P. 1
Guia Fontes de Alimentação

Guia Fontes de Alimentação

|Views: 399|Likes:
Publicado porLuis Pires

More info:

Published by: Luis Pires on Jan 21, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/29/2013

pdf

text

original

Guia Fontes de Alimentação (PSU

)
Texto escrito por Daniel JS, em 08/03/2005. Publicado originalmente em www.abacate.da.ru. Agradecimento especial a todos que enviaram sugestões para o aprimoramento deste texto. Última Atualização em 01/04/2005.

Segundo um artigo divulgado em 3 de Fevereiro de 2005 no site PCStats, a maior causa das "mortes" de computadores, com 26% de ocorrência, é fontes de alimentação de baixa qualidade. Isto nos leva a crer que o pouco caso às fontes não é um problema exclusivo dos usuários e "técnicos" brasileiros. Freqüentemente, no Brasil, encontra-se computadores potentes e grandes consumidores de energia com fontes de baixa qualidade, incapazes de prover a quantidade de energia suficiente para o bom funcionamento do micro. Suponho que por ser um componente sem interação direta com o usuário - ao contrário de um processador e uma placa de vídeo potente, por exemplo - e ser pouco citado entre usuários intermediários e novatos, as fontes de alimentação acabam sendo deixadas de lado na hora de se montar um computador novo ou até mesmo fazer um upgrade, o que é um grande erro. A fonte de alimentação tem uma influência muito maior do que se pensa, na segurança e estabilidade do computador, e por isso deve receber a mesma dedicação que damos ao escolher outros componentes. Neste texto, darei algumas dicas para verificar se sua fonte é suficiente para a configuração em que está instalada, além de outras informações úteis para lhe ajudar a escolher uma fonte de boa qualidade. 1. Qual a função da fonte de alimentação? 2. Potência das Fontes 3. Potência Real 4. Escolhendo uma Fonte 4.1. Como escolher a potência de fonte para meu computador? 4.2. Qual fonte escolher? 4.3 Método "alternativo" para escolha de fonte 5. Diagnóstico de Problemas Relacionados à Fonte 5.1. Sintomas 5.2. Diagnosticando 5.3. As voltagens estão fora da margem de segurança. O que fazer? 5.4. Continuar usando o computador com voltagens fora da margem de segurança, pode causar algum dano? 5.5. Somente uma das voltagens está fora da margem de segurança. Devo trocar de fonte mesmo assim? 5.6. Uma das voltagens atingiu o limite exato do aceitável (12,6V, por exemplo). Devo trocar de fonte mesmo assim? 5.7. Qual fonte escolho? 6. Conclusão

1. Qual a função da fonte de alimentação?
Basicamente é fornecer energia a todos os componentes internos e alguns externos do seu computador, tais como placa-mãe, memória, processador, unidades de disco, mouse e teclado.

o que acaba comprometendo a confiabilidade da fonte. através de um cabo extra que acompanha o produto. portanto.são produzidas com componentes de baixa qualidade.00 e 350w reais. Geralmente os maiores consumidores de energia são os processadores e placas de vídeo modernas. enquanto a sem marca dificilmente será capaz de fornecer os 500w nominais que ela diz oferecer. e transforma esta corrente em voltagens menores (como 12v. Entretanto as informações contida naquele texto vão contra testes reais feitos por mim. uma fonte de 500w nunca iria custar a metade do preço de uma de 350w se esta de 500w fosse de qualidade similar que a de 350w.00 de 500w nominais não tem como ter mais potência que uma de R$ 150. principalmente em fontes baratas de baixa qualidade. 3. tem potência real de 466W. maior é sua capacidade. Um micro típico com uma boa placa de vídeo e um processador moderno. poderá fornecer uma voltagem menor. sendo que algumas até exigem conexão direta com a fonte. Potência das Fontes A potência das fontes é medido em watts. o que com certeza é um absurdo.3v). Quanto maior o número de watts. Segundo o site. distribuindo em seguida aos componentes do micro. Fontes genéricas. Uma fonte de R$ 45. parece pouquíssimo. visto que esta fonte atingiu 12. Não existe mágica. apresentará um desempenho muito aquém do esperado. Potência Real Nem sempre a potência nominal de uma fonte é equivalente a sua potência real. Só que a potência nominal nem sempre é a potência real. pode exigir cerca de 200w da fonte. 11.9v na linha de 12V em um micro que uma fonte de 350w reais agüentaria tranqüilamente. Para se ter uma idéia de consumo em watts.Ela recebe a corrente em 110v ou 220v. o que pode ser crítico ao sistema.8Ghz (socket 754) consome cerca de 89 watts de energia com carga máxima. 2. torna-se-á ineficiente: ao invés de fornecer 12v. Se comparado com a potência nominal de uma fonte comum de 400w. causando instabilidade e até danificando permanentemente componentes importantes e caros. . esta fonte genérica de 500w que tenho aqui. O Guia do Hardware publicou um tutorial para calcular a potência real das fontes genéricas. um processador Athlon 64 2800+ 1. Este é o grande problema. A diferença de preço entre uma Seventeam 350w e uma sem marca de 500w não se deve apenas à marca "Seventeam": a qualidade dos componentes desta primeira garante um melhor aproveitamento dos seus 350w. de baixo custo e "sem marcas" .2v por exemplo. 5v e 3.ou de marcas pouco confiáveis . Se ela estiver sobrecarregada.

Serão feitos upgrades futuros? Uma fonte que pode agüentar a sua configuração atual poderá não agüentar um novo processador ou placa de vídeo que você planeja comprar. prefiro sempre por fontes de qualidade. levandose em consideração vários fatores: a. Escolhendo uma fonte Escolher uma fonte para seu computador é algo que deve ser feito com muito cuidado. Porém todos eles levam em consideração o consumo de pico. Entretanto estas ferramentas servem para se ter uma idéia do consumo de uma determinada configuração. Não seria nenhum problema utilizar uma fonte de altíssima potência para um micro econômico. A relação custo x benefício. Digamos que uma fonte de alta qualidade com potência nominal de 350w tem apenas 30% de desperdício de energia. Esta tabela abaixo indica fontes com potência suficiente para cada tipo de . Para calcular a potência que sua fonte precisaria fornecer. c. Equivaleria a uma genérica de 500w que na prática oferece 200w de capacidade. Já uma fonte de alta qualidade fornecerá com segurança uma porcentagem muito maior da sua capacidade nominal do que uma fonte de baixa qualidade. visite http://www. é melhor ter uma fonte com potência de sobra do que uma que esteja no limite. Não vale à pena comprar uma fonte de 500w reais se seu micro nunca exigiria mais do que 250w reais. porém isso seria um desperdício de dinheiro.jscustompcs.Portanto. Portanto. todos os dispositivos do seu computador sendo utilizados simultaneamente em potência máximo.1. enquanto uma genérica às vezes chega a 60% de desperdício. Veja o próximo item deste texto para saber como escolher uma fonte de qualidade. Como escolher a potência de fonte para meu computador? Existem vários sites com ferramentas para calcular a quantidade de energia que uma determinada configuração pode consumir. Além do mais. e em segundo plano.com/power_supply/ Outro fator que deve ser lembrado. é que mesmo fontes de alta qualidade não fornecem a sua potência real. unidades de disco e outros dispositivos com alto consumo. como é difícil saber a potência real de uma fonte genérica. 4. Desenvolvi uma tabela que pode ser ser utilizada caso você esteja muito inseguro quanto a qual fonte escolher. não é uma situação real de uso. especialmente a respeito do processador e placa de vídeo. A configuração atual do computador. com potência real garantida. ou seja. o que já pode servir como base para se escolher uma fonte de alimentação adequada. 4. b.

utilizando o CPU-Z. Atenção especial a micros de alto desempenho (Athlon XP/Pentium 4 e placas de 300w/350w vídeo robustas).Para saber qual o núcleo do seu processador. leve em consideração que o consumo também irá aumentar. com algumas configurações genéricas. Nesse caso. Dúvidas. utilize o CPU Z [www. Duron até 950Mhz (Spitfire) Configuração Típica: placa de vídeo com aceleração 3D (GeForce4 MX e anteriores) + placa de som + modem PCI + HD7200rpm + gravador de CD 250w Duron (Morgan e Applebred). Athlon (K7.2 deste texto para conhecer bons fabricantes de fontes com potência real. fontes "genéricas de luxo" de 400w devem ser suficientes.com]. K6-2. Fontes de 300w genéricas dão conta com tranquilidade. para garantir maior precisão na identificação do seu processador. Micros de consumo baixo/leve.Caso planeje fazer overclock. Athon XP (todos núcleos). Veja aqui onde procurar a informação sobre o núcleo do seu processador.equipamento. Thorton e Barton) e Celeron (Willamette e Northwood) Configuração Típica: placa de vídeo com aceleração 3D (GeForce FX5700/Radeon 9600 e anteriores) + placa de som + modem PCI + HD7200rpm + gravador de CD/DVD Consumo moderado. . Northwood e Prescott). e anteriores Configuração típica: placas de vídeo antigas sem aceleração 3D + placa de som + HD 5400rpm + gravador de CD Observações Micros de consumo muito baixo. Tipo de Computador 486. Athlon 64 (Winchester). Celeron (exceto Willamette. Pentium. pode ser necessária uma fonte de maior potência. Hank. Outras Observações importantes: . K6-III. Sempron (Thoroughbred. opte sempre por uma opção com potência a mais do que você acha que será necessário. Leadership e Maxxtro devem agüentar tranqüilamente.Algumas configurações mais modestas podem não necessitar de fontes de tanta potência quanto recomendada . Geralmente configurações com estes 350w/400w Athlon 64 (Clawhammer e Newcastle). Pentium III. Athlon 64 FX (Sledgehammer). Todas as potências de fontes recomendadas na tabela abaixo são de fontes com potência real. Se tiver dúvida. . Potência Genérica 300w Pentium II. Pentium 4 (Willamette e Northwood). Pentium MMX.Potência a mais em uma fonte nunca é problema. podem ser enviadas através do meu e-mail de contato (link abrirá em uma nova janela).cpuid. K75 e Thunderbird < 1Ghz) Configuração Típica: placa de vídeo com aceleração 3D (GeForce FX5700/Radeon 9600 e anteriores) + placa de som + modem PCI + HD7200rpm + gravador de CD/DVD 250w/300w Athlon (Thunderbird>1Ghz). Consumo leve. Veja o item 4. Pentium Pro. Fontes "genéricas de luxo" como Dr. No caso de micros Duron e placas de vídeo FX5200/Radeon9200 ou anteriores. onde 350w pode ser o mínimo necessário. Certifique-se de usar sempre a versão mais recente. K6. Celeron-D . Consumo alto. correções e sugestões sobre esta tabela.

Em muitos casos. para todos os gostos e bolsos. Não posso dizer com exatidão as voltagens que estou atingindo usando ela. Atualmente. com uma placa de vídeo de alto consumo. Pentium 4 (Prescott e Gallatin(Extreme Edition)) 400w 4. Segundo informações obtidas na Internet. Uma relação muito boa de empresas que fabricam fontes recomendadas pela AMD. Em configurações um pouco mais robustas. Thermaltake. TTGI. 2HDs 7200rpm) tranqüilamente e com apenas 0. Segundo informações retiradas do fórum hardMOB. As mais populares são Dr. concluo que a melhor relação custo x benefício geralmente é obtida com fontes Seventeam. esta fonte Atlas SF-400PS. principalmente em micros sem overclock e com consumo moderado.processadores acompanham placas de vídeo de alto consumo. mas em geral os fabricantes recomendados. 450w reais pode ser necessário. Enermax. e no momento não tenho multímetro para testar. Genéricas: Fontes sem marcas. no Brasil. pois o sensor da minha placamãe não é muito confiável. Fontes de alta qualidade: São fontes com qualidade e potência garantida. .2. Popularmente. são Seventeam.2v de variação na linha 12v ao executar o Prime95. em configurações com placas de vídeo de desempenho médio. sendo recomendada no mínimo uma fonte de 400w reais. exigindo pelo menos uma fonte de 350w reais. Qual fonte escolher? Há várias marcas de fontes de alta qualidade. Leadership e Maxxtro. Huntkey e outras. entende-se por "genéricas de luxo" como fontes de qualidade superior que as "genéricas comuns". Consumo altíssimo. dividiu-se as fontes em 3 grupos: 1. OCZ. internamente é idêntica à uma TTGI equivalente. Através de diversas pesquisas realizadas em fóruns brasileiros e internacionais sobre hardware. O valor desta fonte é de aproximadamente R$ 230. mas a princípio ela está agüentando minha configuração (A7N8X-X. Hank. pode ser visualizada clicando aqui. 2. podem ser a melhor opção. Alguns fabricantes e modelos destacam-se mais do que outros. entre os "micreiros". 3. com marcas pouco conhecidas e preços muito abaixo de fontes de nome. Barton2500+. Estes processadores apresentam um consumo muito alto. esta fonte é do mesmo fabricante da TTGI (Superflower). 1 HD e 1 unidade de leitura óptica (CD/DVD).00 na maioria das lojas. FX5200@275/500. estou usando uma fonte Atlas SF-400PS 400w reais. Genéricas "de luxo": Popularmente. enquanto atualizo este texto. Antec. sendo que as diferenças entre elas ficam somente na parte externa. mas inferior às "de marca" da lista acima. Geralmente a melhor opção. 512MB. Possuem um preço muito mais atraente que fontes top e apresentam um desempenho superior às fontes "genéricas comuns". populares no Brasil e com um custo mais acessível.

especialmente em sites do exterior. mas como fonte de alimentação não é algo que evoluiu muito em 1 ano. Segundo usuários do fórum. Diz-se que as melhores fontes possuem componentes de melhor qualidade. Tópico no hardMOB sobre a comparação feita pelo Copyman entre as fontes ATlas SF-400PS e SuperFlower SF-420TS.73EE AMD Athlon XP Processor System Power Supplies Descrição Fórum nacional com bastante informações sobre fontes de alimentação. Minha opinião é que qualquer modelo dos fabricantes citados em "Fontes de alta qualidade". Informações adicionais: Você pode obter muitas informações boas e recomendações de fontes lendo fóruns sobre hardware. onde os próprios usuários relatam suas experiências com as mais variadas fontes. por isso para nós o texto vale mais pela curiosidade sobre o assunto. é analisar o seu peso. Hank.Tom's Hardware Atlas SF-400PS e SuperFlower SF-420TS (by Copyman) *Os links não estão em nenhuma ordem especial. De fato. mais recursos de proteção e outros itens.3 Método "alternativo" para escolha de fonte Um método nada técnico e bastante questionável para verificar se uma fonte é de qualidade. o texto ainda é válido. Lista de servidores disponível em http://u-br. verificar se uma fonte é boa pelo peso não é um absurdo completo. isso mesmo. 4. veja o FAQ News.Muitos outros usuários com micros mais modestos têm optado por fontes Dr. o seu peso. O texto é um pouco antigo (22/01/2004). 15 PC Power Supply Units . Nobreaks e similares Grupo de Hardware da U-BR AnandTech: Intel Pentium 4 6xx and 3. muito melhor a qualquer genérica. as opções mais recomendadas são modelos da TTGI. Pode ser uma boa alternativa para este nicho. Contém uma tabela interessante com o consumo de alguns processadores modernos (22/02/2005) Fabricantes de fontes de alimentação aprovados pela AMD. mais "controladores de voltagens". Antec e Enermax. A maioria das fontes do artigo são difíceis de encontrar no Brasil.tk. Para aqueles que desejam o melhor.Grupo sobre Fontes. o que acaba deixando-as consideravelmente mais pesadas que outras fontes. Para maiores informações sobre como acessar newsgroups. é uma boa opção. Se você tiver . Sim. sem reclamações. Copyman é um dos "mais entendidos" no assunto. Resenha de 15 fontes de alimentação. Outra opção. Vale à pena dar uma olhada. é procurar por reviews (resenhas) de fontes pela Internet. Confira alguns links que podem lhe ajudar muito a escolher uma fonte adequada: Link* FórumPCs . caso você tenha mais tempo e interesse.

Passo 1: Com o Prime95 rodando o "Torture Test" no modo "Blend". geralmente causam os seguintes efeitos no computador: . A que veio com o gabinete mal agüenta o meu Duron 950.O computador se desliga sem mais nem menos.Instabilidade geral do sistema. 5. Você também pode usar o Everest. foi comparando duas fontes ditas genéricas: Uma Troni 300w e uma outra "marca diabo" de "500w" que veio com o gabinete. Sintomas Fontes que não são adequadas à configuração a qual pertencem. Recomendo o Motherboard Monitor. abra o seu software predileto para monitoramenteo de voltagens. gerando leituras absurdas das voltagens. recomendo o uso de um multímetro ao invés de softwares de monitoramento. enquanto a Troni mantem as voltagens estáveis sem problemas. pois um pode interferir no funcionamento do outro resultando em informações imprecisas. .Software para monitoramento de voltagem: Você pode usar os mesmos software indicados no Guia sobre Super Aquecimento do Processador. Decidi citá-lo aqui mais por curiosidade e por ser bastante comentado entre comunidades de hardware. Já se compararmos a Troni com uma Thermaltake Butterfly 480w e uma Atlas SF-400PS. executando o "Torture Test" no modo "Blend".oportunidade. de tão leve.Prime95. Você precisará: . . :-) Enfim. A "marca diabo" parece feita de papel e isopor. e custa cerca de R$ 30. TTGI e outras com o de uma fonte genérica de baixa qualidade e comprovará que as fontes boas são muito mais pesadas que as fontes genéricas.00 o digital. Veja algumas imagens desses softwares aqui. basta ter os softwares adequados em mãos e saber o que fazer. Você encontra este aparelho em eletrônicas.2. compare o peso de uma fonte Seventeam. Thermaltake. Utilize somente um software de monitoramento de voltagem por vez. Veja aqui um tutorial sobre o Prime95 (abrirá em nova janela). Diagnóstico de Problemas Relacionados à Fonte Uma dúvida que talvez tenha surgido com todas estas informações sobre potência real. Acompanhe os itens abaixo para aprender como diagnosticar esse tipo de problema. SpeedFan ou Asus Probe (se sua placa for da Asus). A Troni. Passo 2: Observe por alguns minutos se em algum momento as voltagens sofrem variações 5% . a Troni fica bem leve. O sensor da placa-mãe pode não ser preciso. este não é um método que deve ser considerado seriamente. é bem mais pesada que a "marca diabo". .1. é se a sua fonte de alimentação é adequada para o seu computador. Para maior precisão. não deixa de ser uma "coincidência interessante" as fontes boas serem mais pesadas que as de baixa qualidade. Diagnosticando Diagnosticar problemas com fonte de alimentação é uma tarefa simples que não exige muito conhecimento por parte do usuário. Afinal. 5.00 o analógico e R$ 70. 5. nominal e fontes genéricas. Um exemplo que pude comprovar.O computador reinicia durante tarefas com alto nível de exigência do processador e/ou placa de vídeo (jogos é um ótimo exemplo). coincidência ou não.

5. graças às fontes de baixa qualidade usadas por leigos e técnicos despreprados ou mal informados. já que a fonte está claramente operando no seu limite.46 V OBS.13 V Máximo Aceitável 12. tornou-se obrigatório investir-se também em uma fonte de boa qualidade. para garantir o bom funcionamento e estabilidade do sistema. 5. mas altamente recomendado.25 V 3. Qual fonte escolho? Veja o item 4. 5.3V Mínimo Aceitável 11. Contudo. . 5. espero que tenha ficado claro para você a importância deste equipamento ao seu computador. Devo trocar de fonte mesmo assim? Não é essencial.6 V 5. é um risco muito grande. Mas devido a desinformação de muitos "técnicos". O que fazer? A fonte de alimentação que você está usando não está suprindo a demanda de energia do seu computador.para mais ou para menos. continuamos vendo micros robustos muito instáveis e com grandes chances de se "auto-destruirem". ou a exigir uma de qualidade quando for comprar seu novo micro. e que este material possa lhe auxiliar na escolha de uma nova fonte de alimentação. 5.6. 6. Devo trocar de fonte mesmo assim? Sim. Definitivamente.2 deste texto. por exemplo). Uma das voltagens atingiu o limite exato do aceitável (12. após a leitura deste texto. se este for o caso. É necessário substituí-la por uma de maior potência e/ou melhor qualidade.6V.: As voltagens do Core variam conforme o processador. As voltagens estão fora da margem de segurança. as voltagens não devem passar dos limites estabelecidos abaixo: Linha +12V +5V +3. Somente uma das voltagens está fora da margem de segurança. poderá danificar permanentemente a própria fonte e até componentes mais caros como placa-mãe. processador e unidades de disco.3. não vale à pena economizar R$ 200.00 em uma fonte de baixa qualidade arriscando um computador 10 vezes mais caro que isso. ou seja. Portanto.4 V 4.4.7.5.75 V 3. Conclusão Com processadores e placas de vídeo de alto consumo. pode causar algum dano? Além dos possíveis problemas de estabilidade. Continuar usando o computador com voltagens fora da margem de segurança.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->