Você está na página 1de 1

A hipertenso arterial (HA) tem sido reconhecida como o principal fator de risco para a morbidade e mortalidade precoces causadas

por doenas cardiovasculares (DCV) e, tambm, considerada um dos maiores problemas de sade no Brasil. Evidncias indicam que a presso arterial elevada, quando presentes na adolescncia, tende a permanecer ou se agravar nas idades adultas. O diagnstico rpido e simples de HA fundamental na profilaxia de DCV. Assim, o objetivo do presente estudo foi correlacionar o ndice de Massa Corporal (IMC) e o ndice de Adiposidade Corporal (IAC) com a presso arterial (PA) em adolescente. Trata-se de um estudo transversal de carter descritivo. Participaram do estudo 161 adolescentes sendo 57 meninos e 104 meninas com idade mediana (intervalo interquartil) de 12,36 (11,73-13,29) e 12,29 (11,50-13,32) anos respectivamente de uma Escola Estadual de Jacarezinho-Pr. Foram coletadas medidas, em meninos e meninas respectivamente, de massa corporal mediana de 47,00 (39,50-56,45) e 49,00 (39,65-55,25) kg, estatura de 1,55 (1,48-1,60) e 1,55 (1,50-1,61) m e circunferncia de quadril de 84,20 (77,25-90,60) e 86,00 (78,00-92,62) cm. A PA foi aferida atravs do mtodo auscultatrio. Posteriormente, calculou-se o IMC (kg/m2) e o IAC ([Quadril/(estaturaxestatura)]-18). Na anlise estatstica foi utilizada a mediana e intervalo interquartil para descrio dos resultados e o Coeficiente de Correlao de Spearman, com p<0,05. Entre os meninos os valores medianos (intervalo interquartil) de IMC e IAC foram 19,37 (17,6521,71)kg/m2 e 26,28(23,16-28,22)%G respectivamente. Entre as meninas, os valore foram 19,41(16,99-22,21)kg/m2 e 26,28 (23,35-29,63)%G. Presso arterial sistlica (PAS) e diastlica (PAD) apresentaram valores medianos de 100,00(90,00-110,00) mmHg e 60,00 (55,00-70,00) mmHg para meninos e 100,00 (90,00-110,00) mmHg e 60,00 (50,00-70,00) mmHg para as meninas. A correlao entre IMC e PAS foram rho= 0,421* em meninos e rho= 0,160 nas meninas, e IMC e PAD foram rho= 0,439* em meninos e rho= 0,155 nas meninas. Entre IAC e PAS a correlao foi de rho= 0,260 em meninos e rho= 0,235* nas meninas, e IAC e PAD foram rho= 0,310* entre meninos e rho= 0,162 nas meninas. (*p<0,05). Conclui-se que, tanto o IMC quanto o IAC apresentaram pouca correlao com a PA e devem ser utilizados com cautela na predio de HA. Estudos com amostras representativas devem ser realizados a fim de verificar a eficcia dos ndices antropomtricos.