P. 1
projeto-fora-dengue-

projeto-fora-dengue-

|Views: 173|Likes:
Publicado porjandar_luiza

More info:

Published by: jandar_luiza on Feb 23, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/12/2013

pdf

text

original

PROJETO

1

ESTADO DE MATO GROSSO P REFEITURA MUNICIPAL DE TERRA NOVA DO NORTE – MT CÂMARA DE VEREADORES DE TERRA NOVA DO NORTE - MT ASSESSORIA PEDAGÓGICA DO ESTADO DE TERRA NOVA DO NORTE – MT SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E DESPORTO SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE ESCOLA MUNICIPAL VISTA ALEGRE ESCOLA MUNICIPAL MONTEIRO LOBATO ESCOLA MUNICIPAL CHAPEUZINHO VERMELHO ESCOLA ESTADUAL CHAPEUZINHO VERMELHO ESCOLA ESTADUAL 12 DE ABRIL ESCOLA ESTADUAL NORBERTO SHWANTES ESCOLA ESPECIAL RESNASCER – APAE

2

SUMÁRIO:

I - IDENTIFICAÇÃO: ..........................................................................................................................3 II - PARCERIAS: ..................................................................................................................................4 III – INTRODUÇÃO: ............................................................................................................................4 IV - JUSTIFICATIVA: .........................................................................................................................5 V - OBJETIVOS: ...................................................................................................................................6 VI - METODOLOGIA: .........................................................................................................................7 VII - CONTEÚDOS: ..............................................................................................................................7 VIII – AVALIAÇÃO: ............................................................................................................................9 IX – CRONOGRAMA: .......................................................................................................................10 X - PRODUTO FINAL: ......................................................................................................................11 XI – BIBLIOGRAFIA: ........................................................................................................................11 XII – ANEXOS: ....................................................................................................................................12

3 I - IDENTIFICAÇÃO: Escola Municipal Vista Alegre. Rua: Ambava S/Nº

Bairro Vista Alegre Telefone: (66) 3534-1054. Modalidades: Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos – EJA. Regime: Seriado e Semi Presencial. Diretora: Jocelia Maria Cazali Dal Pupo. Coordenadoras: Maria Apª. F. Buz – 1ª a 4ª Série - EJA 1º Segmento. Maria Giselia da Silva Sena – 1ª a 4ª série. Ivaní M. Mota - 5ª a 8ª Série – EJA 2º Seguimento Escola Municipal Monteiro Lobato – Educação infantil Rua: Bairro: Vista Alegre. Telefone: 84099312 Modalidade: Educação Infantil. Telefone: 84131951 Diretora: Maria Giovana Rodrigues Kuhn Coordenadora: Neiva Luzia de Oliveira. Educ.Inf. I e II. Escola Municipal Chapeuzinho Vermelho. Escola Estadual Chapeuzinho Vermelho. Rua: São Pedro Nº 266 Bairro: Centro Telefone: 3534-2077 Modalidade: Ensino Fundamental, EJA – Projeto Beija Flor, Ensino Médio. Regime: Seriado e Semi-presencial. Diretor: Luiz Garcia Júnior Coordenadoras: Isaura Gorete De Carli. – 1ª a 4ª Série. Alexandra Magalhães Frighetto. 5ª a 8ª e Ensino Médio. Escola Estadual Norberto Shwantes. Rua: Castelo Branco S/Nº Bairro União. Telefone: 3534-1492 Modalidade: Ensino Fundamental. Regime: Seriado e Ensino de Nove Anos. Diretora: Regina Fanin. Coordenadora: Lúcia Ana Fernandes - de 1ª a 8ª Séries. Escola Estadual 12 de Abril. Avenida: 12 de Abril. Nº 5869 Bairro: Centro Telefone:3534-1217 Modalidade: Ensino Fundamental de 5ª a 8ª Séries e Ensino Médio. Regime: Seriado e Presencial. Diretora: Maria Célia Antunes Rodrigues Coordenadoras: Maria Apª. F. Buss – 5ª a 8ª e Ensino Médio Maristela Garcia Pereira.- 5ª a 8ª e Ensino Médio Escola Especial Renascer – APAE - Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais. Travessa: APAE Nº 54 Bairro: Centro. Telefone: 3534-1294 Modalidade: Educação Infantil, Ensino Fundamental, EJA e Profissionalizante. Regime: Ciclado. Diretora: Sheila Daguetti Coordenadora: Sheila Daguetti

4 II - PARCERIAS: Prefeitura Municipal de Terra Nova do Norte. Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desporto.

Secretaria Municipal de Saúde. Assessoria Pedagógica do Estado de Mato Grosso Terra Nova do Norte. Escolas Municipais. Escolas Estaduais. Universidades: NEAD, UFMT e EDUCON. ROTARACT. Casa da Amizade. ROTARI. Loja Maçônica. Coopernova. Cooperagrepa. Televisão SBT de Terra Nova do Norte. Rádio Nova FM de Terra Nova do Norte. III – INTRODUÇÃO O objetivo deste trabalho é oferecer subsídios que oriente a população de Terra Nova do Norte, no combate às doenças infecciosas, neste projeto em pauta a Dengue urbana e conseqüentemente, também o provimento de conhecimentos para a formação continuada de educadores a ela dedicados, buscando erradicar os males que afligem os nossos alunos, privando – os da sala de aula por estarem sempre acometidos de alguma doença. Na reflexão pedagógica sobre esse tema educativo, tem especial relevância a consideração de sua dimensão social, pois os perigos de uma infecção não escolhem classes sociais, todos estão sujeitos a contrair moléstias às vezes por falta de orientação educacional. A Educação é uma referência importante, pois a mesma destaca o valor educativo do diálogo e da participação, a consideração do educando como sujeito portador de saberes, que devem ser reconhecidos. Os educadores de nosso município identificados com esses princípios têm procurado, nos últimos anos, reformular suas práticas pedagógicas, atualizando-as ante novas exigências culturais e novas contribuições das teorias educacionais. Muitos professores que integram os programas de educação têm ou já tiveram experiências com a Dengue e sabem o prejuízo sofrido por parte do educando e também do professor, pois o educador também não está imune, baseados nessa experiência, colocam-se em questões e dispostos a trabalhar o tema envolvendo métodos e conteúdos explícitos nos temas transversais. Este projeto abrange todas as áreas, considerando a importância deste tema e a possível arte educativa de um trabalho conjunto, além do que permite adequar os conteúdo programáticos às necessidades e interesses de todos os envolvidos.

5 IV - JUSTIFICATIVA:

Nós educadores e sabedores do grande instrumento que temos em nossas mãos, resolvemos fazer um trabalho conjunto envolvendo todas as escolas da rede municipal e estadual na construção de um projeto de sensibilização dos alunos do ensino público e comunidades para prevenção da DENGUE, visto que este mal vem assolando o nosso Município, pois grande é o número de pessoas contaminadas e a proliferação está fugindo do controle, fazendo se necessária à união da Educação e a Saúde, por que não de toda a população de Terra Nova do Norte para combater essa doença infecciosa aguda, presente em 3600 municípios brasileiros. Incluindo Terra Nova do Norte. A DENGUE é transmitida pela picada do mosquito (Aedes aegypti) infectado, geralmente nas regiões urbanas. Os vírus inoculados pelos mosquitos, se multiplicam, nos linfonodos e invadem o sangue. Após o período de incubação de 3 a 6 dias, o indivíduo apresenta febre elevada, calafrios, dores de cabeça, musculares e nas articulações. Após alguns dias surge sangramento gástrico que origina o (vômito negro), lesões no fígado, rins e icterícia. Não existe tratamento específico contra a dengue, o que devemos fazer é permanecer em total repouso tomando bastante líquido, é importante ressaltar que o uso de medicamentos que contém ácido acetil, usado para aliviar dores e febre pode aumentar ainda mais o risco de sangramento, caso apareça esses sintomas o correto é procurar imediatamente orientação médica. Sabedores da causa, a preocupação com nossos alunos e também com nossos familiares, surgiu à idéia do Projeto “Fora Dengue”, para que por meio deste instrumento, possamos fazer um trabalho integrado através de todas as disciplinas, sem abandonar os conteúdos programados em planejamento, mas dando a esses conteúdos a possibilidade de enriquecimento com dados coletados na internet, nas experiências próprias e de outros, por meio de depoimentos de pessoas que passaram pela doença, palestras e trabalhos de campo, pois é notório que somente a conscientização da população é a melhor maneira para se combater o mosquito e podermos erradicar a dengue no município de Terra Nova do Norte. A idéia em fazer um trabalho em conjunto com todas as escolas, justifica-se pela tentativa de unir as forças educacionais fechando assim o cerco do mosquito transmissor e desta forma preservar a vida e conservar a saúde da população.

6 V - OBJETIVOS:

O modelo de prevenção de saúde idealizado pelas Escolas Municipais e Estaduais prevê os seguintes objetivos: • • • • • • • • • • • • • • • Melhorar a qualidade de vida e as condições de saúde da população; Combater através da atitude preventiva o mosquito essencialmente doméstico e transmissor da dengue; Saber que o lixo doméstico está agregado diretamente aos perigos dos potenciais criadouros o do mosquito aedes aegypte; Relacionar o acúmulo de lixo em lugares indevidos com a proliferação de doenças infecciosas; Sensibilizar as crianças, adolescentes, jovens e adultos para as questões relacionadas à Dengue; Multiplicar os conhecimentos referentes à dengue através dos alunos aos familiares e vizinhos; Fazer um trabalho interdisciplinar, sobre os perigos da dengue, sem abandonar os conteúdos planejados para o bimestre; Aplicar trabalhos de campo através de visitas às moradias, comércio e locais abandonados; Coletar materiais para estudos em sala de aulas, tais como o mosquito, ovos e larvas; Redigir textos, formar frases e outras atividades correspondentes; Desenhar, mapear e descrever temas correspondentes alusivos à dengue; Construir gráficos, legendas fazendo uso da estatística, através de dados coletados durante o trabalho e de dados já existentes; Perceber-se integrante, dependente e agente transformador do ambiente, identificando seus elementos e as interações entre eles, contribuindo ativamente para a melhoria do espaço geográfico em que vive; Conhecer e cuidar do próprio corpo, valorizando e educando hábitos saudáveis como um dos aspectos básicos da qualidade de vida e agindo com responsabilidade em relação à sua saúde e à saúde coletiva; Expor os trabalhos realizados pelos alunos.

7

VI - METODOLOGIA Para que a ação pedagógica, envolvendo todas as escolas urbanas tenha sucesso requer que a equipe escolar faça um trabalho conjunto, cujo o objetivo primordial seja a aprendizagem e a conscientização de todos os alunos e alunas, pais e população, conquistando sua autonomia e despertando para a aprendizagem coletiva por meio das seguintes metas: • Palestras com os agentes da saúde por escola em dia agendado. • Fazer uso do mapa dos bairros e centro de Terra Nova do Norte para distribuição das tarefas de pesquisa de campo. • Durante a pesquisa de campo fazer visita às famílias, orientando às mesmas quanto ao criadouro do mosquito e lixos acumulados. • Elaborar um cronograma de atividades para cada escola. • Divulgar com antecedência o dia “D” de cada unidade escolar, distribuindo convites e fazendo uso dos meios de comunicação presentes na mídia. • Trabalhos em parcerias com as escolas e secretarias de Educação, Saúde, Assessoria Pedagógica, Prefeitura Municipal, Câmara de Vereadores, Entidades filantrópicas e a mídia em geral. • Planejar as aulas diariamente, de acordo com os dados fornecidos e coletados durante as pesquisas de campo, internet e entrevistas. • Coletar amostras de larvas acompanhados dos agentes da saúde. • Definir metas e ações alternativas que envolvam os interessados. • Retomar os conteúdos e habilidades dando ênfase a conscientização e combate a Dengue. • Observar e incentivar a freqüência e a participação dos alunos nas aulas, despertando o interesse do aluno para o assunto “dengue” em questão. • Valorizar a capacidade que cada um tem de aprender a aprender conservar a própria saúde valorizando a vida. • Reunir sempre que necessário para discutir novas metas, idéias e se está havendo progresso nas atividades que estão sendo aplicadas. • Trabalhar com grupos envolvendo a arte do teatro, produção e interpretação de textos, criar frases, paródias, gráficos, legendas e porcentagens, expondo por meio de painéis, cartazes e fixá-los em lugares mais freqüentados pela população. • Divulgar os trabalhos realizados pelos alunos. • Dar condições de trabalho para o professor da área ou disciplina no fornecimento de apoio pedagógico e materiais necessários para o desenvolvimento das aulas. • Desenvolver projetos integrados ao tema “Fora Dengue” • Participar do concurso que finaliza o projeto. VII – CONTEÚDOS: Considerando os objetivos apresentados, divisa-se um grande conjunto de possíveis conteúdos a serem desenvolvidos de forma significativa com os alunos do Ensino Fundamental, Ensino Médio, EJA- Educação de Jovens e Adultos, Educação Infantil, Educação Especial e que em todas as modalidades de ensino apresentam pessoas que são freqüentemente diferentes entre si, com opiniões e habilidades heterogêneas, que voltam à escola em busca de maior inserção social e melhor qualificação para o mercado de trabalho. Como se sabe, não é possível ensinar todos os conceitos 8

científicos (“dar tudo”) aos alunos. O Projeto não dispõe da mesma quantidade de aulas e sim de alguns dias reservados no cronograma. Daí a importância de selecionar e organizar bem os conteúdos. Isso exige, porém, analisá-los sob diversos ângulos, refletindo sobre quais são os mais adequados ao grupo de alunos de cada classe/ série. Assim nesta proposta do Projeto “Fora Dengue”, os estudos sobre os conteúdos foram organizados em modos distintos e complementares às áreas ou disciplinas correspondestes sem prejudicar mas com o intuito de enriquecer o planejamento do professor.Para a realização deste projeto foram selecionados pela equipe pedagógica de coordenadores das escolas na zona urbana e a equipe da saúde os seguintes conteúdos: • A importância de reconhecer e promover os recursos para o bem-estar e a saúde dos indivíduos da comunidade escolar; • A concepção de saúde como produto dinâmico de relações culturais e ambientais, ambas essenciais ao desenvolvimento humano; • Analisar as questões relativas ao corpo humano, incentivar que o estudante conheça melhor seu próprio corpo, relacionando – o à imunidade para contrair doença infecciosas.; • Trabalho de campo; • O uso da disciplina de ciência e da tecnologia para realizar os trabalhos; • Elaborar e validar hipóteses; • Organizar dados e informações por meio de desenhos, gráficos, tabelas ou esquemas; • Analisar, sintetizar, interpretar, redigir e comunicar as informações; • Produzir texto informativo utilizando linguagem corrente e terminologia adequada, sobre assuntos relativos a Dengue. • Interpretar os dados coletados por meio de gráficos e resolução de problemas envolvendo porcentagens e outros; • Curiosidade a respeito da Dengue; • Persistência na busca e na compreensão das informações e das provas obtidas por investigações; • Conservação do ambiente eliminando lixos criadouros do mosquito aedes aegypti; • Perspectiva de equilíbrio entre a saúde e a doença; • Alternativas para reduzir o percentual de casos de Dengue em nosso Município; • Coleta, organização, interpretação e divulgação de informações sobre o mosquito transmissor da Dengue, • Valorização das medidas de proteção quanto ao uso de medicamentos em caso de Dengue; • Estudo da história e origem da Dengue; • Dengue no Brasil; • Regiões e Estados brasileiros infestados e com epidemias causadas pelo mosquito da Dengue; • Índices da população com Dengue em Terra Nova do Norte; • Atividades através de desenhos e cartazes; • Produção de teatros e paródias; • Produção de textos; • Produção de frases.

9

VIII - AVALIAÇÃO: A avaliação das atividades realizadas deve se dar ao longo da execução do projeto, isto é: depois de cada uma das atividades desenvolvidas (avaliação externa ou auto-avaliação) no dia a dia e ao final do projeto. Avaliar sobre o processo de trabalho e sobre o produto, verificando seu valor do ponto de vista social etc. A avaliação deve servir também para diagnosticar pontos positivos e negativos do projeto, de forma a modificá-lo ou a estabelecer novos parâmetros para novos projetos a serem desenvolvidos posteriormente.

Vírus da Dengue em célula infectada

10

IX - CRONOGRAMA: Das atividades dos agentes da Saúde. Escola Escola Municipal Vista Alegre Escola Municipal Vista Alegre Escola Municipal Vista Alegre Escola Municipal Vista Alegre Escola Municipal Vista Alegre Escola Municipal Vista Alegre Escola Municipal Monteiro Lobato Escola Municipal Monteiro Lobato Escola Municipal Monteiro Lobato Escola Municipal Monteiro Lobato Escolas Mun.Estad. Chap. Vermelho Escolas Mun.Estad. Chap. Vermelho Escolas Mun.Estad. Chap. Vermelho Escolas Mun.Estad.Chap. Vermelho Escolas Mun.Estad. Chap. Vermelho Escolas Mun.Estad. Chap. Vermelho Escola Estadual Norberto Shwantes Escola Estadual Norberto Shwantes Escola Estadual Norberto Shwantes Escola Estadual Norberto Shwantes Escola Estadual 12 de Abril Escola Estadual 12 de Abril Escola Estadual 12 de Abril Escola Estadual 12 de Abril Escola Estadual 12 de Abril Escola Estadual 12 de Abril Escola Especial Renascer- APAE Escola Especial Renascer- APAE ***************************** * Encerramento: ( todas as Escolas) NOTA -01 • Campo.
• A partir do Trabalho de Campo, os professores terão os dias agendados pela coordenação da escola para trabalhar os conteúdos e concluir o trabalho.

Modalidade Ens.Fund..5ª/8ª Ens.Fund..1ª/4ª EJA.1ª/2º/3º.Seg. Ens.Fund..5ª/8ª Ens.Fund..1ª/4ª EJA.1ª/2º/3º.Seg. Educ.Infantil. I e II Educ.Infantil I e II Educ.Infantil I e II Educ.Infantil I e II Ens.Fund. 1ª a 8ª Ens.Fund. 1ª a 8ª Ens. Médio Ens.Fund. 1ª a 8ª Ens.Fund. 1ª a 8ª Ens. Médio Ens.Fud.1ª/4ª Ens.Fund.5ª/8ª Ens.Fud.1ª/4ª Ens.Fund.5ª/8ª Ens.Fund. e Médio Ens.Fund. e Médio Ens.Fund. e Médio Ens.Fund. e Médio Ens.Fund. e Médio Ens.Fund. e Médio Educ.Especial Educ.Especial *************** Data Prevista:

Atividade Palestra Palestra Palestra T.Campo T.Campo ******** Palestra Palestra T.Campo T.Campo Palestra Palestra Palestra T.Campo T.Campo ******* Palestra Palestra T.Campo T.Campo Palestra Palestra Palestra T.Campo T.Campo ******* Palestra T.Campo ******** ********

Turno Mat Vesp Not Mat Vesp Not Mat Vesp Mat Vesp Mat Vesp Not Mat Vesp Not Mat Vesp Mat Vesp Mat Vesp Not Mat Vesp Not Vesp Vesp ***** *****

Dia 17 / 03 17 / 03 17 / 03 18 / 03 18 / 03 18 / 03 27 / 03 27 / 03 27 / 03 27 / 03 01 / 04 01 / 04 01 / 04 02 / 04 02 / 04 ****** 24 / 03 24 / 03 25 / 03 24 / 03 03 / 04 03 / 04 03 / 04 04 /04 04 /04 ****** 28 / 03 28 / 03 ****** 25 / 04

Hora 7 :30 13 : 30 19 : 30 7 : 30 13 : 30 19 : 30 7 : 30 13 : 30 9 : 00 15 : 00 7 : 00 13 : 30 19 : 30 7 : 30 13 : 30 ****** 7 : 30 13 : 30 7 : 30 13 : 30 7 : 30 13 : 30 19 : 30 7 : 30 13 : 30 ****** 13 : 30 13 : 30 ****** 19 : 00

Início do Projeto – “FORA DENGUE”- 1º dia Palestra

2º dia .Trabalho de

NOTA – 02 A Escola receberá ofício comunicando o local,dia e hora, para o encerramento oficial do Projeto. “FORA DENGUE,” com a premiação dos primeiros colocados escolhidos pela escola e inscritos como trabalhos que se destacaram.

11 X - PRODUTO FINAL: As atividades dedicadas a elaborar o produto final constituem uma etapa essencial do projeto. É esse produto que permitirá divulgar os resultados das investigações realizadas para toda a escola ou para a comunidade. Sendo assim no final da realização do Projeto “Fora Dengue” espera – se:
• • • • • • Que cada escola realize o seu evento, classificando os melhores trabalhos, podendo premiá – los com diplomas ou troféus; Fica a critério de cada escola as colocações, desde que seja selecionado o 1º colocado para participar da final deste projeto; Todos os trabalhos classificados, deverão ser inscritos na Secretaria Municipal de Educação para a participação de uma nova classificação onde será escolhido o trabalho para posterior premiação em data já explícita no cronograma; Todas as escolas participantes do projeto “Fora Dengue” serão premiadas; Fixar em lugares estratégicos, os cartazes, textos e frases, logo após a premiação pata a apreciação do público. Divulgar na Internet no Site www.seligaterra.com

X – BIBLIOGRAFIA:

• •

Castro MG, Nogueira RMR, Schatzmayr HG, Miagostovich MP, Lourenço-de-Oliveira R. Dengue vírus detectado, usando reverso transcriptionpolymerase chain reação na saliva e progeny of experimentally Aedes albopictus infectado do Brasil. Memórias Instituto Oswaldo Cruz, 2004,99:809-814 Serufo JC, de Oca HM, Tavares VA, Souza AM, Rosa RV, Jamal MC, Lemos JR, Oliveira MA, Nogueira RM, Schatzmayr HG. Isolação de dengue vírus tipo 1 de uma larva do Aedes albopictus no Campos Altos city, Stado de Minas Gerais, Brasil. Memórias Instituto Oswaldo Cruz, 1993,88:503-4. Tauil PL. aspectos cíticos de dengue controladas no Brasil. Cadernos de Saúde Pública, 2002, 18:867-871. Lourenço-de-Oliveira R, Honório NA, Castro MG, Schatzmayr HG, Miagostovich MP, Alves JCR, Silva WC, Leite PJ and Nogueira RMR. Dengue Vírus Type 3 Isolation from Aedes aegypti in the municipality of Nova Iguaçú, State of Rio de Janeiro. 2002; 97:799-800. Lourenço-de-Oliveira R, Vazeille M, Bispo AM, Failloux AB. Large genetic differentiation and low variation in vector competence for dengue and yellow fever viruses of Aedes albopictus from Brazil, the United States, and the Cayman Islands. The American journal of tropical medicine and hygiene, 2003,69:105-114. Miller, B. R., M. E. Ballinger. Aedes albopictus mosquitos introduzido no Brasil: vecter competence por amarelo fever e dengue virús. transmissão da nobre Sociação do Tropical Medicina e higiene.1988,82:476-477. Nogueira RMR, Miagostovich MP, Schatzmayr HG, Santos FB, Araújo ESM, Filippis AMB, Souza RV, Zagne SMO, Nicolai C, Baran M, Teixeira Filho G. Dengue no estado do Rio de Janeiro, Brasil, 1986-1998, Rio de Janeiro, RJ, Brasil, Memórias Instituto Oswaldo Cruz, 1999,94:297-304.

12 XI - ANEXOS: 1-)

Aedes Aegypty

13 2-)

14 3-)

15 4-) DENGUE NO BRASIL

Em 10 anos, dobrou o número de Municípios infestados pelo mosquito transmissor da Dengue.

16 5-) Roteiro doméstico de combate ao mosquito

PRATINHOS DE VASOS DE PLANTAS OU DE XAXINS, DENTRO E FORA DE CASA Elimine o prato ou vire-o. Escorra a água. Coloque areia até a borda do pratinho. BROMÉLIAS OU OUTRAS PLANTAS QUE POSSAM ACUMULAR ÁGUA É preciso tratá-las com água sanitária na proporção de 1 colher de sopa para 1 litro de água, regando, no mínimo, duas vezes por semana. Tire sempre a água acumulada nas folhas. LIXEIRAS: DENTRO E FORA DE CASA Feche bem o saco plástico e mantenha a lixeira tampada. TAMPINHAS DE GARRAFAS, LATINHAS, CASCA DE OVO, SAQUINHOS PLÁSTICOS DE CIGARROS, EMBALAGENS PLÁSTICAS E DE VIDRO, COPOS DESCARTÁVEIS OU QUALQUER OUTRO OBJETO QUE POSSA ACUMULAR ÁGUA. Coloque tudo em um saco plástico, feche bem e jogue no lixo. VASILHAME PARA ÁGUA DE ANIMAIS DOMÉSTICOS Lave com bucha e sabão em água corrente, pelo menos uma vez por semana. VASOS SANITÁRIOS Deixe a tampa sempre fechada ou cubra com plástico fixado com fita adesiva. Em banheiros pouco usados, dê descarga uma vez por semana. RALO DE COZINHA, DE BANHEIRO, DE SAUNA E DE DUCHA Verifique se há entupimento. Mantenha-o limpo, jogando água sanitária ou outro desinfetante semanalmente. Se não estiver utilizando-o, mantenha fechado. BANDEJA EXTERNA DE GELADEIRAS Retire sempre a água. Lave a bandeja com água e sabão semanalmente. SUPORTE DE GARRAFÕES DE ÁGUA MINERAL, POTES E FILTROS Mantenha-os bem tampados. Lave-os bem sempre que for trocar os garrafões. LAGOS, CASCATAS, ESPELHOS DE ÁGUA DECORATIVOS Mantenha-os sempre limpos. Crie peixes, pois eles se alimentam de larvas. Se não quiser criar peixes, mantenha a água tratada com cloro ou encha-os de areia. CAIXAS D’ÁGUA, POÇOS, TAMBORES, TONÉIS E DEPÓSITOS DE ÁGUA Lave com escova e água sanitária as paredes internas. Mantendo bem tampados ou cobertos com tela de nylon (mosquiteiro) esticada e amarrada.

ENTULHOS E LIXOS. Evite acumular entulho e lixo. São focos de dengue. PISCINAS Trate a água com cloro. Limpe uma vez por semana. Se não for usá-la, cubra bem. Se estiver vazia, coloque 1 kg de sal no ponto mais baixo. CALHAS DE ÁGUA DE CHUVA Verifique se elas não estão entupidas. Remova folhas ou outros materiais que possam impedir o escoamento da água. LAJES Retire a água acumulada. CACOS DE VIDRO NOS MUROS Quebrar os gargalos e fundos de garrafas. Coloque massa de cimento ou areia em todos aqueles que possam acumular água. PNEUS VELHOS Entregue aos serviços de limpeza urbana. Caso precise mantê-los, guarde-os em local coberto. Se utilizados como protetor de garagem ou balanço, faça furos para escoar a água. GARRAFAS DE VIDRO OU PET, BALDES, VASOS DE PLANTAS Guardá-los vazios e com a boca para baixo. 17

17

18

REGULAMENTO CONCURSO DIA MUNICIPAL DE COMBATE À DENGUE TERRA NOVA DO NORTE – MT 25/04/

19

REGULAMENTO DO CONCURSO SOBRE O DIA MUNICIPAL DE COMBATE À DENGUE TERRA NOVA DO NORTE -MT A Secretaria Municipal de Educação, Secretaria Municipal de Saúde, Assessoria Pedagógica Estadual e Coordenadoras das escolas das redes Municipal e Estadual de Terra Nova do Norte, juntos na Mobilização Contra a DENGUE com o objetivo de conscientizar e incentivar a participação dos alunos e comunidades, como agentes propagadores na Campanha de Combate à DENGUE resolveram

instituir o Concurso sobre o Dia Municipal de Combate à Dengue no âmbito do Município de Terra Nova do Norte – MT. Art. 1º - O Concurso foi instituído para escolher o melhor DESENHO, a melhor FRASE e a melhor REDAÇÃO, o melhor TEATRO e a melhor PARÓDIA, e o melhor TRABALHO na área das Ciências Exatas, tendo como tema central:“FORA DENGUE” Art. 2º - Poderão concorrer todos os alunos regularmente matriculados nos Estabelecimentos de Ensino da Rede Municipal, da Rede Estadual, em todos os níveis, de Terra Nova do Norte – MT. Art. 3º - Para dar igualdade de oportunidade entre os alunos fica estabelecido o seguinte: Concorrerão na categoria MELHOR DESENHO somente os alunos da Educação Infantil e 1ª série/ou ano e os alunos da Educação Especial.(APAE) Concorrerão na categoria MELHOR FRASE somente os alunos da ( 2ª e 3ª série / ou ano) do Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA) 1º Seguimento. Concorrerão na categoria MELHOR REDAÇÃO os alunos da 4ª e 5ª a 8ª Séries do Ensino Fundamental, Educação de Jovens e Adultos (EJA) 2º Seguimento e os alunos do Ensino do Médio. Parágrafo Único: Será premiado 1 trabalho da 4ª série, 01 de 5ªª a 8ª e EJA, 01 do Ensino Médio. Concorrerão na categoria MELHOR TEATRO os alunos da Educação Infantil II, Educação Especial (APAE) e os alunos de 5ª s 8ª séries e Ensino Médio. Parágrafo Único: Será premiado 01 teatro para Educ. Infantil e APAE, 01 de 5ª a 8ª e 01 do Ensino Médio. Concorrerão na categoria MELHOR PARÓDIA os alunos de 1ª série / ou ano a 4ª e 5ªª a 8ª série e os alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA) 1º e 2º Seguimentos. Parágrafo Único:Será premiada 01 paródia de 1ªsérie/ano, 01 de 4ª série, 01 de 5ªª a 8ª e EJA 1º e 2º Segmentos 20 Concorreram na categoria o melhor TRABALHO na área das Ciências Exatas, os alunos da 8ª série, 3ª Fase do 2º Seguimentos da EJA e Ensino Médio. Parágrafo - Cada Escola poderá apresentar um único trabalho por categoria e para cada modalidade de ensino que oferece nesta respectiva área.

Parágrafo 2º - Para categoria MELHOR DESENHO deverá ser considerado o trabalho feito em papel tamanho Oficio ou A4, ou cartolina branca, devendo constar o nome do aluno(a) e a escola. Parágrafo 3º - Para categoria MELHOR FRASE deverá ser considerado a existência mínima de duas entre as seguintes palavras: Dengue – compromisso – responsabilidade – Terra Nova- dever. Com a Identificação: nome e a escola a que pertence.

Parágrafo 4º - Para categoria MELHOR REDAÇÃO o trabalho poderá ser manuscrito desde que bem legível ou digitado em computador e ser apresentado em 2 (duas) vias. Com Identificação do Nome e as escola a que pertence. Parágrafo 5º - Para a categoria melhor TRABALHO na área de Ciências Exatas poderá ser apresentados através de cartazes, murais ou em data show. Parágrafo 6º - Deverão ser entregues com pelo pelos 5 dias de antecedência ao encerramento os trabalhos das seguintes categorias: DESENHO, FRASE, REDAÇÃO e os TRABALHOS selecionados pela escola na área das Ciências Exatas através de Cartazes, CD etc. Parágrafo Único: Somente serão inscritos para o encerramento final 1 (um) trabalho por categoria e série descrito no regulamento, que tenha sido classificado pela escola a que pertence. Art. 4º - As inscrições poderão ser feitas no período de 10 / 04 / 2008 a 23 / 04 / 2.008 na Secretaria Municipal de Educação de Terra Nova do Norte, Av. Norberto Shwantes nº 1420. Art. 5º - Só poderá fazer as inscrição e apresentação do seu trabalho o(a) aluno(a) que tenha participado junto com sua escola do Projeto que antecede o concurso, pois a característica do mesmo é o encerramento do referido Projeto. . Parágrafo 1º - No ato da inscrição cada escola deverá apresentar o trabalho acompanhado de uma ficha de identificação contendo o Nome completo do aluno, a data de nascimento, série, nome do professor, nome da escola e categoria que está concorrendo. Parágrafo 2º - Os originais, premiados ou não, não serão devolvidos. Art. 6º - Para todas as categorias poderão ser consultados dados técnicos junto à Secretaria Municipal de Saúde, de Terra Nova do Norte - MT através da Coordenação de Vigilância Sanitária . Art. 7º - O resultado será divulgado no dia _25__/_04__/2.008, dia marcado para o encerramento do projeto e após, publicado na Prefeitura Municipal, na Câmara Municipal, no Terminal Rodoviário, no Hospital Municipal, em todas escolas participantes e no -Site www.seligaterra.com 21 Art. 8º - A Secretaria Municipal de Educação e a Secretaria Municipal de Saúde e a Assessoria Pedagógica Estadual de Terra Nova do Norte, constituirá a(s) Comissão(ões) Julgadora(s) para julgar os trabalhos inscritos e escolher apenas um trabalho por cada categoria e série de acordo com o regulamento. Parágrafo 1º - As decisões da Comissão Julgadora são soberanas e irrecorríveis cabendo ao representante da Secretaria Municipal de Educação - SEMED, em caso de empate entre um ou mais trabalhos, o voto decisivo. Parágrafo 2º - A(s) Comissão (ões) Julgadora(s), composta de pessoas ligadas à Educação e a Saúde, envolvidas no Projeto de Mobilização Contra a DENGUE, terá (ão) o livre arbítrio de escolher mais um membro por secretaria junto a sociedade para compor a comissão julgadora, que atuará no dia do encerramento das atividades do Projeto.

Art. 9º - Os Prêmios para as escolas serão entregues no Evento Final, ficando a encargo das secretárias a entrega ou a escolha de quem realizará a entrega da premiação. Parágrafo 3º - Ao se inscrever, o concorrente aceita plenamente as normas expressas neste regulamento. Art. 10º - A premiação terá, além de troféus alusivos, diplomas e publicação no Site, que será entregue, aos agraciados de cada categoria.. Parágrafo 1º - O estabelecimento de ensino, no qual o aluno premiado é matriculado, receberá diploma alusivo, bem como o(a) professor(a) que coordenar o trabalho-tarefa e uma premiação extra para a escola que participou do evento. Art. 11º - Fica assegurado à Secretaria Municipal de Educação de Terra Nova do Norte – MT, o direito de fazer publicar, em qualquer veículo de comunicação ou em separata, qualquer original, classificado ou não, a seu exclusivo critério, desde que mencionada a autoria. Parágrafo 1º - Os autores premiados ou não poderão também fazê-lo, desde que seja às suas custas.
Art. 12º - Os

ganhadores deverão concordar com a divulgação de seus dados pessoais, imagens etc., em mídia impressa, eletrônica inclusive Internet, sem nenhum custo para os promotores da campanha.
Art. 13º - Os

casos omissos serão resolvidos pela Comissão Julgadora. Terra Nova do Norte, 10 Março de 2.008.

FICHA DE IDENTIFICAÇÃO

Categoria: Nome do Aluno: Data Nascimento: Nome da Escola: Nome do Professor(a): Tel. para contato: Série:

FICHA DE IDENTIFICAÇÃO

Categoria: Nome do Aluno: Data Nascimento: Nome da Escola: Nome do Professor(a): Tel. para contato: Série:

FICHA DE IDENTIFICAÇÃO

Categoria: Nome do Aluno: Data Nascimento: Nome da Escola: Nome do Professor(a): Tel. para contato: Série:

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->