Lista de Radioatividade 1) Detectores de incêndio são dispositivos que disparam um alarme no início de um incêndio.

Um tipo de detector contém uma quantidade mínima do elemento radioativo amerício-241. A radiação emitida ioniza o ar dentro e ao redor do detector, tornando-o condutor de eletricidade. Quando a fumaça entra no detector, o fluxo de corrente elétrica é bloqueado, disparando o alarme. Este elemento se desintegra de acordo com a equação a seguir:

Nessa equação, é correto afirmar que Z corresponde a: a) uma partícula alfa. (x) b) uma partícula beta. c) radiação gama. d) raios X. e) dois prótons.

2) geralmente a opinião pública os associa a elementos perigosos, liberados por reatores nucleares. No entanto, existem isótopos de elementos naturais que estão presentes no nosso dia-a-dia. O gráfico mostra a cinética de desintegração do rádio-226, que pode estar presente em materiais de construção, em geral em concentrações muito baixas para que se possa comprovar qualquer relação com danos à saúde. As coordenadas de um ponto do gráfico são indicadas na figura.

Considerem: massa no tempo t; mo: massa no tempo 0; c: tempo de meia-vida. A meia-vida desse isótopo, em anos, é igual a a) 1400. b) 1500. c) 1600. d) 1700. e) 1800.

3) (UERJ) Recentemente, a imprensa noticiou o caso do envenenamento por polônio-210 de um ex-agente secreto soviético. Sabe-se, em relação a esse isótopo, que: - ao se desintegrar, emite uma partícula alfa; - em 420 dias, uma amostra de 200 mg decai para 25 mg; Demonstre a reação do decaimento radioativo descrito e calcule o tempo de meia-vida do polônio-210. Gabarito

4) Cientistas russos conseguem isolar o elemento 114 superpesado. ("Folha Online", 31.05.2010.) Segundo o texto, foi possível obter o elemento 114 quando um átomo de plutônio-242 colidiu com um átomo de cálcio-48, a 1/10 da velocidade da luz. Em cerca de 0,5 segundo, o elemento formado transforma-se no elemento de número atômico 112 que, por ter propriedades semelhantes às do ouro, forma amálgama com mercúrio. O provável processo que ocorre é representado pelas equações nucleares:

Com base nestas equações, pode-se dizer que a e b são, respectivamente: a) 290 e partícula beta. b) 290 e partícula alfa. c) 242 e partícula beta. d) 242 e nêutron. e) 242 e pósitron.

5) O flúor-18 é um radioisótopo produzido num acelerador cíclotron. Associado à deoxiglucose, esse radioisótopo revela, pela emissão de pósitrons, as áreas do organismo com metabolismo intenso de glicose, como o cérebro, o coração e os tumores ainda em estágio muito inicial. Quando um átomo de flúor-18 emite um pósitron, o átomo resultante será um isótopo do elemento químico a) cloro. b) flúor. c) neônio. d) oxigênio. e) nitrogênio.

6) (UERJ) O chumbo participa da composição de diversas ligas metálicas. . transformando-se no isótopo estável 206Pb. Partículas alfa = 1.2 × 1022 átomos. é correto afirmar que o amerício-240 é um isótopo radioativo que se obtém. após 39 horas. por exemplo. d) raios X. No bronze arquitetônico. 29 = número atômico) a) 6 horas. 7) Considere a equação nuclear incompleta: Para completar a equação. o teor de chumbo corresponde a 4. a partir do bombardeio do plutônio-239 com: a) partículas alfa. Partículas beta = 2. formaram-se 17. Sendo assim. Calcule o número de átomos de chumbo presentes em 100 g da liga metálica citada. e) deutério. c) 19 horas. 8) O isótopo radioativo Cu-64 sofre decaimento -1β0 conforme representado: A partir de amostra de 20. determine o número de partículas alfa e beta emitidas pelo isótopo radioativo 210 Pb em seu decaimento. b) partículas beta. Em seguida. e) 52 horas. Gabarito Número de átomos = 1. juntamente com um próton e dois nêutrons. d) 26 horas.14 % em massa da liga. observa-se que. o tempo necessário para que metade da massa inicial de Cu-64 sofra decaimento -1β0 é cerca de: (Observação: 29Cu64: 64 = número de massa. b) 13 horas.5 mg de Zn-64. c) radiações gama.0 mg de Cu-64. Seu isótopo radioativo 210Pb decai pela emissão sucessiva de partículas alfa e beta.

Um dos isótopos usados é o tecnécio-99. e) 56. possuem armas nucleares. oito nações. resultando em mais de cem mil mortes imediatas e outras milhares como conseqüência da radioatividade. 138 e fusão nuclear. Ba.1 mg desse radioisótopo. deve possuir algumas qualidades. a partir do primeiro dia do experimento. 140 e fusão nuclear. c) 24 horas. As possíveis reações nucleares que ocorreram nas explosões de cada bomba são representadas nas equações: Nas equações. Qual o tempo necessário para diminuir a emissão dessa radiação para 3. No primeiro dia do experimento.9) (UERJ) Num experimento para a determinação do número de partículas emitidas pelo radônio. Xe. O número total de partículas que essa amostra emite. Na cidade de Hiroshima foi lançada uma bomba de urânio-235 e em Nagasaki uma de plutônio-239. é aproximadamente igual a: a) 4. foram emitidas 4.7 × 1017 10) 60 anos após as explosões das bombas atômicas em Hiroshima e Nagasaki. e) 36 horas.3 × 1017 d) 2. Sabe-se que a emissão de um dia é sempre 16 % menor que a do dia anterior. b) 18 horas. A e o tipo de reação nuclear são. 138 e fissão nuclear. c) 56. Te. foi utilizada uma amostra contendo 0. X. Ba. B. Ba.2 × 1018 b) 2. Esse fato. 140 e fissão nuclear.3 × 1016 partículas.6 × 1018 c) 4. 140 e fissão nuclear. d) 56. . b) 54. representa uma ameaça ao mundo. pelo menos. 11) Um radioisótopo. a) 52. para ser adequado para fins terapêuticos. d) 30 horas.125 % da intensidade inicial? a) 12 horas. associado a ações terroristas. tais como: emitir radiação gama (alto poder de penetração) e meia-vida apropriada. respectivamente. que emite este tipo de radiação e apresenta meia-vida de 6 horas.

A maioria dos procedimentos realizados atualmente em medicina nuclear tem finalidade diagnóstica. constatou-se que as feições do fóssil humano mais antigo já encontrado no México eram muito parecidas com aborígines australianos. 13) De vilão a mocinho! Assim pode ser considerado o fenômeno da radioatividade. Entretanto. respectivamente. Alguns desses também podem ser aplicados na terapia de doenças como no tratamento de tumores radiossensíveis. Rh e 54. e considerando-se que um ano tem exatamente 12 meses. sendo o 99xTc (x=metaestável) o radionuclídeo mais utilizado na preparação desses radiofármacos. após quantas horas a mesma ficará reduzida a 6. Considerando-se a cinética das emissões radioativas. cujo tempo de meia vida é de aproximadamente 6000 anos. Ru e 53. As radiações podem causar sérios danos biológicos. Partindo de uma massa inicial de 400 g. d) alfa. Ru e 55. a radiação X e o nuclídeo Z e seu número de nêutrons são. a) gama. Mo e 57.125 g? a) 5 horas b) 25 horas c) 15 horas d) 30 horas e) 10 horas 15) Por meio de estudos pormenorizados realizados por bioantropólogos mexicanos. se a massa de um isótopo radioativo se reduz a 12. em meses. A determinação da idade de um fóssil é baseada no decaimento radioativo do isótopo carbono-14.12) Os radiofármacos são utilizados em quantidades traços com a finalidade de diagnosticar patologias e disfunções do organismo. Rh e 54. então a meia-vida desse isótopo. em alguns casos. c) beta.5% do valor inicial depois de um ano. com 12 mil anos. é: a) 8 b) 6 c) 4 d) 3 e) 2 14) Um certo isótopo radioativo apresenta um período de semidesintegração de 5 horas. em doses controladas. e) alfa. a radiação é utilizada para combater e. Produzem e são causadoras de leucemia e de câncer. cujo esquema de decaimento é apresentado a seguir: No esquema de decaimento. eliminar essas doenças. é o crânio conhecido como Mulher de Penón. O fóssil em questão. O 99Mo é o precursor desse importante radionuclídeo. b) gama. A percentagem de carbono-14 encontrada atualmente no fóssil em relação àquela contida no momento da morte é aproximadamente igual a: a) 25 % b) 37 % c) 50 % d) 75 % e) 90 % .

Neste caso. a) 3. Uma amostra típica de tecnécio-99 usada em exames apresenta uma atividade radioativa inicial de 2 × 107 desintegrações por segundo. em 2004. constituída por 95% de cobalto-59 e 5% de cobalto60. O Brasil exporta muitos tipos de minérios. c) 10 horas. d) 20.16) O aumento no volume das exportações no Brasil. c) 21. aproximadamente. Sabendo que o cobalto-59 é estável. que consiste em tratar a área atingida pelo câncer com a radiação emitida pelo cobalto-60. b) 39. pode-se prever que essa amostra apresentará uma atividade de 2. há a emissão de uma partícula beta negativa. 18) No tratamento de tumores cancerígenos. Esse isótopo tem sua meia-vida igual a 5. 17) O decaimento do tecnécio-99. em geral. resulta um elemento com número atômico igual a a) 40. após 21 anos. e) 19. determine a relação entre a massa de níquel-60 produzida e a massa de cobalto-60 restante. um isótopo radioativo empregado em diagnóstico médico. Uma amostra radioativa de massa 200 g. sendo que alguns apresentam radioatividade natural. e) 24 horas. radioisótopo natural. está representado no gráfico fornecido a seguir. O potássio-40.5 × 106 desintegrações por segundo após. tem sido apontado como um dos responsáveis pela retomada do crescimento econômico do país. é um dos emissores dessa radiação. recomenda-se a radioterapia. Certos países compradores exigem um certificado apresentando os valores de atividade de átomos que emitem radiação gama. emitindo partículas beta e produzindo níquel-60 estável. b) 7 horas. No decaimento radiativo do potássio-40. Gabarito Relação entre as massas = 15. .5 horas. foi colocada em um aparelho radioterápico.25 anos e se desintegra espontaneamente. Usando as informações do gráfico. d) 18 horas.

a quantidade de alimentos desperdiçados seria suficiente para alimentar 35 milhões de pessoas. Admitindo que o tempo de meia-vida do Cobalto-60 seja de cinco anos. 100 gramas de Cobalto-60. Ni (Z = 28)). a) Escreva a reação de produção do Cobalto-60 a partir do Cobalto-59 e a reação de decaimento radioativo do Cobalto-60. a população de microorganismos responsáveis por sua degradação. Uma das tecnologias existentes emprega o isótopo de número de massa 60 do Cobalto como fonte radioativa. assim. Uma das maneiras de diminuir esse desperdício é melhorar a conservação dos alimentos. Esse isótopo decai pela emissão de raios gama e de uma partícula -1β0 e é produzido pelo bombardeamento de átomos de Cobalto de número de massa 59 com nêutrons. no Brasil. b) Um aparelho utilizado na irradiação de alimentos emprega uma fonte que contém. (Dados: Co (Z = 27). Interpretando as informações do quadro. reduzindo. inicialmente. Um dos métodos disponíveis para tal fim é submeter os alimentos a radiações ionizantes. 20) O quadro a seguir contém informações sobre radioisótopos e suas aplicações. calcule a massa desse isótopo presente após quinze anos de utilização do aparelho.19) Estima-se que. pode-se afirmar: .

Assuma que todo o argônio presente na rocha foi produzido a partir do potássio-40. ocorre uma série de reações de fusão nuclear que produzem elementos químicos. apenas. 21) (UERJ) Nas estrelas. Be (Z = 4). b) II. por captura de elétron. de uma amostra de rocha cuja razão entre os números de isótopos de argônio-40 e potássio-40 seja igual a 7. por ser emissor de radiação γ. pois o cobalto-60 apresenta meia-vida longa. d) I e II. São corretas as afirmações: a) I. b) Existe uma outra forma de decaimento do potássio-40. Uma dessas séries produz o isótopo do carbono utilizado como referência das massas atômicas da tabela periódica moderna.28 x 10 9 anos e é representada pela seguinte equação: a) Estime a idade. tem meia-vida de 1. Li (Z = 3). O isótopo que sofre fusão com o 4He para produzir o isótopo de carbono é simbolizado por: Dados: B (Z = 5). apenas. c) III. em anos. . é utilizado em tomografia por emissão de pósitrons. O cobalto-60. apenas. que consiste na emissão de uma partícula beta. Escreva a equação química que representa esta emissão.I. II. e) II e III. O flúor-18 é utilizado na tomografia de emissão de pósitrons porque sua permanência no organismo é breve. A conversão deste isótopo em argônio-40. a) 7B b) 8C c) 7Li d) 8Be 22)(UERJ) Na datação de rochas pode-se empregar a técnica do potássio-40. O consumo de alimentos contaminados com radiação γ oferece riscos a saúde. III. C ( Z = 6).

. indicando qual(is) b) Conhecendo-se o tempo de meia-vida do 88Ra226 (1620 anos). 88 Ra226 para 86 Rn222.214Pb e 214Bi . emitem radiações (sofrem decaimento radioativo). ou vestígios de uma supernova. 2008) Considerando que a meia-vida do 214Bi é de 20 meses calcule. a partir de uma amostra com 1. quantos miligramas restarão depois de 5 anos? Resposta 125mg 24) Alguns átomos possuem núcleos instáveis e... (.ambos resultantes do 238U". (Jornal do Brasil.) Foram descobertos sinais de dois isótopos radioativos . As partículas mais comuns emitidas nas reações de decaimento radioativo são ‚alfa.23) "(. Parte da série radioativa do 92U238 é mostrada no esquema: a) Escreva a equação de decaimento radioativo do particula(s) é(são) emitida(s). para alcançarem a estabilidade. qual seria o tempo necessário para que esse perdesse 75% de sua atividade? . beta e gama. restos de satélites. Três hipóteses foram levantadas pela equipe de pesquisadores: o urânio seria de armas nucleares testadas no espaço na década de 60.000 g de 214Bi.) A Mir está deixando os cientistas intrigados: minúsculas partículas de urânio empobrecido foram detectadas na estação. Uma série radioativa diz respeito aos vários decaimentos que um átomo instável sofre até atingir a estabilidade..

que tudo não havia passado de um engano. A idade da ossada foi determinada como sendo igual a 11. b) 175. Sendo assim. c) 176. 27) Físicos da Califórnia relataram em 1999 que.25) As propriedades radioativas de 14C usualmente são empregadas para fazer a datação de fósseis.25% da normal deve ser: a) 17. haviam produzido o elemento mais pesado já obtido. nêutron.920 anos. estima-se que a idade de um fóssil que apresenta uma taxa de 14C em torno de 6. a) 175. 26) Em 1999. ocorre a neutralização das moléculas. a) A produção do 241Am em reatores nucleares requer seis transformações radioativas . Quando partículas de fumaça penetram na câmara. Sabe-se que a meia-vida deste elemento é de aproximadamente 5. número de massa e número atômico.650 anos. eles comunicaram. Represente esse nuclídeo com símbolo.730 anos. d) 28. uma mulher que a equipe responsável pela pesquisa convencionou chamar Luzia.730 anos. comparada com a contida no corpo de Luzia por ocasião de sua morte. próton.680 anos. e) 5% do valor original. com número atômico 118. e) 176.de um determinado nuclídeo. nêutron. d) 10% do valor original. por uma fração de segundo. b) 91. beta. b) 50% do valor original. por meio de uma nota a uma revista científica. foi empregado o método de dosagem do isótopo radioativo carbono-14. . é aproximadamente igual a: a) 100% do valor original.500 anos. d) 176. cujo tempo de meia-vida é de 5. c) 25% do valor original. foi estudada a ossada do habitante considerado mais antigo do Brasil.730 anos. Em 2001. e) 22. nesta determinação.três capturas de nêutron e três emissões beta . O número de nêutrons desse "novo elemento" e a partícula emitida após a fusão seriam. interrompendo a passagem de corrente elétrica e disparando um alarme sonoro. respectivamente. com a liberação de uma partícula. As moléculas desses gases são ionizadas pelo emissor alfa 241 Am. Suponha que.190 anos. c) 5. Esse novo elemento teria sido obtido pela fusão nuclear de núcleos de 86Kr e 208Pb. 28) (UERJ) O tipo mais comum de detetor de fumaça funciona a partir de uma câmara de ionização de gases atmosféricos. próton. Pode-se afirmar que a quantidade de carbono-14 encontrada atualmente na ossada.

a) Qual o tipo de radiação que atinge o detector no ponto 3? Justifique. Z=92) pode ser estudada através do arranjo experimental mostrado na figura adiante. de uma amostra de 241Am que possua 1. 2 e 3.0g. b) Representado por X o novo núcleo formado. em gramas.0g de Sr-90? .b) Calcule a massa. aproximadamente. escreva a equação balanceada da reação nuclear responsável pela radiação detectada no ponto 3. Partindo-se de uma amostra de 40. que atingem o detector nos pontos 1. 30) O decaimento radioativo de uma amostra de Sr-90 está representado no gráfico a seguir. Trata-se de núcleos de hélio e que são atraídas pela placa negativa. A abertura de bloco de chumbo dirige o feixe de radiação para passar entre duas placas eletricamente carregadas. 482g 29) A natureza das radiações emitidas pela desintegração espontânea do U(A=234.2 × 1024 átomos. verificando-se a separação em três novos feixes. Radiação alfa. restarão apenas 5. após quantos anos.

b) 54. b) átomo de hidrogênio. 31) Quando um átomo do isótopo 228 do tório libera uma partícula alfa (núcleo de hélio com 2 prótons e número de massa 4). Os valores de Z e Y são. de símbolo Np. respectivamente: a) 88 e 228 b) 89 e 226 c) 90 e 224 d) 91 e 227 e) 92 e 230 32) Em 1902. Esse elemento foi obtido através das reações nucleares: a) Complete as equações. Forneça o valor de x e identifique a partícula y. de acordo com a equação a seguir. 33) Neptúnio. e) 120. d) 100. d) nêutron.a) 15. e) elétron. Rutherford e Soddy descobriram a ocorrência da transmutação radioativa investigando o processo espontâneo: A partícula X corresponde a um: a) núcleo de hélio. c) próton. foi o primeiro elemento transurânico preparado em laboratório. . c) 84. transforma-se em um átomo de rádio.

34) Mediu-se a radioatividade de uma amostra arqueológica de madeira. em anos.10 37) Uma das etapas do decaimento natural do plutônio envolve a passagem de rádio (Ra:Z=88.29 x 104 e) 9.43 x 103 c) 5. formam um elemento novo e dois nêutrons 0n1.66 d) 0.73 x 103 d) 2. Discuta o significado do tempo de meiavida do Np. verificando-se que o nível de sua radioatividade devida ao carbono-14 era 1/16 do apresentado por uma amostra de madeira recente. dessa amostra é: a) 3. Este processo ocorre com tempo de meia-vida de 15 dias. A=225) para actínio (Ac:Z=89. Quantos gramas de iodo-125 irão restar.b) O neptúnio-239 tem tempo de meia-vida de 2 dias. Para o Neptúnio-239 vale 2 dias.58 x 102 b) 1. após 6 meses. Sabendo-se que a meia-vida do isótopo 6C14 é 5. A=225). Pede-se: a) Escrever a reação nuclear balanceada para o processo de desintegração. fornecendo o nome da partícula emitida. .50 b) 0.00g do radioisótopo? a) 1.25 e) 0. a idade. isóbaros ou isótonos? Justificar. tem meia vida de 60 dias. Meia-vida é o tempo necessário para que a metade de uma amostra radioativa sofra desintegração. como indicado pela equação: Os números atômicos e de massa do novo elemento serão respectivamente: a) 95 e 245 b) 96 e 244 c) 96 e 243 d) 97 e 243 e) 97 e 245 36) O iodo-125. variedade radioativa do iodo com aplicações medicinais. quando bombardeado com partículas α (2He4). Os núcleos de rádio e actínio que participaram desta reação são isótopos.73 x 103 anos. a partir de uma amostra contendo 2.75 c) 0.17 x 104 35) Um dos isótopos do Amerício 95Am241.

o mundo relembrou o cinqüentenário do trágico dia em que Hiroshima foi bombardeada.125 miligramas. reverenciando seus mortos. representado a seguir. Seaborg é um renomado cientista que foi agraciado com o Prêmio Nobel de Química de 1951 por seus trabalhos em radioquímica. X corresponde a: a) próton b) nêutron c) pósitron d) partícula beta e) partícula alfa 40) No dia 6 de agosto de 1995. Na equação radioquímica dada. nos Estados Unidos. 45 dias 38) Glenn T. teve como nome proposto Seaborgium (106Sg). A = 18 b) Sabendo que um determinado isótopo do 106Sg perde 50% de sua massa inicial em 10 segundos. é: . por meio do processo de desintegração indicado. pode ser obtido pelo bombardeio de 52Te130. Uma das possíveis reações em cadeia.b) Calcular tempo necessário para que uma massa inicial de 1 miligrama do núcleo de rádio se reduza a 0. calcule a massa final de uma amostra de 800 gramas deste isótopo após 30 segundos. utilizado no diagnóstico de moléstias da tireóide. ainda não homologado. de fissão nuclear do urânio 235 usado na bomba. Z = 8 . em sua homenagem. a) O bombardeio do 98Cf249 por um elemento X produz o 106Sg263 e 4 nêutrons. Em 1974 foi sintetizado. 100 gramas 39) O isótopo 53I131. o elemento de número atômico 106 que. Determine o número atômico e o número de massa do elemento X.

c) 2266. Quantos anos são necessários para que uma amostra de 90Sr. como 90Sr.5 anos a) 28.5 b) 57.7 e) 114 44) Analise os itens a seguir que fornecem informações a respeito das radiações nucleares. d) 2986.0 c) 85. em dias.As radiações gama são ondas eletromagnéticas de elevado poder de penetração. O procedimento para evitar a contaminação radioativa por esse material é estocá-lo.onde X corresponde a: a) H3 b) 3 0n1 c) 2 0n1 d) 2α4 e) D2 41) Um dos materiais irradiados durante a operação de um reator nuclear é o fósforo 32. lançou para a atmosfera grande quantidade de 38Sr90 radioativo. 43) Protestos de várias entidades ecológicas têm alertado sobre os danos ambientais causados pelas experiências nucleares francesas no Atol de Mururoa. se reduza a 25% da massa inicial? Dado: meia-vida do 90Sr = 28. formam o chamado "lixo nuclear" desses experimentos. em 1986. o local poderá ser habitado novamente a partir do ano de: a) 2014. Sabe-se que a meia-vida do fósforo 32 é de 14 dias. por desintegração. lançada no ar. .5 d) 99. Considerando 7. I . a 1/16 da quantidade inicialmente presente.8mg como nível de segurança. Isótopos radioativos prejudiciais aos seres vivos. cuja meia-vida é de 28 anos. Supondo ser este isótopo a única contaminação radioativa e sabendo que o local poderá ser considerado seguro quando a quantidade de 38Sr90 se reduzir. e) 3000. para decaimento a níveis de segurança. assinale o tempo. necessário para este valor ser atingido a partir de 1 grama de fósforo 32: a) 42 b) 98 c) 118 d) 256 e) 512 42) acidente do reator nuclear de Chernobyl. b) 2098.

IV e V. III . . apenas. Quando um nêutron. e é por ele absorvido. dá origem a dois átomos de um certo elemento químico e a um átomo de trítio (H3). 4minutos 45) O físico brasileiro Cesar Lattes desenvolveu importantes pesquisas com emulsões nucleares contendo átomos de boro (5B10) bombardeados por nêutrons. apenas. 45) A tabela a seguir apresenta os tempos de meia-vida de diversos radioisótopos: a) O metal alcalino-terroso relacionado na tabela emite uma partícula alfa. e) II. originando um novo radioisótopo X.As radiações beta são idênticas aos elétrons e possuem carga elétrica negativa. Determine o número de nêutrons do produto dessa desintegração. IV .As radiações gama possuem carga nuclear +2 e número de massa 4. V . ocorrem as emissões de duas partículas alfa e uma partícula beta.II . III e V. b) I. Consultando a tabela apresentada. II. III e IV.O número de massa de um radionuclídeo que emite radiações beta não se altera. d) II. Estão corretas as afirmativas: a) I. 133 neutrons b) Por decaimentos sucessivos. c) I. apenas. atinge o núcleo de um átomo de 5B10. a partir do 219Rn. a) Identifique esse elemento químico. e III. determine o tempo necessário para que uma massa inicial de 400g de X seja reduzida a 100g. indicando seu número atômico e seu número de massa. III e IV. apenas. apenas. em grande velocidade.O número atômico de um radionuclídeo que emite radiações alfa aumenta em duas unidades.

Helio 2He4 b) Uma certa massa inicial do radioisótopo trítio reduz-se a 200g em 36 anos. o número necessário de dias é: a) 10 b) 15 c) 20 d) 25 . a) Identifique as partículas X e Y. A mesma massa inicial leva 60 anos para se reduzir a 50g. (X = Próton Y = Partícula Beta) b) Calcule a meia-vida do carbono 14. A análise de um fragmento de um fóssil de 16.800 anos de idade revelou uma concentração de carbono 14 igual a 1. que ocorrem com a mesma velocidade. 12 anos 46) A concentração de carbono 14 nos seres vivos e na atmosfera é de 10 ppb (partes por bilhão).25 ppb.5% da amostra inicial. Calcule o tempo de meia-vida do trítio. Esta concentração é mantida constante graças às reações nucleares representadas a seguir. (5600 anos) 47) Considere o gráfico da desintegração radioativa de um isótopo: Para que a fração de átomos não desintegrados seja 12.

( f ) Quando um núcleo radioativo emite uma radiação do tipo I. ( f ) A radiação esquematizada em III representa o poder de penetração das partículas alfa. 50) Os radioisótopos 89Ac225 e 83Bi210 apresentam as seguintes curvas de decaimento radioativo: .cade. ( f ) As partículas alfa e beta são neutras. um jovem deparou-se com a seguinte figura. procurando algum texto a respeito do tema radioatividade no "Cade?"(http://www.com. ( v ) A radiação esquematizada em II representa o poder de penetração das partículas beta. o numero atômico fica inalterado.48) O gráfico a seguir representa a variação da concentração de um radioisótopo com o tempo. julgue os itens que se seguem como (v) verdadeiro ou (f) falso.br). A observação do gráfico permite afirmar que a meia-vida do radioisótopo é igual a a) 1 min b) 2 min c) 4 min d) 5 min e) 10 min 49) Ao acessar a rede Internet. representativa do poder de penetração de diferentes tipos de radiação. Com o auxílio da figura.

. em que ocorre a ruptura de núcleos pesados em outros mais leves. a um outro isótopo do bismuto: o 83Bi210 Identifique essa partícula e determine o número de vezes que ela é emitida durante esse decaimento. a massa inicial do 83Bi210. no estado do Novo México.000 toneladas do explosivo TNT(trinitro-tolueno).Reator de Água Pressurizada. por emissões sucessivas de uma mesma partícula. A energia nuclear. indique a alternativa incorreta. Determine m0.a) O 83Bi210 tem a metade da meia-vida do 89Ac225 . também é utilizada para fins mais nobres como curar doenças. 3 2α4 51) O reator atômico instalado no município de Angra dos Reis é do tipo PWR . no entanto. Ela continha cerca de 6kg de plutônio e explodiu com a força de 20. liberando grande quantidade de energia. foi detonada a primeira bomba atômica. e os núcleos que emitem estas partículas perdem duas unidades de número atômico e quatro unidades de massa. a) Raios (alfa) possuem uma baixa penetração na matéria. 800 gramas b) O 89Ac225 chega. O seu princípio básico consiste em obter energia através do fenômeno "fissão nuclear". nos Estados Unidos. Esse fenômeno pode ser representado pela seguinte equação nuclear: Os números atômicos e de massa do elemento T estão respectivamente indicados na seguinte alternativa: a) 27 e 91 b) 37 e 90 c) 39 e 92 d) 43 e 93 52) Em 06 de julho de 1945. através de terapias de radiação. Em relação à energia nuclear.

em que o ânion iodeto é proveniente de um radioisótopo do iodo (número atômico 53 e número de massa 131). O elemento formado nessa emissão é 127 I ou 54Xe? Justifique. por cintilografia. calcule a quantidade de tecnécio meta-estável que estará disponível no horário do exame. a) Um laboratório de análises preparou 2 gramas de tecnécio meta-estável às 18h de segundafeira para realizar um exame marcado para as 12h do dia seguinte. e a perda de uma única dessas partículas produz aumento de uma unidade no número atômico do núcleo que a emitiu. menos penetrantes que as partículas (alfa) ou (beta). que se comporta no corpo de forma semelhante aos íons cloreto e iodeto. pois emite exclusivamente radiação gama. 53) O tecnécio meta-estável é utilizado como reagente de diagnóstico radiológico. que não possuem massa ou carga. Tecnécio disponível na hora do exame: 0. e é facilmente eliminado pelos rins. .25g 54) Para diagnósticos de anomalias da glândula tireóide. iodeto de sódio. no paciente. Escreva a equação nuclear correspondente. deve ser introduzido. c) Raios (gama) são uma forma de radiação eletromagnética. Sabendo que a meia-vida deste radioisótopo é de 6 horas. sendo. 52Te.b) Raios (alfa) são formados por um fluxo de alta energia de núcleos de hélio. a) O radioisótopo em questão emite radiação beta (-1β0). e) Partículas (beta) são mais penetrantes que as partículas (alfa). portanto. combinações de dois prótons e dois nêutrons. o tecnécio pode ser utilizado na forma do íon pertecnetato (TcO4). d) Partículas (beta) são elétrons ejetados a altas velocidades de um núcleo radioativo e possuem uma massa muito menor que a massa de um átomo. Além disso. A meia-vida efetiva desse isótopo (tempo que decorre para que metade da quantidade do isótopo deixe de estar presente na glândula) é de aproximadamente 5 dias.

em mg. sendo obtida através do bombardeamento do núcleo de hidrogênio.2 d) 57. x é uma constante associada ao isótopo radioativo.. X é um(a): a) elétron.600 anos..6 . da quantidade original desse isótopo. b) nêutron.ext e em que: C é a massa inicial.6 c) 50. e poderão ser recuperados sem maiores danos logo após o incidente. 06/10/2009) A água pesada (D2O) é constituída por deutério e oxigênio." ("JB". A é a massa existente em t anos. De acordo com a reação acima. A meia-vida de um isótopo radioativo pode ser calculada utilizando-se equações do tipo A=C.). cerca de 50 litros de água pesada vazaram (. o correspondente.2 b) 42.55) "Na usina coreana de Wolsung. e é um subproduto das usinas nucleares. existem 60 mg de 226Ra. c) partícula α d) partícula β e) partícula γ 56) Meia-vida ou período de semidesintegração de um isótopo radioativo é o tempo necessário para que sua massa se reduza à metade. Daqui a 100 anos restará. Em um laboratório. a: a) 40. cujo período de semidesintegração é de 1.

em dias. para que a quantidade de ciprofibrato no plasma sangüíneo se reduza a 6.57) Existem diversos tipos de penicilinas. ainda. O. deste medicamento (penicilina). Resposta: 16 dias . G. Resp: Tempo de meia-vida → atividade biológica=5000. Determine o tempo. 58) Considere a ingestão de um comprimido que contenha 100mg de ciprofibrato medicamento utilizado para o controle da concentração de colesterol no sangue . é de 96 horas. no plasma sangüíneo.25mg. em relação à atividade biológica. logo (gráfico) t/2=3 semanas. a) A penicilina estocada na temperatura ambiente perde sua atividade biológica. Usando o gráfico. Elas são denominadas pela indústria farmacêutica penicilinas N. etc. encontre o tempo de meia-vida. Medidas da atividade biológica deste antibiótico com o tempo (expresso em semanas) são apresentadas adiante. V. que a meia vida do ciprofibrato.e que a sua absorção pelo organismo seja total. já que uma mesma penicilina não é ativa contra todas as espécies de bactérias. As penicilinas apresentam estruturas quirais e a atividade biológica das penicilinas está associada a esta quiralidade. Considere.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful