Você está na página 1de 1

O ato de magoar, com amor

O amor se cria sempre internamente, ama-te em cada segundo do teu ser, ser amor levar consigo a inteno de ser amado, e transbordar nos actos esse amor, se tu s trigo desta terra o que faria eu sem o bater dos vossos coraes, se no sangu que vos corre alimenta todo o meu ser, ama essa possibilidade, em todo teu querer, se ,o que eu quero, que esse amor seja o ser, em cada um, em cada passo. O ato de magoar, est para a dor que sentes, a resistncias que sustentas, se tu um pouco de cada um, em seu acto de senas e contracenas, magoar est para ser ofendido num ntimo que sustentas, dor que fazes sentir sem querer, s reactor qumico em teu saber, magoado sentes s por pensar, ama-te, pois s tu que julgas essa dor, se ela existe, s de pecares nessas possibilidade que crs, como f. O sentido das palavras esta para os seus sinnimos, e nesse entender que sente a fora do verbo, cada slaba carrega um sentimento e nesse expressar livre, sem medo de magoar, conter o verbo, abrir uma ferida, que rompe o corpo, o ato de magoar, com amor

fNunes

04112011