P. 1
Pecado e Suas Consequencias

Pecado e Suas Consequencias

4.0

|Views: 22.893|Likes:
Publicado porac_henrique

More info:

Published by: ac_henrique on Nov 21, 2008
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/16/2014

pdf

text

original

O PECADO E SUAS CONSEQÜÊCIAS

Objetivo dessa palavra Essa palavra tem como objetivo levar as pessoas a entenderem as conseqüências dos pecados em nossas vidas. A partir daí se arrependerem deles, confessando-os especificamente. Aqui já não aborda a questão como um estilo de vida e sim como algo que aconteceu. Por isso tem nome e dia onde foi praticado. Apelo O apelo dessa palavra é para quem se arrepende de pecados sabidos e praticados e que querem confessar diante do Senhor para ficarem livres deles e de suas conseqüências.

Introdução
A bíblia não diz qual foi a origem do pecado. O pecado já existia antes do Éden. A primeira menção sobre o pecado vem através da REBELIÃO de um anjo, um QUERUBIN, chamado LUCIFER. Nós só sabemos que o pecado, no homem, começou no Éden.

1) O que é o pecado?
É transgressão, é erro, é iniqüidade, é fracasso, é contravenção, é falta de lei, é injustiça e é um mal insolúvel. Mas é principalmente a única coisa que pode nos afastar de Deus e é essa a principal intenção de Satanás: Nos afastar do SENHOR. (Isaias 59:1-2) “1. Eis que a mão do SENHOR não está encolhida, para que não possa salvar; nem surdo o seu ouvido, para não poder ouvir. 2. Mas as vossas iniqüidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que vos não ouça.”

1

Além de ser a violação de uma certa ordem moral e social é, antes de tudo, uma ruptura de uma relação pessoal entre o homem e Deus. A característica mais notável do pecado, em todos os aspectos, é que é orientado contra Deus. Isso fica claro nos seguintes versículos (Sl 51:4). No Salmo 51 vemos Davi dizendo o seguinte:
“Pequei contra ti, CONTRA TI SOMENTE, e fiz o que é mau perante os teus olhos, de maneira que serás tido por justo no teu falar e puro no teu julgar.”

O 1º pecado do homem, o chamado pecado original, foi no Éden (Gn 3:6). Quando Adão e Eva desobedeceram ao Senhor tomando para si um conhecimento que Deus lhes tinha restringido. Muitos questionam: Mas, por que Deus tinha restringido esse conhecimento? Será que Deus é egoísta e queria esse conhecimento somente para ELE? Não ! Deus tinha restringido esse conhecimento, porque o homem não estava preparado para aquele tipo de conhecimento. A prova disso é que depois do ocorrido o homem a cada dia que passa está moralmente e emocionalmente ficando pior. Enquanto o homem não tinha esse conhecimento ele vivia bem ao lado do SENHOR. Mas, depois de ter esse conhecimento, foi lhe revelado a suas mazelas e fragilidades. Ele agora tem conhecimento de suas mazelas e fragilidades, mas não tem solução para elas.

Porque eu peco contra Deus? Porque foi Ele quem estabeleceu as leis e
os princípios de vida pelos quais nós vivemos e nos movemos. E quando infligimos esses princípios, além de ter conseqüências sobre as nossas próprias vidas, nós desobedecemos ao Senhor. Quando nós desobedecemos, de

certa forma nós estamos dizendo que somos melhores que Deus ou no mínimo igual a Ele, pois desconsideramos o que Ele estabeleceu. 2) Conseqüências do Pecado.
A primeira coisa que você precisa saber é que você não escolhe as conseqüências dos seus atos. As escolhas devem ser exercidas em cima dos seus atos, de suas atitudes. Você deve escolher o que fazer diante de uma determinada situação, as conseqüências são frutos. Os frutos são aquilo que você vai colher. O que você tem colhido? Os frutos irão determinar

se você fez a escolha certa ou a errada.

2

Inevitavelmente em todos os momentos que pecamos, isso acarretará conseqüências sobre as nossas vidas. Imagine você ver um fio desencapado, onde tem corrente elétrica, com uma placa dizendo: “não toque”. Caso você desrespeite a placa e pegue no fio, o que acontecerá? Choque. Isso é exatamente o que acontece quando desrespeitamos os princípios estabelecidos por Deus. Eles foram estabelecidos para o nosso bem e de nossos semelhantes. Caso nós os desprezarmos é certo que as conseqüências virão.

E quais são as CONSEQÜÊNCIAS do PECADO? 1ª. Conseqüência – NOS AFASTA DE DEUS.
A pior conseqüência do pecado é que ela nos afasta de Deus. O único poder capaz de nos afastar de Deus é o pecado. Deus é santo e sua santidade destrói aquilo que não é santo. Quando a luz chega ela automaticamente destrói as trevas. Trevas simboliza o PECADO, e onde a LUZ do SENHOR chega não há espaço para as trevas. Para que o homem não seja destruído pela santidade de Deus, Ele se afasta do homem quando este peca. Isso aconteceu com Adão. Sem sombra de dúvida essa é a pior conseqüência. Aquele que passa por essa vida e escolhe viver sem o SENHOR, escolhe viver em PECADO, está trazendo para si o que a Bíblia chama de segunda morte. O que é a segunda morte? É viver distante do SENHOR

por toda a ETERNIDADE. 2ª. Conseqüência – DÁ LEGALIDADE AO DIABO PARA DESTRUIR SUA VIDA.
O que é Legalidade? Legalidade é a permissão dada ao diabo para prejudicar você. Que na verdade, somente você pode dar ao diabo. Aqueles que estão em Cristo, o diabo não pode tocá-los. Porém, se eles pecam, eles mesmos dão ao diabo as condições para atormentá-los. Ninguém tem mais autoridade

sobre a sua vida do que você mesmo! O que você tem feito com essa autoridade que você tem sobre a sua vida? Você tem dado legalidade para o diabo atuar!

3

Muitos são oprimidos pelo diabo porque estão em completo pecado. Pior é que muitos ficam até possessos de demônios por causa de pecados cometidos de forma rotineira e voluntária. Muitos estão com problemas terríveis no casamento, com filhos, com a saúde, financeiros, na empresa, no emprego, nos relacionamentos e a maior parte da causa disso são conseqüências de pecados. Quantos aqui dentro não vivem oprimidos por causa de acusação que o diabo faz sobre a sua vida por causa de pecados que você cometeu? Esse é o caminho mais usado pelo diabo para oprimir alguém.

3ª. Conseqüência – INSENSIBILIDADE.
A lepra é um símbolo do pecado. E a lepra enquanto come o corpo de alguém lhe tira toda a sensibilidade. Se não fosse assim as pessoas leprosas morreriam de dor. O pecado é da mesma forma, ele nos destrói e ainda por cima tira nossa sensibilidade para o que está acontecendo. Querem enxergar uma prova disso que estou dizendo? Quantos filhos destroem suas famílias por consumir drogas e nem sente o que fazem? O que é isso? Insensibilidade ao pecado. Deus criou em você um espírito. O nosso espírito tem capacidade para ouvir a voz de Deus, mas o pecado tira essa sensibilidade. De repente todos ao nosso redor estão ouvindo a voz do SENHOR e nós não. Quando vamos averiguar o porquê disso, descobrimos que estamos em pecado e isso nos tornou insensível à voz de Deus. Você está sensível a voz do SENHOR ou o

PECADO o tem impedido de ouvi-LO? 4ª. Conseqüência – INCREDULIDADE.
Às vezes as pessoas pecam tanto que de um determinado momento para frente elas se tornam completamente incrédulas quanto as conseqüências de seus pecados e chegam ao ponto de até duvidar se o que estão fazendo é realmente pecado. A dúvida diante da verdade estabelecida por Deus chama-se INCREDULIDADE. O pecado rotineiro cauteriza a pessoa ao ponto dela achar que aquele pecado que ela esta praticando normalmente e às vezes diariamente é algo normal. Isso gera em seu coração um bloqueio que a Bíblia chama de Incredulidade.
4

Incredulidade é o contra ponto da FÉ. É a falta de certeza e convicção na Palavra de Deus. É não CONFIAR que o que Deus diz, que os PRÍNCIPIOS estabelecidos na Palavra do SENHOR é o melhor para nossas vidas.

5ª. Conseqüência – PRISÃO.
Para alguns que sabem que pecaram, isso se torna em segredos para eles e isso os levam a ficarem presos neles mesmos com medo de que as pessoas descobrem o que fizeram. Porém, quando esse pecado se torna algo rotineiro, ou seja, um VÍCIO, essa prisão se torna algo ainda pior, pois, agora esse vicio irá domina-lo. Tal pessoa estará literalmente presa. Ela pode andar para direita ou para esquerda, mas está aprisionada em sua alma e corpo. Nesse ponto o diabo está a um passo de atingir se objetivo final.

6ª. Conseqüência – LEVA A COMETER OUTRO PECADO.
A bíblia diz que um abismo chama outro abismo, ou seja, um pecado chama outro pecado. Alguém trai seu cônjuge e depois para encobrir o erro mente para o próprio cônjuge. Quantas histórias nós sabemos desse tipo. Um pecado tem o poder enorme de atrair outros pecados e assim por diante.

7ª. Conseqüência – TRAZ JUÍZO DE DEUS.
Não se iluda com relação ao juízo de Deus. Ele virá! Deus não o terá por inocente, ou alguém que foi simplesmente enganado por satanás. Ele te criou com poder de escolha. O único responsável por suas escolhas é você! Tanto no presente quanto no futuro o juízo de Deus sobre o pecado é certo e claro. Não adianta pensarmos ou tentarmos escapar de suas conseqüências. Um dia elas virão sobre nossas vidas. (Romanos 6:23)

3) Abra os olhos.
Praticamente tudo que tem acontecido na sua vida de ruim é conseqüência de pecados. O intuito da carne, do diabo e o do mundo é de fazer você pecar. Essa é a única forma de te afastar de Deus. Por isso os seus inimigos investirão muito para que você peque.
5

4) O pecado escondido.
Todos nós temos pecado, mesmo que ele esteja escondido lá no fundo e às vezes nem nós estamos vendo. O diabo faz tudo para que eu pense que não tenho pecado. Porque assim como a lepra mata as pessoas sem elas sentirem que estão morrendo, ele (o diabo) quer fazer a mesma coisa com você. Com certeza sua consciência te avisou que algo que você faz não é certo. No caso de você continuar a fazer, a sua consciência vai deixando de falar até que ela fica toda cauterizada e não fala mais, mas com certeza você sabe que um dia ela falou sobre o que você fez.

5) Pecados
Os pecados podem ser de diversas formas, desde os mais claros e óbvios quanto aos mais encobertos e difíceis de reconhecê-los. Pecados óbvios - Matar; - Adulterar; - Roubar; - Mentir e assim por diante. Pecados não tão óbvios a) Com os pais Tratar os pais de forma inadequada e desonrosa. Honrar pai e mãe é o primeiro mandamento com promessa. Quer viver muito? Honre seu pai e sua mãe. É pecado diante de Deus ter uma atitude de desrespeito aos pais, não importa quem sejam. Os Pais não devem ser criticados ou medidos, mas amados. b) Com os filhos Devem ser amados e ensinados e nunca largados como se não fossem responsabilidade nossa. Temos que ensinar e colocar os limites aos quais eles devem andar e viver. c) Com os Cônjuges
6

Foi Deus quem criou o casamento. E eles devem ser respeitados como a palavra de Deus o diz.

*PASSAR O FILME (JOGOS MORTAIS) 6) Como vencer o pecado? a) Arrependendo-se
Arrependimento é reconhecimento de erro e disposição de não mais fazer o que vem sendo feito. Arrependimento não é remorso pelo que fez. O remorso gera culpa e leva a pessoa ao caminho da depressão. Arrependimento também não é bom senso de ver que o que fez é errado e que não deveria ter sido feito. Arrependimento é a convicção interior produzida pelo Espírito Santo de erro e de que o que foi feito afrontou o Deus vivo. O arrependimento gera inicialmente tristeza e posteriormente uma firme disposição de mudança de vida. O arrependimento vem quando a luz de Deus chega às nossas vidas e nós passamos a nos enxergar de tal forma que a única coisa que nos resta é nos quebrantarmos diante de nosso Deus. A grande conseqüência imediata do arrependimento é nosso quebrantamento.

b) Sendo radical
Depois do arrependimento a próxima atitude a ser tomada é ser radical com aquilo que te fazia pecar diante de Deus. Deixe completamente aquela atitude. A bíblia diz que se teu olho te faz pecar arranca ele e joga fora. Se tua mão te faz pecar corta ela. Isso fala de radicalidade contra o pecado. O pecado acaba matando sua vida, seus sonhos e sua família, então mate em sua vida aquilo que está te matando. Seja radical contra o pecado.

c) Salmo 51
O salmo 51 é um ótimo exemplo de alguém que pecou, mas entendeu que esse pecado o afastava de Deus e trazia terríveis conseqüências sobre sua vida. Por isso o salmista (que era o rei Davi) se arrependeu, e mais, escreveu seu arrependimento para nos servir de exemplo.

7

Conclusão
1) Arrependa-se; 2) Abra o coração para o Senhor; 3) A luz Dele está aqui, aproveite e se enxergue; 4) Confesse para Deus cada um dos seus pecados que o Espírito Santo te fará lembrar agora; 5) Confesse com choro e quebrantamento, e o Senhor restaurará a alegria da salvação e lhe dará um espírito inabalável.

Apelo.

8

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->