P. 1
Materiais dentários diretos

Materiais dentários diretos

|Views: 1.639|Likes:
Publicado porAlcides Brandão

More info:

Published by: Alcides Brandão on Mar 11, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/02/2014

pdf

text

original

Princípios Básicos para a Caracterização dos materiais:  Viscosidade: Medida de resistência ao escoamento de materiais não cristalinos.

Quanto maior for o número de moléculas de um fluído, menor será o escoamento e maior será a viscosidade. A viscosidade diminui com o aumento da temperatura. Essa característica em dentifrícios dentais e em determinados materiais de moldagem é chamada de tixotropismo. Relaxamento das tensões: Redução das tensões para materiais submetidos a deformações constantes. Creep: Aumento gradual da deformação sob a influência da aplicação de uma carga constante. Essa deformação é produzida por altas tensões relativas por um longo período de tempo. É importante na escolha de elásticos para movimentos ortodônticos. Dependendo da redução das tensões em função do tempo, um ou outro elástico é selecionado.

 

Propriedades térmicas:   Calor específico: Quantidade de calor necessária para aumentar em 1º C um grama de substância. Condutividade térmica: É uma medida da transferência de calor através de um material por meio de condução. Um alto valor relativo de condutividade térmica de um material indica que ele não promove um isolamento térmico adequado da polpa. Assim às vezes associa-se aos materiais restauradores metálicos como o amálgama, uma base de outro material com menor valor de condutibilidade térmica. Difusidade térmica: Prediz o comportamento dos materiais no que se refere à proteção do complexo dentinopulpar contra as variações de temperatura extremas. Fornece uma melhor indicação do modo como um material responde a estímulos térmicos transientes. É desejável que os materiais restauradores diretos possuam baixa difusidade térmica, a fim de evitar aumentos de temperatura do órgão pulpar frente a variações de temperatura na boca. Mas em casos como prótese total ou parcial a difusidade deve possuir alto valor para permitir que o paciente tenha uma resposta satisfatória a variações de temperatura. Coeficiente de expansão térmica linear: Alteração de comprimento por unidade de comprimento de um material, quando a sua temperatura é aumentada ou reduzida em 1º C. É importante que os materiais restauradores diretos e indiretos tenham coeficientes semelhantes aos das estruturas dentais para que a expansão e a contração sejam semelhantes.

Propriedades ópticas:  Matiz: Descreve a cor predominante de um objeto. Os matizes dentais foram identificados e classificados por letras: A – marrom-avermelhado; B – amarelo-alaranjado; C- cinzaesverdeado e D- cinza-rosado. Croma: Grau de saturação ou a intensidade do matiz. Valor: É a luminosidade da cor ou a distinção entre uma cor clara e outra escura. Em Odontologia o valor é a dimensão mais importante, uma vez que a discrepância de valor é mais facilmente detectada que as alterações de matiz e croma.

 

Propriedades mecânicas:

o corpo se deforma permanentemente.    . o cp volta a apresentar suas dimensões originais. Deformação: Resposta à aplicação de uma força. deseja-se que os materiais dentários sejam capazes de resistir às tensões de tração. Respostas mutagênicas: Acontece quando os componentes de um material alteram a sequência de pares de bases do DNA na célula.       Corpo de prova: Amostra padronizada da substância a ser testada. compressão e cisalhamento. Resposta de toxicidade: É o potencial relacionado à dose de um material que pode causar morte de células ou tecido. contudo sentido oposto ao da força externa. Carga: Força externa aplicada sobre o cp. Nem sempre pode ser detectada a olho nu. A tensão pode ser de tração. Deformação plástica: Após a aplicação de uma força. A inflamação é caracterizada por alterações vasculares seguidas de edema do tecido com infiltração de células inflamatórias. Deformação elástica: Após a remoção da força. produtos químicos e erro de replicação do DNA. Tensão: Reação a uma força que atua sobre um corpo. Pode resultar de uma toxicidade ou de uma alergia. Efeitos adversos dos materiais dentários:  Respostas inflamatórias: É a ativação do sistema imunológico do hospedeiro quando ocorre qualquer agressão ao tecido. Biocompatibilidade:  Capacidade de um material de desencadear uma resposta biológica apropriada em uma dada aplicação no organismo. Essa reação tem a mesma magnitude e direção. Resposta alérgica: Ocorre quando o corpo não reconhece determinado material e reage no sentido de defender o organismo. Exemplo: o emprego de um material não biocompatível com o tecido pode ocasionar o aumento da resposta inflamatória que pode gerar morte celular seguida de necrose. ou indiretamente pelas alterações nos processos celulares que mantêm a integridade do DNA. Podem ser resultado de radiação. Podem ser causadas por interações diretas entre uma substância e o DNA. compressão ou de cisalhamento. Para alguns indivíduos é uma resposta antígeno-anticorpo. De forma geral.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->