P. 1
ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL EM CANTINAS ESCOLARES TCC

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL EM CANTINAS ESCOLARES TCC

|Views: 2.520|Likes:
Publicado porEmmanuele Alves

More info:

Published by: Emmanuele Alves on Mar 22, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

05/31/2013

pdf

text

original

0

5

10

15

20

25

Bom
Regular
Ruim

Observar nos anexos o modelo de fluxograma e o modelo de pesquisa de aceitação.

32

CONCLUSÃO

Os alimentos e bebidas comercializados na cantina escolhida não são apropriados para

uma alimentação equilibrada e saudável nutricionalmente.

Tendo visto as vantagens e desvantagens citadas no trabalho, modificamos receitas já

existentes para que houvesse uma notável melhora nos alimentos oferecidos aos jovens.

Ao efetuarmos a pesquisa de aceitabilidade houve uma grande taxa de aprovação entre o

público alvo.

Os principais produtos utilizados nas preparações são importantes na nossa rotina como

a aveia (que contém fibras capazes de regular o funcionamento intestinal), a soja (possui alto

valor nutricional e auxilia na prevenção de doenças cardiovasculares, câncer, osteoporose,

33

diabetes e reduz mau colesterol) e o limão (contém grande concentração de vitamina C que

auxilia em várias doenças).

Após concluirmos o trabalho elaboramos o marketing para divulgação e venda dos

produtos.

Por fim obtivemos êxito na elaboração dos produtos dentro do tema proposto

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

34

ANTONIO, M.A.R.G.M.; MENDES, R.T. Saúde Escolar e Saúde do Escolar, 2009.

Universidade de Campinas. Disponível em:

http://www.fef.unicamp.br/departamentos/deafa/qvaf/livros/alimen_saudavel_ql_af/escolares/es

colares.pdf. Acesso em: 25 fev. 2010.

IRALA, C. H.; FERNANDEZ, P. M. Peso Saudável. Manual para Escolas. A Escola

promovendo hábitos alimentares saudáveis. 2001. Faculdade de Ciências da Saúde,

Universidade de Brasília. Disponível em:

http://dtr2004.saude.gov.br/nutricao/documentos/peso_saudavel.pdf. Acesso em: 10 dez. 2007.

LUCAS, B. Nutrição na Infância. In: MAHAN, L. K; ESCOTT-STUMP, S. Krause:

Alimentos, Nutrição & Dietoterapia. 10ª ed. São Paulo: Roca, 2002. Capítulo 10. 229-246.

GAGLIONE, C. P. Alimentação no segundo ano de vida, pré-escolar e escolar. In: Lopes, F. A.;

BRASIL, A. L. D. Nutrição e Dietética em Clínica Pediatria. São Paulo: Atheneu, 2003. p.

61-62.

CARVALHO, E. B. Influência das propagandas de televisão na alimentação de crianças e

adolescentes, 2009. Universidade de Campinas. Disponível em:

35

http://www.fef.unicamp.br/departamentos/deafa/qvaf/livros/alimen_saudavel_ql_af/escolares/es

colares.pdf. Acesso em: 25 fev. 2010.

WORLD HEALTH ORGANIZATION. The world health report 2002:

reducing risks, promoting healthy life. Geneve. 2002.

WORLD HEALTH ORGANIZATION. WHO Global Strategy on Diet,

Physical Activity and Health: fifty-seventh World Health Assembly.

Geneve.

2004.

Disponível

em:

http://www.who.int/gb/ebwha/pdf_files/WHA57/A57_R17-en.pdf

SONATI, J. G. A alimentação e a saúde do escolar. Universidade de Campinas, 2009.

Disponível em:

http://www.fef.unicamp.br/departamentos/deafa/qvaf/livros/alimen_saudavel_ql_af/escolares/es

colares.pdf

SILVA, C. C. Cantina escolar. Universidade de Campinas, 2009. Disponível em:

http://www.fef.unicamp.br/departamentos/deafa/qvaf/livros/alimen_saudavel_ql_af/escolares/es

colares.pdf

LIU, S. M. et al. Whole-grain consumption and risk of coronary heart disease: results from the

nurse’s health study. Am. J. Clin. Nutr., v.70, n.1, p.412-419, 1999.

SLAVIN, J. L. Whole grains are protective: biologicalmechanisms. Proc. Nutr. Soc., v.62, p.

129-134, 2003.

36

FLIGHT, I.; CLIFTON, P. Cereal grain and legumes in the prevention of coronary heart

disease and stroke: a review of the literature. Europen Journal of Clinical Nutrition, v.60,

p.1145-1159, 2006.

CARUSO, L.; Cereais integrais e prevenção das doenças cardiovasculares. Hospital

Universitário, sem ano.

CARUSO, L.; Cereais integrais e prevenção da obesidade. Hospital Universitário, sem ano.

CARUSO, L.; Cereais integrais: Na vanguarda da saúde. Revista Nutrição Em Pauta.
Disponível em: http://www.nutricaoempauta.com.br/lista_artigo.php?cod=662

SESI. Alimente-se bem com R$1,00 – 250 receitas econômicas e nutritivas. 7ª edição, março

de 2004.

SESI. Alimente-se bem – 200 receitas econômicas e nutritivas. 12ª edição, 2008.

Manual de orientação alimentar e receitas. 1985

37

APÊNDICES

38

5.1 APÊNDICE A – Modelo de questionário de aceitabilidade

Pesquisa de Aceitação

Trabalho de TCC

Idade: ____

Sexo: Feminino Masculino

Faz refeição na escola ou em casa?_________________

Você consome frutas e verduras? Sim Não

Quantas refeições fazem ao dia?1 refeição2 refeições 3 refeições Outros____________

Come lanche na cantina? Sim Não

Com que freqüência?Todo dia 3 vezes 2 vezes 1 vez

Qual o fator você atribui quando compra um lanche?
Preço Sabor Tamanho Outros___________

Você compraria nosso lanche?Sim Não

O que você achou?
Bom Regular Ruim

39

40

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->