P. 1
TÉCNICA DE RELAXAMENTO

TÉCNICA DE RELAXAMENTO

|Views: 254|Likes:
Publicado porBerta Sousa

More info:

Categories:Types, School Work
Published by: Berta Sousa on Mar 06, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/15/2015

pdf

text

original

1.

TÉCNICA DE RELAXAMENTO

É uma técnica que, através da focalização mental centrada num parâmetro fisiológico (tónus muscular, tónus vaso-motor, respiração), que se pretende controlar, permite que, em seguida, se actue sobre o processo mental. Visa, com determinados procedimentos terapêuticos obter uma descontracção muscular que pode levar a mudanças psicológicas. Os exercícios aconselhados aproximam-se das técnicas meditativas (METZGER, C. [et al.], 2002).

1.1 TÉCNICA DE JACOBSON

Esta técnica procura focalizar a atenção do indivíduo, com a ajuda de exercícios progressivos sobre a contracção e a descontracção muscular dos diferentes grupos musculares. Ao fim de algumas sessões, sob o controlo do terapeuta e, também, de prática sozinho, consegue atingir um relaxamento com imobilidade total. Em seguida treina-se no relaxamento diferencial durante as suas actividades diárias, o que consiste em utilizar o mínimo de contracção muscular necessária à realização de um determinado gesto, relaxando os músculos não utilizados. Este procedimento acaba por se tornar automático. Trata-se, portanto, de uma técnica em que o terapeuta desempenha apenas o papel de monitor (METZGER, C. [et al.], 2002).

1.2 TREINO AUTOGÉNICO DE SCHULTZ

Indicado em doentes com dor sem psicopatologia evidente, o treino autogénico é um treino para a descontracção muscular por sugestão verbal. As sessões têm lugar num ambiente calmo, com o doente confortavelmente instalado. Pede-se-lhe que descontraia e depois que tente sentir um membro pesado. O treino em seguida, será feito sozinho. Depois, o doente aprende a controlar a respiração, o tónus vaso-motor e a frequência cardíaca. Com o hábito, será suficiente um pequeno esforço de concentração para atingir o estado de relaxamento. O treino autogénico pode ser praticado com fins comportamentais, para reduzir a dor (METZGER, C. [et al.], 2002).

BIBLIOGRAFIA

METZGER, C. [et al.]. Cuidados de enfermagem e dor: Avaliação da dor, Modalidades de Tratamento e Psicologia do doente. Loures: Lusociência, 2002.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->