P. 1
AdaptaÇÃo de Aspirador de pÓ Para Marcenaria

AdaptaÇÃo de Aspirador de pÓ Para Marcenaria

|Views: 4.022|Likes:
Publicado porapi-3853601

More info:

Published by: api-3853601 on Oct 19, 2008
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

03/18/2014

pdf

text

original

ADAPTAÇÃO DE ASPIRADOR DE PÓ PARA MARCENARIA

Amigos, trago para vocês esta interessante idéia, que o ajudará a ter seu aparelho de aspiração tornando sua marcenaria mais limpa e ecologicamente correta. Trata-se de uma tradução-interpretação, que fizemos de um tutorial polonês postado e já traduzido, para um fórum italiano, [b ]Il-Legno, [/b]cujo endereço é: http://www.il-legno.it/ . Foi trazido até nós pelo Sérgio que assina como Pinoz no citado fórum.É sobre a adaptação para aumento da capacidade de um aspirador de pó doméstico, para ser utilizado em uma marcenaria. Uma idéia simples e por isso mesmo, genial. Mas, vamos ao que interessa. A intenção do projeto, é adaptar um modelo de aspirador de pó doméstico existente, a um recipiente plástico de maiores dimensões, aproveitando apenas o equipamento de sucção. Isto deve aumentar a capacidade de armazenamento do aparelho.

Foto 1- O aspirador, que o autor Nick (Polonês) chamou de R2D2, em alusão ao versátil robozinho da saga de Guerra nas Estrelas (Star War), é baseado neste modelo, também encontrado no mercado local (similares).

Foto 2- Aqui está o aparelho desmontado, mostrando a cabeça com o motor de sucção e todo o equipamento de filtragem. No centro está o corpo do aparelho, cujo fundo foi removido.

Foto 3- De posse do aparelho, vamos atrás do recepiente plástico que encontramos destes de 50litros em casas que vendem recepientes usados. Temos que recortar a tampa na dimensão certa para embutir a base do aparelho. Faça isso com um estilete ou faca com lâmina bem afiada, depois lixando as rebarbas que ficarem. Note que foi adaptado rodíxios no fundo do tonel, para facilitar seu movimento na marcenaria.

Foto 4- Como elemento filtrante, utilizaremos uma tela composta de TNT- Tecido Não Tecido, de malha larga ou uma tela, que faça o mesmo efeito com malha aproximadamente igual a 1/16”

Foto 5- Adaptamos um tubo plástico de 40mm (esgoto ou água) de maneira que fique instalado tangencialmente ao eixo do recipiente. Esta providência irá provocar o efeito turbilhionamento, necessário à decantação do pó. A vedação é feita com massa durepox tomando cuidado para que fique bem firme e vedada, para evitar a perda de força do vácuo.

Foto 6- A adaptação do tudo de tomada, agora visto por dentro do recipiente, a mostrando a instalação tangencial (importante) ao eixo do tambor.

Foto 7- A tela de TNT, entra na tampa do recipiente, em contato direto com a base do aparelho.

Foto 8- Aqui o aparelho já assentado sobre a tampa do recepiente. Provavelmente apenas o peso próprio do aparelho, é suficiente para vedar. Mas chamamos a atenção de que esta vedação deva ser o mais perfeita possível, para não diminuir a eficiência de sucção. Sugerimos que se utilize borracha de silicone para esta finalidade.

Foto 9- Mais uma foto mostrando o aparelho assentado sobre o recipiente. Notese que não parece que o autor tenha utilizado algum artifício de vedação, que não seja o simples apoio do aparelho sobre o recipiente. Observe que foram instalados rodízios no recipiente plástico, para facilitar sua movimentação dentro da oficina. Acreditamos que tenham sido colados ao fundo com borracha de silicone, por exemplo.

Foto 10- Aqui o autor mostra o resultado da filtração

Foto 11- Mais uma imagem do filtro, após a retirada do aparelho de sucção.

Foto 12- No fundo do recipiente, o pó de serragem já decantado e pronto para remoção

Foto 13- de brinde vai esta adaptação de serra elétrica portátil, mostrando o interessante jig que o autor fez para torná-la de maneira segura, eficiente para cortes retos e paralelos. Trata-se de uma base pana, onde se escavou um fence para a passagem da lâmina e se instalou na frente, uma empunhadura. Esta providencia dará mais firmeza na manipulação da ferramenta. Acredito que o mesmo procedimento possa ser feito para as tico-tico manuais, que tanta dor de cabeça causam em nossos associados, quando querem utilizá-las para cortes (quase) perfeitamente retos.

Foto 14- vejam agora mais próximo, como o autor vedou a serra manual, para melhor succionar o pó de serragem que será capturado pelo aparelho que inventou (adaptou)

Foto 15- Na última imagem, vemos como é feita a instalação aérea do aparelho de sucção. Agora é colocar mão-a-obra e tentar fazer um igual para nossa oficina, agradecendo ao Nick e ao Sérgio pela excelente idéia. Simples e barata, bem ao gosto dos hobistas brasileiros.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->