revisão de reforço Equilíbrio quimica 1

Equilíbrio Ácido - Base 1. Determinar a concentração de H3O+(aq), OH-(aq) e -3 3 F-(aq) numa solução 6×10 mol/dm de HF(aq). A -4 constante de ionização é Ka = 7.0×10 a 25 °C. 2.

Calcular o pH de uma solução aquosa 1.5×10-3 M de Ca(OH)2. 3. A metilamina, CH3NH2, é uma base fraca com Kb = -4. 4.0×10 3.1. Calcular a constante de acidez do ácido conjugado. 3.2. Calcular o pH de uma solução 0.1 M do sal cloreto de metilamónio, CH3NH3Cl. 4. Calcular a massa de acetato de sódio (massa molar = 3 86 g.mol-1) que se deve juntar a 1000 cm de solução -5 0.4 M de ácido acético (Ka = 1.8×10 ) para se obter uma solução tampão de pH = 4.5. 5. Calcule o volume de solução 0.5 M de HF que se deve adicionar a 750 cm3 de solução 0.200 M de fluoreto de sódio para preparar uma solução tampão de pH = 4.0. A constante de acidez do HF é Ka = 4×10-4. 6. Calcule a constante de basicidade do íon nitrilo, NO2-, sabendo que o pH de uma solução aquosa 0.015 M de ácido nitroso é 2.6 Equilíbrio de Solubilidade 7. A solubilidade molar de Pb(IO3)2 é 4×10-5 mol/L. Qual é o produto de solubilidade, Kps, do iodato de chumbo? 8. Calcular a solubilidade molar do CaSO4 em água e numa solução aquosa de Na2SO4 0.2 M, sabendo que o produto de solubilidade do sulfato de cálcio é Kps = 9.0×10-6. 9. Misturam-se 200 cm3 de AgNO3 (aq) 10 M com 500 -6 cm3 de KCl (aq) 10 M. Haverá formação de precipitado? Kps (AgCl) = 1.6×10-10. 10. Calcule o valor aproximado da solubilidade do carbonato de ferro(II), Kps = 2.5×10-11 ,numa solução aquosa 0.001 M de carbonato de sódio. 11. O leite de magnésia é uma suspensão de Mg(OH)2 sólido em água. Calcule o pH da fase aquosa, supondo que ela esteja saturada de Mg(OH)2. 12. Prepara-se uma solução misturando-se 100 mL de AgNO3 0,20 mol/L com 100 mL de HCl 0,10 mol/L. Quais são as concentrações molares de todas as
-4

espécies presentes na solução, quando o equilíbrio é atingido? 13. O pH do sangue de um indivíduo saudável situa-se em determinada faixa. Para manter essa faixa de pH, o organismo utiliza vários tampões, sendo que o principal tampão do plasma sangüíneo consiste de ácido carbônico e íon bicarbonato. CO2(g) + H2O(l) H2CO3(aq) H+(aq) + HCO3-(aq) Para que as trocas gasosas ocorram normalmente, a respiração, processo responsável pelo equilíbrio da quantidade de CO2 no sangue, possui um tempo ideal. Distúrbios que causem aceleração da respiração removem muito CO2, deslocando o equilíbrio acima e fazendo ocorrer a alcalose sangüínea. Já a dificuldade de respirar acumula CO2, gerando acidose sangüínea. Ambas as situações são perigosas, pois podem causar + a morte. Sabendo que as concentrações de H no -8 sangue humano podem situar-se entre 5 × 10 e 3 × -8 10 mol/L, calcule a faixa de pH do sangue. Dado: log 5 = 0,7 log 3 = 0,5 14.Considere uma solução contendo os cátions A+, B+ e + -1 C , todos com concentração 0,1 mol.L . A esta solução gotejou-se hidróxido de sódio (NaOH). Dado: Kps AOH = 10-8; Kps BOH = 10-12 e Kps COH = 10-16 a) Determine a ordem de precipitação dos hidróxidos. b) Calcule a concentração de hidroxila (OH-) necessária para cada hidróxido precipitar. EQUILÍBRIO IÔNICO 15. Uma solução do ácido fraco HClO foi analisada, verificando-se, no equilíbrio, a existência das seguintes concentrações molares: [HClO] = 1,00 mol/L -4 [H+] = 1,78 x 10 mol/L -4 [C.O-] = 1,78 x 10 mol/L. Calcular a constantes de ionização, Ka, do HClO. 16. Em solução 2 x 10-2 mol/L, a 25°C, o ácido acético se encontra 3% ionizado de acordo com a equação: H3CCOOH H+ + H3CCOOCalcular a constante de ionização, Ka, deste ácido, naquela temperatura. 17. . Um estudante preparou uma solução 0,1 mol/L de ácido acético e, experimentalmente, mediu o pH desta solução, encontrando-o igual a 2,88. Calcule o Ka para o ácido acético e seu grau de ionização (á) em porcentagem.

05 mol/l. HCl(aq). Para uma solução 0. Qual o grau de dissociação (%) do hidróxido de amônio numa solução 0. entre outros. de uso 3 doméstico. ZnCl2. Supondo um lago com 1 milhão de metros cúbicos de água.00 litro de solução. 28.18 Um estudante preparou uma solução de NH3 0. Na2SO4 e NH4Cl 24. pela experiência de baixar o ponto de congelação.2%. foi utilizado calcário. Indique o caráter ácido. (Dado: log 5= 0. esse produto contém. foi a Suécia. b) A solução resultante é ácida.37) 27. em toneladas. Dados: HCl = 36. 25.0 x 10-10 mol/L de H+(aq). HNO2(aq).5 g/mol. Nesse país. a essa temperatura.1 mol/L de HCl. -5 a 25°C. Quais são as concentrações molares de H+ e de OH. a 25°C. log 2. b) o grau de hidrólise do sal (em %). apresentando um pH incompatível com a vida aquática. Calcular o pH de uma solução 1. decorrente. Um dos países mais atingidos. é 8 x 10-10.80. Calcular o pH de uma solução de HCl que apresenta 10.) ¨ NH4 (aq) + OH-(aq) Calcule.nesse suco? 20. vários lagos tornaram-se acidificados. 0. 1. Constatou-se que uma determinada amostra de suco de laranja possuía pH = 3. H2SO4 + CaCO3 CaSO4 + CO2 + H2O . sabendo-se que o pH da mesma é 11? 21. Calcule a constante de ionização (Kb) do NH3. Dado: Ka = 1. a porcentagem de moléculas do ácido que se encontram ionizadas é igual a 15%. em porcentagem. é preparado a partir de 2. Um determinado produto de limpeza. Um estudante misturou todo o conteúdo de dois frascos A e B. sabendo que numa solução aquosa de concentração 0.00.10 mol/L de acetato de sódio. básica ou neutra? Justifique utilizando o produto iônico da água. que continham: ‡ Frasco A: 25 mL de solução aquosa de ácido clorídrico. Calcule a constante de ionização do ácido nitroso. calcule a quantidade de CaCO3. NaAc. o grau de ionização da amônia nesse produto. 30.0. Um dos problemas associados à queima de carvão em usinas termelétricas é a chuva ácida. 22.0 mol/L de NH4Cl. dentre outras espécies químicas. com um pH = 4. na Europa.95 mg deste ácido por litro de solução.36=0. 31. da formação de ácido sulfúrico na atmosfera. 0. Prepara-se uma solução de cianeto de potássio (KCN).80 mol/L.8 x 10 . a 25°C.010 mol/L e. c) o pH da solução formada. necessária para elevar esse pH para 7. Calcular o pH da solução resultante da adição de 100 mL de solução aquosa 0.8 x 10-5 26. ‡ Frasco B: 25 mL de solução aquosa de hidróxido de potássio. a) Qual é a concentração total de íons na solução? b) Qual o valor da constante Ka do ácido HÁ? 29. a 25 °C. a) Calcule o pH da solução resultante. básico ou neutro das soluções aquosas dos sais NaCN.48.5 x 10. CaCO3. 19.0. Como solução. à temperatura de 25 °C.60 mol/L. A 25 °C. log 3 = = 0. (Dados: Kb = 1. constatou-se que o pH resultante foi igual a 2. sabendo que a constante de ionização do HCN. Calcular a constante de hidrólise deste sal. KOH(aq).02 mol/L.050 mol de um ácido HÁ foi dissolvido em quantidade de água suficiente para obter 1. na tentativa de neutralizar esse ácido em excesso. Quando 0.mol de NH3 para cada litro de produto. determinou que o NH3 sofreu ionização de 4. Considere-se que a equação de ionização da amônia em água é: + NH3(g) + H2O(. calcular: a) a constante de hidrólise do sal.70) 23.2 mol/L de NaOH a 150 mL de solução aquosa 0.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful