P. 1
A Consciência Mítica

A Consciência Mítica

|Views: 2.531|Likes:
Publicado poraz-morais
slides sociologia
slides sociologia

More info:

Published by: az-morais on Feb 27, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPT, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/30/2012

pdf

text

original

³Mitos são pistas para as potencialidades espirituais da vida humana.

´ Joseph Campbell

A Consciência Mítica
By Zéck

Etimologia
‡ Mito. Mythos, em grego, significa ³palavra´, ³o que se diz´, ³narrativa´. A consciência mítica é predominante em culturas de tradição oral, quando ainda não há escrita.

Leituras apressadas
‡ Maneira fantasiosa de explicar a realidade, quando esta ainda não foi justificada pela razão. ‡ Mitos são lendas, fábulas, crendices.

O que é mito?
‡ Processo intuitivo de compreensão da realidade. ‡ Ele expressa o que desejamos ou tememos, como somos atraídos pelas coisas ou como delas nos afastamos.

‡ A narrativa mítica está impregnada do desejo humano de afugentar a insegurança, os temores e a angústia diante do desconhecido, do perigo e da morte. ‡ Os relatos míticos se sustentam na crença, na fé em forças superiores que protegem ou ameaçam, recompensam e castigam.

Os Rituais
‡ Uma função do mito é fixar os modelos exemplares de todos os ritos e de todas as atividades humanas significativas (alimentação, caça, mudança de status, nascimento, casamento, etc.) ‡ A justificativa do ritual é sempre: ³Porque os ancestrais assim o prescreveram´.

Transgressão do Tabu
‡ A consciência tribal é coletiva. Por isso, a transgressão ultrapassa quem violou o tabu atingindo a família, os amigos e até a tribo. ‡ Tabu significa proibição, interdito, e que entre os povos tribais assume caráter de sagrado.

Ritos de purificação
‡ São ritos que visam reparar os danos ou males que advêm da violação de um tabu. ‡ Abster-se de alimentos, retirar-se para um local isolado, submeter-se a cerimônias de ablução em que se lava o corpo ou parte dele.

Teorias sobre o mito
‡ O mito já foi analisado por Sigmund Freud e Carl Jung como revelador do sonho da fantasia, dos desejos mais profundos do ser humano. ‡ Ou por uma análise estruturalista que busca uma estrutura básica que explica os mais diversos mitos.

Os deuses gregos
A Ilíada e a Odisseia. ‡ Homero ‡ Epopeia narrativas dos feitos dos deuses e dos herois. Tinham um papel pedagógico significativo: descreviam a história grega e transmitiam os valores culturais pelo relato das realizações dos deuses e dos antepassados.

Características
‡ Há constante intervenção dos deuses, ora para auxiliar o protegido, ora para perseguir o inimigo. ‡ O indivíduo é presa do destino. Ele não busca a sua liberdade pessoal, mas sim feitos extraordinários.

Atena ordena Odisseus

Queda de Troia e Hybris

Tirésias Inferno

Cila e Caribdis

Odisseus desafia Posseidon

Ítaca Konstantinos Kaváfis
Se partires um dia rumo a Ítaca, faz votos de que o caminho seja longo, repleto de aventuras, repleto de saber. Nem Lestrigões nem os Ciclopes nem o colérico Posídon te intimidem; eles no teu caminho jamais encontrará se altivo for teu pensamento, se sutil emoção teu corpo e teu espírito tocar. Nem Lestrigões nem os Ciclopes nem o bravio Posídon hás de ver, se tu mesmo não os levares dentro da alma, se tua alma não os puser diante de ti.

Faz votos de que o caminho seja longo. Numerosas serão as manhãs de verão nas quais, com que prazer, com que alegria, tu hás de entrar pela primeira vez um porto para correr as lojas dos fenícios e belas mercancias adquirir: madrepérolas, corais, âmbares, ébanos, e perfumes sensuais de toda a espécie, quanto houver de aromas deleitosos. A muitas cidades do Egito peregrina para aprender, para aprender dos doutos.

Tem todo o tempo Ítaca na mente. Estás predestinado a ali chegar. Mas não apresses a viagem nunca. Melhor muitos anos levares de jornada e fundeares na ilha velho enfim, rico de quanto ganhaste no caminho, sem esperar riquezas que Ítaca te desse. Uma bela viagem deu-te Ítaca. Sem ela não te ponhas a caminho. Mais do que isso não lhe cumpre dar-te. Ítaca não te iludiu, se a achas pobre. Tu te tornaste sábio, um homem de experiência, e agora sabes o que significam Ítacas.

O mito hoje
‡ Augusto Comte explicava a evolução da humanidade pela superação de todas as formas míticas. Dessa forma, o mito seria uma tentativa fracassada de explicação da realidade. ‡ Ele e outros pensadores decretaram a morte do mito no século XIX.

A permanência do mito
‡ O mito ainda é hoje uma expressão fundamental do viver humano, o ponto de partida para a compreensão do ser. ‡ O mito se mantém no cinema, nas histórias em quadrinhos, nos vídeo games, no culto das celebridades, na política, nas artes em geral.

O mito nos nossos comportamentos ‡ Entrada do ano novo, festa de formatura, baile de debutante, trotes de calouros,

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->