Você está na página 1de 8

Introduo de Espcies Extino de Espcies

Introduo de Espcies

Extino de Espcies

So espcies animais ou vegetais que se instalam em locais onde no so naturalmente encontradas.

o desaparecimento de todos os indivduos de uma determinada espcie

INTRODUO DE ESPCIES
Uma espcie introduzida ou extica uma espcie de organismo que vive fora da sua rea de distribuio nativa, e que tenha sido acidental ou deliberadamente para a levada pela atividade humana. Algumas espcies introduzidas danificam o ecossistema em que so introduzidas, enquanto outras afetam negativamente a agricultura e outros recursos naturais aproveitados pelo homem, ou afetam a sade de animais e humanos. Uma espcie introduzida que produz alteraes importante na composio, estrutura e processos do ecossistema em que foi introduzida, pondo em risco a diversidade biolgica nativa, chamada de espcie invasora.

Introduo de Espcies - Acidental


No existe controle na introduo da espcie; a melhor maneira de solucionar o problema a deteco rpida da disperso da espcie. Como exemplos temos as diversas formas com que as sementes de plantas de dispersam (como exemplo, pelas fezes de pssaros); animais (especialmente insetos) que viajam escondidos em veculos automotores, navios, avies; etc.

O mexilho-dourado (Limnoperna fortunei) um molusco bivalve, aqutico, nativo do sul da sia, da famlia Mitilidae.

Introduo de Espcies - Intencional


Introduo proposital feita por humanos, que envolve o movimento propositado de espcies fora de sua rea natural (Podem ser autorizadas ou sem autorizao).

Pardal-domstico (Passer domesticus), introduzido na Amrica e na Austrlia a partir da Europa.

EXTINO DE ESPCIES
Extino em biologia e ecologia o total desaparecimento de espcies, subespcies ou grupos de espcies.

Uma espcie ameaada uma espcie cujas populaes esto decrescendo a ponto de coloc-la em risco de extino
Espcies em risco de extino so espcies que esto prximas ou muito prximas de ter seu ltimo indivduo morto.

Extino de Espcies Processo Natural


um processo que sempre ocorreu e continuar ocorrendo. o resultado das constantes modificaes dos ecossistemas e da seleo adaptativa (natural) .

Fssil de um peixe

Extino de Espcies Processo Pela Ao Humana


Decorrente principalmente pela caa indiscriminada e criminosa de animais, principalmente daqueles com grande resistncia ao meio e baixo potencial bitico.

Dod , tambm chamado dronte (Raphus cucullatus) foi uma ave no-voadora com cerca de um metro de altura que vivia nas ilhas Maurcias, uma das ilhas Mascarenhas na costa leste da frica, perto de Madagascar

Você também pode gostar