Você está na página 1de 1

Questo 1

No mundo rabe, pases governados h dcadas por regimes polticos centralizadores contabilizam metade da populao com menos de 30 anos; desses, 56% tm acesso internet. Sentindo-se sem perspectivas de futuro e diante da estagnao da economia, esses jovens incubam vrus sedentos por modernidade e democracia. Em meados de dezembro, um tunisiano de 26 anos, vendedor de frutas, pe fogo no prprio corpo em protesto por trabalho, justia e liberdade. Uma srie de manifestaes eclode na Tunsia e, como uma epidemia, o vrus libertrio comea a se espalhar pelos pases vizinhos, derrubando em seguida o presidente do Egito, Hosni Mubarak. Sites e redes sociais como o Facebook e o Twitter ajudaram a mobilizar manifestantes do norte da frica a ilhas do Golfo Prsico.
SEQUEIRA, C. D.; VILLAMA, L. A epidemia da Liberdade. Isto Internacional. 2 mar. 2011 (adaptado).

Considerando os movimentos polticos mencionados no texto, o acesso internet permitiu aos jovens rabes A) reforar a atuao dos regimes polticos existentes. B) tomar conhecimento dos fatos sem se envolver. C) manter o distanciamento necessrio sua segurana. D) disseminar vrus capazes de destruir programas dos computadores. E) difundir ideias revolucionrias que mobilizaram a populao.

Resoluo
A velocidade e a interatividade dos meios de comunicao caracterizam a sociedade informacional contempornea. O controle desses meios por parte dos poderes constitudos determinou uma relativa homogeinizao dos comportamentos mundiais, porm evidente um aspecto contraditrio: se so utilizadas para exerccio do poder dominante, as redes sociais, graas a sua velocidade e abrangncia, tambm contribuem para a difuso de ideias que os contestam, como demonstraram as recentes mobilizaes no mundo rabe. Resposta: E