de junho de 1.993, com a redação dada pela Lei 8.883, de 08 de junho de 1.

99
e a Lei 9.68, de 2! de maio de 1998.
"e#ulamen$a o ar$. 3!, inci%o &&I, da
'on%$i$uição (ederal, in%$i$ui norma% para
lici$aç)e% e con$ra$o% da *dmini%$ração
+,-lica e d. ou$ra% pro/id0ncia%.
'*+123L4 I
5*6 5I6+46I78E6 9E"*I6
6E7:4 I
546 +"IN'1+I46
*r$. 1º E%$a Lei e%$a-elece norma% #erai% %o-re lici$aç)e% e con$ra$o% admini%$ra$i/o% per$inen$e% a
o-ra%, %er/iço%, inclu%i/e de pu-licidade, compra%, alienaç)e% e locaç)e% no ;m-i$o do% +odere% da
3nião, do% E%$ado%, do 5i%$ri$o (ederal e do% <unic=pio%.
+ar.#ra>o ?nico. 6u-ordinam@%e ao re#ime de%$a Lei, alAm do% Br#ão% da *dmini%$ração 5ire$a, o%
>undo% e%peciai%, a% au$arCuia%, a% >undaç)e% p,-lica%, a% empre%a% p,-lica%, a% %ociedade% de
economia mi%$a e demai% en$idade% con$rolada% dire$a ou indire$amen$e pela 3nião, E%$ado%,
5i%$ri$o (ederal e <unic=pio%.
*r$. 2º*% o-ra%, %er/iço%, inclu%i/e de pu-licidade, compra%, alienaç)e%, conce%%)e%, permi%%)e% e
locaç)e% da *dmini%$ração +,-lica, Cuando con$ra$ada% com $erceiro%, %erão nece%%ariamen$e
precedida% de lici$ação, re%%al/ada% a% hipB$e%e% pre/i%$a% ne%$a Lei.
+ar.#ra>o ,nico. +ara o% >in% de%$a Lei, con%idera@%e con$ra$o $odo e CualCuer aju%$e en$re Br#ão% ou
en$idade% da *dmini%$ração +,-lica e par$iculare%, em Cue haja um acordo de /on$ade% para a
>ormação de /=nculo e a e%$ipulação de o-ri#aç)e% rec=proca%, %eja Cual >or a denominação u$iliDada.
*r$. 3º * lici$ação de%$ina@%e a #aran$ir a o-%er/;ncia do princ=pio con%$i$ucional da i%onomia e a
%elecionar a propo%$a mai% /an$ajo%a para a *dmini%$ração e %er. proce%%ada e jul#ada em e%$ri$a
con>ormidade com o% princ=pio% -.%ico% da le#alidade, da impe%%oalidade, da moralidade, da
i#ualdade, da pu-licidade, da pro-idade admini%$ra$i/a, da /inculação ao in%$rumen$o con/oca$Brio,
do jul#amen$o o-je$i/o e do% Cue lhe% %ão correla$o%.
E 1º F /edado ao% a#en$e% p,-lico%G
I @ admi$ir, pre/er, incluir ou $olerar, no% a$o% de con/ocação, cl.u%ula% ou condiç)e% Cue
comprome$am, re%$rinjam ou >ru%$rem o %eu car.$er compe$i$i/o e e%$a-eleçam pre>er0ncia% ou
di%$inç)e% em raDão da na$uralidade, da %ede ou domic=lio do% lici$an$e% ou de CualCuer ou$ra
circun%$;ncia imper$inen$e ou irrele/an$e para o e%pec=>ico o-je$o do con$ra$oH
II @ e%$a-elecer $ra$amen$o di>erenciado de na$ureDa comercial, le#al, $ra-alhi%$a, pre/idenci.ria ou
CualCuer ou$ra, en$re empre%a% -ra%ileira% e e%$ran#eira%, inclu%i/e no Cue %e re>ere a moeda,
modalidade e local de pa#amen$o%, me%mo Cuando en/ol/ido% >inanciamen$o% de a#0ncia%
in$ernacionai%, re%%al/ado o di%po%$o no par.#ra>o %e#uin$e e no ar$. 3º da Lei nº 8.28, de 23 de
ou$u-ro de 1991.
E 2º Em i#ualdade de condiç)e%, como cri$Ario de de%empa$e, %er. a%%e#urada pre>er0ncia,
1
%uce%%i/amen$e, ao% -en% e %er/iço%G
I @ produDido% ou pre%$ado% por empre%a% -ra%ileira% de capi$al nacionalH
II @ produDido% no +a=%H
III @ produDido% ou pre%$ado% por empre%a% -ra%ileira%.
E 3º * lici$ação não %er. %i#ilo%a, %endo p,-lico% e ace%%=/ei% ao p,-lico o% a$o% de %eu
procedimen$o, %al/o Cuan$o ao con$e,do da% propo%$a%, a$A a re%pec$i/a a-er$ura.
E º IE2*54
*r$. º 2odo% Cuan$o% par$icipem de lici$ação promo/ida pelo% Br#ão% ou en$idade% a Cue %e re>ere o
ar$. 1º $0m direi$o p,-lico %u-je$i/o J >iel o-%er/;ncia do per$inen$e procedimen$o e%$a-elecido
ne%$a Lei, podendo CualCuer cidadão acompanhar o %eu de%en/ol/imen$o, de%de Cue não in$er>ira de
modo a per$ur-ar ou impedir a realiDação do% $ra-alho%.
+ar.#ra>o ,nico. 4 procedimen$o lici$a$Brio pre/i%$o ne%$a Lei carac$eriDa a$o admini%$ra$i/o >ormal,
%eja ele pra$icado em CualCuer e%>era da *dmini%$ração +,-lica.
*r$. Kº 2odo% o% /alore%, preço% e cu%$o% u$iliDado% na% lici$aç)e% $erão como eLpre%%ão mone$.ria a
moeda corren$e nacional, re%%al/ado o di%po%$o no ar$. 2 de%$a Lei, de/endo cada unidade da
*dmini%$ração, no pa#amen$o da% o-ri#aç)e% rela$i/a% ao >ornecimen$o de -en%, locaç)e%,
realiDação de o-ra% e pre%$ação de %er/iço%, o-edecer para cada >on$e di>erenciada de recur%o%, a
e%$ri$a ordem cronolB#ica da% da$a% de %ua% eLi#i-ilidade%, %al/o Cuando pre%en$e% rele/an$e% raD)e%
de in$ere%%e p,-lico e median$e prA/ia ju%$i>ica$i/a da au$oridade compe$en$e, de/idamen$e
pu-licada.
E 1º 4% crAdi$o% a Cue %e re>ere e%$e ar$i#o $erão %eu% /alore% corri#ido% por cri$Ario% pre/i%$o% no a$o
con/oca$Brio e Cue lhe% pre%er/em o /alor.
E 2º * correção de Cue $ra$a o par.#ra>o an$erior, cujo pa#amen$o %er. >ei$o jun$o com o principal,
correr. a con$a da% me%ma% do$aç)e% orçamen$.ria% Cue a$enderam ao% crAdi$o% a Cue %e re>erem.
§ 3º Observado o disposto no caput, os pagamentos decorrentes de despesas cujos valores não
ultrapassem o limite de que trata o inciso II do art. 24, sem prejuío do que disp!e seu par"gra#o
$nico, deverão ser e#etuados no prao de at% & 'cinco( dias $teis, contados da apresenta)ão da
#atura.' *eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
6E7:4 II
5*6 5E(INI78E6
*r$. 6º +ara o% >in% de%$a Lei, con%idera@%eG
I @ 4-ra @ $oda con%$rução, re>orma, >a-ricação, recuperação ou ampliação, realiDada por eLecução
dire$a ou indire$aH
II @ 6er/iço @ $oda a$i/idade de%$inada a o-$er de$erminada u$ilidade de in$ere%%e para a
*dmini%$ração, $ai% comoG demolição, con%er$o, in%$alação, mon$a#em, operação, con%er/ação,
reparação, adap$ação, manu$enção, $ran%por$e, locação de -en%, pu-licidade, %e#uro ou $ra-alho%
2
$Acnico@pro>i%%ionai%H
III @ 'ompra @ $oda aCui%ição remunerada de -en% para >ornecimen$o de uma %B /eD ou
parceladamen$eH
II @ *lienação @ $oda $ran%>er0ncia de dom=nio de -en% a $erceiro%H
I @ 4-ra%, %er/iço% e compra% de #rande /ul$o @ aCuela% cujo /alor e%$imado %eja %uperior a 2K
M/in$e e cincoN /eDe% o limi$e e%$a-elecido na al=nea OcO do inci%o I do ar$. 23 de%$a LeiH
II @ 6e#uro@9aran$ia @ o %e#uro Cue #aran$e o >iel cumprimen$o da% o-ri#aç)e% a%%umida% por
empre%a% em lici$aç)e% e con$ra$o%H
III @ ELecução dire$a @ a Cue A >ei$a pelo% Br#ão% e en$idade% da *dmini%$ração, pelo% prBprio%
meio%H
IIII @ ELecução indire$a @ a Cue o Br#ão ou en$idade con$ra$a com $erceiro%, %o- CualCuer do%
%e#uin$e% re#ime%G
aN emprei$ada por preço #lo-al @ Cuando %e con$ra$a a eLecução da o-ra ou do %er/iço por preço
cer$o e $o$alH
-N emprei$ada por preço uni$.rio @ Cuando %e con$ra$a a eLecução da o-ra ou do %er/iço por preço
cer$o de unidade% de$erminada%H
cN IE2*54
dN $are>a @ Cuando %e aju%$a mão@de@o-ra para peCueno% $ra-alho% por preço cer$o, com ou %em
>ornecimen$o de ma$eriai%H
eN emprei$ada in$e#ral @ Cuando %e con$ra$a um empreendimen$o em %ua in$e#ralidade,
compreendendo $oda% a% e$apa% da% o-ra%, %er/iço% e in%$alaç)e% nece%%.ria%, %o- in$eira
re%pon%a-ilidade da con$ra$ada a$A a %ua en$re#a ao con$ra$an$e em condiç)e% de en$rada em
operação, a$endido% o% reCui%i$o% $Acnico% e le#ai% para %ua u$iliDação em condiç)e% de %e#urança
e%$ru$ural e operacional e com a% carac$er=%$ica% adeCuada% J% >inalidade% para Cue >oi con$ra$adaH
I& @ +roje$o P.%ico @ conjun$o de elemen$o% nece%%.rio% e %u>icien$e%, com n=/el de preci%ão
adeCuado para carac$eriDar a o-ra ou %er/iço, ou compleLo de o-ra% ou %er/iço% o-je$o da lici$ação,
ela-orado com -a%e na% indicaç)e% do% e%$udo% $Acnico% preliminare%, Cue a%%e#urem a /ia-ilidade
$Acnica e o adeCuado $ra$amen$o do impac$o am-ien$al do empreendimen$o, e Cue po%%i-ili$e a
a/aliação do cu%$o da o-ra e a de>inição do% mA$odo% e do praDo de eLecução, de/endo con$er o%
%e#uin$e% elemen$o%G
aN de%en/ol/imen$o da %olução e%colhida de >orma a >ornecer /i%ão #lo-al da o-ra e iden$i>icar
$odo% o% %eu% elemen$o% con%$i$u$i/o% com clareDaH
-N %oluç)e% $Acnica% #lo-ai% e localiDada%, %u>icien$emen$e de$alhada%, de >orma a minimiDar a
nece%%idade de re>ormulação ou de /arian$e% duran$e a% >a%e% de ela-oração do proje$o eLecu$i/o e
de realiDação da% o-ra% e mon$a#emH
cN iden$i>icação do% $ipo% de %er/iço% a eLecu$ar e de ma$eriai% e eCuipamen$o% a incorporar J o-ra,
3
-em como %ua% e%peci>icaç)e% Cue a%%e#urem o% melhore% re%ul$ado% para o empreendimen$o, %em
>ru%$rar o car.$er compe$i$i/o para a %ua eLecuçãoH
dN in>ormaç)e% Cue po%%i-ili$em o e%$udo e a dedução de mA$odo% con%$ru$i/o%, in%$alaç)e%
pro/i%Bria% e condiç)e% or#aniDacionai% para a o-ra, %em >ru%$rar o car.$er compe$i$i/o para a %ua
eLecuçãoH
eN %u-%=dio% para mon$a#em do plano de lici$ação e #e%$ão da o-ra, compreendendo a %ua
pro#ramação, a e%$ra$A#ia de %uprimen$o%, a% norma% de >i%caliDação e ou$ro% dado% nece%%.rio% em
cada ca%oH
>N orçamen$o de$alhado do cu%$o #lo-al da o-ra, >undamen$ado em Cuan$i$a$i/o% de %er/iço% e
>ornecimen$o% propriamen$e a/aliado%.
& @ +roje$o ELecu$i/o @ o conjun$o do% elemen$o% nece%%.rio% e %u>icien$e% J eLecução comple$a da
o-ra, de acordo com a% norma% per$inen$e% da *%%ociação Pra%ileira de Norma% 2Acnica% @ *PN2H
&I @ *dmini%$ração +,-lica @ a admini%$ração dire$a e indire$a da 3nião, do% E%$ado%, do 5i%$ri$o
(ederal e do% <unic=pio%, a-ran#endo inclu%i/e a% en$idade% com per%onalidade jur=dica de direi$o
pri/ado %o- con$role do poder p,-lico e da% >undaç)e% por ele in%$i$u=da% ou man$ida%H
&II @ *dmini%$ração @ Br#ão, en$idade ou unidade admini%$ra$i/a pela Cual a *dmini%$ração +,-lica
opera e a$ua concre$amen$e.
&III @ Impren%a 4>icial @ /e=culo o>icial de di/ul#ação da *dmini%$ração +,-lica, %endo para a
3nião o 5i.rio 4>icial da 3nião, e, para o% E%$ado%, o 5i%$ri$o (ederal e o% <unic=pio%, o Cue >or
de>inido na% re%pec$i/a% lei%H
&II @ 'on$ra$an$e @ A o Br#ão ou en$idade %i#na$.ria do in%$rumen$o con$ra$ualH
&I @ 'on$ra$ado @ a pe%%oa >=%ica ou jur=dica %i#na$.ria de con$ra$o com a *dmini%$ração +,-licaH
&II @ 'omi%%ão @ 'omi%%ão, permanen$e ou e%pecial, criada pela *dmini%$ração com a >unção de
rece-er, eLaminar e jul#ar $odo% o% documen$o% e procedimen$o% rela$i/o% J% lici$aç)e% e ao
cada%$ramen$o de lici$an$e%.
6E7:4 III
5*6 4P"*6 E 6E"II746
*r$. !º *% lici$aç)e% para a eLecução de o-ra% e para a pre%$ação de %er/iço% o-edecerão ao di%po%$o
ne%$e ar$i#o e, em par$icular, J %e#uin$e %eCQ0nciaG
I @ proje$o -.%icoH
II @ proje$o eLecu$i/oH
III @ eLecução da% o-ra% e %er/iço%.
E 1º * eLecução de cada e$apa %er. o-ri#a$oriamen$e precedida da conclu%ão e apro/ação, pela
au$oridade compe$en$e, do% $ra-alho% rela$i/o% J% e$apa% an$eriore%, J eLceção do proje$o eLecu$i/o,
o Cual poder. %er de%en/ol/ido concomi$an$emen$e com a eLecução da% o-ra% e %er/iço%, de%de Cue

$am-Am au$oriDado pela *dmini%$ração.
E 2º *% o-ra% e o% %er/iço% %omen$e poderão %er lici$ado% CuandoG
I @ hou/er proje$o -.%ico apro/ado pela au$oridade compe$en$e e di%pon=/el para eLame do%
in$ere%%ado% em par$icipar do proce%%o lici$a$BrioH
II @ eLi%$ir orçamen$o de$alhado em planilha% Cue eLpre%%em a compo%ição de $odo% o% %eu% cu%$o%
uni$.rio%H
III @ hou/er pre/i%ão de recur%o% orçamen$.rio% Cue a%%e#urem o pa#amen$o da% o-ri#aç)e%
decorren$e% de o-ra% ou %er/iço% a %erem eLecu$ada% no eLerc=cio >inanceiro em cur%o, de acordo
com o re%pec$i/o crono#ramaH
II @ o produ$o dela e%perado e%$i/er con$emplado na% me$a% e%$a-elecida% no +lano +lurianual de
Cue $ra$a o ar$. 16K da 'on%$i$uição (ederal, Cuando >or o ca%o.
E 3º F /edado incluir no o-je$o da lici$ação a o-$enção de recur%o% >inanceiro% para %ua eLecução,
CualCuer Cue %eja a %ua ori#em, eLce$o no% ca%o% de empreendimen$o% eLecu$ado% e eLplorado% %o-
o re#ime de conce%%ão, no% $ermo% da le#i%lação e%pec=>ica.
E º F /edada, ainda, a inclu%ão, no o-je$o da lici$ação, de >ornecimen$o de ma$eriai% e %er/iço% %em
pre/i%ão de Cuan$idade% ou cujo% Cuan$i$a$i/o% não corre%pondam J% pre/i%)e% reai% do proje$o
-.%ico ou eLecu$i/o.
E Kº F /edada a realiDação de lici$ação cujo o-je$o inclua -en% e %er/iço% %em %imilaridade ou de
marca%, carac$er=%$ica% e e%peci>icaç)e% eLclu%i/a%, %al/o no% ca%o% em Cue >or $ecnicamen$e
ju%$i>ic./el, ou ainda Cuando o >ornecimen$o de $ai% ma$eriai% e %er/iço% >or >ei$o %o- o re#ime de
admini%$ração con$ra$ada, pre/i%$o e di%criminado no a$o con/oca$Brio.
E 6º * in>rin#0ncia do di%po%$o ne%$e ar$i#o implica a nulidade do% a$o% ou con$ra$o% realiDado% e a
re%pon%a-ilidade de Cuem lhe% $enha dado cau%a.
E !º Não %er. ainda compu$ado como /alor da o-ra ou %er/iço, para >in% de jul#amen$o da%
propo%$a% de preço%, a a$ualiDação mone$.ria da% o-ri#aç)e% de pa#amen$o, de%de a da$a >inal de
cada per=odo de a>erição a$A a do re%pec$i/o pa#amen$o, Cue %er. calculada pelo% me%mo% cri$Ario%
e%$a-elecido% o-ri#a$oriamen$e no a$o con/oca$Brio.
E 8º RualCuer cidadão poder. reCuerer J *dmini%$ração +,-lica o% Cuan$i$a$i/o% da% o-ra% e preço%
uni$.rio% de de$erminada o-ra eLecu$ada.
E 9º 4 di%po%$o ne%$e ar$i#o aplica@%e $am-Am, no Cue cou-er, ao% ca%o% de di%pen%a e de
ineLi#i-ilidade de lici$ação.
*r$. 8º * eLecução da% o-ra% e do% %er/iço% de/e pro#ramar@%e, %empre, em %ua $o$alidade, pre/i%$o%
%eu% cu%$o% a$ual e >inal e con%iderado% o% praDo% de %ua eLecução.
+ar.#ra>o ,nico. F proi-ido o re$ardamen$o imo$i/ado da eLecução de o-ra ou %er/iço, ou de %ua%
parcela%, %e eLi%$en$e pre/i%ão orçamen$.ria para %ua eLecução $o$al, %al/o in%u>ici0ncia >inanceira
ou compro/ado mo$i/o de ordem $Acnica, ju%$i>icado% em de%pacho circun%$anciado da au$oridade a
Cue %e re>ere o ar$. 26 de%$a Lei.
K
*r$. 9º Não poder. par$icipar, dire$a ou indire$amen$e, da lici$ação ou da eLecução de o-ra ou
%er/iço e do >ornecimen$o de -en% a ele% nece%%.rio%G
I @ o au$or do proje$o, -.%ico ou eLecu$i/o, pe%%oa >=%ica ou jur=dicaH
II @ empre%a, i%oladamen$e ou em con%Brcio, re%pon%./el pela ela-oração do proje$o -.%ico ou
eLecu$i/o ou da Cual o au$or do proje$o %eja diri#en$e, #eren$e, acioni%$a ou de$en$or de mai% de KS
Mcinco por cen$oN do capi$al com direi$o a /o$o ou con$rolador, re%pon%./el $Acnico ou
%u-con$ra$adoH
III @ %er/idor ou diri#en$e de Br#ão ou en$idade con$ra$an$e ou re%pon%./el pela lici$ação.
E 1º F permi$ida a par$icipação do au$or do proje$o ou da empre%a a Cue %e re>ere o inci%o II de%$e
ar$i#o, na lici$ação de o-ra ou %er/iço, ou na eLecução, como con%ul$or ou $Acnico, na% >unç)e% de
>i%caliDação, %uper/i%ão ou #erenciamen$o, eLclu%i/amen$e a %er/iço da *dmini%$ração in$ere%%ada.
E 2º 4 di%po%$o ne%$e ar$i#o não impede a lici$ação ou con$ra$ação de o-ra ou %er/iço Cue inclua a
ela-oração de proje$o eLecu$i/o como encar#o do con$ra$ado ou pelo preço pre/iamen$e >iLado pela
*dmini%$ração.
E 3º 'on%idera@%e par$icipação indire$a, para >in% do di%po%$o ne%$e ar$i#o, a eLi%$0ncia de CualCuer
/=nculo de na$ureDa $Acnica, comercial, econTmica, >inanceira ou $ra-alhi%$a en$re o au$or do
proje$o, pe%%oa >=%ica ou jur=dica, e o lici$an$e ou re%pon%./el pelo% %er/iço%, >ornecimen$o% e o-ra%,
incluindo@%e o% >ornecimen$o% de -en% e %er/iço% a e%$e% nece%%.rio%.
E º 4 di%po%$o no par.#ra>o an$erior aplica@%e ao% mem-ro% da 'omi%%ão de lici$ação.
*r$. 10 *% o-ra% e %er/iço% poderão %er eLecu$ado% na% %e#uin$e% >orma%G
I @ eLecução dire$aH
II @ eLecução indire$a, no% %e#uin$e% re#ime%G
aN emprei$ada por preço #lo-alH
-N emprei$ada por preço uni$.rioH
cN IE2*54H
dN $are>aH
eN emprei$ada in$e#ral.
+ar.#ra>o ?nicoG IE2*54
*r$. 11 *% o-ra% e %er/iço% de%$inado% ao% me%mo% >in% $erão proje$o% padroniDado% por $ipo%,
ca$e#oria% ou cla%%e%, eLce$o Cuando o proje$o@padrão não a$ender J% condiç)e% peculiare% do local
ou J% eLi#0ncia% e%pec=>ica% do empreendimen$o.
*r$. 12 No% proje$o% -.%ico% e proje$o% eLecu$i/o% de o-ra% e %er/iço% %erão con%iderado%
6
principalmen$e o% %e#uin$e% reCui%i$o%G
I @ %e#urançaH
II @ >uncionalidade e adeCuação ao in$ere%%e p,-licoH
III @ economia na eLecução, con%er/ação e operaçãoH
II @ po%%i-ilidade de empre#o de mão@de@o-ra, ma$eriai%, $ecnolo#ia e ma$Aria%@prima% eLi%$en$e%
no local para eLecução, con%er/ação e operaçãoH
I @ >acilidade na eLecução, con%er/ação e operação, %em preju=Do da dura-ilidade da o-ra ou do
%er/içoH
II @ adoção da% norma% $Acnica% de %a,de e de %e#urança do $ra-alho adeCuada%H
III @ impac$o am-ien$al.
6E7:4 II
546 6E"II746 2F'NI'46 +"4(I66I4N*I6 E6+E'I*LIU*546
*r$. 13 +ara o% >in% de%$a Lei, con%ideram@%e %er/iço% $Acnico% pro>i%%ionai% e%pecialiDado% o%
$ra-alho% rela$i/o% aG
I @ e%$udo% $Acnico%, planejamen$o% e proje$o% -.%ico% ou eLecu$i/o%H
II @ parecere%, per=cia% e a/aliaç)e% em #eralH
III @ a%%e%%oria% ou con%ul$oria% $Acnica% e audi$oria% >inanceira% ou $ri-u$.ria%H
II @ >i%caliDação, %uper/i%ão ou #erenciamen$o de o-ra% ou %er/iço%H
I @ pa$roc=nio ou de>e%a de cau%a% judiciai% ou admini%$ra$i/a%H
II @ $reinamen$o e aper>eiçoamen$o de pe%%oalH
III @ re%$auração de o-ra% de ar$e e -en% de /alor hi%$BricoH
IIII @ IE2*54
E 1º "e%%al/ado% o% ca%o% de ineLi#i-ilidade de lici$ação, o% con$ra$o% para pre%$ação de %er/iço%
$Acnico% pro>i%%ionai% e%pecialiDado% de/erão, pre>erencialmen$e, %er cele-rado% median$e a
realiDação de concur%o, com e%$ipulação prA/ia de pr0mio ou remuneração.
E 2º *o% %er/iço% $Acnico% pre/i%$o% ne%$e ar$i#o aplica@%e, no Cue cou-er, o di%po%$o no ar$. 111
de%$a Lei.
E 3º * empre%a de pre%$ação de %er/iço% $Acnico% e%pecialiDado% Cue apre%en$e relação de
in$e#ran$e% de %eu corpo $Acnico em procedimen$o lici$a$Brio ou como elemen$o de ju%$i>icação de
di%pen%a ou ineLi#i-ilidade de lici$ação, >icar. o-ri#ada a #aran$ir Cue o% re>erido% in$e#ran$e%
realiDem pe%%oal e dire$amen$e o% %er/iço% o-je$o do con$ra$o.
!
6E7:4 I
5*6 '4<+"*6
*r$. 1 Nenhuma compra %er. >ei$a %em a adeCuada carac$eriDação de %eu o-je$o e indicação do%
recur%o% orçamen$.rio% para %eu pa#amen$o, %o- pena de nulidade do a$o e re%pon%a-ilidade de
Cuem lhe $i/er dado cau%a.
*r$. 1K *% compra%, %empre Cue po%%=/el, de/erãoG
I @ a$ender ao princ=pio da padroniDação, Cue imponha compa$i-ilidade de e%peci>icaç)e% $Acnica% e
de de%empenho, o-%er/ada%, Cuando >or o ca%o, a% condiç)e% de manu$enção, a%%i%$0ncia $Acnica e
#aran$ia o>erecida%H
II @ %er proce%%ada% a$ra/A% de %i%$ema de re#i%$ro de preço%H
III @ %u-me$er@%e J% condiç)e% de aCui%ição e pa#amen$o %emelhan$e% J% do %e$or pri/adoH
II @ %er %u-di/idida% em $an$a% parcela% Cuan$a% nece%%.ria% para apro/ei$ar a% peculiaridade% do
mercado, /i%ando economicidadeH
I @ -aliDar@%e pelo% preço% pra$icado% no ;m-i$o do% Br#ão% e en$idade% da *dmini%$ração +,-lica.
E 1º 4 re#i%$ro de preço% %er. precedido de ampla pe%Cui%a de mercado.
E 2º 4% preço% re#i%$rado% %erão pu-licado% $rime%$ralmen$e para orien$ação da *dmini%$ração, na
impren%a o>icial.
E 3º 4 %i%$ema de re#i%$ro de preço% %er. re#ulamen$ado por decre$o, a$endida% a% peculiaridade%
re#ionai%, o-%er/ada% a% %e#uin$e% condiç)e%G
I @ %eleção >ei$a median$e concorr0nciaH
II @ e%$ipulação prA/ia do %i%$ema de con$role e a$ualiDação do% preço% re#i%$rado%H
III @ /alidade do re#i%$ro não %uperior a um ano.
E º * eLi%$0ncia de preço% re#i%$rado% não o-ri#a a *dmini%$ração a >irmar a% con$ra$aç)e% Cue
dele% poderão ad/ir, >icando@lhe >acul$ada a u$iliDação de ou$ro% meio%, re%pei$ada a le#i%lação
rela$i/a J% lici$aç)e%, %endo a%%e#urado ao -ene>ici.rio do re#i%$ro pre>er0ncia em i#ualdade de
condiç)e%.
E Kº 4 %i%$ema de con$role ori#inado no Cuadro #eral de preço%, Cuando po%%=/el, de/er. %er
in>orma$iDado.
E 6º RualCuer cidadão A par$e le#=$ima para impu#nar preço con%$an$e do Cuadro #eral em raDão de
incompa$i-ilidade de%%e com o preço /i#en$e no mercado.
E !º Na% compra% de/erão %er o-%er/ada%, aindaG
I @ a e%peci>icação comple$a do -em a %er adCuirido %em indicação de marcaH
8
II @ a de>inição da% unidade% e da% Cuan$idade% a %erem adCuirida% em >unção do con%umo e
u$iliDação pro/./ei%, cuja e%$ima$i/a %er. o-$ida, %empre Cue po%%=/el, median$e adeCuada% $Acnica%
Cuan$i$a$i/a% de e%$imaçãoH
III @ a% condiç)e% de #uarda e armaDenamen$o Cue não permi$am a de$erioração do ma$erial.
E 8º º 4 rece-imen$o de ma$erial de /alor %uperior ao limi$e e%$a-elecido no ar$. 23 de%$a Lei, para a
modalidade de con/i$e, de/er. %er con>iado a uma 'omi%%ão de no m=nimo, 3 M$r0%N mem-ro%.
*r$. 16 6er. dada pu-licidade, men%almen$e, em Br#ão de di/ul#ação o>icial ou em Cuadro de
a/i%o% de amplo ace%%o p,-lico, J relação de $oda% a% compra% >ei$a% pela *dmini%$ração dire$a ou
indire$a, de maneira a clari>icar a iden$i>icação do -em comprado, %eu preço uni$.rio, a Cuan$idade
adCuirida, o nome do /endedor e o /alor $o$al da operação, podendo %er a#lu$inada% por i$en% a%
compra% >ei$a% com di%pen%a e ineLi#i-ilidade de lici$ação.
+ar.#ra>o ,nico. 4 di%po%$o ne%$e ar$i#o não %e aplica ao% ca%o% de di%pen%a de lici$ação pre/i%$o%
no inci%o I& do ar$. 2.O
6E7:4 II
5*6 *LIEN*78E6
*r$. 1! * alienação de -en% da *dmini%$ração +,-lica, %u-ordinada J eLi%$0ncia de in$ere%%e p,-lico
de/idamen$e ju%$i>icado, %er. precedida de a/aliação e o-edecer. J% %e#uin$e% norma%G
I @ Cuando imB/ei%, depender. de au$oriDação Le#i%la$i/a para Br#ão% da admini%$ração dire$a e
en$idade% au$.rCuica% e >undacionai%, e, para $odo%, inclu%i/e a% en$idade% parae%$a$ai%, depender. de
a/aliação prA/ia e de lici$ação na modalidade de concorr0ncia, di%pen%ada e%$a% no% %e#uin$e% ca%o%G
aN dação em pa#amen$oH
-N doação, permi$ida eLclu%i/amen$e para ou$ro Br#ão ou en$idade da *dmini%$ração +,-lica, de
CualCuer e%>era de #o/ernoH
cN permu$a, por ou$ro imB/el Cue a$enda ao% reCui%i$o% con%$an$e% do inci%o & do ar$. 2 de%$a LeiH
dN in/e%$iduraH
eN /enda a ou$ro Br#ão ou en$idade da *dmini%$ração +,-lica, de CualCuer e%>era de #o/erno.
>N alienação, conce%%ão de direi$o real de u%o, locação ou permi%%ão de u%o de -en% imB/ei%
con%$ru=do% e de%$inado% ou e>e$i/amen$e u$iliDado% no ;m-i$o de pro#rama% ha-i$acionai% de
in$ere%%e %ocial, por Br#ão% ou en$idade% da *dmini%$ração +,-lica e%peci>icamen$e criado% para
e%%e >im.
II @ Cuando mB/ei% depender. de a/aliação prA/ia e de lici$ação, di%pen%ada e%$a no% %e#uin$e%
ca%o%G
aN doação, permi$ida eLclu%i/amen$e para >in% e u%o de in$ere%%e %ocial, apB% a/aliação de %ua
opor$unidade e con/eni0ncia %Bcio@econTmica, rela$i/amen$e J e%colha de ou$ra >orma de alienaçãoH
9
-N permu$a, permi$ida eLclu%i/amen$e en$re Br#ão% ou en$idade% da *dmini%$ração +,-licaH
cN /enda de aç)e%, Cue poderão %er ne#ociada% em -ol%a, o-%er/ada a le#i%lação e%pec=>icaH
dN /enda de $=$ulo%, na >orma da le#i%lação per$inen$eH
eN /enda de -en% produDido% ou comercialiDado% por Br#ão% ou en$idade% da *dmini%$ração +,-lica,
em /ir$ude de %ua% >inalidade%H
>N /enda de ma$eriai% e eCuipamen$o% para ou$ro% Br#ão% ou en$idade% da *dmini%$ração +,-lica,
%em u$iliDação pre/i%=/el por Cuem dele% di%p)e.
E 1º 4% imB/ei% doado% com -a%e na al=nea O-O do inci%o OIO de%$e ar$i#o, ce%%ada% a% raD)e% Cue
ju%$i>icaram a %ua doação, re/er$erão ao pa$rimTnio da pe%%oa jur=dica doadora, /edada a %ua
alienação pelo -ene>ici.rio.
E 2º * *dmini%$ração poder. conceder direi$o real de u%o de -en% imB/ei%, di%pen%ada a lici$ação,
Cuando o u%o %e de%$ina a ou$ro Br#ão ou en$idade da *dmini%$ração +,-lica.
§ 3º 1ntende2se por investidura, para os #ins desta +ei3 '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de
maio de 0,,.(
I 2 a aliena)ão aos propriet"rios de im4veis lindeiros de "rea remanescente ou resultante de obra
p$blica, "rea esta que se tornar inaproveit"vel isoladamente, por pre)o nunca in#erior ao da
avalia)ão e desde que esse não ultrapasse a &56 'cinq7enta por cento( do valor constante da
alínea 8a8 do inciso II do art. 23 desta +ei9'*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de
0,,.(
II 2 a aliena)ão, aos legítimos possuidores diretos ou, na #alta destes, ao :oder :$blico, de im4veis
para #ins residenciais construídos em n$cleos urbanos ane;os a usinas <idrel%tricas, desde que
considerados dispens"veis na #ase de opera)ão dessas unidades e não integrem a categoria de bens
reversíveis ao #inal da concessão. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
E º * doação com encar#o %er. lici$ada, e de %eu in%$rumen$o con%$arão, o-ri#a$oriamen$e, o%
encar#o%, o praDo de %eu cumprimen$o e cl.u%ula de re/er%ão, %o- pena de nulidade do a$o, %endo
di%pen%ada a lici$ação no ca%o de in$ere%%e p,-lico de/idamen$e ju%$i>icado.
E Kº Na hipB$e%e do par.#ra>o an$erior, ca%o o dona$.rio nece%%i$e o>erecer o imB/el em #aran$ia de
>inanciamen$o, a cl.u%ula de re/er%ão e demai% o-ri#aç)e% %erão #aran$ida% por hipo$eca em 2º #rau
em >a/or do doador.
E 6º +ara a /enda de -en% mB/ei% a/aliado%, i%olada ou #lo-almen$e, em Cuan$ia não %uperior ao
limi$e pre/i%$o no ar$. 23, inci%o II, al=nea O-O de%$a Lei, a *dmini%$ração poder. permi$ir o leilão.
*r$. 18 Na concorr0ncia para a /enda de -en% imB/ei%, a >a%e de ha-ili$ação limi$ar@%e@. J
compro/ação do recolhimen$o de Cuan$ia corre%ponden$e a KS Mcinco por cen$oN da a/aliação.
*r$. 19 4% -en% imB/ei% da *dmini%$ração +,-lica, cuja aCui%ição haja deri/ado de procedimen$o%
judiciai% ou de dação em pa#amen$o, poderão %er alienado% por a$o da au$oridade compe$en$e,
o-%er/ada% a% %e#uin$e% re#ra%G
10
I @ a/aliação do% -en% alien./ei%H
II @ compro/ação da nece%%idade ou u$ilidade da alienaçãoH
III @ adoção do procedimen$o lici$a$Brio, %o- a modalidade de concorr0ncia ou leilão.
'*+123L4 II
5* LI'I2*7:4
6E7:4 I
5*6 <45*LI5*5E6, LI<I2E6 E 5I6+EN6*
*r$. 20 *% lici$aç)e% %erão e>e$uada% no local onde %e %i$uar a repar$ição in$ere%%ada, %al/o por
mo$i/o de in$ere%%e p,-lico, de/idamen$e ju%$i>icado.
+ar.#ra>o ?nico. 4 di%po%$o ne%$e ar$i#o não impedir. a ha-ili$ação de in$ere%%ado% re%iden$e% ou
%ediado% em ou$ro% locai%.
*r$. 21 4% a/i%o% con$endo o% re%umo% do% edi$ai% da% concorr0ncia%, da% $omada% de preço%, do%
concur%o% e do% leil)e%, em-ora realiDado% no local da repar$ição in$ere%%ada, de/erão %er
pu-licado% com an$eced0ncia, no m=nimo, por uma /eDG
I @ no 5i.rio 4>icial da 3nião, Cuando %e $ra$ar de lici$ação >ei$a por Br#ão ou en$idade da
*dmini%$ração +,-lica (ederal, e, ainda, Cuando %e $ra$ar de o-ra% >inanciada% parcial ou $o$almen$e
com recur%o% >ederai% ou #aran$ido% por in%$i$uiç)e% >ederai%H
II @ no 5i.rio 4>icial do E%$ado, ou do 5i%$ri$o (ederal, Cuando %e $ra$ar re%pec$i/amen$e de
lici$ação >ei$a por Br#ão ou en$idade da *dmini%$ração +,-lica E%$adual ou <unicipal, ou do
5i%$ri$o (ederalH
III @ em jornal di.rio de #rande circulação no E%$ado e $am-Am, %e hou/er, em jornal de circulação
no <unic=pio ou na re#ião onde %er. realiDada a o-ra, pre%$ado o %er/iço, >ornecido, alienado ou
alu#ado o -em, podendo ainda a *dmini%$ração, con>orme o /ul$o da lici$ação, u$iliDar@%e de ou$ro%
meio% de di/ul#ação para ampliar a .rea de compe$ição.
E 1º 4 a/i%o pu-licado con$er. a indicação do local em Cue o% in$ere%%ado% poderão ler e o-$er o
$eL$o in$e#ral do edi$al e $oda% a% in>ormaç)e% %o-re a lici$ação.
E 2º 4 praDo m=nimo a$A o rece-imen$o da% propo%$a% ou da realiDação do e/en$o %er.G
I @ K MCuaren$a e cincoN dia% paraG
aN concur%oH
-N concorr0ncia, Cuando o con$ra$o a %er cele-rado con$emplar o re#ime de emprei$ada in$e#ral ou
Cuando a lici$ação >or do $ipo Omelhor $AcnicaO ou O$Acnica e preçoO.
II @ 30 M$rin$aN dia% paraG
aN concorr0ncia no% ca%o% não e%peci>icado% na alinea O-O do inci%o an$eriorH
11
-N $omada de preço%, Cuando a lici$ação >or do $ipo Omelhor $AcnicaO ou O$Acnica e preçoO.
III @ 1K MCuinDeN dia% para a $omada de preço% no% ca%o% não e%peci>icado% na alinea O-O do inci%o
an$erior ou leilãoH
II @ K McincoN dia% ,$ei% para con/i$e.
E 3º 4% praDo% e%$a-elecido% no par.#ra>o an$erior %erão con$ado% a par$ir da ,l$ima pu-licação do
edi$al re%umido ou da eLpedição do con/i$e, ou ainda da e>e$i/a di%poni-ilidade do edi$al ou do
con/i$e e re%pec$i/o% aneLo%, pre/alecendo a da$a Cue ocorrer mai% $arde.
E º RualCuer modi>icação no edi$al eLi#e di/ul#ação pela me%ma >orma Cue %e deu o $eL$o
ori#inal, rea-rindo@%e o praDo inicialmen$e e%$a-elecido, eLce$o Cuando, inCue%$iona/elmen$e, a
al$eração não a>e$ar a >ormulação da% propo%$a%.
*r$. 22 6ão modalidade% de lici$açãoG
I @ concorr0nciaH
II @ $omada de preço%H
III @ con/i$eH
II @ concur%oH
I @ leilão.
E 1º 'oncorr0ncia A a modalidade de lici$ação en$re Cuai%Cuer in$ere%%ado% Cue, na >a%e inicial de
ha-ili$ação preliminar, compro/em po%%uir o% reCui%i$o% m=nimo% de Cuali>icação eLi#ido% no edi$al
para eLecução de %eu o-je$o.
E 2º 2omada de +reço% A a modalidade de lici$ação en$re in$ere%%ado% de/idamen$e cada%$rado% ou
Cue a$enderem a $oda% a% condiç)e% eLi#ida% para cada%$ramen$o a$A o $erceiro dia an$erior J da$a do
rece-imen$o da% propo%$a%, o-%er/ada a nece%%.ria Cuali>icação.
E 3º 'on/i$e A a modalidade de lici$ação en$re in$ere%%ado% do ramo per$inen$e ao %eu o-je$o,
cada%$rado% ou não, e%colhido% e con/idado% em n,mero m=nimo de 3 M$r0%N pela unidade
admini%$ra$i/a, a Cual a>iLar., em local apropriado, cBpia do in%$rumen$o con/oca$Brio e o e%$ender.
ao% demai% cada%$rado% na corre%ponden$e e%pecialidade Cue mani>e%$arem %eu in$ere%%e com
an$eced0ncia de a$A 2 M/in$e e Cua$roN hora% da apre%en$ação da% propo%$a%.
E º 'oncur%o A a modalidade de lici$ação en$re Cuai%Cuer in$ere%%ado% para e%colha de $ra-alho
$Acnico, cien$=>ico ou ar$=%$ico, median$e a in%$i$uição de pr0mio% ou remuneração ao% /encedore%,
con>orme cri$Ario% con%$an$e de edi$al pu-licado na impren%a o>icial com an$eced0ncia m=nima de
K MCuaren$a e cincoN dia%.
E Kº Leilão e a modalidade de lici$ação en$re Cuai%Cuer in$ere%%ado% para a /enda de -en% mB/ei%
in%er/=/ei% para a *dmini%$ração ou de produ$o% le#almen$e apreendido% ou penhorado%, ou para a
alienação de -en% imB/ei% pre/i%$a no ar$. 19, a Cuem o>erecer o maior lance, i#ual ou %uperior ao
/alor da a/aliação.
12
E 6º Na hipB$e%e do E 3º de%$e ar$i#o, eLi%$indo na praça mai% de 2r0% po%%=/ei% in$ere%%ado%, a cada
no/o con/i$e realiDado para o-je$o id0n$ico ou a%%emelhado A o-ri#a$Brio o con/i$e a, no m=nimo,
mai% um in$ere%%ado, enCuan$o eLi%$irem cada%$rado% não con/idado% na% ,l$ima% lici$aç)e%.
E !º Ruando, por limi$aç)e% do mercado ou mani>e%$o de%in$ere%%e do% con/idado%, >or impo%%=/el a
o-$enção do n,mero m=nimo de lici$an$e% eLi#ido% no E 3º de%$e ar$i#o, e%%a% circun%$;ncia% de/erão
%er de/idamen$e ju%$i>icada% no proce%%o, %o- pena de repe$ição do con/i$e.
E 8º F /edada a criação de ou$ra% modalidade% de lici$ação ou a com-inação da% re>erida% ne%$e
ar$i#o.
E 9º Na hipB$e%e do E 2º de%$e ar$i#o, a *dmini%$ração %omen$e poder. eLi#ir do lici$an$e não
cada%$rado o% documen$o% pre/i%$o% no% ar$%. 2! a 31, Cue compro/em ha-ili$ação compa$=/el com o
o-je$o da lici$ação, no% $ermo% do edi$al.
*r$. 23 *% modalidade% de lici$ação a Cue %e re>erem o% inci%o% I a III do ar$i#o an$erior %erão
de$erminada% em >unção do% %e#uin$e% limi$e%, $endo em /i%$a o /alor e%$imado da con$ra$açãoG
I 2 para obras e servi)os de engen<aria3 '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
a( convite3 at% *= 0&5.555,55 'cento e cinq7enta mil reais(9 '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/
de maio de 0,,.(
b( b( tomada de pre)os3 at% *= 0.&55.555,55 'um mil<ão e quin<entos mil reais(9 '*eda)ão dada
pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
c( concorr>ncia3 acima de *= 0.&55.555,55 'um mil<ão e quin<entos mil reais(9'*eda)ão dada
pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
II 2 para compras e servi)os não re#eridos no inciso anterior3'*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de
2/ de maio de 0,,.(
a( convite3 at% *= .5.555,55 'oitenta mil reais(9 '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de
0,,.(
b( tomada de pre)os3 at% *= -&5.555,55 'seiscentos e cinq7enta mil reais(9'*eda)ão dada pela +ei
nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
c( concorr>ncia3 acima de *= -&5.555,55 'seiscentos e cinq7enta mil reais(. '*eda)ão dada pela
+ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
E 1º *% o-ra%, %er/iço% e compra% e>e$uada% pela *dmini%$ração %erão di/idida% em $an$a% parcela%
Cuan$a% %e compro/arem $Acnica e economicamen$e /i./ei%, procedendo@%e a lici$ação com /i%$a%
ao melhor apro/ei$amen$o do% recur%o% di%pon=/ei% no mercado e J ampliação da compe$i/idade,
%em perda da economia de e%cala.
E 2º Na eLecução de o-ra% e %er/iço% e na% compra% de -en% parcelada% no% $ermo% do par.#ra>o
an$erior, a cada e$apa ou conjun$o de e$apa% da o-ra, %er/iço ou compra h. de corre%ponder lici$ação
di%$in$a, pre%er/ada a modalidade per$inen$e para a eLecução do o-je$o em lici$ação.
E 3º * concorr0ncia A a modalidade de lici$ação ca-=/el, CualCuer Cue %eja o /alor de %eu o-je$o,
13
$an$o na compra ou alienação de -en% imB/ei%, re%%al/ado o di%po%$o no ar$. 19, como na%
conce%%)e% de direi$o real de u%o, e na% lici$aç)e% in$ernacionai%, admi$indo@%e ne%$e ,l$imo ca%o,
o-%er/ado% o% limi$e% de%$e ar$i#o, a $omada de preço%, Cuando o Br#ão ou en$idade di%pu%er de
cada%$ro in$ernacional de >ornecedore% ou o con/i$e, Cuando não hou/er >ornecedor do -em ou
%er/iço no +a=%.
E º No% ca%o% em Cue cou-er con/i$e, a *dmini%$ração poder. u$iliDar a $omada de preço% e, em
CualCuer ca%o, a concorr0ncia.
E Kº F /edada a u$iliDação da modalidade Ocon/i$eO ou O$omada de preço%O, con>orme o ca%o, para
parcela% de uma me%ma o-ra ou %er/iço, ou ainda para o-ra% e %er/iço% da me%ma na$ureDa e no
me%mo local Cue po%%am %er realiDada% conjun$a e concomi$an$emen$e, %empre Cue o %oma$Brio de
%eu% /alore% carac$eriDar o ca%o de O$omada de preço%O ou Oconcorr0nciaO, re%pec$i/amen$e, no%
$ermo% de%$e ar$i#o, eLce$o para a% parcela% de na$ureDa e%pec=>ica Cue po%%am %er eLecu$ada% por
pe%%oa% ou empre%a% de e%pecialidade di/er%a daCuela do eLecu$or da o-ra ou %er/iço.
E 6º *% or#aniDaç)e% indu%$riai% da *dmini%$ração (ederal dire$a, em >ace de %ua% peculiaridade%,
o-edecerão ao% limi$e% e%$a-elecido% no inci%o I de%$e ar$i#o $am-Am para a% %ua% compra% e
%er/iço% em #eral, de%de Cue para a aCui%ição de ma$eriai% aplicado% eLclu%i/amen$e na
manu$enção, reparo ou >a-ricação de meio% operacionai% -Alico% per$encen$e% a 3nião.
§ /º ?a compra de bens de naturea divisível e desde que não <aja prejuío para o conjunto ou
comple;o, % permitida a cota)ão de quantidade in#erior @ demandada na licita)ão, com vistas a
amplia)ão da competitividade, podendo o edital #i;ar quantitativo mínimo para preservar a
economia de escala. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
*r$. 2 F di%pen%./el a lici$açãoG
I 2 para obras e servi)os de engen<aria de valor at% 056 'de por cento( do limite previsto na
alínea 8a8 do inciso I do artigo anterior, desde que não se re#iram a parcelas de uma mesma obra
ou servi)o ou ainda para obras e servi)os da mesma naturea e no mesmo local que possam ser
realiadas conjunta e concomitantemente9 '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de
0,,.(
II 2 para outros servi)os e compras de valor at% 056 'de por cento( do limite previsto na alínea
8a8 do inciso II do artigo anterior e para aliena)!es, nos casos previstos nesta +ei, desde que não
se re#iram a parcelas de um mesmo servi)o, compra ou aliena)ão de maior vulto que possa ser
realiada de uma s4 ve9 '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
III @ no% ca%o% de #uerra ou #ra/e per$ur-ação da ordemH
II @ no% ca%o% de emer#0ncia ou de calamidade p,-lica, Cuando carac$eriDada ur#0ncia de
a$endimen$o de %i$uação Cue po%%a oca%ionar preju=Do ou comprome$er a %e#urança de pe%%oa%,
o-ra%, %er/iço%, eCuipamen$o% e ou$ro% -en%, p,-lico% ou par$iculare%, e %omen$e para o% -en%
nece%%.rio% ao a$endimen$o da %i$uação emer#encial ou calami$o%a e para a% parcela% de o-ra% e
%er/iço% Cue po%%am %er conclu=da% no praDo m.Limo de 180 Mcen$o e oi$en$aN dia% con%ecu$i/o% e
inin$errup$o%, con$ado% da ocorr0ncia da emer#0ncia ou calamidade, /edada a prorro#ação do%
re%pec$i/o% con$ra$o%H
I @ Cuando não acudirem in$ere%%ado% J lici$ação an$erior e e%$a, ju%$i>icadamen$e, não puder %er
repe$ida %em preju=Do para a *dmini%$ração, man$ida%, ne%$e ca%o, $oda% a% condiç)e% prA@
1
e%$a-elecida%H
II @ Cuando a 3nião $i/er Cue in$er/ir no dom=nio econTmico para re#ular preço% ou normaliDar o
a-a%$ecimen$oH
III @ Cuando a% propo%$a% apre%en$ada% con%i#narem preço% mani>e%$adamen$e %uperiore% ao%
pra$icado% no mercado nacional, ou >orem incompa$=/ei% com o% >iLado% pelo% Br#ão o>iciai%
compe$en$e%, ca%o% em Cue, o-%er/ado o par.#ra>o ,nico do ar$. 8 de%$a Lei e, per%i%$indo a
%i$uação, %er. admi$ida a adjudicação dire$a do% -en% ou %er/iço%, por /alor não %uperior ao
con%$an$e do re#i%$ro de preço%, ou do% %er/iço%H
IIII @ para a aCui%ição, por pe%%oa jur=dica de direi$o p,-lico in$erno de -en% produDido% ou
%er/iço% pre%$ado% por Br#ão ou en$idade Cue in$e#re a *dmini%$ração +,-lica e Cue $enha %ido
criado para e%%e >im e%pec=>ico em da$a an$erior J /i#0ncia de%$a Lei, de%de Cue o preço con$ra$ado
%eja compa$=/el com o pra$icado no mercado.
I& @ Cuando hou/er po%%i-ilidade de comprome$imen$o da %e#urança nacional, no% ca%o%
e%$a-elecido% em decre$o do +re%iden$e da "ep,-lica, ou/ido o 'on%elho de 5e>e%a NacionalH
& @ para a compra ou locação de imB/el de%$inado ao a$endimen$o da% >inalidade% prec=pua% da
*dmini%$ração, cuja% nece%%idade% de in%$alação e localiDação condicionem a %ua e%colha, de%de Cue
o preço %eja compa$=/el com o /alor de mercado, %e#undo a/aliação prA/iaH
&I @ na con$ra$ação de remane%cen$e de o-ra, %er/iço ou >ornecimen$o, em con%eCQ0ncia de re%ci%ão
con$ra$ual, de%de Cue a$endida a ordem de cla%%i>icação da lici$ação an$erior e acei$a% a% me%ma%
condiç)e% o>erecida% pelo lici$an$e /encedor, inclu%i/e Cuan$o ao preço, de/idamen$e corri#idoH
&II @ na% compra% de hor$i>ru$i#ranjeiro%, pão e ou$ro% #0nero% perec=/ei%, no $empo nece%%.rio para
a realiDação do% proce%%o% lici$a$Brio% corre%ponden$e%, realiDada% dire$amen$e com -a%e no preço
do diaH
&III @ na con$ra$ação de in%$i$uição -ra%ileira incum-ida re#imen$al ou e%$a$u$ariamen$e da pe%Cui%a,
do en%ino ou do de%en/ol/imen$o in%$i$ucional, ou de in%$i$uição dedicada J recuperação %ocial do
pre%o, de%de Cue a con$ra$ada de$enha inCue%$ion./el repu$ação A$ico@pro>i%%ional e não $enha >in%
lucra$i/o%H
&II @ para a aCui%ição de -en% ou %er/iço% no% $ermo% de acordo in$ernacional e%pec=>ico apro/ado
pelo 'on#re%%o Nacional, Cuando a% condiç)e% o>er$ada% >orem mani>e%$amen$e /an$ajo%a% para o
+oder +,-licoH
&I @ para a aCui%ição ou re%$auração de o-ra% de ar$e e o-je$o% hi%$Brico%, de au$en$icidade
cer$i>icada, de%de Cue compa$=/ei% ou ineren$e% J% >inalidade% do Br#ão ou en$idade.
&II @ para a impre%%ão do% di.rio% o>iciai%, de >ormul.rio% padroniDado% de u%o da *dmini%$ração, e
de ediç)e% $Acnica% o>iciai%, -em como para a pre%$ação de %er/iço% de in>orm.$ica a pe%%oa jur=dica
de direi$o p,-lico in$erno, por Br#ão% ou en$idade% Cue in$e#rem a *dmini%$ração +,-lica, criado%
para e%%e >im e%pec=>icoH
&III @ para a aCui%ição de componen$e% ou peça% de ori#em nacional ou e%$ran#eira, nece%%.rio% J
manu$enção de eCuipamen$o% duran$e o per=odo de #aran$ia $Acnica, jun$o ao >ornecedor ori#inal
de%%e% eCuipamen$o%, Cuando $al condição de eLclu%i/idade >or indi%pen%./el para a /i#0ncia da
1K
#aran$iaH
&IIII @ na% compra% ou con$ra$aç)e% de %er/iço% para o a-a%$ecimen$o de na/io%, em-arcaç)e%,
unidade% aArea% ou $ropa% e %eu% meio% de de%locamen$o, Cuando em e%$ada e/en$ual de cur$a
duração em por$o%, aeropor$o% ou localidade% di>eren$e% de %ua% %ede%, por mo$i/o de mo/imen$ação
operacional ou de ade%$ramen$o, Cuando a eLi#Qidade do% praDo% le#ai% puder comprome$er a
normalidade e o% propB%i$o% da% operaç)e% e de%de Cue %eu /alor não eLceda ao limi$e pre/i%$o na
al=nea OaO do inci%o II do ar$. 23 de%$a Lei.
&I& @ para a% compra% de ma$eriai% de u%o pela% (orça% *rmada%, com eLceção de ma$eriai% de u%o
pe%%oal e admini%$ra$i/o, Cuando hou/er nece%%idade de man$er a padroniDação reCuerida pela
e%$ru$ura de apoio lo#=%$ico do% meio% na/ai%, aAreo% e $erre%$re%, median$e parecer de 'omi%%ão
in%$i$u=da por decre$oH
&& @ na con$ra$ação de a%%ociação de por$adore% de de>ici0ncia >=%ica, %em >in% lucra$i/o% e de
compro/ada idoneidade, por Br#ão% ou en$idade% da *dmini%$ração +,-lica, para a pre%$ação de
%er/iço% ou >ornecimen$o de mã0@de@o-ra,de%de Cue o preço con$ra$ado %eja compa$=/el com o
pra$icado no mercado.
AAI 2 para a aquisi)ão de bens destinados e;clusivamente a pesquisa cientí#ica e tecnol4gica com
recursos concedidos pela BC:1D, EI?1:, B?:q ou outras institui)!es de #omento a pesquisa
credenciadas pelo B?:q para esse #im especí#ico9 '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio
de 0,,.(
AAII 2 na contrata)ão do #ornecimento ou suprimento de energia el%trica com concession"rio,
permission"rio ou autoriado, segundo as normas da legisla)ão especí#ica9 '*eda)ão dada pela
+ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
AAIII 2 na contrata)ão realiada por empresa p$blica ou sociedade de economia mista com suas
subsidi"rias e controladas, para a aquisi)ão ou aliena)ão de bens, presta)ão ou obten)ão de
servi)os, desde que o pre)o contratado seja compatível com o praticado no mercado9 '*eda)ão
dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
AAIF 2 para a celebra)ão de contratos de presta)ão de servi)os com as organia)!es sociais,
quali#icadas no Gmbito das respectivas es#eras de governo, para atividades contempladas no
contrato de gestão. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
:ar"gra#o $nico. Os percentuais re#eridos nos incisos I e II deste artigo, serão 256 'vinte por
cento( para compras, obras e servi)os contratados por sociedade de economia mista e empresa
p$blica, bem assim por autarquia e #unda)ão quali#icadas, na #orma da lei, como Cg>ncias
1;ecutivas. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
*r$. 2K F ineLi#=/el a lici$ação Cuando hou/er in/ia-ilidade de compe$ição, em e%pecialG
I @ para aCui%ição de ma$eriai%, eCuipamen$o%, ou #0nero% Cue %B po%%am %er >ornecido% por
produ$or, empre%a ou repre%en$an$e comercial eLclu%i/o, /edada a pre>er0ncia de marca, de/endo a
compro/ação de eLclu%i/idade %er >ei$a a$ra/A% de a$e%$ado >ornecido pelo Br#ão de re#i%$ro do
comArcio do local em Cue %e realiDaria a lici$ação ou a o-ra ou o %er/iço, pelo 6indica$o, (ederação
ou 'on>ederação +a$ronal, ou, ainda, pela% en$idade% eCui/alen$e%H
II @ para a con$ra$ação de %er/iço% $Acnico% enumerado% no ar$. 13 de%$a Lei, de na$ureDa %in#ular,
16
com pro>i%%ionai% ou empre%a% de no$Bria e%pecialiDação, /edada a ineLi#i-ilidade para %er/iço% de
pu-licidade e di/ul#açãoH
III @ para con$ra$ação de pro>i%%ional de CualCuer %e$or ar$=%$ico, dire$amen$e ou a$ra/A% de
empre%.rio eLclu%i/o, de%de Cue con%a#rado pela cr=$ica e%pecialiDada ou pela opinião p,-lica.
E 1º 'on%idera@%e de no$Bria e%pecialiDação o pro>i%%ional ou empre%a cujo concei$o no campo de
%ua e%pecialidade, decorren$e de de%empenho an$erior, e%$udo%, eLperi0ncia%, pu-licaç)e%,
or#aniDação, aparelhamen$o, eCuipe $Acnica, ou de ou$ro% reCui%i$o% relacionado% com %ua%
a$i/idade%, permi$a in>erir Cue o %eu $ra-alho A e%%encial e indi%cu$i/elmen$e o mai% adeCuado J
plena %a$i%>ação do o-je$o do con$ra$o.
E 2º Na hipB$e%e de%$e ar$i#o e em CualCuer do% ca%o% de di%pen%a, %e compro/ado
%uper>a$uramen$o, re%pondem %olidariamen$e pelo dano cau%ado J (aDenda +,-lica o >ornecedor ou
o pre%$ador de %er/iço% e o a#en$e p,-lico re%pon%./el, %em preju=Do de ou$ra% %anç)e% le#ai%
ca-=/ei%.
Crt. 2-. Cs dispensas previstas nos §§ 2º e 4º do art. 0/ e nos incisos III a AAIF do art. 24, as
situa)!es de ine;igibilidade re#eridas no art. 2&, necessariamente justi#icadas, e o retardamento
previsto no #inal do par"gra#o $nico do art. .º, deverão ser comunicados dentro de tr>s dias a
autoridade superior, para rati#ica)ão e publica)ão na imprensa o#icial, no prao de cinco dias,
como condi)ão para e#ic"cia dos atos. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
+ar.#ra>o ?nico. 4 proce%%o de di%pen%a, de ineLi#i-ilidade ou de re$ardamen$o, pre/i%$o ne%$e
ar$i#o, %er. in%$ru=do, no Cue cou-er, com o% %e#uin$e% elemen$o%G
I @ carac$eriDação da %i$uação emer#encial ou calami$o%a Cue ju%$i>iCue a di%pen%a, Cuando >or o
ca%oH
II @ raDão da e%colha do >ornecedor ou eLecu$an$eH
III @ ju%$i>ica$i/a do preço.
IF 2 documento de aprova)ão dos projetos de pesquisa aos quais os bens serão alocados. '*eda)ão
dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
6E7:4 II
5* V*PILI2*7:4
*r$. 2! +ara a ha-ili$ação na% lici$aç)e% eLi#ir@%e@. do% in$ere%%ado%, eLclu%i/amen$e, documen$ação
rela$i/a aG
I @ ha-ili$ação jur=dicaH
II @ Cuali>icação $AcnicaH
III @ Cuali>icação econTmico@>inanceiraH
II @ re#ularidade >i%cal.
*r$. 28 * documen$ação rela$i/a J ha-ili$ação jur=dica, con>orme o ca%o, con%i%$ir. emG
1!
I @ cAdula de iden$idadeH
II @ re#i%$ro comercial, no ca%o de empre%a indi/idualH
III @ a$o con%$i$u$i/o, e%$a$u$o ou con$ra$o %ocial em /i#or, de/idamen$e re#i%$rado, em %e $ra$ando
de %ociedade% comerciai%, e, no ca%o de %ociedade% por aç)e%, acompanhado de documen$o% de
eleição de %eu% admini%$radore%H
II @ in%crição do a$o con%$i$u$i/o, no ca%o de %ociedade% ci/i%, acompanhada de pro/a de dire$oria
em eLerc=cioH
I @ decre$o de au$oriDação, em %e $ra$ando de empre%a ou %ociedade e%$ran#eira em >uncionamen$o
no +a=%, e a$o de re#i%$ro ou au$oriDação para >uncionamen$o eLpedido pelo Br#ão compe$en$e,
Cuando a a$i/idade a%%im o eLi#ir.
*r$. 29 * documen$ação rela$i/a a re#ularidade >i%cal, con>orme o ca%o, con%i%$ir. emG
I @ pro/a de in%crição no 'ada%$ro de +e%%oa% (=%ica% M'+(N ou no 'ada%$ro 9eral de 'on$ri-uin$e%
M'9'NH
II @ pro/a de in%crição no cada%$ro de con$ri-uin$e% e%$adual ou municipal, %e hou/er, rela$i/o ao
domic=lio ou %ede do lici$an$e, per$inen$e ao %eu ramo de a$i/idade e compa$=/el com o o-je$o
con$ra$ualH
III @ pro/a de re#ularidade para com a (aDenda (ederal, E%$adual e <unicipal do domic=lio ou %ede
do lici$an$e, ou ou$ra eCui/alen$e, na >orma da Lei.
II @ pro/a de re#ularidade rela$i/a a 6e#uridade 6ocial e ao (undo de 9aran$ia por 2empo de
6er/iço M(926N, demon%$rando %i$uação re#ular no cumprimen$o do% encar#o% %ociai% in%$i$u=do%
por Lei.
*r$. 30 * documen$ação rela$i/a J Cuali>icação $Acnica limi$ar@%e@. aG
I @ re#i%$ro ou in%crição na en$idade pro>i%%ional compe$en$eH
II @ compro/ação de ap$idão para de%empenho de a$i/idade per$inen$e e compa$=/el em
carac$er=%$ica%, Cuan$idade% e praDo% com o o-je$o da lici$ação, e indicação da% in%$alaç)e% e do
aparelhamen$o e do pe%%oal $Acnico adeCuado% e di%pon=/ei% para a realiDação do o-je$o da
lici$ação, -em como da Cuali>icação de cada um do% mem-ro% da eCuipe $Acnica Cue %e
re%pon%a-iliDar. pelo% $ra-alho%H
III @ compro/ação, >ornecida pelo Br#ão lici$an$e, de Cue rece-eu o% documen$o%, e, Cuando eLi#ido,
de Cue $omou conhecimen$o de $oda% a% in>ormaç)e% e da% condiç)e% locai% para o cumprimen$o da%
o-ri#aç)e% o-je$o da lici$açãoH
II @ pro/a de a$endimen$o de reCui%i$o% pre/i%$o% em Lei e%pecial, Cuando >or o ca%o.
E 1º * compro/ação de ap$idão re>erida no inci%o II do Ocapu$O de%$e ar$i#o, no ca%o da% lici$aç)e%
per$inen$e% a o-ra% e %er/iço%, %er. >ei$a por a$e%$ado% >ornecido% por pe%%oa% jur=dica% de direi$o
p,-lico ou pri/ado, de/idamen$e re#i%$rado% na% en$idade% pro>i%%ionai% compe$en$e%, limi$ada% a%
18
eLi#0ncia% aG
I @ capaci$ação $Acnico@pro>i%%ionalG compro/ação do lici$an$e de po%%uir em %eu Cuadro
permanen$e, na da$a pre/i%$a para a en$re#a da propo%$a, pro>i%%ional de n=/el %uperior ou ou$ro
de/idamen$e reconhecido pela en$idade compe$en$e, de$en$or de a$e%$ado de re%pon%a-ilidade
$Acnica por eLecução de o-ra ou %er/iço de carac$er=%$ica% %emelhan$e%, limi$ada% e%$a%
eLclu%i/amen$e J% parcela% de maior rele/;ncia e /alor %i#ni>ica$i/o do o-je$o da lici$ação, /edada%
a% eLi#0ncia% de Cuan$idade% m=nima% ou praDo% m.Limo%H
II @IE2*54
aN IE2*54
-N IE2*54
E 2º *% parcela% de maior rele/;ncia $Acnica e de /alor %i#ni>ica$i/o, mencionada% no par.#ra>o
an$erior, %erão de>inida% no in%$rumen$o con/oca$Brio.
E 3º 6er. %empre admi$ida a compro/ação de ap$idão a$ra/A% de cer$id)e% ou a$e%$ado% de o-ra% ou
%er/iço% %imilare% de compleLidade $ecnolB#ica e operacional eCui/alen$e ou %uperior.
E º Na% lici$aç)e% para >ornecimen$o de -en%, a compro/ação de ap$idão, Cuando >or o ca%o, %er.
>ei$a a$ra/A% de a$e%$ado% >ornecido% por pe%%oa jur=dica de direi$o p,-lico ou pri/ado.
E Kº F /edada a eLi#0ncia de compro/ação de a$i/idade% ou de ap$idão com limi$aç)e% de $empo ou
de Apoca ou ainda em locai% e%pec=>ico%, ou Cuai%Cuer ou$ra% não pre/i%$a% ne%$a Lei, Cue ini-am a
par$icipação na lici$ação.
E 6º *% eLi#0ncia% m=nima% rela$i/a% a in%$alaç)e% de can$eiro%, m.Cuina%, eCuipamen$o% e pe%%oal
$Acnico e%pecialiDado, con%iderado% e%%enciai% para o cumprimen$o do o-je$o da lici$ação, %erão
a$endida% median$e a apre%en$ação de relação eLpl=ci$a e da declaração >ormal da %ua
di%poni-ilidade, %o- a% pena% ca-=/ei%, /edada a% eLi#0ncia% de propriedade e de localiDação prA/ia.
E !º IE2*54
I @ IE2*54
II @ IE2*54
E 8º No ca%o de o-ra%, %er/iço% e compra% de #rande /ul$o, de al$a compleLidade $Acnica, poder. a
*dmini%$ração eLi#ir do% lici$an$e% a me$odolo#ia de eLecução, cuja a/aliação, para e>ei$o de %ua
acei$ação ou não, an$eceder. %empre J an.li%e do% preço% e %er. e>e$uada eLclu%i/amen$e por
cri$Ario% o-je$i/o%.
E 9º En$ende@%e por lici$ação de al$a compleLidade $Acnica aCuela Cue en/ol/a al$a e%pecialiDação,
como >a$or de eL$rema rele/;ncia para #aran$ir a eLecução do o-je$o a %er con$ra$ado ou Cue po%%a
comprome$er a con$inuidade da pre%$ação de %er/iço% p,-lico% e%%enciai%.
E 10º 4% pro>i%%ionai% indicado% pelo lici$an$e para >in% de compro/ação da capaci$ação $Acnico@
operacional de Cue $ra$a o inci%o I do E 1º de%$e ar$i#o de/erão par$icipar da o-ra ou %er/iço o-je$o
da lici$ação, admi$indo@%e a %ua %u-%$i$uição por pro>i%%ionai% de eLperi0ncia eCui/alen$e ou
19
%uperior, de%de Cue apro/ada pela *dmini%$ração.
E 11º IE2*54
E 12º IE2*54
*r$. 31 * documen$ação rela$i/a J Cuali>icação econTmica@>inanceira limi$ar@%e@.G
I @ -alanço pa$rimonial e demon%$raç)e% con$.-ei% do ,l$imo eLerc=cio %ocial, j. eLi#=/ei% e
apre%en$ado% na >orma da Lei, Cue compro/em a -oa %i$uação >inanceira da empre%a, /edada a %ua
%u-%$i$uição por -alance$e% ou -alanço% pro/i%Brio%, podendo %er a$ualiDado% por =ndice% o>iciai%
Cuando encerrado% a mai% de 3 M$r0%N me%e% da da$a de apre%en$ação da propo%$aH
II @ cer$idão ne#a$i/a de >al0ncia ou concorda$a eLpedida pelo di%$ri-uidor da %ede da pe%%oa
jur=dica, ou de eLecução pa$rimonial, eLpedida no domic=lio da pe%%oa >=%icaH
III @ #aran$ia, na% me%ma% modalidade% e cri$Ario% pre/i%$o% no Ocapu$O e E 1º do ar$. K6 de%$a Lei,
limi$ada a 1S Mum por cen$oN do /alor e%$imado do o-je$o da con$ra$ação.
E 1º * eLi#0ncia de =ndice% limi$ar@%e@. J demon%$ração da capacidade >inanceira do lici$an$e com
/i%$a% ao% compromi%%o% Cue $er. Cue a%%umir ca%o lhe %eja adjudicado o con$ra$o, /edada a
eLi#0ncia de /alore% m=nimo% de >a$uramen$o an$erior, =ndice% de ren$a-ilidade ou lucra$i/idade.
E 2º * *dmini%$ração, na% compra% para en$re#a >u$ura e na eLecução de o-ra% e %er/iço%, poder.
e%$a-elecer, no in%$rumen$o con/oca$Brio da lici$ação, a eLi#0ncia de capi$al m=nimo ou de
pa$rimTnio l=Cuido m=nimo, ou ainda a% #aran$ia% pre/i%$a% no E 1º do ar$. K6 de%$a Lei, como dado
o-je$i/o de compro/ação da Cuali>icação econTmico@>inanceira do% lici$an$e% e para e>ei$o de
#aran$ia ao adimplemen$o do con$ra$o a %er ul$eriormen$e cele-rado.
E 3º 4 capi$al m=nimo ou o /alor do pa$rimTnio l=Cuido a Cue %e re>ere o par.#ra>o an$erior, não
poder. eLceder a 10S MdeD por cen$oN do /alor e%$imado da con$ra$ação, de/endo a compro/ação
%er >ei$a rela$i/amen$e J da$a da apre%en$ação da propo%$a, na >orma da Lei, admi$ida a a$ualiDação
para e%$a da$a a$ra/A% de =ndice% o>iciai%.
E º +oder. %er eLi#ida, ainda, a relação do% compromi%%o% a%%umido% pelo lici$an$e Cue impor$em
diminuição da capacidade opera$i/a ou a-%orção de di%poni-ilidade >inanceira, calculada e%$a em
>unção do pa$rimTnio l=Cuido a$ualiDado e %ua capacidade de ro$ação.
E Kº * compro/ação da -oa %i$uação >inanceira da empre%a %er. >ei$a de >orma o-je$i/a, a$ra/A% do
c.lculo de =ndice% con$.-ei% pre/i%$o% no edi$al e de/idamen$e ju%$i>icado% no proce%%o
admini%$ra$i/o da lici$ação Cue $enha dado in=cio ao cer$ame lici$a$Brio, /edada a eLi#0ncia de
=ndice% e /alore% não u%ualmen$e ado$ado% para a corre$a a/aliação de %i$uação >inanceira %u>icien$e
ao cumprimen$o da% o-ri#aç)e% decorren$e% da lici$ação.
E 6º IE2*54
*r$. 32 4% documen$o% nece%%.rio% J ha-ili$ação poderão %er apre%en$ado% em ori#inal, por CualCuer
proce%%o de cBpia au$en$icada por car$Brio compe$en$e ou por %er/idor da admini%$ração ou
pu-licação em Br#ão da impren%a o>icial.
E 1º * documen$ação de Cue $ra$am o% ar$%. 28 a 31 de%$a Lei poder. %er di%pen%ada, no $odo ou em
20
par$e, no% ca%o% de con/i$e, concur%o, >ornecimen$o de -en% para pron$a en$re#a e leilão.
§ 2H O certi#icado de registro cadastral a que se re#ere o § 0H do art. 3-, substitui os documentos
enumerados nos arts. 2. a 30, quanto @s in#orma)!es disponibiliadas em sistema in#ormatiado de
consulta direta indicado no edital, obrigando2se a parte a declarar, sob as penalidades legais, a
superveni>ncia de #ato impeditivo da <abilita)ão. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio
de 0,,.(
E 3º * documen$ação re>erida ne%$e ar$i#o poder. %er %u-%$i$u=da por re#i%$ro cada%$ral emi$ido por
Br#ão ou en$idade p,-lica, de%de Cue pre/i%$o no edi$al e o re#i%$ro $enha %ido >ei$o em o-edi0ncia
ao di%po%$o ne%$a Lei.
E º *% empre%a% e%$ran#eira% Cue não >uncionem no +a=%, $an$o Cuan$o po%%=/el, a$enderão, na%
lici$aç)e% in$ernacionai%, J% eLi#0ncia% do% par.#ra>o% an$eriore% median$e documen$o%
eCui/alen$e%, au$en$icado% pelo% re%pec$i/o% con%ulado% e $raduDido% por $radu$or juramen$ado,
de/endo $er repre%en$ação le#al no Pra%il com podere% eLpre%%o% para rece-er ci$ação e re%ponder
admini%$ra$i/a ou judicialmen$e.
E Kº Não %e eLi#ir., para a ha-ili$ação de Cue $ra$a e%$e ar$i#o, prA/io recolhimen$o de $aLa% ou
emolumen$o%, %al/o o% re>eren$e% a >ornecimen$o do edi$al, Cuando %olici$ado, com o% %eu%
elemen$o% con%$i$u$i/o%, limi$ado% ao /alor do cu%$o e>e$i/o de reprodução #r.>ica da documen$ação
>ornecida.
E 6º 4 di%po%$o no E º de%$e ar$i#o, no E 1º do ar$. 33 e no E 2º do ar$. KK, não %e aplica J% lici$aç)e%
in$ernacionai% para aCui%ição de -en% e %er/iço% cujo pa#amen$o %eja >ei$o com o produ$o de
>inanciamen$o concedido por or#ani%mo >inanceiro in$ernacional de Cue o Pra%il >aça par$e, ou por
a#0ncia e%$ran#eira de cooperação, nem no% ca%o% de con$ra$ação com empre%a e%$ran#eira, para a
compra de eCuipamen$o% >a-ricado% e en$re#ue% no eL$erior, de%de Cue para e%$e ca%o $enha ha/ido
prA/ia au$oriDação do 'he>e do +oder ELecu$i/o, nem no% ca%o% de aCui%ição de -en% e %er/iço%
realiDada por unidade% admini%$ra$i/a% com %ede no eL$erior.
*r$. 33 Ruando permi$ida na lici$ação a par$icipação de empre%a% em con%Brcio, o-%er/ar@%e@ão a%
%e#uin$e% norma%G
I @ compro/ação do compromi%%o p,-lico ou par$icular de con%$i$uição de con%Brcio, %u-%cri$o pelo%
con%orciado%H
II @ indicação da empre%a re%pon%./el pelo con%Brcio Cue de/er. a$ender a% condiç)e% de liderança,
o-ri#a$oriamen$e >iLada% no edi$alH
III @ apre%en$ação do% documen$o% eLi#ido% no% ar$. 28 a 31 de%$a Lei por par$e de cada con%orciado,
admi$indo@%e, para e>ei$o de Cuali>icação $Acnica, o %oma$Brio do% Cuan$i$a$i/o% de cada
con%orciado, e, para e>ei$o de Cuali>icação econTmico@>inanceira, o %oma$Brio do% /alore% de cada
con%orciado, na proporção de %ua re%pec$i/a par$icipação, podendo a *dmini%$ração e%$a-elecer,
para o con%Brcio, um acrA%cimo de a$A 30S M$rin$a por cen$oN do% /alore% eLi#ido% para lici$an$e
indi/idual, ineLi#=/el e%$e acrA%cimo para o% con%Brcio% compo%$o%, em %ua $o$alidade, por micro% e
peCuena% empre%a% a%%im de>inida% em LeiH
II @ impedimen$o de par$icipação de empre%a con%orciada, na me%ma lici$ação, a$ra/A% de mai% de
um con%Brcio ou i%oladamen$eH
21
I @ re%pon%a-ilidade %olid.ria do% in$e#ran$e% pelo% a$o% pra$icado% em con%Brcio, $an$o na >a%e de
lici$ação, Cuan$o na de eLecução do con$ra$o.
E 1º No con%Brcio de empre%a% -ra%ileira% e e%$ran#eira% a liderança ca-er., o-ri#a$oriamen$e, J
empre%a -ra%ileira, o-%er/ado o di%po%$o no inci%o OIIO de%$e ar$i#o.
E 2º 4 lici$an$e /encedor >ica o-ri#ado a promo/er, an$e% da cele-ração do con$ra$o, a con%$i$uição e
o re#i%$ro do con%Brcio, no% $ermo% do compromi%%o re>erido no inci%o OIO de%$e ar$i#o.
6E7:4 III
546 "E9I62"46 '*5*62"*I6
*r$. 3 +ara o% >in% de%$a Lei, o% Br#ão% e en$idade% da *dmini%$ração +,-lica Cue realiDem
>reCQen$emen$e lici$aç)e% man$erão re#i%$ro% cada%$rai% para e>ei$o de ha-ili$ação, na >orma
re#ulamen$ar, /.lido% por, no m.Limo, um ano.
E 1º 4 re#i%$ro cada%$ral de/er. %er amplamen$e di/ul#ado e de/er. e%$ar permanen$emen$e a-er$o
ao% in$ere%%ado%, o-ri#ando@%e a unidade por ele re%pon%./el a proceder, no m=nimo anualmen$e,
a$ra/A% da impren%a o>icial e de jornal di.rio, a chamamen$o p,-lico para a a$ualiDação do% re#i%$ro%
eLi%$en$e% e para o in#re%%o de no/o% in$ere%%ado%.
E 2º F >acul$ado J% unidade% admini%$ra$i/a% u$iliDarem@%e de re#i%$ro% cada%$rai% de ou$ro% Br#ão%
ou en$idade% da *dmini%$ração +,-lica.
*r$. 3K *o reCuerer in%crição no cada%$ro, ou a$ualiDação de%$e, a CualCuer $empo, o in$ere%%ado
>ornecer. o% elemen$o% nece%%.rio% J %a$i%>ação da% eLi#0ncia% do ar$. 2! de%$a Lei.
*r$. 36 4% in%cri$o% %erão cla%%i>icado% por ca$e#oria%, $endo@%e em /i%$a %ua e%pecialiDação,
%u-di/idida% em #rupo%, %e#undo a Cuali>icação $Acnica e econTmica a/aliada pelo% elemen$o%
con%$an$e% da documen$ação relacionada no% ar$%. 30 e 31 de%$a Lei.
E 1º *o% in%cri$o% %er. >ornecido cer$i>icado, reno/./el %empre Cue a$ualiDarem o re#i%$ro.
E 2º * a$uação do lici$an$e no cumprimen$o de o-ri#aç)e% a%%umida% %er. ano$ada no re%pec$i/o
re#i%$ro cada%$ral.
*r$. 3! * CualCuer $empo poder. %er al$erado, %u%pen%o ou cancelado o re#i%$ro do in%cri$o Cue
deiLar de %a$i%>aDer a% eLi#0ncia% do ar$. 2! de%$a Lei, ou a% e%$a-elecida% para cla%%i>icação
cada%$ral.
6E7:4 II
54 +"4'E5I<EN24 E W3L9*<EN24
*r$. 38 4 procedimen$o da lici$ação %er. iniciado com a a-er$ura de proce%%o admini%$ra$i/o,
de/idamen$e au$uado, pro$ocolado e numerado, con$endo a au$oriDação re%pec$i/a, a indicação
%ucin$a de %eu o-je$o e do recur%o prBprio para a de%pe%a, e ao Cual %erão jun$ado% opor$unamen$eG
I @ edi$al ou con/i$e e re%pec$i/o% aneLo%, Cuando >or o ca%oH
II @ compro/an$e da% pu-licaç)e% do edi$al re%umido, na >orma do ar$. 21 de%$a Lei, ou da en$re#a do
con/i$eH
22
III @ a$o de de%i#nação da comi%%ão de lici$ação, do leiloeiro admini%$ra$i/o ou o>icial, ou do
re%pon%./el pelo con/i$eH
II @ ori#inal da% propo%$a% e do% documen$o% Cue a% in%$ru=remH
I @ a$a%, rela$Brio% e deli-eraç)e% da 'omi%%ão Wul#adoraH
II @ parecere% $Acnico% ou jur=dico% emi$ido% %o-re a lici$ação, di%pen%a ou ineLi#i-ilidadeH
III @ a$o% de adjudicação do o-je$o da lici$ação e da %ua homolo#açãoH
IIII @ recur%o% e/en$ualmen$e apre%en$ado% pelo% lici$an$e% e re%pec$i/a% mani>e%$aç)e% e deci%)e%H
I& @ de%pacho de anulação ou de re/o#ação da lici$ação, Cuando >or o ca%o, >undamen$ado
circun%$anciadamen$eH
& @ $ermo de con$ra$o ou in%$rumen$o eCui/alen$e, con>orme o ca%oH
&I @ ou$ro% compro/an$e% de pu-licaç)e%H
&II @ demai% documen$o% rela$i/o% J lici$açãoH
+ar.#ra>o ?nico. *% minu$a% de edi$ai% de lici$ação, -em como a% do% con$ra$o%, acordo%, con/0nio%
ou aju%$e% de/em %er pre/iamen$e eLaminada% e apro/ada% por a%%e%%oria jur=dica da *dmini%$ração.
*r$. 39 6empre Cue o /alor e%$imado para uma lici$ação ou para um conjun$o de lici$aç)e%
%imul$;nea% ou %uce%%i/a% >or %uperior a 100 McemN /eDe% o limi$e pre/i%$o no ar$. 23, inci%o OIO,
al=nea OcO de%$a Lei, o proce%%o lici$a$Brio %er. iniciado o-ri#a$oriamen$e, com uma audi0ncia
p,-lica concedida pela au$oridade re%pon%./el com uma an$eced0ncia m=nima de 1K MCuinDeN dia%
,$ei% da da$a pre/i%$a para a pu-licação do edi$al, e di/ul#ada, com an$eced0ncia m=nima de 10
MdeDN dia% ,$ei% de %ua realiDação, pelo% me%mo% meio% pre/i%$o% para a pu-licidade da lici$ação, a
Cual $erão ace%%o e direi$o a $oda% a% in>ormaç)e% per$inen$e% e a %e mani>e%$ar $odo% o%
in$ere%%ado%.
+ar.#ra>o ?nico. +ara o% >in% de%$e ar$i#o, con%ideram@%e lici$aç)e% %imul$;nea% aCuela% com
o-je$o% %imilare% e com realiDação pre/i%$a para in$er/alo% não %uperiore% a 30 M$rin$aN dia% e
lici$aç)e% %uce%%i/a% JCuela% em Cue, $am-Am com o-je$o% %imilare%, o edi$al %u-%eCQen$e $enha
uma da$a an$erior a 120 Mcen$o e /in$eN dia% apB% o $Armino do con$ra$o re%ul$an$e da lici$ação
an$eceden$e.
*r$. 0 4 edi$al con$er. no pre;m-ulo o n,mero de ordem em %Arie anual, o nome da repar$ição
in$ere%%ada e do %eu %e$or, a modalidade, o re#ime de eLecução e o $ipo da lici$ação, a menção de
Cue %er. re#ida por e%$a Lei, o local, dia e hora para rece-imen$o da documen$ação e propo%$a, -em
como, para in=cio da a-er$ura do% en/elope%, e indicar., o-ri#a$oriamen$e, o %e#uin$eG
I @ o-je$o da lici$ação, em de%crição %ucin$a e claraH
II @ praDo e condiç)e% para a%%ina$ura do con$ra$o ou re$irada do% in%$rumen$o%, como pre/i%$o no
ar$. 6 de%$a Lei, para eLecução do con$ra$o e para en$re#a do o-je$o da lici$açãoH
23
III @ %anç)e% para o ca%o de inadimplemen$oH
II @ local onde poder. %er eLaminado e adCuirido o proje$o -.%icoH
I @ %e h. proje$o eLecu$i/o di%pon=/el na da$a da pu-licação do edi$al de lici$ação e o local onde
po%%a %er eLaminado e adCuiridoH
II @ condiç)e% para a par$icipação na lici$ação, em con>ormidade com o% ar$%. 2! a 31 de%$a Lei, e
>orma de apre%en$ação da% propo%$a%H
III @ cri$Ario para jul#amen$o, com di%po%iç)e% clara% e par;me$ro% o-je$i/o%H
IIII @ locai%, hor.rio% e cBdi#o% de ace%%o do% meio% de comunicação J di%$;ncia em Cue %erão
>ornecido% elemen$o%, in>ormaç)e% e e%clarecimen$o% rela$i/o% J lici$ação e J% condiç)e% para
a$endimen$o da% o-ri#aç)e% nece%%.ria% ao cumprimen$o de %eu o-je$oH
I& @ condiç)e% eCui/alen$e% de pa#amen$o en$re empre%a% -ra%ileira% e e%$ran#eira%, no ca%o de
lici$aç)e% in$ernacionai%H
A 2 o crit%rio de aceitabilidade dos pre)os unit"rio e global, con#orme o caso, permitida a #i;a)ão
de pre)os m";imos e vedados a #i;a)ão de pre)os mínimos, crit%rios estatísticos ou #ai;as de
varia)ão em rela)ão a pre)os de re#er>ncia, ressalvado o disposto nos par"gra#os 0º e 2º do art.
4.. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
&I @ cri$Ario de reaju%$e, Cue de/er. re$ra$ar a /ariação e>e$i/a do cu%$o de produção, admi$ida a
adoção de =ndice% e%pec=>ico% ou %e$oriai%, de%de a da$a pre/i%$a para apre%en$ação da propo%$a ou
do orçamen$o a Cue e%%a propo%$a %e re>erir a$A a da$a do adimplemen$o de cada parcelaH
&II @ IE2*54
&III @ limi$e% para pa#amen$o de in%$alação e mo-iliDação para eLecução de o-ra% ou %er/iço% Cue
%erão o-ri#a$oriamen$e pre/i%$o% em %eparado da% demai% parcela%, e$apa% ou $are>a%H
&II @ condiç)e% de pa#amen$o, pre/endoG
aN praDo de pa#amen$o, não %uperior a $rin$a dia%, con$ado a par$ir da da$a >inal do per=odo de
adimplemen$o de cada parcelaH
-N crono#rama de de%em-ol%o m.Limo por per=odo, em con>ormidade com a di%poni-ilidade de
recur%o% >inanceiro%H
cN cri$Ario de a$ualiDação >inanceira do% /alore% a %erem pa#o%, de%de a da$a a %er de>inida no%
$ermo% da alinea OaO de%$e inci%o a$A a da$a do e>e$i/o pa#amen$oH
dN compen%aç)e% >inanceira% e penaliDaç)e%, por e/en$uai% a$ra%o%, e de%con$o%, por e/en$uai%
an$ecipaç)e% de pa#amen$o%H
eN eLi#0ncia de %e#uro%, Cuando >or o ca%oH
&I @ in%$ruç)e% e norma% para o% recur%o% pre/i%$o% ne%$a LeiH
2
&II @ condiç)e% de rece-imen$o do o-je$o da lici$açãoH
&III @ ou$ra% indicaç)e% e%pec=>ica% ou peculiare% da lici$ação.
E 1º o ori#inal do edi$al de/er. %er da$ado, ru-ricado em $oda% a% >olha% e a%%inado pela au$oridade
Cue o eLpedir, permanecendo no proce%%o de lici$ação, e dele eL$raindo@%e cBpia% in$e#rai% ou
re%umida%, para %ua di/ul#ação e >ornecimen$o ao% in$ere%%ado%.
E 2º @ 'on%$i$uem aneLo% do edi$al, dele >aDendo par$e in$e#ran$eG
I @ o proje$o -.%ico eXou eLecu$i/o, com $oda% a% %ua% par$e%, de%enho%, e%peci>icaç)e% e ou$ro%
complemen$o%H
II @ demon%$ra$i/o do orçamen$o e%$imado em planilha% de Cuan$i$a$i/o% e cu%$o% uni$.rio%H
III @ a minu$a do con$ra$o a %er >irmado en$re a *dmini%$ração e o lici$an$e /encedorH
II @ a% e%peci>icaç)e% complemen$are% e a% norma% de eLecução per$inen$e% J lici$ação.
E 3º +ara e>ei$o do di%po%$o ne%$a Lei, con%idera@%e como adimplemen$o da o-ri#ação con$ra$ual a
pre%$ação do %er/iço, a realiDação da o-ra, a en$re#a do -em ou de parcela de%$e%, -em como
CualCuer ou$ro e/en$o con$ra$ual a cuja ocorr0ncia e%$eja /inculada a emi%%ão de documen$o de
co-rança.
E º Na% compra% para en$re#a imedia$a, a%%im en$endida% aCuela% com praDo de en$re#a a$A $rin$a
dia% da da$a pre/i%$a para apre%en$ação da propo%$a, poderão %er di%pen%ado%G
I @ o di%po%$o no inci%o &I de%$e ar$i#oH
II @ a a$ualiDação >inanceira a Cue %e re>ere a al=nea OcO do inci%o &II de%$e ar$i#o, corre%ponden$e
ao per=odo compreendido en$re a% da$a% do adimplemen$o e a pre/i%$a para o pa#amen$o, de%de Cue
não %uperior a CuinDe dia%.
*r$.1. * *dmini%$ração não pode de%cumprir a% norma% e condiç)e% do edi$al, ao Cual %e acha
e%$ri$amen$e /inculada.
E 1º RualCuer cidadão A par$e le#=$ima para impu#nar edi$al de lici$ação por irre#ularidade na
aplicação de%$a Lei, de/endo pro$ocolar o pedido a$A KMcincoN dia% ,$ei% an$e% da da$a >iLada para a
a-er$ura do% en/elope% de ha-ili$ação, de/endo a *dmini%$ração jul#ar e re%ponder J impu#nação
em a$A 3 M$r0%N dia% ,$ei%, %em preju=Do da >aculdade pre/i%$a no E 1º do ar$. 113.
E 2º 5ecair. do direi$o de impu#nar o% $ermo% do edi$al de lici$ação peran$e a *dmini%$ração o
lici$an$e Cue não o >iDer a$A o %e#undo dia ,$il Cue an$eceder a a-er$ura do% en/elope% de ha-ili$ação
em concorr0ncia, a a-er$ura do% en/elope% com a% propo%$a% em con/i$e, $omada de preço% ou
concur%o, ou a realiDação de leilão, a% >alha% ou irre#ularidade% Cue /iciariam e%%e edi$al, hipB$e%e
em Cue $al comunicação não $er. e>ei$o de recur%o.
E 3º * impu#nação >ei$a $empe%$i/amen$e pelo lici$an$e não o impedir. de par$icipar do proce%%o
lici$a$Brio a$A o $r;n%i$o em jul#ado da deci%ão a ela per$inen$e.
E º * ina-ili$ação do lici$an$e impor$a preclu%ão do %eu direi$o de par$icipar da% >a%e% %u-%eCQen$e%.
2K
*r$. 2. Na% concorr0ncia% de ;m-i$o in$ernacional o edi$al de/er. aju%$ar@%e J% dire$riDe% da pol=$ica
mone$.ria e do comArcio eL$erior e a$ender J% eLi#0ncia% do% Br#ão% compe$en$e%.
E 1º Ruando >or permi$ido ao lici$an$e e%$ran#eiro co$ar preço em moeda e%$ran#eira, i#ualmen$e o
poder. >aDer o lici$an$e -ra%ileiro.
E 2º 4 pa#amen$o >ei$o ao lici$an$e -ra%ileiro e/en$ualmen$e con$ra$ado em /ir$ude da lici$ação de
Cue $ra$a o par.#ra>o an$erior %er. e>e$uado em moeda -ra%ileira J $aLa de c;m-io /i#en$e no dia ,$il
imedia$amen$e an$erior a da$a do e>e$i/o pa#amen$o.
E 3º *% #aran$ia% de pa#amen$o ao lici$an$e -ra%ileiro %erão eCui/alen$e% JCuela% o>erecida% ao
lici$an$e e%$ran#eiro.
E º +ara >in% de jul#amen$o da lici$ação, a% propo%$a% apre%en$ada% por lici$an$e% e%$ran#eiro% %erão
acre%cida% do% #ra/ame% con%eCQen$e% do% me%mo% $ri-u$o% Cue oneram eLclu%i/amen$e o%
lici$an$e% -ra%ileiro% Cuan$o J operação >inal de /enda.
E Kº +ara realiDação de o-ra%, pre%$ação de %er/iço% ou aCui%ição de -en% com recur%o% pro/enien$e%
de >inanciamen$o ou doação oriundo% de a#0ncia o>icial de cooperação e%$ran#eira ou or#ani%mo
>inanceiro mul$ila$eral de Cue o Pra%il %eja par$e, poderão %er admi$ida% na re%pec$i/a lici$ação, a%
condiç)e% decorren$e% de acordo%, pro$ocolo%, con/enç)e% ou $ra$ado% in$ernacionai% apro/ado% pelo
'on#re%%o Nacional, -em como a% norma% e procedimen$o% daCuela% en$idade%, inclu%i/e Cuan$o ao
cri$Ario de %eleção da propo%$a mai% /an$ajo%a para a *dmini%$ração, o Cual poder. con$emplar,
alAm do preço, ou$ro% >a$ore% de a/aliação de%de Cue por ela% eLi#ido% para a o-$enção do
>inanciamen$o ou da doação, e Cue $am-Am não con>li$em com o princ=pio do jul#amen$o o-je$i/o e
%ejam o-je$o de de%pacho mo$i/ado do Br#ão eLecu$or do con$ra$o, de%pacho e%%e ra$i>icado pela
au$oridade imedia$amen$e %uperior.
E 6º *% co$aç)e% de $odo% o% lici$an$e% %erão para en$re#a no me%mo local de de%$ino.
*r$. 3. * Lici$ação %er. proce%%ada e jul#ada com o-%er/;ncia do% %e#uin$e% procedimen$o%G
I @ a-er$ura do% en/elope% con$endo a documen$ação rela$i/a J ha-ili$ação do% concorren$e%, e %ua
apreciaçãoH
II @ de/olução do% en/elope% >echado% ao% concorren$e% ina-ili$ado%, con$endo a% re%pec$i/a%
propo%$a%, de%de Cue não $enha ha/ido recur%o ou apB% %ua dene#açãoH
III @ a-er$ura do% en/elope% con$endo a% propo%$a% do% concorren$e% ha-ili$ado%, de%de Cue
$ran%corrido o praDo %em in$erpo%ição de recur%o, ou $enha ha/ido de%i%$0ncia eLpre%%a, ou apB% o
jul#amen$o do% recur%o% in$erpo%$o%H
II @ /eri>icação da con>ormidade de cada propo%$a com o% reCui%i$o% do edi$al e, con>orme o ca%o,
com o% preço% corren$e% no mercado ou >iLado% por Br#ão o>icial compe$en$e, ou ainda com o%
con%$an$e% do %i%$ema de re#i%$ro de preço%, o% Cuai% de/erão %er de/idamen$e re#i%$rado% na a$a de
jul#amen$o, promo/endo@%e a de%cla%%i>icação da% propo%$a% de%con>orme% ou incompa$=/ei%H
I @ jul#amen$o e cla%%i>icação da% propo%$a% de acordo com o% cri$Ario% de a/aliação con%$an$e% do
edi$alH
26
II @ deli-eração da au$oridade compe$en$e Cuando J homolo#ação e adjudicação do o-je$o da
lici$ação.
E 1º * a-er$ura do% en/elope% con$endo a documen$ação para ha-ili$ação e a% propo%$a% %er.
realiDada %empre em a$o p,-lico pre/iamen$e de%i#nado, do Cual %e la/rar. a$a circun%$anciada,
a%%inada pelo% lici$an$e% pre%en$e% e pela 'omi%%ão.
E 2º 2odo% o% documen$o% e propo%$a% %erão ru-ricado% pelo% lici$an$e% pre%en$e% e pela 'omi%%ão.
E 3º F >acul$ada J 'omi%%ão ou au$oridade %uperior, em CualCuer >a%e da lici$ação, a promoção de
dili#0ncia de%$inada a e%clarecer ou a complemen$ar a in%$rução do proce%%o, /edada a inclu%ão
po%$erior de documen$o ou in>ormação Cue de/eriam con%$ar ori#inariamen$e da propo%$a.
E º 4 di%po%$o ne%$e ar$i#o aplica@%e J concorr0ncia e, no Cue cou-er, ao concur%o, ao leilão, J
$omada de preço% e ao con/i$e.
E Kº 3l$rapa%%ada a >a%e de ha-ili$ação do% concorren$e% Minci%o% I e IIN e a-er$a% a% propo%$a% Minci%o
IIIN, não ca-e de%cla%%i>ic.@lo% por mo$i/o relacionado com a ha-ili$ação, %al/o em raDão de >a$o%
%uper/enien$e% ou %B conhecido% apB% o jul#amen$o.
E 6º *pB% a >a%e de ha-ili$ação, não ca-e de%i%$0ncia de propo%$a, %al/o por mo$i/o ju%$o decorren$e
de >a$o %uper/enien$e a acei$o pela 'omi%%ão.
*r$. . No jul#amen$o da% propo%$a%, a 'omi%%ão le/ar. em con%ideração o% cri$Ario% o-je$i/o%
de>inido% no edi$al ou con/i$e, o% Cuai% não de/em con$rariar a% norma% e princ=pio% e%$a-elecido%
por e%$a Lei.
E 1º F /edada a u$iliDação de CualCuer elemen$o, cri$Ario ou >a$or %i#ilo%o, %ecre$o, %u-je$i/o ou
re%er/ado Cue po%%a ainda Cue indire$amen$e elidir o princ=pio da i#ualdade en$re o% lici$an$e%.
E 2º Não %e con%iderar. CualCuer o>er$a de /an$a#em não pre/i%$a no edi$al ou no con/i$e, inclu%i/e
>inanciamen$o% %u-%idiado% ou a >undo perdido, nem preço ou /an$a#em -a%eada na% o>er$a% do%
demai% lici$an$e%.
E 3º Não %e admi$ir. propo%$a Cue apre%en$e preço% #lo-al ou uni$.rio% %im-Blico%, irri%Brio% ou de
/alor Dero, incompa$=/ei% com o% preço% do% in%umo% e %al.rio% de mercado, acre%cido% do%
re%pec$i/o% encar#o%, ainda Cue o a$o con/oca$Brio da lici$ação não $enha e%$a-elecido limi$e%
m=nimo%, eLce$o Cuando %e re>erirem a ma$eriai% e in%$alaç)e% de propriedade do prBprio lici$an$e,
para o% Cuai% ele renuncie a parcela ou J $o$alidade da remuneração.
E º 4 di%po%$o no par.#ra>o an$erior %e aplica $am-Am J% propo%$a% Cue incluam mão@de@o-ra
e%$ran#eira ou impor$aç)e% de CualCuer na$ureDa.
*r$. K 4 jul#amen$o da% propo%$a% %er. o-je$i/o, de/endo a 'omi%%ão de lici$ação ou o
re%pon%./el pelo con/i$e realiD.@lo em con>ormidade com o% $ipo% de lici$ação, o% cri$Ario%
pre/iamen$e e%$a-elecido% no a$o con/oca$Brio e de acordo com o% >a$ore% eLclu%i/amen$e nele
re>erido%, de maneira a po%%i-ili$ar %ua a>erição pelo% lici$an$e% e pelo% Br#ão% de con$role.
E 1º +ara o% e>ei$o% de%$e ar$i#o, con%$i$uem $ipo% de lici$ação eLce$o na modalidade concur%oG
I @ a de menor preço @ Cuando o cri$Ario de %eleção da propo%$a mai% /an$ajo%a para a *dmini%$ração
2!
de$erminar Cue %er. /encedor o lici$an$e Cue apre%en$ar a propo%$a de acordo com a% e%peci>icaç)e%
do edi$al ou con/i$e e o>er$ar o menor preçoH
II @ a de melhor $AcnicaH
III @ a de $Acnica e preço.
II @ a de maior lance ou o>er$a @ no% ca%o% de alienação de -en% ou conce%%ão de direi$o real de u%o.
E 2º No ca%o de empa$e en$re dua% ou mai% propo%$a%, e apB% o-edecido o di%po%$o no par.#ra>o 2º
do ar$. 3º de%$a Lei, a cla%%i>icação %e >ar., o-ri#a$oriamen$e, por %or$eio, em a$o p,-lico, para o
Cual $odo% o% lici$an$e% %erão con/ocado%, /edado CualCuer ou$ro proce%%o.
E 3º No ca%o da lici$ação do $ipo Omenor preçoO, en$re o% lici$an$e% con%iderado% Cuali>icado% a
cla%%i>icação %e dar. pela ordem cre%cen$e do% preço% propo%$o%, pre/alecendo, no ca%o de empa$e,
eLclu%i/amen$e o cri$Ario pre/i%$o no par.#ra>o an$erior.
E º +ara con$ra$ação de -en% e %er/iço% de in>orm.$ica, a *dmini%$ração o-%er/ar. o di%po%$o no
ar$. 3º da Lei nº 8.28, de 23 de ou$u-ro de 1991, le/ando em con$a o% >a$ore% e%peci>icado% em %eu
E 2º e ado$ando o-ri#a$oriamen$e o $ipo de lici$ação O$Acnica e preçoO, permi$ido o empre#o de ou$ro
$ipo de lici$ação no% ca%o% indicado% em 5ecre$o do +oder ELecu$i/o.
E Kº F /edada a u$iliDação de ou$ro% $ipo% de lici$ação não pre/i%$o ne%$e ar$i#o.
§ -º ?a <ip4tese prevista no art. 23, § /º, serão selecionadas tantas propostas quantas necess"rias
at% que se atinja a quantidade demandada na licita)ão. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de
maio de 0,,.(
*r$. 6 4% $ipo% de lici$ação Omelhor $AcnicaO ou O$Acnica e preçoO %erão u$iliDado% eLclu%i/amen$e
para %er/iço% de na$ureDa predominan$emen$e in$elec$ual, em e%pecial na ela-oração de proje$o%,
c.lculo%, >i%caliDação, %uper/i%ão e #erenciamen$o e de en#enharia con%ul$i/a em #eral e, em
par$icular, para a ela-oração de e%$udo% $Acnico% preliminare% e proje$o% -.%ico% e eLecu$i/o%,
re%%al/ado o di%po%$o no E º do ar$i#o an$erior.
E 1º Na% lici$aç)e% do $ipo Omelhor $AcnicaO %er. ado$ado o %e#uin$e procedimen$o claramen$e
eLplici$ado no in%$rumen$o con/oca$Brio, o Cual >iLar. o preço m.Limo Cue a *dmini%$ração %e
prop)e a pa#arG
I @ %erão a-er$o% o% en/elope% con$endo a% propo%$a% $Acnica% eLclu%i/amen$e do% lici$an$e%
pre/iamen$e Cuali>icado% e >ei$a en$ão a a/aliação e cla%%i>icação de%$a% propo%$a% de acordo com o%
cri$Ario% per$inen$e% e adeCuado% ao o-je$o lici$ado, de>inido% com clareDa e o-je$i/idade no
in%$rumen$o con/oca$Brio e Cue con%iderem a capaci$ação e a eLperi0ncia do proponen$e, a
Cualidade $Acnica da propo%$a, compreendendo me$odolo#ia, or#aniDação, $ecnolo#ia% e recur%o%
ma$eriai% a %erem u$iliDado% no% $ra-alho%, e a Cuali>icação da% eCuipe% $Acnica% a %erem
mo-iliDada% para a %ua eLecuçãoH
II @ uma /eD cla%%i>icada% a% propo%$a% $Acnica%, proceder@%e@. J a-er$ura da% propo%$a% de preço do%
lici$an$e% Cue $enham a$in#ido a /aloriDação m=nima e%$a-elecida no in%$rumen$o con/oca$Brio e J
ne#ociação da% condiç)e% propo%$a%, com a proponen$e melhor cla%%i>icada, com -a%e no%
orçamen$o% de$alhado% apre%en$ado% e re%pec$i/o% preço% uni$.rio% e $endo como re>er0ncia o limi$e
repre%en$ado pela propo%$a de menor preço en$re o% lici$an$e% Cue o-$i/eram a /aloriDação m=nimaH
28
III @ no ca%o de impa%%e na ne#ociação an$erior, procedimen$o id0n$ico %er. ado$ado,
%uce%%i/amen$e, com o% demai% proponen$e%, pela ordem de cla%%i>icação, a$A a con%ecução de
acordo para a con$ra$açãoH
II @ a% propo%$a% de preço% %erão de/ol/ida% in$ac$a% ao% lici$an$e% Cue não >orem preliminarmen$e
ha-ili$ado% ou Cue não o-$i/erem a /aloriDação m=nima e%$a-elecida para a propo%$a $Acnica.
E 2º Na% lici$aç)e% do $ipo O$Acnica e preçoO %er. ado$ado, adicionalmen$e ao inci%o I do par.#ra>o
an$erior, o %e#uin$e procedimen$o claramen$e eLplici$ado no in%$rumen$o con/oca$BrioG
I @ %er. >ei$a a a/aliação e a /aloriDação da% propo%$a% de preço%, de acordo com cri$Ario% o-je$i/o%
prA@e%$a-elecido% no in%$rumen$o con/oca$BrioH
II @ a cla%%i>icação do% proponen$e% >ar@%e@. de acordo com a mAdia ponderada da% /aloriDaç)e% da%
propo%$a% $Acnica% e de preço, de acordo com o% pe%o% prA@e%$a-elecido% no in%$rumen$o
con/oca$Brio
E 3º ELcepcionalmen$e, o% $ipo% de lici$ação pre/i%$o% ne%$e ar$i#o poderão %er ado$ado%, por
au$oriDação eLpre%%a e median$e ju%$i>ica$i/a circun%$anciada da maior au$oridade da *dmini%$ração
promo$ora con%$an$e do a$o con/oca$Brio, para >ornecimen$o de -en% e eLecução de o-ra% ou
pre%$ação de %er/iço% de #rande /ul$o majori$ariamen$e dependen$e% de $ecnolo#ia ni$idamen$e
%o>i%$icada e de dom=nio re%$ri$o, a$e%$ado por au$oridade% $Acnica% de reconhecida Cuali>icação, no%
ca%o% em Cue o o-je$o pre$endido admi$ir %oluç)e% al$erna$i/a% e /ariaç)e% de eLecução, com
repercu%%)e% %i#ni>ica$i/a% %o-re %ua Cualidade, produ$i/idade, rendimen$o e dura-ilidade
concre$amen$e men%ur./ei%, e e%$a% puderem %er ado$ada% J li/re e%colha do% lici$an$e%, na
con>ormidade do% cri$Ario% o-je$i/amen$e >iLado% no a$o con/oca$Brio.
E º IE2*54
*r$. ! Na% lici$aç)e% para a eLecução de o-ra% e %er/iço%, Cuando >or ado$ada a modalidade de
eLecução de emprei$ada por preço #lo-al, a *dmini%$ração de/er. >ornecer o-ri#a$oriamen$e, jun$o
com o edi$al, $odo% o% elemen$o% e in>ormaç)e% nece%%.rio% para Cue o% lici$an$e% po%%am ela-orar
%ua% propo%$a% de preço% com $o$al e comple$o conhecimen$o do o-je$o da lici$ação.
*r$. 8 6erão de%cla%%i>icada%G
I @ a% propo%$a% Cue não a$endam J% eLi#0ncia% do a$o con/oca$Brio da lici$açãoH
II @ propo%$a% com /alor #lo-al %uperior ao limi$e e%$a-elecido ou com preço% mani>e%$amen$e
ineLeCQ=/ei%, a%%im con%iderado% aCuele% Cue não /enham a $er demon%$rada %ua /ia-ilidade a$ra/A%
de documen$ação Cue compro/e Cue o% cu%$o% do% in%umo% %ão coeren$e% com o% de mercado e Cue
o% coe>icien$e% de produ$i/idade %ão compa$=/ei% com a eLecução do o-je$o do con$ra$o, condiç)e%
e%$a% nece%%ariamen$e e%peci>icada% no a$o con/oca$Brio da lici$ação.
§ 0º :ara os e#eitos do disposto no inciso II deste artigo, consideram2se mani#estamente
ine;eq7íveis, no caso de licita)!es de menor pre)o para obras e servi)os de engen<aria, as
propostas cujos valores sejam in#eriores a /56 'setenta por cento( do menor dos seguintes valores3
'*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
a( m%dia aritm%tica dos valores das propostas superiores a &56 'cinq7enta por cento( do valor
29
or)ado pela Cdministra)ão, ou '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
b( valor or)ado pela administra)ão. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
§ 2º Ios licitantes classi#icados na #orma do par"gra#o anterior cujo valor global da proposta #or
in#erior a .56 'oitenta por cento( do menor valor a que se re#erem as alíneas 8a8 e 8b8, ser"
e;igida, para a assinatura do contrato, presta)ão de garantia adicional, dentre as modalidades
previstas no § 0º do art. &-, igual a di#eren)a entre o valor resultante do par"gra#o anterior e o
valor da correspondente proposta. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
§ 3H Juando todos os licitantes #orem inabilitados ou todas as propostas #orem desclassi#icadas, a
Cdministra)ão poder" #i;ar aos licitantes o prao de oito dias $teis para a apresenta)ão de nova
documenta)ão ou de outras propostas escoimadas das causas re#eridas neste artigo, #acultada, no
caso de convite, a redu)ão deste prao para tr>s dias $teis. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/
de maio de 0,,.(
+ar.#ra>o ,nico. Ruando $odo% o% lici$an$e% >orem ina-ili$ado% ou $oda% a% propo%$a% >orem
de%cla%%i>icada%, a *dmini%$ração poder. >iLar ao% lici$an$e% o praDo de 8 Moi$oN dia% ,$ei% para a
apre%en$ação de no/a documen$ação ou de ou$ra% propo%$a% e%coimada% da% cau%a% re>erida% ne%$e
ar$i#o, >acul$ada, no ca%o de con/i$e, a redução de%$e praDo para 3 M$r0%N dia% ,$ei%.
*r$. 9 * au$oridade compe$en$e para apro/ação do procedimen$o %omen$e poder. re/o#ar a
lici$ação por raD)e% de in$ere%%e p,-lico decorren$e de >a$o %uper/enien$e de/idamen$e compro/ado,
per$inen$e e %u>icien$e para ju%$i>icar $al condu$a, de/endo anul.@la por ile#alidade, de o>=cio ou por
pro/ocação de $erceiro%, median$e parecer e%cri$o e de/idamen$e >undamen$ado.
E 1º * anulação do procedimen$o lici$a$Brio por mo$i/o de ile#alidade não #era o-ri#ação de
indeniDar, re%%al/ado o di%po%$o no par.#ra>o ,nico do ar$. K9 de%$a Lei.
E 2º * nulidade do procedimen$o lici$a$Brio induD a do con$ra$o, re%%al/ado o di%po%$o no par.#ra>o
,nico do ar$i#o K9 de%$a Lei.
E 3º No ca%o de de%>aDimen$o do proce%%o lici$a$Brio, >ica a%%e#urado o con$radi$Brio e a ampla
de>e%a.
E º 4 di%po%$o ne%$e ar$i#o e %eu% par.#ra>o% aplicam@%e ao% a$o% do procedimen$o de di%pen%a e de
ineLi#i-ilidade de lici$ação.
*r$. K0 * *dmini%$ração não poder. cele-rar o con$ra$o com pre$erição da ordem de cla%%i>icação
da% propo%$a% ou com $erceiro% e%$ranho% ao procedimen$o lici$a$Brio, %o- pena de nulidade.
*r$. K1 * ha-ili$ação preliminar, a in%crição em re#i%$ro cada%$ral, a %ua al$eração ou cancelamen$o,
e a% propo%$a% %erão proce%%ada% e jul#ada% por comi%%ão permanen$e ou e%pecial de, no m=nimo,
3M$r0%N mem-ro%, %endo pelo meno% 2Mdoi%N dele% %er/idore% Cuali>icado% per$encen$e% ao% Cuadro%
permanen$e% do% Br#ão% da *dmini%$ração re%pon%./ei% pela lici$ação.
E 1º No ca%o de con/i$e, a 'omi%%ão de lici$ação, eLcepcionalmen$e, na% peCuena% unidade%
admini%$ra$i/a% e em >ace da eLi#Qidade de pe%%oal di%pon=/el, poder. %er %u-%$i$u=da por %er/idor
>ormalmen$e de%i#nado pela au$oridade compe$en$e.
E 2º * 'omi%%ão para jul#amen$o do% pedido% de in%crição em re#i%$ro cada%$ral, %ua al$eração ou
30
cancelamen$o, %er. in$e#rada por pro>i%%ionai% le#almen$e ha-ili$ado% no ca%o de o-ra%, %er/iço% ou
aCui%ição de eCuipamen$o%.
E 3º 4% mem-ro% da% comi%%)e% de lici$ação re%ponderão %olidariamen$e por $odo% o% a$o%
pra$icado% pela 'omi%%ão, %al/o %e po%ição indi/idual di/er#en$e e%$i/er de/idamen$e
>undamen$ada e re#i%$rada em a$a la/rada na reunião em Cue $i/er %ido $omada a deci%ão.
E º * in/e%$idura do% mem-ro% da% 'omi%%)e% permanen$e% não eLceder. a 1 MumN ano, /edada a
recondução da $o$alidade de %eu% mem-ro% para a me%ma 'omi%%ão no per=odo %u-%eCQen$e.
E Kº No ca%o de concur%o, o jul#amen$o %er. >ei$o por uma 'omi%%ão e%pecial in$e#rada por pe%%oa%
de repu$ação ili-ada e reconhecido conhecimen$o da ma$Aria em eLame, %er/idore% p,-lico% ou não.
*r$. K2 4 concur%o a Cue %e re>ere o par.#ra>o º da ar$. 22 de%$a Lei de/e %er precedido de
re#ulamen$o prBprio, a %er o-$ido pelo% in$ere%%ado% no local indicado no edi$al.
E 1º 4 re#ulamen$o de/er. indicarG
I @ a Cuali>icação eLi#ida do% par$icipan$e%H
II @ a% dire$riDe% e a >orma de apre%en$ação do $ra-alhoH
III @ a% condiç)e% de realiDação do concur%o e o% pr0mio% a %erem concedido%.
E 2º Em %e $ra$ando de proje$o, o /encedor de/er. au$oriDar a *dmini%$ração a eLecu$.@lo Cuando
jul#ar con/enien$e.
*r$. K3 4 leilão pode %er come$ido a leiloeiro o>icial ou a %er/idor de%i#nado pela *dmini%$ração,
procedendo@%e na >orma da le#i%lação per$inen$e.
E 1º 2odo -em a %er leiloado %er. pre/iamen$e a/aliado pela *dmini%$ração para >iLação do preço
m=nimo de arrema$ação.
E 2º 4% -en% arrema$ado% %erão pa#o% J /i%$a ou no percen$ual e%$a-elecido no edi$al, não in>erior a
KS Mcinco por cen$oN, e, apB% a a%%ina$ura da re%pec$i/a a$a la/rada no local do leilão,
imedia$amen$e en$re#ue% ao arrema$an$e, o Cual %e o-ri#ar. ao pa#amen$o do re%$an$e no praDo
e%$ipulado no edi$al de con/ocação, %o- pena de perder em >a/or da *dmini%$ração o /alor j.
recolhido.
E 3º No% leil)e% in$ernacionai%, o pa#amen$o da parcela J /i%$a poder. %er >ei$o em a$A 2 M/in$e e
Cua$roN hora%.
E º 4 edi$al de leilão de/e %er amplamen$e di/ul#ado principalmen$e no munic=pio em Cue %e
realiDar..
'*+123L4 III
546 '4N2"*246
6E7:4 I
5I6+46I78E6 +"ELI<IN*"E6
31
*r$. K 4% con$ra$o% admini%$ra$i/o% de Cue $ra$a e%$a Lei re#ulam@%e pela% %ua% cl.u%ula% e pelo%
precei$o% de direi$o p,-lico, aplicando@%e@lhe%, %uple$i/amen$e, o% princ=pio% da $eoria #eral do%
con$ra$o% e a% di%po%iç)e% de direi$o pri/ado.
E 1º 4% con$ra$o% de/em e%$a-elecer com clareDa e preci%ão a% condiç)e% para %ua eLecução,
eLpre%%a% em cl.u%ula% Cue de>inam o% direi$o%, o-ri#aç)e% e re%pon%a-ilidade% da% par$e%, em
con>ormidade com o% $ermo% da lici$ação e da propo%$a a Cue %e /inculam.
E 2º 4% con$ra$o% decorren$e% de di%pen%a ou de ineLi#i-ilidade de lici$ação de/em a$ender ao%
$ermo% do a$o Cue o% au$oriDou e da re%pec$i/a propo%$a.
*r$. KK 6ão cl.u%ula% nece%%.ria% em $odo con$ra$o a% Cue e%$a-eleçamG
I @ o o-je$o e %eu% elemen$o% carac$er=%$ico%H
II @ o re#ime de eLecução ou a >orma de >ornecimen$oH
III @ o preço e a% condiç)e% de pa#amen$o, o% cri$Ario%, da$a@-a%e e periodicidade do reaju%$amen$o
de preço%, o% cri$Ario% de a$ualiDação mone$.ria en$re a da$a do adimplemen$o da% o-ri#aç)e% e a do
e>e$i/o pa#amen$oH
II @ o% praDo% de in=cio de e$apa% de eLecução, de conclu%ão, de en$re#a, de o-%er/ação e de
rece-imen$o de>ini$i/o, con>orme o ca%oH
I @ o crAdi$o pelo Cual correr. a de%pe%a, com a indicação da cla%%i>icação >uncional pro#ram.$ica e
da ca$e#oria econTmicaH
II @ a% #aran$ia% o>erecida% para a%%e#urar %ua plena eLecução, Cuando eLi#ida%H
III @ o% direi$o% e a% re%pon%a-ilidade% da% par$e%, a% penalidade% ca-=/ei% e o% /alore% da% mul$a%H
IIII @ o% ca%o% de re%ci%ãoH
I& @ o reconhecimen$o do% direi$o% da *dmini%$ração, em ca%o de re%ci%ão admini%$ra$i/a pre/i%$a
no ar$. !!. de%$a LeiH
& @ a% condiç)e% de impor$ação, a da$a e a $aLa de c;m-io para con/er%ão, Cuando >or o ca%oH
&I @ a /inculação ao edi$al de lici$ação ou ao $ermo Cue a di%pen%ou ou a ineLi#iu, ao con/i$e e J
propo%$a do lici$an$e /encedorH
&II @ a le#i%lação aplic./el J eLecução do con$ra$o e e%pecialmen$e ao% ca%o% omi%%o%H
&III @ a o-ri#ação do con$ra$ado de man$er, duran$e $oda a eLecução do con$ra$o, em
compa$i-ilidade com a% o-ri#aç)e% por ele a%%umida%, $oda% a% condiç)e% de ha-ili$ação e
Cuali>icação eLi#ida% na lici$ação.
E 1º IE2*54
E 2º No% con$ra$o% cele-rado% pela *dmini%$ração +,-lica com pe%%oa% >=%ica% ou jur=dica%,
inclu%i/e aCuela% domiciliada% no e%$ran#eiro, de/er. con%$ar nece%%ariamen$e cl.u%ula Cue declare
32
compe$en$e o >oro da %ede da *dmini%$ração para dirimir CualCuer Cue%$ão con$ra$ual, %al/o o
di%po%$o no E 6Y do ar$. 32 de%$a Lei.
E 3º no a$o da liCuidação da de%pe%a, o% %er/iço% de con$a-ilidade comunicarão, ao% Br#ão%
incum-ido% da arrecadação e >i%caliDação de $ri-u$o% da 3nião, E%$ado ou <unic=pio, a%
carac$er=%$ica% e o% /alore% pa#o%, %e#undo o di%po%$o no ar$. 63 da Lei nº .320, de 1! de março de
196.
*r$. K6 * cri$Ario da au$oridade compe$en$e, em cada ca%o, e de%de Cue pre/i%$a no in%$rumen$o
con/oca$Brio, poder. %er eLi#ida pre%$ação de #aran$ia na% con$ra$aç)e% de o-ra%, %er/iço% e
compra%.
E 1º 'a-er. ao con$ra$ado op$ar por uma da% %e#uin$e% modalidade% de #aran$iaG
I @ caução em dinheiro ou $=$ulo% da d=/ida p,-licaH
II @ %e#uro@#aran$iaH
III @ >iança -anc.ria.
E 2º * #aran$ia a Cue %e re>ere o capu$ de%$e ar$i#o não eLceder. a KS Mcinco por cen$oN do /alor do
con$ra$o e $er. %eu /alor a$ualiDado na% me%ma% condiç)e% daCuele, re%%al/ado o pre/i%$o no E 3º
de%$e ar$i#o.
E 3º +ara o-ra%, %er/iço% e >ornecimen$o de #rande /ul$o en/ol/endo al$a compleLidade $Acnica e
ri%co% >inanceiro% con%ider./ei%, demon%$rado% a$ra/A% de parecer $ecnicamen$e apro/ado pela
au$oridade compe$en$e, o limi$e de #aran$ia pre/i%$o no par.#ra>o an$erior poder. %er ele/ado para
a$A 10S MdeD por cen$oN do /alor do con$ra$o.
E º * #aran$ia pre%$ada pelo con$ra$ado %er. li-erada ou re%$i$u=da apB% a eLecução do con$ra$o, e,
Cuando em dinheiro, a$ualiDada mone$ariamen$e.
E Kº No% ca%o% de con$ra$o% Cue impor$em na en$re#a de -en% pela *dmini%$ração, do% Cuai% o
con$ra$ado >icar. depo%i$.rio, ao /alor da #aran$ia de/er. %er acre%cido o /alor de%%e% -en%.
*r$. K!. * duração do% con$ra$o% re#ido% por e%$a Lei >icar. ad%$ri$a J /i#0ncia do% re%pec$i/o%
crAdi$o% orçamen$.rio%, eLce$o Cuan$o ao% rela$i/o%G
I @ ao% proje$o% cujo% produ$o% e%$ejam con$emplado% na% me$a% e%$a-elecida% no +lano +lurianual,
o% Cuai% poderão %er prorro#ado% %e hou/er in$ere%%e da *dmini%$ração e de%de Cue i%%o $enha %ido
pre/i%$o no a$o con/oca$BrioH
II 2 a presta)ão de servi)os a serem e;ecutados de #orma contínua, que poderão ter a sua dura)ão
prorrogada por iguais e sucessivos períodos com vistas a obten)ão de pre)os e condi)!es mais
vantajosas para a Cdministra)ão, limitada a sessenta meses. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de
2/ de maio de 0,,.(
III @ IE2*54
II @ ao alu#uel de eCuipamen$o% e J u$iliDação de pro#rama% de in>orm.$ica, podendo a duração
e%$ender@%e pelo praDo de a$A 8 MCuaren$a e oi$oN me%e% apB% o in=cio da /i#0ncia do con$ra$o.
33
E 1º 4% praDo% de in=cio de e$apa% de eLecução, de conclu%ão e de en$re#a admi$em prorro#ação,
man$ida% a% demai% cl.u%ula% do con$ra$o e a%%e#urada a manu$enção de %eu eCuil=-rio econTmico@
>inanceiro, de%de Cue ocorra al#um do% %e#uin$e% mo$i/o%, de/idamen$e au$uado% em proce%%oG
I @ al$eração do proje$o ou e%peci>icaç)e%, pela *dmini%$raçãoH
II @ %uper/eni0ncia de >a$o eLcepcional ou impre/i%=/el, e%$ranho J /on$ade da% par$e%, Cue al$ere
>undamen$almen$e a% condiç)e% de eLecução do con$ra$oH
III @ in$errupção da eLecução do con$ra$o ou diminuição do ri$mo de $ra-alho por ordem e no
in$ere%%e da *dmini%$raçãoH
II @ aumen$o da% Cuan$idade% inicialmen$e pre/i%$a% no con$ra$o, no% limi$e% permi$ido% por e%$a
LeiH
I @ impedimen$o de eLecução do con$ra$o por >a$o ou a$o de $erceiro reconhecido pela
*dmini%$ração em documen$o con$empor;neo J %ua ocorr0nciaH
II @ omi%%ão ou a$ra%o de pro/id0ncia% a car#o da *dmini%$ração, inclu%i/e Cuan$o ao% pa#amen$o%
pre/i%$o% de Cue re%ul$e, dire$amen$e, impedimen$o ou re$ardamen$o na eLecução do con$ra$o, %em
preju=Do da% %anç)e% le#ai% aplic./ei% ao% re%pon%./ei%.
E 2º 2oda prorro#ação de praDo de/er. %er ju%$i>icada por e%cri$o e pre/iamen$e au$oriDada pela
au$oridade compe$en$e para cele-rar o con$ra$o.
E 3º F /edado o con$ra$o com praDo de /i#0ncia inde$erminado.
§ 4º 1m car"ter e;cepcional, devidamente justi#icado e mediante autoria)ão da autoridade
superior, o prao de que trata o inciso II do caput deste artigo poder" ser prorrogado em at% doe
meses. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
*r$. K8. 4 re#ime jur=dico do% con$ra$o% admini%$ra$i/o% in%$i$u=do por e%$a Lei con>ere J
*dmini%$ração, em relação a ele%, a prerro#a$i/a deG
I @ modi>ic.@lo%, unila$eralmen$e, para melhor adeCuação J% >inalidade% de in$ere%%e p,-lico,
re%pei$ado% o% direi$o% do con$ra$adoH
II @ re%cindi@lo%, unila$eralmen$e, no% ca%o% e%peci>icado% no inci%o I do ar$. !9 de%$a LeiH
III @ >i%caliDar@lhe% a eLecuçãoH
II @ aplicar %anç)e% mo$i/ada% pela ineLecução $o$al ou parcial do aju%$eH
I @ no% ca%o% de %er/iço% e%%enciai%, ocupar pro/i%oriamen$e -en% mB/ei%, imB/ei%, pe%%oal e
%er/iço% /inculado% ao o-je$o do con$ra$o, na hipB$e%e da nece%%idade de acau$elar apuração
admini%$ra$i/a de >al$a% con$ra$uai% pelo con$ra$ado, -em como na hipB$e%e de re%ci%ão do con$ra$o
admini%$ra$i/o.
E 1º *% cl.u%ula% econTmico@>inanceira% e mone$.ria% do% con$ra$o% admini%$ra$i/o% não poderão %er
al$erada% %em prA/ia concord;ncia do con$ra$ado.
3
E 2º Na hipB$e%e do inci%o I de%$e ar$i#o, a% cl.u%ula% econTmico@>inanceira% do con$ra$o de/erão %er
re/i%$a% para Cue %e man$enha o eCuil=-rio con$ra$ual.
*r$. K9. * declaração de nulidade do con$ra$o admini%$ra$i/o opera re$roa$i/amen$e impedindo o%
e>ei$o% jur=dico% Cue ele, ordinariamen$e, de/eria produDir, alAm de de%con%$i$uir o% j. produDido%.
+ar.#ra>o ,nico. * nulidade não eLonera a *dmini%$ração do de/er de indeniDar o con$ra$ado pelo
Cue e%$e hou/er eLecu$ado a$A a da$a em Cue ela >or declarada e por ou$ro% preju=Do% re#ularmen$e
compro/ado%, con$an$o Cue não lhe %eja impu$./el, promo/endo@%e a re%pon%a-ilidade de Cuem lhe
deu cau%a.
6E7:4 II
5* (4"<*LIU*7:4 546 '4N2"*246.
*r$. 60. 4% con$ra$o% e %eu% adi$amen$o% %erão la/rado% na% repar$iç)e% in$ere%%ada%, a% Cuai%
man$erão arCui/o cronolB#ico do% %eu% au$B#ra>o% e re#i%$ro% %i%$em.$ico do %eu eL$ra$o, %al/o o%
rela$i/o% a direi$o% reai% %o-re imB/ei%, Cue %e >ormaliDam por in%$rumen$o la/rado em car$Brio de
no$a%, de $udo jun$ando@%e cBpia% no proce%%o Cue lhe deu ori#em.
+ar.#ra>o ,nico. F nulo e de nenhum e>ei$o o con$ra$o /er-al com a *dmini%$ração, %al/o o de
peCuena% compra% de pron$o pa#amen$o, a%%im en$endida% aCuela% de /alor não %uperior a KS
Mcinco por cen$oN do limi$e e%$a-elecido no ar$. 23, inci%o II, al=nea OaO de%$a Lei, >ei$a% em re#ime
de adian$amen$o.
*r$. 61. 2odo con$ra$o de/e mencionar o% nome% da% par$e% e o% de %eu% repre%en$an$e%, a >inalidade,
o a$o Cue au$oriDou a %ua la/ra$ura, o n,mero do proce%%o da lici$ação, da di%pen%a ou da
ineLi#i-ilidade, a %ujeição do% con$ra$an$e% J% norma% de%$a Lei e J% cl.u%ula% con$ra$uai%.
+ar.#ra>o ?nico * pu-licação re%umida do in%$rumen$o de con$ra$o ou de %eu% adi$amen$o% na
Impren%a 4>icial, Cue A condição indi%pen%./el para %ua e>ic.cia, %er. pro/idenciada pela
*dmini%$ração a$A o Kº MCuin$oN dia ,$il do m0% %e#uin$e ao de %ua a%%ina$ura, para ocorrer no praDo
de 20 M/in$eN dia% daCuela da$a, CualCuer Cue %eja o %eu /alor, ainda Cue %em Tnu%, re%%al/ado o
di%po%$o no ar$. 26 de%$a Lei.
*r$. 62. 4 in%$rumen$o de con$ra$o A o-ri#a$Brio no% ca%o% de concorr0ncia e de $omada de preço%,
-em como na% di%pen%a% e ineLi#i-ilidade% cujo% preço% e%$ejam compreendido% no% limi$e% de%$a%
dua% modalidade% de lici$ação, e >acul$a$i/o no% demai% em Cue a *dmini%$ração puder %u-%$i$ui@lo
por ou$ro% in%$rumen$o% h.-ei%, $ai% como car$a@con$ra$o, no$a de empenho de de%pe%a, au$oriDação
de compra ou ordem de eLecução de %er/iço%.
E 1º * minu$a do >u$uro con$ra$o in$e#rar. %empre o edi$al ou a$o con/oca$Brio da lici$ação.
E 2º Em Ocar$a con$ra$oO, Ono$a de empenho de de%pe%aO, Oau$oriDação de compraO, Oordem de
eLecução de %er/içoO ou ou$ro% in%$rumen$o% h.-ei% aplica@%e, no Cue cou-er, o di%po%$o no ar$. KK
de%$a Lei.
E 3º *plica@%e o di%po%$o no% ar$%. KK e K8 a 61 de%$a Lei e demai% norma% #erai%, no Cue cou-erG
I @ ao% con$ra$o% de %e#uro, de >inanciamen$o, de locação em Cue o +oder +,-lico %eja loca$.rio, e
ao% demai% cujo con$e,do %eja re#ido, predominan$emen$e, por norma de direi$o pri/adoH
3K
II @ ao% con$ra$o% em Cue a *dmini%$ração >or par$e como u%u.ria de %er/iço p,-lico.
E º F di%pen%./el o O$ermo de con$ra$oO e >acul$ada a %u-%$i$uição pre/i%$a ne%$e ar$i#o, a cri$Ario da
*dmini%$ração e independen$emen$e de %eu /alor, no% ca%o% de compra com en$re#a imedia$a e
in$e#ral do% -en% adCuirido%, do% Cuai% não re%ul$em o-ri#aç)e% >u$ura%, inclu%i/e a%%i%$0ncia
$Acnica.
*r$. 63. F permi$indo a CualCuer lici$an$e o conhecimen$o do% $ermo% do con$ra$o e do re%pec$i/o
proce%%o lici$a$Brio e, a CualCuer in$ere%%ado, a o-$enção de cBpia au$en$icada, median$e o
pa#amen$o do% emolumen$o% de/ido%.
*r$. 6. * *dmini%$ração con/ocar. re#ularmen$e o in$ere%%ado para a%%inar o $ermo de con$ra$o,
acei$ar ou re$irar o in%$rumen$o eCui/alen$e, den$ro do praDo e condiç)e% e%$a-elecido%, %o- pena de
decair o direi$o J con$ra$ação, %em preju=Do da% %anç)e% pre/i%$a% no ar$. 81 de%$a Lei.
E 1º 4 praDo de con/ocação poder. %er prorro#ado uma /eD, por i#ual per=odo, Cuando %olici$ado
pela par$e duran$e o %eu $ran%cur%o e de%de Cue ocorra mo$i/o ju%$i>icado acei$o pela *dmini%$ração.
§ 2º ?en<um acr%scimo ou supressão poder" e;ceder os limites estabelecidos no par"gra#o
anterior, salvo3 '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
I 2 'F1KCIO( '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
II 2 as supress!es resultantes de acordo celebrado entre os contratantes. '*eda)ão dada pela +ei nº
,.-4., de 2/ de maio de 0,,.(
E 3º 5ecorrido% 60 M%e%%en$aN dia% da da$a da en$re#a da% propo%$a%, %em con/ocação para a
con$ra$ação, >icam o% lici$an$e% li-erado% do% compromi%%o% a%%umido%.
6E7:4 III
5* *L2E"*7:4 546 '4N2"*246.
*r$. 6K. 4% con$ra$o% re#ido% por e%$a Lei poderão %er al$erado%, com a% de/ida% ju%$i>ica$i/a%, no%
%e#uin$e% ca%o%G
I @ unila$eralmen$e pela *dmini%$raçãoG
aN Cuando hou/er modi>icação do proje$o ou da% e%peci>icaç)e%, para melhor adeCuação $Acnica ao%
%eu% o-je$i/o%H
-N Cuando nece%%.ria a modi>icação do /alor con$ra$ual em decorr0ncia de acrA%cimo ou diminuição
Cuan$i$a$i/a de %eu o-je$o, no% limi$e% permi$ido% por e%$a LeiH
II @ por acordo da% par$e%G
aN Cuando con/enien$e a %u-%$i$uição da #aran$ia de eLecuçãoH
-N Cuando nece%%.ria a modi>icação do re#ime de eLecução da o-ra ou %er/iço, -em como do modo
de >ornecimen$o, em >ace de /eri>icação $Acnica da inaplica-ilidade do% $ermo% con$ra$uai%
ori#in.rio%H
36
cN Cuando nece%%.ria a modi>icação da >orma de pa#amen$o, por impo%ição de circun%$;ncia%
%uper/enien$e%, man$ido o /alor inicial a$ualiDado, /edada a an$ecipação do pa#amen$o, com relação
ao crono#rama >inanceiro >iLado, %em a corre%ponden$e con$rapre%$ação de >ornecimen$o de -en% ou
eLecução de o-ra ou %er/içoH
dN para re%$a-elecer a relação, Cue a% par$e% pac$uaram inicialmen$e, en$re o% encar#o% do con$ra$ado
e a re$ri-uição da *dmini%$ração para a ju%$a remuneração da o-ra, %er/iço ou >ornecimen$o,
o-je$i/ando a manu$enção do eCuil=-rio econTmico@>inanceiro inicial do con$ra$o, na hipB$e%e de
%o-re/irem >a$o% impre/i%=/ei%, ou pre/i%=/ei% porAm de con%eCQ0ncia% incalcul./ei%, re$ardadore%
ou impedi$i/o% da eLecução do aju%$ado, ou ainda, em ca%o de >orça maior, ca%o >or$ui$o ou >a$o do
pr=ncipe, con>i#urando .lea econTmica eL$raordin.ria e eL$racon$ra$ual.
E 1º 4 con$ra$ado >ica o-ri#ado a acei$ar, na% me%ma% condiç)e% con$ra$uai%, o% acrA%cimo% ou
%upre%%)e% Cue %e >iDerem na% o-ra%, %er/iço% ou compra%, a$A 2KS M/in$e e cinco por cen$oN do
/alor inicial a$ualiDado do con$ra$o, e, no ca%o par$icular de re>orma de edi>=cio ou de eCuipamen$o,
a$A o limi$e de K0S McinCQen$a por cen$oN para o% %eu% acrA%cimo%.
E 2º Nenhum acrA%cimo ou %upre%%ão poder. eLceder o% limi$e% e%$a-elecido% no par.#ra>o an$erior.
E 3º 6e no con$ra$o não hou/erem %ido con$emplado% preço% uni$.rio% para o-ra% ou %er/iço%, e%%e%
%erão >iLado% median$e acordo en$re a% par$e%, re%pei$ado% o% limi$e% e%$a-elecido% no par.#ra>o 1º
de%$e ar$i#o.
E º No ca%o de %upre%%ão de o-ra%, -en% ou %er/iço%, %e o con$ra$o j. hou/er adCuirido o% ma$eriai%
e po%$o no local do% $ra-alho%, e%$e% de/erão %er pa#o% pela *dmini%$ração pelo% cu%$o% de aCui%ição
re#ularmen$e compro/ado% e mone$ariamen$e corri#ido%, podendo ca-er indeniDação por ou$ro%
dano% e/en$ualmen$e decorren$e% de %upre%%ão, de%de Cue re#ularmen$e compro/ado%.
E Kº Ruai%Cuer $ri-u$o% ou encar#o% le#ai% criado%, al$erado% ou eL$in$o%, -em como a
%uper/eni0ncia de di%po%iç)e% le#ai%, Cuando ocorrida% apB% a da$a da apre%en$ação da propo%$a, de
compro/ada repercu%%ão no% preço% con$ra$ado%, implicarão a re/i%ão de%$e% para mai% ou meno%,
con>orme o ca%o.
E 6º Em ha/endo al$eração unila$eral do con$ra$o Cue aumen$e o% encar#o% do con$ra$ado, a
*dmini%$ração de/er. re%$a-elecer, por adi$amen$o, o eCuil=-rio econTmico@>inanceiro inicial.
E !º IE2*54
E 8º * /ariação do /alor con$ra$ual para >aDer >ace ao reaju%$e de preço% pre/i%$o no prBprio
con$ra$o, a% a$ualiDaç)e%, compen%aç)e% ou penaliDaç)e% >inanceira% decorren$e% da% condiç)e% de
pa#amen$o nele pre/i%$a%, -em como o empenho de do$aç)e% orçamen$.ria% %uplemen$are% a$A o
limi$e do %eu /alor corri#ido, não carac$eriDam al$eração do me%mo, podendo %er re#i%$rado% por
%imple% apo%$ila, di%pen%ando a cele-ração de adi$amen$o.
6E7:4 II
5* E&E'37:4 546 '4N2"*246.
*r$. 66. 4 con$ra$o de/er. %er eLecu$ado >ielmen$e pela% par$e%, de acordo com a% cl.u%ula%
a/ençada% e a% norma% de%$a Lei, re%pondendo cada uma pela% con%eCQ0ncia% de %ua ineLecução
$o$al ou parcial.
3!
*r$. 6!. * eLecução do con$ra$o de/er. %er acompanhada e >i%caliDada por um repre%en$an$e da
*dmini%$ração e%pecialmen$e de%i#nado, permi$ida a con$ra$ação de $erceiro% para a%%i%$i@lo e
%u-%idi.@lo de in>ormaç)e% per$inen$e% a e%%a a$ri-uição.
E 1º 4 repre%en$an$e da *dmini%$ração ano$ar. em re#i%$ro prBprio $oda% a% ocorr0ncia% relacionada%
com a eLecução do con$ra$o, de$erminando o Cue >or nece%%.rio J re#ulariDação da% >al$a% ou
de>ei$o% o-%er/ado%.
E 2º *% deci%)e% e pro/id0ncia% Cue ul$rapa%%arem a compe$0ncia do repre%en$an$e de/erão %er
%olici$ada% a %eu% %uperiore% em $empo h.-il para a adoção da% medida% con/enien$e%.
*r$. 68. 4 con$ra$ado de/er. man$er prepo%$o, acei$o pela *dmini%$ração, no local da o-ra ou
%er/iço, para repre%en$.@lo na eLecução do con$ra$o.
*r$. 69. 4 con$ra$ado A o-ri#ado a reparar, corri#ir, remo/er, recon%$ruir ou %u-%$i$uir, J% %ua%
eLpen%a%, no $o$al ou em par$e, o o-je$o do con$ra$o em Cue %e /eri>icarem /=cio%, de>ei$o% ou
incorreç)e% re%ul$an$e% da eLecução ou de ma$Aria% empre#ado%.
*r$. !0. 4 con$ra$ado A re%pon%./el pelo% dano% cau%ado% dire$amen$e J *dmini%$ração ou a
$erceiro%, decorren$e% de %ua culpa ou dolo na eLecução do con$ra$o, não eLcluindo ou reduDindo
e%%a re%pon%a-ilidade a >i%caliDação ou o acompanhamen$o pelo Br#ão in$ere%%ado.
*r$. !1. 4 con$ra$ado A re%pon%./el pelo% encar#o% $ra-alhi%$a%, pre/idenci.rio%, >i%cai% e comerciai%
re%ul$an$e% da eLecução do con$ra$o.
E 1º * inadimpl0ncia do con$ra$ado com re>er0ncia ao% encar#o% $ra-alhi%$a%, >i%cai% e comerciai%
não $ran%>ere J *dmini%$ração +,-lica a re%pon%a-ilidade por %eu pa#amen$o, nem poder. onerar o
o-je$o do con$ra$o ou re%$rin#ir a re#ulariDação e o u%o da% o-ra% e edi>icaç)e%, inclu%i/e peran$e o
re#i%$ro de imB/ei%.
E 2º * *dmini%$ração +,-lica re%ponde %olidariamen$e com o con$ra$ado pelo% encar#o%
pre/idenci.rio% re%ul$an$e% da eLecução do con$ra$o, no% $ermo% do ar$. 31 da Lei nº 8.212, de 2 de
julho de 1991.
E 3º IE2*54
*r$. !2 4 con$ra$ado, na eLecução do con$ra$o, %em preju=Do da% re%pon%a-ilidade% con$ra$uai% e
le#ai%, poder. %u-con$ra$ar par$e% da o-ra, %er/iço ou >ornecimen$o, a$A o limi$e admi$ido, em cada
ca%o, pela *dmini%$ração.
*r$. !3. ELecu$ado o con$ra$o, o %eu o-je$o %er. rece-idoG
I @ em %e $ra$ando de o-ra% e %er/iço%G
aN pro/i%oriamen$e, pelo re%pon%./el por %eu acompanhamen$o e >i%caliDação, median$e $ermo
circun%$anciado, a%%inado pela% par$e% em a$A 1K MCuinDeN dia% da comunicação e%cri$a do
con$ra$adoH
-N de>ini$i/amen$e, por %er/idor ou 'omi%%ão de%i#nada pela au$oridade compe$en$e, median$e
$ermo circun%$anciado, a%%inado pela% par$e%, apB% o decur%o do praDo de o-%er/ação, ou /i%$oria
Cue compro/e a adeCuação do o-je$o ao% $ermo% con$ra$uai%, o-%er/ado o di%po%$o no ar$. 69 de%$a
38
LeiH
II @ em %e $ra$ando de compra% ou de locação de eCuipamen$o%G
aN pro/i%oriamen$e, para e>ei$o de po%$erior /eri>icação da con>ormidade do ma$erial com a
e%peci>icaçãoH
-N de>ini$i/amen$e, apB% a /eri>icação da Cualidade e Cuan$idade do ma$erial e con%eCQen$e
acei$ação.
E 1º No% ca%o% de aCui%ição de eCuipamen$o% de #rande /ul$o, o rece-imen$o >ar@%e@. median$e
$ermo circun%$anciado e, no% demai%, median$e reci-o.
E 2º 4 rece-imen$o pro/i%Brio ou de>ini$i/o não eLclui a re%pon%a-ilidade ci/il pela %olideD e
%e#urança da o-ra ou do %er/iço, nem A$ico@pro>i%%ional pela per>ei$a eLecução do con$ra$o, den$ro
do% limi$e% e%$a-elecido% pela lei ou pelo con$ra$o.
E 3º 4 praDo a Cue %e re>ere a al=nea O-O do inci%o I de%$e ar$i#o não poder. %er %uperior a 90
Mno/en$aN dia%, %al/o em ca%o% eLcepcionai%, de/idamen$e ju%$i>icado% e pre/i%$o% no edi$al.
E º Na hipB$e%e de o $ermo circun%$anciado ou a /eri>icação a Cue %e re>ere e%$e ar$i#o não %erem,
re%pec$i/amen$e, la/rado ou procedida den$ro do% praDo% >iLado%, repu$ar@%e@ão como realiDado%,
de%de Cue comunicado% . *dmini%$ração no% 1K MCuinDeN dia% an$eriore% J eLau%$ão do% me%mo%.
*r$. !. +oder. %er di%pen%ado o rece-imen$o pro/i%Brio no% %e#uin$e% ca%o%G
I @ #0nero% perec=/ei% e alimen$ação preparadaH
II @ %er/iço% pro>i%%ionai%H
III @ o-ra% e %er/iço% de /alor a$A o pre/i%$o no ar$. 23, inci%o II, al=nea OaO de%$a Lei, de%de Cue não
%e componham de aparelho%, eCuipamen$o% e in%$alaç)e% %ujei$o% J /eri>icação de >uncionamen$o e
produ$i/idade.
+ar.#ra>o ,nico. No% ca%o% de%$e ar$i#o, o rece-imen$o %er. >ei$o median$e reci-o.
*r$. !K. 6al/o di%po%iç)e% em con$r.rio con%$an$e% do edi$al, do con/i$e ou de a$o norma$i/o , o%
en%aio%, $e%$e% e demai% pro/a% eLi#ido% por norma% $Acnica% o>iciai% para a -oa eLecução do o-je$o
do con$ra$o correm por con$a do con$ra$ado.
*r$. !6. * *dmini%$ração rejei$ar., no $odo ou em par$e, o-ra, %er/iço ou >ornecimen$o eLecu$ado
em de%acordo com o con$ra$o.
6E7:4 I
5* INE&E'37:4 E 5* "E6'I6:4 546 '4N2"*246.
*r$. !!. * ineLecução $o$al ou parcial do con$ra$o en%eja a %ua re%ci%ão, com a% con%eCQ0ncia%
con$ra$uai% e a% pre/i%$a% em Lei ou re#ulamen$o.
*r$. !8. 'on%$i$uem mo$i/o para re%ci%ão do con$ra$oG
39
I @ o não cumprimen$o de cl.u%ula% con$ra$uai%, e%peci>icaç)e%, proje$o% ou praDo%H
II @ o cumprimen$o irre#ular de cl.u%ula% con$ra$uai%, e%peci>icaç)e%, proje$o% e praDo%H
III @ a len$idão do %eu cumprimen$o, le/ando a *dmini%$ração a compro/ar a impo%%i-ilidade da
conclu%ão da o-ra, do %er/iço ou do >ornecimen$o, no% praDo% e%$ipulado%H
II @ o a$ra%o inju%$i>icado no in=cio da o-ra, %er/iço ou >ornecimen$o.
I @ a parali%ação da o-ra, do %er/iço ou do >ornecimen$o, %em ju%$a cau%a e prA/ia comunicação J
*dmini%$raçãoH
II @ a %u-con$ra$ação $o$al ou parcial do %eu o-je$o, a a%%ociação do con$ra$ado com ou$rem, a
ce%%ão ou $ran%>er0ncia, $o$al ou parcial, -em como a >u%ão, ci%ão ou incorporação, não admi$ida%
no edi$al e no con$ra$oH
III @ o de%a$endimen$o da% de$erminaç)e% re#ulare% da au$oridade de%i#nada para acompanhar e
>i%caliDar a %ua eLecução, a%%im como a% de %eu% %uperiore%H
IIII @ o come$imen$o rei$erado de >al$a% na %ua eLecução, ano$ada% na >orma do E 1º do ar$. 6! de%$a
LeiH
I& @ a decre$ação de >al0ncia ou a in%$auração de in%ol/0ncia ci/ilH
& @ a di%%olução da %ociedade ou o >alecimen$o do con$ra$adoH
&I @ a al$eração %ocial ou a modi>icação da >inalidade ou da e%$ru$ura da empre%a, Cue prejudiCue a
eLecução do con$ra$oH
&II @ raD)e% de in$ere%%e p,-lico, de al$a rele/;ncia e amplo conhecimen$o, ju%$i>icada% e
de$erminada% pela m.Lima au$oridade da e%>era admini%$ra$i/a a Cue e%$. %u-ordinado o con$ra$an$e
e eLarada% no proce%%o admini%$ra$i/o a Cue %e re>ere o con$ra$oH
&III @ a %upre%%ão, por par$e da *dmini%$ração, de o-ra%, %er/iço% ou compra%, acarre$ando
modi>icação do /alor inicial do con$ra$o alAm do limi$e permi$indo no E 1º do ar$. 6K de%$a LeiH
&II @ a %u%pen%ão de %ua eLecução, por ordem e%cri$a da *dmini%$ração, por praDo %uperior a 120
Mcen$o e /in$eN dia%, %al/o em ca%o de calamidade p,-lica, #ra/e per$ur-ação da ordem in$erna ou
#uerra, ou ainda por repe$ida% %u%pen%)e% Cue $o$aliDem o me%mo praDo, independen$emen$e do
pa#amen$o o-ri#a$Brio de indeniDaç)e% pela% %uce%%i/a% e con$ra$ualmen$e impre/i%$a%
de%mo-iliDaç)e%, e mo-iliDaç)e% e ou$ra% pre/i%$a%, a%%e#urado ao con$ra$ado ne%%e% ca%o% o direi$o
de op$ar pela %u%pen%ão do cumprimen$o da% o-ri#aç)e% a%%umida% a$A Cue %eja normaliDada a
%i$uaçãoH
&I @ o a$ra%o %uperior a 90 Mno/en$aN dia% do% pa#amen$o% de/ido% pela *dmini%$ração decorren$e%
de o-ra% , %er/iço% ou >ornecimen$o, ou parcela% de%$e%, j. rece-ido% ou eLecu$ado%, %al/o em ca%o
de calamidade p,-lica, #ra/e per$ur-ação da ordem in$erna ou #uerra, a%%e#urado ao con$ra$ado o
direi$o de op$ar pela %u%pen%ão do cumprimen$o de %ua% o-ri#aç)e% a$A Cue %eja normaliDada a
%i$uaçãoH
&II @ a não li-eração, por par$e da *dmini%$ração, de .rea, local ou o-je$o para eLecução de o-ra,
0
%er/iço ou >ornecimen$o, no% praDo% con$ra$uai%, -em como da% >on$e% de ma$eriai% na$urai%
e%peci>icada% no proje$oH
&III @ a ocorr0ncia de ca%o >or$ui$o ou de >orça maior, re#ularmen$e compro/ada, impedi$i/a da
eLecução do con$ra$o.
+ar.#ra>o ,nico. 4% ca%o% de re%ci%ão con$ra$ual %erão >ormalmen$e mo$i/ado% no% au$o% do
proce%%o, a%%e#urado o con$radi$Brio e a ampla de>e%a.
*r$. !9. * re%ci%ão do con$ra$o poder. %erG
I @ de$erminada por a$o unila$eral e e%cri$o da *dmini%$ração, no% ca%o% enumerado% no% inci%o% I a
&II e &III do ar$i#o an$eriorH
II @ ami#./el, por acordo en$re a% par$e%, reduDida a $ermo no proce%%o da lici$ação, de%de Cue haja
con/eni0ncia para a *dmini%$raçãoH
III @ judicial, no% $ermo% da le#i%laçãoH
II @ IE2*54
E 1º * re%ci%ão admini%$ra$i/a ou ami#./el de/er. %er precedida de au$oriDação e%cri$a e
>undamen$ada da au$oridade compe$en$e.
E 2º Ruando a re%ci%ão ocorrer com -a%e no% inci%o% &II a &III do ar$i#o an$erior, %em Cue haja
culpa do con$ra$ado, %er. e%$e re%%arcido do% preju=Do% re#ularmen$e compro/ado% Cue hou/er
%o>rido, $endo ainda direi$o aG
I @ de/olução de #aran$iaH
II @ pa#amen$o% de/ido% pela eLecução do con$ra$o a$A a da$a da re%ci%ãoH
III @ pa#amen$o% do cu%$o da de%mo-iliDação.
E 3º IE2*54
E º IE2*54
E Kº 4correndo impedimen$o, parali%ação ou %u%$ação do con$ra$o, o crono#rama de eLecução %er.
prorro#ado au$oma$icamen$e por i#ual $empo.
*r$. 80. * re%ci%ão de Cue $ra$a o inci%o I do ar$i#o an$erior acarre$a a% %e#uin$e% con%eCQ0ncia%, %em
preju=Do da% %anç)e% pre/i%$a% ne%$a LeiG
I @ a%%unção imedia$a do o-je$o do con$ra$o, no e%$ado e local em Cue %e encon$rar, por a$o prBprio
da *dmini%$raçãoH
II @ ocupação e u$iliDação do local, in%$alaç)e%, eCuipamen$o%, ma$erial e pe%%oal empre#ado% na
eLecução do con$ra$o, nece%%.rio% J %ua con$inuidade, na >orma do inci%o I do ar$. K8 de%$a LeiH
III @ eLecução da #aran$ia con$ra$ual, para re%%arcimen$o da *dmini%$ração, e do% /alore% da% mul$a%
1
e indeniDaç)e% a ela de/ido%H
II @ re$enção do% crAdi$o% decorren$e% do con$ra$o a$A o limi$e do% preju=Do% cau%ado% J
*dmini%$ração.
E 1º * aplicação da% medida% pre/i%$a% no% inci%o% I e II de%$e ar$i#o >ica a cri$Ario da
*dmini%$ração, Cue poder. dar con$inuidade J o-ra ou ao %er/iço por eLecução dire$a ou indire$a.
E 2º F permi$ido J *dmini%$ração, no ca%o de concorda$a do con$ra$ado, man$er o con$ra$o, podendo
a%%umir o con$role de de$erminada% a$i/idade% de %er/iço% e%%enciai%.
E 3º Na hipB$e%e do inci%o II de%$e ar$i#o, o a$o de/er. %er precedido de au$oriDação eLpre%%a do
<ini%$ro de E%$ado compe$en$e, ou 6ecre$.rio E%$adual ou <unicipal, con>orme o ca%o.
E º * re%ci%ão de Cue $ra$a o inci%o II do ar$i#o an$erior permi$e J *dmini%$ração, a %eu cri$Ario,
aplicar a medida pre/i%$a no inci%o I de%$e ar$i#o.
'*+123L4 II
5*6 6*N78E6 *5<INI62"*2II*6 E 5* 232EL* W35I'I*L
6E7:4 I
5*6 5I6+46I78E6 9E"*I6
*r$.81. * recu%a inju%$i>icada do adjudica$.rio em a%%inar o con$ra$o, acei$ar ou re$irar o in%$rumen$o
eCui/alen$e, den$ro do praDo e%$a-elecido pela *dmini%$ração, carac$eriDa o de%cumprimen$o $o$al
da o-ri#ação a%%umida, %ujei$ando@o J% penalidade% le#almen$e e%$a-elecida%.
+ar.#ra>o ,nico. 4 di%po%$o ne%$e ar$i#o não %e aplica ao% lici$an$e% con/ocado% no% $ermo% do ar$.
6, par.#ra>o 2º, de%$a Lei, Cue não acei$arem a con$ra$ação, na% me%ma% condiç)e% propo%$a% pelo
primeiro adjudica$.rio, inclu%i/e Cuan$o ao praDo e preço.
*r$. 82. 4% a#en$e% admini%$ra$i/o% Cue pra$icarem a$o% em de%acordo com o% precei$o% de%$a Lei ou
/i%ando a >ru%$rar o% o-je$i/o% da lici$ação %ujei$am@%e J% %anç)e% pre/i%$a% ne%$a Lei e no%
re#ulamen$o% prBprio%, %em preju=Do da% re%pon%a-ilidade% ci/il e criminal Cue %eu a$o en%ejar.
*r$. 83. 4% crime% de>inido% ne%$a Lei, ainda Cue %imple%men$e $en$ado%, %ujei$am o% %eu% au$ore%,
Cuando %er/idore% p,-lico%, alAm da% %anç)e% penai%, J perda do car#o, empre#o, >unção ou
manda$o ele$i/o.
*r$.8. 'on%idera@%e %er/idor p,-lico, para o% >in% de%$a Lei, aCuele Cue eLerce, me%mo Cue
$ran%i$oriamen$e ou %em remuneração, car#o, >unção ou empre#o p,-lico.
E 1º ECuipara@%e a %er/idor p,-lico, para o% >in% de%$a Lei, Cuem eLerce car#o, empre#o ou >unção
em en$idade parae%$a$al, a%%im con%iderada%, alAm da% >undaç)e%, empre%a% p,-lica% e %ociedade%
de economia mi%$a, a% demai% en$idade% %o- con$role, dire$o ou indire$o, do +oder +,-lico.
E 2º * pena impo%$a %er. acre%cida da $erça par$e, Cuando o% au$ore% do% crime% pre/i%$o% ne%$a Lei
>orem ocupan$e% de car#o em 'omi%%ão ou de >unção de con>iança em Br#ão da *dmini%$ração
dire$a, au$arCuia, empre%a p,-lica, %ociedade de economia mi%$a, >undação p,-lica, ou ou$ra
en$idade con$rolada dire$a ou indire$amen$e pelo +oder +,-lico.
2
*r$.8K. *% in>raç)e% penai% pre/i%$a% ne%$a Lei per$inem J% lici$aç)e% e ao% con$ra$o% cele-rado% pela
3nião, E%$ado%, 5i%$ri$o (ederal, <unic=pio%, e re%pec$i/a% au$arCuia%, empre%a% p,-lica%,
%ociedade% de economia mi%$a, >undaç)e% p,-lica%, e Cuai%Cuer ou$ra% en$idade% %o- %eu con$role
dire$o ou indire$o.
6E7:4 II
5*6 6*N78E6 *5<INI62"*2II*6
*r$.86. 4 a$ra%o inju%$i>icado na eLecução do con$ra$o %ujei$ar. o con$ra$ado J mul$a de mora, na
>orma pre/i%$a no in%$rumen$o con/oca$Brio ou no con$ra$o.
E 1º * mul$a a Cue alude ne%$e ar$i#o não impede Cue a *dmini%$ração re%cinda unila$eralmen$e o
con$ra$o e apliCue a% ou$ra% %anç)e% pre/i%$a% ne%$a Lei.
E 2º * mul$a, aplicada apB% re#ular proce%%o admini%$ra$i/o, %er. de%con$ada da #aran$ia do
re%pec$i/o con$ra$ado.
E 3º 6e a mul$a >or de /alor %uperior ao /alor da #aran$ia pre%$ada, alAm da perda de%$a, re%ponder.
o con$ra$ado pela %ua di>erença, a Cual %er. de%con$ada do% pa#amen$o% e/en$ualmen$e de/ido% pela
*dmini%$ração ou ainda, Cuando >or o ca%o, co-rada judicialmen$e.
*r$.8!. +ela ineLecução $o$al ou parcial do con$ra$o a *dmini%$ração poder., #aran$ida a prA/ia
de>e%a, aplicar ao con$ra$ado a% %e#uin$e% %anç)e%G
I @ ad/er$0nciaH
II @ mul$a, na >orma pre/i%$a no in%$rumen$o con/oca$Brio ou no con$ra$oH
III @ %u%pen%ão $empor.ria de par$icipação em lici$ação e impedimen$o de con$ra$ar com a
*dmini%$ração, por praDo não %uperior a 2 Mdoi%N ano%H
II @ declaração de inidoneidade para lici$ar ou con$ra$ar com a *dmini%$ração +,-lica enCuan$o
perdurarem o% mo$i/o% de$erminan$e% da punição ou a$A Cue %eja promo/ida a rea-ili$ação peran$e a
prBpria au$oridade Cue aplicou a penalidade, Cue %er. concedida %empre Cue o con$ra$ado re%%arcir a
*dmini%$ração pelo% preju=Do% re%ul$an$e% e apB% decorrido o praDo da %anção aplicada com -a%e no
inci%o an$erior.
E 1º 6e a mul$a aplicada >or %uperior ao /alor da #aran$ia pre%$ada, alAm da perda de%$a, re%ponder.
o con$ra$ado pela %ua di>erença, Cue %er. de%con$ada do% pa#amen$o% e/en$ualmen$e de/ido% pela
*dmini%$ração ou co-rada judicialmen$e.
E 2º *% %anç)e% pre/i%$a% no% inci%o% I, III e II de%$e ar$i#o poderão %er aplicada% jun$amen$e com a
do inci%o II, >acul$ada a de>e%a prA/ia do in$ere%%ado, no re%pec$i/o proce%%o, no praDo de K McincoN
dia% ,$ei%.
E 3º * %anção e%$a-elecida no inci%o II de%$e ar$i#o A de compe$0ncia eLclu%i/a do <ini%$ro de
E%$ado, do 6ecre$.rio E%$adual ou <unicipal, con>orme o ca%o, >acul$ada a de>e%a do in$ere%%ado no
re%pec$i/o proce%%o, no praDo de 10MdeDN dia% da a-er$ura de /i%$a, podendo a rea-ili$ação %er
reCuerida apB% 2Mdoi%N ano% de %ua aplicação.
*r$.88. *% %anç)e% pre/i%$a% no% inci%o% III e II do ar$i#o an$erior poderão $am-Am %er aplicada% J%
3
empre%a% ou ao% pro>i%%ionai% Cue, em raDão do% con$ra$o% re#ido% por e%$a LeiG
I @ $enham %o>rido condenação de>ini$i/a por pra$icarem, por meio% dolo%o%, >raude >i%cal no
recolhimen$o de Cuai%Cuer $ri-u$o%H
II @ $enham pra$icado a$o% il=ci$o% /i%ando a >ru%$rar o% o-je$i/o% da lici$açãoH
III @ demon%$rem não po%%uir idoneidade para con$ra$ar com a *dmini%$ração em /ir$ude de a$o%
il=ci$o% pra$icado%.
6E7:4 III
546 '"I<E6 E 5*6 +EN*6
*r$. 89. 5i%pen%ar ou ineLi#ir lici$ação >ora da% hipB$e%e% pre/i%$a% em lei, ou deiLar de o-%er/ar a%
>ormalidade% per$inen$e% J di%pen%a ou J ineLi#i-ilidadeG
+ena @ de$enção, de 3M$r0%N a K McincoN ano%, e mul$a.
+ar.#ra>o ,nico @ Na me%ma pena incorre aCuele Cue, $endo compro/adamen$e concorrido para a
con%umação da ile#alidade, -ene>iciou@%e da di%pen%a ou ineLi#i-ilidade ile#al, para cele-rar
con$ra$o com o +oder +,-lico.
*r$. 90. (ru%$rar ou >raudar, median$e aju%$e, com-inação ou CualCuer ou$ro eLpedien$e, o car.$er
compe$i$i/o do procedimen$o lici$a$Brio, com o in$ui$o de o-$er, para %i ou para ou$rem, /an$a#em
decorren$e da adjudicação do o-je$o da lici$açãoG
+ena @ de$enção, de 2 Mdoi%N a MCua$roN ano%, e mul$a.
*r$. 91. +a$rocinar, dire$a ou indire$amen$e, in$ere%%e pri/ado peran$e a *dmini%$ração, dando cau%a
J in%$auração de lici$ação ou a cele-ração de con$ra$o, cuja in/alidação /ier a %er decre$ada pelo
+oder Wudici.rioG
+ena @ de$enção, de 6 M%ei%N me%e% a 2 Mdoi%N ano%, e mul$a.
*r$. 92. *dmi$ir, po%%i-ili$ar ou dar cau%a a CualCuer modi>icação ou /an$a#em, inclu%i/e
prorro#ação con$ra$ual, em >a/or do adjudica$.rio, duran$e a eLecução do% con$ra$o% cele-rado% com
o +oder +,-lico, %em au$oriDação em lei, no a$o con/oca$Brio da lici$ação ou no% re%pec$i/o%
in%$rumen$o% con$ra$uai%, ou, ainda, pa#ar >a$ura com pre$erição da ordem cronolB#ica de %ua
eLi#i-ilidade, o-%er/ado o di%po%$o no ar$. 121 de%$a Lei.
+ena @ de$enção, de 2 Mdoi%N a MCua$roN ano%, e mul$a.
+ar.#ra>o ,nico. Incide na me%ma pena o con$ra$o Cue, $endo compro/adamen$e concorrido para a
con%umação da ile#alidade, o-$0m /an$a#em inde/ida ou %e -ene>icia, inju%$amen$e, da%
modi>icaç)e% ou prorro#aç)e% con$ra$uai%.
*r$. 93. Impedir, per$ur-ar ou >raudar a realiDação de CualCuer a$o de procedimen$o lici$a$BrioG
+ena @ de$enção, de 6 M%ei%N me%e% a 2 Mdoi%N ano%, e mul$a.
*r$. 9. 5e/a%%ar o %i#ilo de propo%$a apre%en$ada em procedimen$o lici$a$Brio, ou proporcionar a

$erceiro o en%ejo de de/a%%.@loG
+ena @ de$enção, de 2 Mdoi%N a 3 M$r0%N ano%, e mul$a.
*r$. 9K. *>a%$ar ou procurar a>a%$ar lici$an$e, por meio de /iol0ncia, #ra/e ameaça, >raude ou
o>erecimen$o de /an$a#em de CualCuer $ipoG
+ena @ de$enção, de 2 Mdoi%N a MCua$roN ano%, e mul$a, alAm da pena corre%ponden$e J /iol0ncia.
+ar.#ra>o ,nico. Incorre na me%ma pena Cuem %e a-%$em ou de%i%$e de lici$ar, em raDão da
/an$a#em o>erecida.
*r$. 96. (raudar, em preju=Do da (aDenda +,-lica, lici$ação in%$aurada para aCui%ição ou /enda de
-en% ou mercadoria%, ou con$ra$o dela decorren$e.
I @ ele/ando ar-i$rariamen$e o% preço%H
II @ /endendo, como /erdadeira ou per>ei$a, mercadoria >al%i>icada ou de$erioradaH
III @ en$re#ando uma mercadoria por ou$raH
II @ al$erando %u-%$;ncia, Cualidade ou Cuan$idade da mercadoria >ornecidaH
I @ $ornando, por CualCuer modo, inju%$amen$e, mai% onero%a a propo%$a ou a eLecução do con$ra$oG
+ena @ de$enção, de 3 M$r0%N a 6 M%ei%N ano%, e mul$a.
*r$. 9!. *dmi$ir J lici$ação ou cele-rar con$ra$o com empre%a ou pro>i%%ional declarado inidTneoG
+ena @ de$enção, de 6 M%ei%N me%e% a 2 Mdoi%N ano%, e mul$a.
+ar.#ra>o ,nico. Incide na me%ma pena aCuele Cue, declarado inidTneo, /enha a lici$ar ou a
con$ra$ar com a *dmini%$ração.
*r$. 98. 4-%$ar, impedir ou di>icul$ar, inju%$amen$e, a in%crição de CualCuer in$ere%%ado no% re#i%$ro%
cada%$rai% ou promo/er inde/idamen$e a al$eração, %u%pen%ão ou cancelamen$o de re#i%$ro do
in%cri$o.
+ena @ de$enção,de 6 M%ei%N me%e% a 2 Mdoi%N ano%, e mul$a.
*r$. 99. * pena de mul$a cominada no% ar$%. 89 a 98 de%$a Lei con%i%$e no pa#amen$o de Cuan$ia
>iLada na %en$ença e calculada em =ndice% percen$uai% cuja -a%e corre%ponder. ao /alor da /an$a#em
e>e$i/amen$e o-$ida ou po$encialmen$e au>er=/el pelo a#en$e.
1º 4% =ndice% a Cue %e re>ere e%$e ar$i#o não poderão %er in>eriore% a 2S Mdoi% por cen$oN, nem
%uperiore% a KSMcinco por cen$oN do /alor do con$ra$o lici$ado ou cele-rado com di%pen%a ou
ineLi#i-ilidade de lici$ação.
2º 4 produ$o da arrecadação da mul$a re/er$er., con>orme o ca%o, J (aDenda (ederal, 5i%$ri$al,
E%$adual ou <unicipal.
K
6E7:4 II
54 +"4'E664 E 54 +"4'E5I<EN24 W35I'I*L
*r$. 100. 4% crime% de>inido% ne%$a Lei %ão de ação penal p,-lica incondicionada, ca-endo ao
<ini%$Ario +,-lico promo/e@la.
*r$.101. RualCuer pe%%oa poder. pro/ocar, para o% e>ei$o% de%$a Lei, a inicia$i/a do <ini%$Ario
+,-lico, >ornecendo@lhe, por e%cri$o, in>ormaç)e% %o-re o >a$o e %ua au$oria, -em como a%
circun%$;ncia% em Cue %e deu a ocorr0ncia.
+ar.#ra>o ,nico. Ruando a comunicação >or /er-al, mandar. a au$oridade reduDi@la a $ermo,
a%%inado pelo apre%en$an$e e por dua% $e%$emunha%.
*r$.102. Ruando em au$o% ou documen$o% de Cue conhecerem, o% ma#i%$rado%, o% mem-ro% do%
2ri-unai% ou 'on%elho% de 'on$a% ou o% $i$ulare% do% Br#ão% in$e#ran$e% do %i%$ema de con$role
in$erno de CualCuer do% +odere% /eri>icarem a eLi%$0ncia do% crime% de>inido% ne%$a Lei, reme$erão
ao <ini%$Ario +,-lico a% cBpia% e o% documen$o% nece%%.rio% ao o>erecimen$o da den,ncia.
*r$.103. 6er. admi$ida ação penal pri/ada %u-%idi.ria da p,-lica, %e e%$a não >or ajuiDada no praDo
Le#al, aplicando@%e, no Cue cou-er, o di%po%$o no% ar$%. 29 e 30 do 'Bdi#o de +roce%%o +enal.
*r$.10. "ece-ida a denuncia e ci$ado o rAu, $er. e%$e o praDo de 10MdeDN dia% para apre%en$ação de
de>e%a e%cri$a, con$ado da da$a do %eu in$erro#a$Brio, podendo jun$ar documen$o%, arrolar a%
$e%$emunha% Cue $i/er, em n,mero não %uperior a KMcincoN, e indicar a% demai% pro/a% Cue pre$enda
produDir.
*r$.10K. 4u/ida% a% $e%$emunha% da acu%ação e da de>e%a e pra$icada% a% dili#0ncia% in%$ru$Bria%
de>erida% ou ordenada% pelo juiD, a-rir@%e@., %uce%%i/amen$e, o praDo de KMcincoN dia% a cada par$e
para ale#aç)e% >inai%.
*r$.106. 5ecorrido e%%e praDo, e conclu%o% o% au$o% den$ro de 2 M/in$e e Cua$roN hora%, $er. o juiD
10 MdeDN dia% para pro>erir a %en$ença.
*r$.10!. 5a %en$ença ca-e apelação, in$erpon=/el no praDo de KMcincoN dia%.
*r$.108. No proce%%amen$o e jul#amen$o da% in>raç)e% penai% de>inida% ne%$a Lei, a%%im como no%
recur%o% e na% eLecuç)e% Cue lhe% di#am re%pei$o, aplicar@%e@ão, %u-%idiariamen$e, o 'Bdi#o de
+roce%%o +enal e a Lei de ELecução +enal.
'*+I23L4 I
546 "E'3"646 *5<INI62"*2II46
*r$.109. 5o% a$o% da *dmini%$ração decorren$e% da aplicação de%$a Lei ca-emG
I @ recur%o, no praDo de KMcincoN dia% ,$ei% a con$ar da in$imação do a$o ou da la/ra$ura da a$a, no%
ca%o% deG
aN ha-ili$ação ou ina-ili$ação do lici$an$eH
-N jul#amen$o da% propo%$a%H
6
cN anulação ou re/o#ação da lici$açãoH
dN inde>erimen$o do pedido de in%crição em re#i%$ro cada%$ral, %ua al$eração ou cancelamen$oH
eN re%ci%ão do con$ra$o, a Cue %e re>ere o inci%o I do ar$. !9 de%$a LeiH
>N aplicação da% pena% de ad/er$0ncia, %u%pen%ão $empor.ria ou de mul$aH
II @ repre%en$ação, no praDo de K McincoN dia% ,$ei% da in$imação da deci%ão relacionada com o o-je$o
da lici$ação ou do con$ra$o, de Cue não cai-a recur%o hier.rCuicoH
III @ pedido de recon%ideração, de deci%ão de <ini%$ro de E%$ado, ou 6ecre$.rio E%$adual ou
<unicipal, con>orme o ca%o, na hipB$e%e do E 3º do ar$. 8! de%$a Lei, no praDo de 10 MdeDN dia% ,$ei%
da in$imação do a$o.
E 1º * in$imação do% a$o% re>erido% no inci%o I, al=nea% OaO, O-O, OcO e OeO de%$e ar$i#o, eLclu=do% o%
rela$i/o% a ad/er$0ncia e mul$a de mora, e no inci%o III, %er. >ei$a median$e pu-licação na impren%a
o>icial, %al/o para o% ca%o% pre/i%$o% na% al=nea% OaO e O-O, %e pre%en$e% o% prepo%$o% do% lici$an$e%
no a$o em Cue >oi ado$ada a deci%ão, Cuando poder. %er >ei$a por comunicação dire$a ao%
in$ere%%ado% e la/rada em a$a.
E 2º 4 recur%o pre/i%$o na% al=nea% OaO e O-O do inci%o I de%$e ar$i#o $er. e>ei$o %u%pen%i/o, podendo
a au$oridade compe$en$e, mo$i/adamen$e e pre%en$e% raD)e% de in$ere%%e p,-lico, a$ri-uir ao recur%o
in$erpo%$o e>ic.cia %u%pen%i/a ao% demai% recur%o%.
E 3º In$erpo%$o, o recur%o %er. comunicado ao% demai% lici$an$e%, Cue poderão impu#n.@lo no praDo
de K McincoN dia% ,$ei%.
E º 4 recur%o %er. diri#ido J au$oridade %uperior, por in$ermAdio da Cue pra$icou o a$o recorrido, a
Cual poder. recon%iderar %ua deci%ão, no praDo de K McincoN dia% ,$ei%, ou, ne%%e me%mo praDo, >aD0@
lo %u-ir, de/idamen$e in>ormado, de/endo, ne%$e ca%o, a deci%ão %er pro>erida den$ro do praDo de K
McincoN dia% ,$ei%, con$ado do rece-imen$o do recur%o, %o- pena de re%pon%a-ilidade.
E Kº Nenhum praDo de recur%o, repre%en$ação ou pedido de recon%ideração %e inicia ou corre %em
Cue o% au$o% do proce%%o e%$ejam com /i%$a >ranCueada ao in$ere%%ado.
E 6º Em %e $ra$ando de lici$aç)e% e>e$uada% na modalidade de Ocar$a con/i$eO o% praDo% e%$a-elecido%
no% inci%o% I e II e no E 3º de%$e ar$i#o %erão de doi% dia% ,$ei%.
'*+123L4 II
5I6+46I78E6 (IN*I6 E 2"*N6I2Z"I*6
*r$.110.Na con$a#em do% praDo% e%$a-elecido% ne%$a Lei, eLcluir@%e@. o dia do in=cio e incluir@%e@. o
do /encimen$o, e con%iderar@%e@ão o% dia% con%ecu$i/o%, eLce$o Cuando >or eLplici$amen$e di%po%$o
em con$r.rio.
+ar.#ra>o ?nico. 6B %e iniciam e /encem o% praDo% re>erido% ne%$e ar$i#o em dia de eLpedien$e no
Br#ão ou na en$idade.
*r$.111. * *dmini%$ração %B poder. con$ra$ar, pa#ar, premiar ou rece-er proje$o ou %er/iço $Acnico
e%pecialiDado de%de Cue o au$or ceda o% direi$o% pa$rimoniai% a ele rela$i/o% e a *dmini%$ração po%%a
!
u$iliD.@lo de acordo com o pre/i%$o no re#ulamen$o de concur%o ou no aju%$e para %ua ela-oração.
+ar.#ra>o ,nico. Ruando o proje$o re>erir@%e J o-ra ima$erial de car.$er $ecnolB#ico, in%u%ce$=/el de
pri/ilA#io, a ce%%ão do% direi$o% incluir. o >ornecimen$o de $odo% o% dado%, documen$o% e elemen$o%
de in>ormação per$inen$e% J $ecnolo#ia de concepção, de%en/ol/imen$o, >iLação em %upor$e >=%ico
de CualCuer na$ureDa e aplicação da o-ra.
*r$.112. Ruando o o-je$o do con$ra$o in$ere%%ar a mai% de uma en$idade p,-lica, ca-er. ao Br#ão
con$ra$an$e, peran$e a en$idade in$ere%%ada, re%ponder pela %ua -oa eLecução, >i%caliDação e
pa#amen$o.
+ar.#ra>o ,nico. (ica >acul$ado J en$idade in$ere%%ada o acompanhamen$o da eLecução do con$ra$o.
*r$.113.4 con$role da% de%pe%a% decorren$e% do% con$ra$o% e demai% in%$rumen$o% re#ido% por e%$a
Lei %er. >ei$o pelo 2ri-unal de 'on$a% compe$en$e, na >orma da le#i%lação per$inen$e, >icando o%
Br#ão% in$ere%%ado% da *dmini%$ração re%pon%./ei% pela demon%$ração da le#alidade e re#ularidade
da de%pe%a e eLecução, no% $ermo% da 'on%$i$uição e %em preju=Do do %i%$ema de con$role in$erno
nela pre/i%$o.
E 1º RualCuer lici$an$e, con$ra$ado ou pe%%oa >=%ica ou jur=dica poder. repre%en$ar ao $ri-unal de
'on$a% ou ao% Br#ão% in$e#ran$e% do %i%$ema de con$role in$erno con$ra irre#ularidade% na aplicação
de%$a Lei, para o% >in% do di%po%$o ne%$e ar$i#o.
E 2º 4% 2ri-unai% de 'on$a% e o% Br#ão% in$e#ran$e% do %i%$ema de con$role in$erno poderão %olici$ar
para eLame, a$A o dia ,$il imedia$amen$e an$erior J da$a de rece-imen$o da% propo%$a%, cBpia do
edi$al de lici$ação j. pu-licado, o-ri#ando@%e o% Br#ão% ou en$idade% da *dmini%$ração in$ere%%ada J
adoção de medida% corre$i/a% per$inen$e% Cue, em >unção de%%e eLame, lhe% >orem de$erminada%.
*r$.11.4 %i%$ema in%$i$u=do ne%$a Lei não impede a prA@Cuali>icação de lici$an$e% na%
concorr0ncia%, a %er procedida %empre Cue o o-je$o da lici$ação recomende an.li%e mai% de$ida da
Cuali>icação $Acnica do% in$ere%%ado%.
E 1º * adoção do procedimen$o de prA@Cuali>icação %er. >ei$a median$e propo%$a da au$oridade
compe$en$e, apro/ada pela imedia$amen$e %uperior.
E 2º Na prA@Cuali>icação %erão o-%er/ada% a% eLi#0ncia% de%$a Lei rela$i/a% J concorr0ncia, J
con/ocação do% in$ere%%ado%, ao procedimen$o e J anali%e da documen$ação.
*r$.11K.4% Br#ão% da *dmini%$ração poderão eLpedir norma% rela$i/a% ao% procedimen$o%
operacionai% a %erem o-%er/ado% na eLecução da% lici$aç)e%, no ;m-i$o de %ua compe$0ncia,
o-%er/ada% a% di%po%iç)e% de%$a Lei.
+ar.#ra>o ,nico. *% norma% a Cue %e re>ere e%$e ar$i#o, apB% apro/ação da au$oridade compe$en$e,
de/erão %er pu-licada% na impren%a o>icial.
*r$.116.*plicam@%e a% di%po%iç)e% de%$a Lei, no Cue cou-er, ao% con/0nio%, acordo%, aju%$e% e
ou$ro% in%$rumen$o% con#0nere% cele-rado% por Br#ão% e en$idade% da *dmini%$ração.
E 1º * cele-ração de con/0nio, acordo ou aju%$e pelo% Br#ão% ou en$idade% da *dmini%$ração
+,-lica depende de prA/ia apro/ação de compe$en$e plano de $ra-alho propo%$o pela or#aniDação
in$ere%%ada, o Cual de/er. con$er, no m=nimo, a% %e#uin$e% in>ormaç)e%G
8
I @ iden$i>icação do o-je$o a %er eLecu$adoH
II @ me$a% a %erem a$in#ida%H
III @ e$apa% ou >a%e% de eLecuçãoH
II @ plano de aplicação do% recur%o% >inanceiro%H
I @ crono#rama de de%em-ol%oH
II @ pre/i%ão de in=cio e >im da eLecução do o-je$o, -em a%%im da conclu%ão da% e$apa% ou >a%e%
pro#ramada%H
III @ %e o aju%$e compreender o-ra ou %er/iço de en#enharia, compro/ação de Cue o% recur%o%
prBprio% para complemen$ar a eLecução do o-je$o e%$ão de/idamen$e a%%e#urado%, %al/o %e o cu%$o
$o$al do empreendimen$o recair %o-re a en$idade ou Br#ão de%cen$raliDador.
E 2º *%%inado o con/0nio, a en$idade ou Br#ão repa%%ador dar. ci0ncia do me%mo J *%%em-lAia
Le#i%la$i/a ou J ';mara <unicipal re%pec$i/a.
E 3º *% parcela% do con/0nio %erão li-erado% em e%$ri$a con>ormidade com o plano de aplicação
apro/ado, eLce$o no% ca%o% a %e#uir, em Cue a% me%ma% >icarão re$ida% a$A o %aneamen$o da%
impropriedade% ocorren$e%G
I @ Cuando não $i/er ha/ido compro/ação da -oa e re#ular aplicação da parcela an$eriormen$e
rece-ida, na >orma da le#i%lação aplic./el, inclu%i/e median$e procedimen$o% de >i%caliDação local,
realiDado% periodicamen$e pela en$idade ou Br#ão de%cen$raliDador do% recur%o% ou pelo Br#ão
compe$en$e do %i%$ema de con$role in$erno da *dmini%$ração +,-licaH
II @ Cuando /eri>icado de%/io de >inalidade na aplicação do% recur%o%, a$ra%o% não ju%$i>icado% no
cumprimen$o da% e$apa% ou >a%e% pro#ramada%, pr.$ica% a$en$a$Bria% ao% princ=pio% >undamen$ai% de
*dmini%$ração +,-lica na% con$ra$aç)e% e demai% a$o% pra$icado% na eLecução do con/0nio, ou o
inadimplemen$o do eLecu$or com relação a ou$ra% cl.u%ula% con/eniai% -.%ica%H
III @ Cuando o eLecu$or deiLar de ado$ar a% medida% %aneadora% apon$ada% pelo par$=cipe repa%%ador
do% recur%o% ou por in$e#ran$e% do re%pec$i/o %i%$ema de con$role in$erno.
E º 4% %aldo% de con/0nio, enCuan$o não u$iliDado%, %erão o-ri#a$oriamen$e aplicado% em
caderne$a% de poupança de in%$i$uição >inanceira o>icial %e a pre/i%ão de %eu u%o >or i#ual ou
%uperior a um m0%, ou em >undo de aplicação >inanceira de cur$o praDo ou operação de mercado
a-er$o la%$reada em $=$ulo% da d=/ida p,-lica, Cuando a u$iliDação do% me%mo% /eri>icar@%e em
praDo% menore% Cue um m0%.
E Kº *% recei$a% >inanceira% au>erida% na >orma do par.#ra>o an$erior %erão o-ri#a$oriamen$e
compu$ada% a crAdi$o do con/0nio e aplicada%, eLclu%i/amen$e, no o-je$o de %ua >inalidade,
de/endo con%$ar de demon%$ra$i/o e%pec=>ico Cue in$e#rar. a% pre%$aç)e% de con$a% do aju%$e.
E 6º Ruando da conclu%ão, den,ncia, re%ci%ão ou eL$inção do con/0nio, acordo ou aju%$e, o% %aldo%
>inanceiro% remane%cen$e%, inclu%i/e o% pro/enien$e% da% recei$a% o-$ida% da% aplicaç)e% >inanceira%
realiDada%, %erão de/ol/ido% J en$idade ou Br#ão repa%%ador do% recur%o%, no praDo improrro#./el
9
de 30 M$rin$aN dia% do e/en$o, %o- pena da imedia$a in%$auração de $omada de con$a% e%pecial do
re%pon%./el, pro/idenciada pela au$oridade compe$en$e do Br#ão ou en$idade $i$ular do% recur%o%.
*r$.11!.*% o-ra%, %er/iço%, compra% e alienaç)e% realiDado% pelo% Br#ão% do% +odere% Le#i%la$i/o e
Wudici.rio e do 2ri-unal de 'on$a% re#em@%e pela% norma% de%$a Lei, no Cue cou-er, na% $r0% e%>era%
admini%$ra$i/a%.
*r$.118.4% E%$ado%, o 5i%$ri$o (ederal, o% <unic=pio% e a% en$idade% da admini%$ração indire$a
de/erão adap$ar %ua% norma% %o-re lici$aç)e% e con$ra$o% ao di%po%$o ne%$a Lei.
*r$.119.*% %ociedade% de economia mi%$a, empre%a% e >undaç)e% p,-lica% e demai% en$idade%
con$rolada% dire$a ou indire$amen$e pela 3nião e pela% en$idade% re>erida% no ar$i#o an$erior
edi$arão re#ulamen$o% prBprio% de/idamen$e pu-licado%, >icando %ujei$a% J% di%po%iç)e% de%$a Lei.
+ar.#ra>o ,nico. 4% re#ulamen$o% a Cue %e re>ere e%$e ar$i#o, no ;m-i$o da *dmini%$ração +,-lica,
apB% apro/ado% pela au$oridade de n=/el %uperior a Cue e%$i/erem /inculado% o% re%pec$i/o% Br#ão%,
%ociedade% e en$idade%, de/erão %er pu-licado% na impren%a o>icial.
Crt. 025. Os valores #i;ados por esta +ei poderão ser anualmente revistos pelo :oder 1;ecutivo
Eederal, que os #ar" publicar no Ii"rio O#icial da Lnião, observando como limite superior a
varia)ão geral dos pre)os do mercado, no período. '*eda)ão dada pela +ei nº ,.-4., de 2/ de maio
de 0,,.(
+ar.#ra>o ,nico. 4 +oder ELecu$i/o (ederal >ar. pu-licar no 5i.rio 4>icial da 3nião o% no/o%
/alore% o>icialmen$e /i#en$e% por oca%ião de cada e/en$o ci$ado no Ocapu$O de%$e ar$i#o,
de%preDando@%e a% >raç)e% in>eriore% a '"[1,00 Mhum cruDeiro realN.
*r$.121.4 di%po%$o ne%$a Lei não %e aplica J% lici$aç)e% in%$aurada% e ao% con$ra$o% a%%inado%
an$eriormen$e a %ua /i#0ncia, re%%al/ado o di%po%$o no ar$. K!, no% par.#ra>o% 1º, 2º e 8º do ar$. 6K,
no inci%o &I do ar$. !8, -em a%%im o di%po%$o no Ocapu$O do ar$. Kº, com relação ao pa#amen$o da%
o-ri#aç)e% na ordem cronolB#ica podendo e%$a %er o-%er/ada no praDo de no/en$a dia% con$ado% da
/i#0ncia de%$a Lei, %eparadamen$e para a% o-ri#aç)e% rela$i/a% ao% con$ra$o% re#ido% por le#i%lação
an$erior J Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993.
+ar.#ra>o ,nico. 4% con$ra$o% rela$i/o% a imB/ei% do pa$rimTnio da 3nião con$inuam a re#er@%e
pela% di%po%iç)e% do 5ecre$o@Lei nº 9.!60, de K de %e$em-ro de 196, com %ua% al$eraç)e%, e o%
rela$i/o% a operaç)e% de crAdi$o in$erno ou eL$erno cele-rado% pela 3nião ou a conce%%ão de
#aran$ia do 2e%ouro Nacional con$inuam re#ido% pela le#i%lação per$inen$e, aplicando@%e e%$a Lei,
no Cue cou-er.
*r$.122.Na% conce%%)e% de linha% aArea%, o-%er/ar@%e@. procedimen$o lici$a$Brio e%pec=>ico, a %er
e%$a-elecido no 'Bdi#o Pra%ileiro de *eron.u$ica.
*r$.123.Em %ua% lici$aç)e% e con$ra$aç)e% admini%$ra$i/a%, a% repar$iç)e% %ediada% no eL$erior
o-%er/arão a% peculiaridade% locai% e o% princ=pio% -.%ico% de%$a Lei, na >orma de re#ulamen$ação
e%pec=>ica.
*r$.12.*plicam@%e J% lici$aç)e% e ao% con$ra$o% para permi%%ão ou conce%%ão de %er/iço% p,-lico%
o% di%po%i$i/o% de%$a Lei Cue não con>li$em com a le#i%lação e%pec=>ica %o-re o a%%un$o.
+ar.#ra>o ,nico. *% eLi#0ncia% con$ida% no% inci%o% II a II do par.#ra>o 2º do ar$. !º %erão
K0
di%pen%ada% na% lici$aç)e% para conce%%ão de %er/iço% com eLecução prA/ia de o-ra% em Cue não
>oram pre/i%$o% de%em-ol%o% por par$e da *dmini%$ração +,-lica conceden$e.
*r$.12K.E%$a Lei en$ra em /i#or na da$a de %ua pu-licação.
*r$. 126. "e/o#am@%e a% di%po%iç)e% em con$r.rio, e%pecialmen$e o% 5ecre$o%@Lei% nº% 2.300, de 21
de no/em-ro de 1986H 2.38, de 2 de julho de 198!H 2.360, de 16 de %e$em-ro de 198!H a Lei nº
8.220, de de %e$em-ro de 1991H e o ar$. 83 da Lei nº K.19, de 2 de deDem-ro de 1966.
Pra%=lia, 21 de junho de 1993H 1!2º da Independ0ncia e 10Kº da "ep,-lica.
K1

sucessivamente, aos bens e serviços: I - produzidos ou prestados por empresas brasileiras de capital nacional; II - produzidos no País; III - produzidos ou prestados por empresas brasileiras. § 3º A licitação não será sigilosa, sendo públicos e acessíveis ao público os atos de seu procedimento, salvo quanto ao conteúdo das propostas, até a respectiva abertura. § 4º VETADO Art. 4º Todos quantos participem de licitação promovida pelos órgãos ou entidades a que se refere o art. 1º têm direito público subjetivo à fiel observância do pertinente procedimento estabelecido nesta Lei, podendo qualquer cidadão acompanhar o seu desenvolvimento, desde que não interfira de modo a perturbar ou impedir a realização dos trabalhos. Parágrafo único. O procedimento licitatório previsto nesta Lei caracteriza ato administrativo formal, seja ele praticado em qualquer esfera da Administração Pública. Art. 5º Todos os valores, preços e custos utilizados nas licitações terão como expressão monetária a moeda corrente nacional, ressalvado o disposto no art. 42 desta Lei, devendo cada unidade da Administração, no pagamento das obrigações relativas ao fornecimento de bens, locações, realização de obras e prestação de serviços, obedecer para cada fonte diferenciada de recursos, a estrita ordem cronológica das datas de suas exigibilidades, salvo quando presentes relevantes razões de interesse público e mediante prévia justificativa da autoridade competente, devidamente publicada. § 1º Os créditos a que se refere este artigo terão seus valores corrigidos por critérios previstos no ato convocatório e que lhes preservem o valor. § 2º A correção de que trata o parágrafo anterior, cujo pagamento será feito junto com o principal, correrá a conta das mesmas dotações orçamentárias que atenderam aos créditos a que se referem. § 3º Observado o disposto no caput, os pagamentos decorrentes de despesas cujos valores não ultrapassem o limite de que trata o inciso II do art. 24, sem prejuízo do que dispõe seu parágrafo único, deverão ser efetuados no prazo de até 5 (cinco) dias úteis, contados da apresentação da fatura.( Redação dada pela Lei nº 9.648, de 27 de maio de 1998) SEÇÃO II DAS DEFINIÇÕES Art. 6º Para os fins desta Lei, considera-se: I - Obra - toda construção, reforma, fabricação, recuperação ou ampliação, realizada por execução direta ou indireta; II - Serviço - toda atividade destinada a obter determinada utilidade de interesse para a Administração, tais como: demolição, conserto, instalação, montagem, operação, conservação, reparação, adaptação, manutenção, transporte, locação de bens, publicidade, seguro ou trabalhos 2

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->