Você está na página 1de 5

FICHA DE AVALIAÇÃO DE CIÊNCIAS FÍSICO-QUÍMICAS

3º CICLO DO ENSINO BÁSICO (9º ano)

FÍSICO-QUÍMICAS 3º CICLO DO ENSINO BÁSICO (9º ano) 1. Considera o gráfico posição em função do

1. Considera o gráfico posição em função do tempo, que

representa o movimento de um corpo, que se desloca em movimento retilíneo.

1.1. Indica, justificando, qual o intervalo de tempo em que o

corpo esteve parado.

1.2. Calcula o deslocamento percorrido pelo corpo.

parado. 1.2. Calcula o deslocamento percorrido pelo corpo. 1.3. Determina a velocidade média do corpo nos

1.3. Determina a velocidade média do corpo nos primeiros 20 segundos de movimento.

2. Um automóvel desloca-se em linha reta, à velocidade

constante de 25 m/s. O condutor, ao avistar um obstáculo, trava. O gráfico representa a variação da velocidade do automóvel em função do tempo até se imobilizar. Considera que a massa do conjunto condutor e automóvel é de 1500 kg.

2.1. Indica, a partir do gráfico, o tempo de reação e o tempo de

travagem.

do gráfico, o tempo de reação e o tempo de travagem. 2.2. Calcula a energia cinética

2.2. Calcula a energia cinética do automóvel, antes da travagem, dada pela fórmula seguinte:

.

2.3. Calcula o valor da aceleração a que foi submetido o automóvel durante a travagem.

2.4. Calcula a intensidade da força que provocou a travagem.

2.5. Determina a distância que o automóvel percorreu desde que avistou o obstáculo até parar.

3.

o texto que se segue:

Uma pessoa de massa 70 kg, que viaje a 50 km/h sem cinto de segurança no banco traseiro, ao sofrer uma colisão frontal, vai ser projetada para a frente como se estivesse a ser puxada por uma força equivalente a cerca de 40 vezes o seu peso. Como consequência da força de impacto com o banco da frente, pode não o arrancar, mas provocará lesões cerebrais nos ocupantes dianteiros.”

3.1. Na tua opinião, se a massa do passageiro que vai no banco de trás for maior, a força de impacto será mais

ou menos intensa? Justifica.

3.2. Explica qual a Lei de Newton/ conceito em que te baseias para interpretar a situação descrita: “… vai ser

projetada para a frente…”.

3.3. O banco da frente impediu que a pessoa que viajava no banco traseiro fosse projectada para fora do veículo,

através do vidro frontal, ou seja o banco da frente funcionou como uma força de reacção.

Explica esse facto, não esquecendo de referir a Lei de Newton aplicada à situação.

3.4. A existência de atrito entre os pneus do veículo e a estrada seria útil ou prejudicial? Justifica.

3.5. Calcula a pressão que seria exercida por uma força de impacto de 700 N sobre o banco dianteiro, com

de área de superfície, dada pela seguinte fórmula:

(

4. Considera as forças representadas.

).

fórmula: ( 4. Considera as forças representadas. ). 4.1. Seleciona duas forças que satisfaçam as condições

4.1. Seleciona duas forças que satisfaçam as condições indicadas:

4.1.1. diferente intensidade

4.1.2. diferente direção e sentido

4.2. Representa graficamente, com o auxílio de uma régua e indicando a escala da intensidade da força, a

resultante obtida pela acção simultânea das forças

e indicando a escala da intensidade da força, a resultante obtida pela acção simultânea das forças

.

5.

Observa a seguinte tabela (as letras não representam os verdadeiros símbolos químicos).

não representam os verdadeiros símbolos químicos ). 5.1. Completa corretamente a tabela. 5.2. Identifica os

5.1. Completa corretamente a tabela.

5.2. Identifica os isótopos presentes e justifica a tua resposta.

6. Observa o extracto da Tabela Periódica onde os elementos estão representados por letras que não são os

símbolos químicos verdadeiros:

por letras que não são os símbolos químicos verdadeiros: 6.1. Qual é o grupo e período

6.1. Qual é o grupo e período a que pertence o elemento J?

6.2. Indica um elemento que seja metal alcalino-terroso e outro que seja um gás nobre.

6.3. Dos elementos A e B, qual é o que tem menor reactividade?

6.4. Qual é o número atómico do elemento A?

6.4.1. Efetua a sua distribuição electrónica no estado fundamental.

6.5. Indica se o elemento L tem características metálicas ou não-metálicas.

6.6. Indica o ião que G tende a formar.

6.6.1. Efectua a distribuição electrónica desse ião.

6.7. Indica qual o elemento que possui 3 níveis de energia e 7 electrões de valência.

FIM

COTAÇÕES

1.1

3

3.1

3

5.1

9

6.6

1,5

1.2

6

3.2

5

5.2

4

6.6.1

1,5

1.3

8

3.3

5

6.1

2

6.7

2

2.1

3

3.4

3

6.2

2

 

2.2

4

3.5

4

6.3

2

2.3

6

4.1.1

1

6.4

1,5

2.4

6

4.1.2

1

6.4.1

1,5

2.5

9

4.2

4

6.5

2

1.1.

1.2.

1.3.

PROPOSTA DE RESOLUÇÃO

O corpo esteve parado no intervalo de tempo [15,20] s, porque verifica-se pelo gráfico que a posição não se alterou, mantendo-se nos 25 m.

Deslocamento = posição final posição inicial Posição final = 0 m Posição inicial = 20 m Deslocamento = 0 20 deslocamento = - 20 m

[0,10] s = 30 20 = 10 m

d

d

d

d [0,20] s = 10 + 5 = 15 m t = 20 s

[10,15] s = 25 30 = |- 5| = 5 m

[15,20] s = 25 25 = 0 m

s = 25 – 30 = |- 5| = 5 m [15,20] s = 25 –
s = 25 – 30 = |- 5| = 5 m [15,20] s = 25 –

v m = 0,75 m/s

2.1.

2.2.

2.3.

2.4.

2.5.

Tempo de reacção = 1,0 s Tempo de travagem = 5 1 = 4,0 s

m = 1500 kg v = 25 m/s

∆v = 0 – 25 = - 25 m/s t = 4,0 s

kg v = 25 m/s ∆v = 0 – 25 = - 25 m/s ∆ t

E C = 468750 = 4,7 x 10 5 J

- 25 m/s ∆ t = 4,0 s E C = 468750 = 4,7 x 10

a = - 6,25 m/s 2

m = 1500 kg a = - 6,25 m/s 2

F = m x a

F = 1500 x (-6,25)

F = - 9375 = - 9 x 10 3 N

d segurança rodoviária = d reacção + d travagem

Distância de reacção = Área rectângulo = c x l Área rectângulo = 1 x 25 Distância de reacção = 25 m

n g u l o = 1 x 25 Distância de reacção = 25 m Distância
n g u l o = 1 x 25 Distância de reacção = 25 m Distância
n g u l o = 1 x 25 Distância de reacção = 25 m Distância

Distância de travagem = 50 m

Distância de segurança = 25 + 50 Distância de segurança = 75 m

3.1. Nas mesmas condições de colisão, se a massa do passageiro do banco de trás for maior, maior será

a intensidade da força de impacto.

3.2. Baseio-me na Lei da Inércia, ou seja quando o veículo trava bruscamente, a pessoa é projectada para

a

frente; e devido à inércia ela tem tendência a permanecer em movimento.

O

3.3. facto descrito é explicado com base na lei da acção-reacção. A pessoa do banco traseiro ao ser

projectada para a frente exerce uma força de acção sobre o banco da frente e aplicada neste, que por sua vez exerce sobre a pessoa do banco traseiro, uma força de reacção, no sentido contrário à da acção e aplicada na pessoa do banco traseiro.

3.4. Atrito útil.

3.5.

3.5. F = 700 N A = 40 cm 2 = 0,0040 m 2 p =

F = 700 N

A = 40 cm 2 = 0,0040 m 2

p = 175 000 = 1,75 x 10 5 Pa

40 cm 2 = 0,0040 m 2 p = 175 000 = 1,75 x 10 5

5.1.

2 = 0,0040 m 2 p = 175 000 = 1,75 x 10 5 Pa 5.1.

5.2. A e B, porque são átomos do mesmo elemento, com o mesmo número atómico e diferente número de massa.

6.1. Grupo 17 e 3º Período.

6.2. C e I ou C e K ou C e M.

6.3. O elemento A.

6.4. O elemento A tem de número atómico 3.

6.4.1. 2-1

6.5. O elemento L tem características não-metálicas.

6.6. G

2-

6.6.1. 2-8-8.

6.7. Elemento J.