P. 1
filosofia

filosofia

1.5

|Views: 10.290|Likes:

More info:

Published by: Luiz Felipe Cávoli Gomes on Mar 22, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/25/2014

pdf

text

original

1) O que significa dizer que “a não indiferença é a essência do valer “?

Resposta: Isso quer dizer que o resultado de nossos atos está sujeito à sanção em intensidades variadas: a crítica de um amigo, ”aquele” olhar da mãe, a indignação ou até a coerção física, quando alguém é preso por um crime, ou seja, ao elogio ou à reprimenda. 2) Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. Resposta: 3) Por que não é contraditório afirmar que a moral autêntica supõe a aceitação livre das normas, ao mesmo tempo que a moral tem um caráter histórico e social ? Resposta: 4) Como explicar que na moral convivem polos opostos como o dever (a obrigação) e a liberdade? Resposta: 5) Mesmo considerando a tolerância um valor máximo da convivência humana, qual é a dificuldade em aceitar a moral de grupos como Máfia, Klu-Klux-Klan ou neonazista ? Resposta:

6) Durante a ditadura militar no Brasil, vários filmes foram censurados por serem considerados atentatórios à moral (como o Último tangoem Paris, de Bernardo Bertolucci), ou à religião (como Je vous salve Marie, de jean-luc Godard). Discuta a questão da relação entre moral e estética. Resposta: 7) Timoty Mc Veigh foi um terrorista que matou 168 pessoas em um atentado a bomba em Oklahoma City (1995). Foi executado seis anos depois com injeção letal. Pouco antes de morrer, recitou o poema Invictus (o que não foi vencido), do inglês William Ernest Henley, e que termina assim: “Eu sou o mestre do meu destino e o comandante da minha alma”. Comente essa declaração a partir do conceito de moral. Resposta:

8) Explique por que há moral do desejo, uma vez que só é moral o ato voluntário. Resposta: 9) Imaginemos um museu onde se encontra exposta, por empréstimo, a famosa pintura Mona Lisa, e um incêndio se propaga rapidamente no local. O diretor do museu entra no recinto disposto a resgatar a tela e depara-se com um funcionário desacordado por causa da fumaça .Só há tempo para uma escolha: salvar o quadro ou o funcionário. Com a metáfora da bússola e da balança, explique o que ocorre caso o diretor prefira salvar o funcionário ou escolha resgatar o quadro. E se você fosse o diretor, o que teria feito? Resposta:

Boyd e Levine. mas também grandes educadores morais. Brasil Biaggio. Gandhi e Luther King expressaram de fato o respeito pela dignidade humana. “O retorno do estágio 6:seu princípio e o ponto de vista m oral”.) Considerando a citação. respeitar os outros? Em que sentidos o respeito não se confunde com submissão e temor ? Resposta: b) Como Lincoln. posicionando-se em relação a essa indagação. do ponto de vista moral. atenda às questões: a) Oque é. Resposta: . 2002. reconhecendo a exigência moral de se engajar em diálogo com aqueles que discordavam profundamente deles. São Paulo: Moderna.p. Mahatma Gandhi e Martin Luther King] sentia muito profundamente o âmago da moralidade (e o âmago da sociedade) era o igual respeito pela dignidade humana. 128.10) “ Cada um desses homens [Abraham Lincoln. Cada um deles foi capaz de mostrar o respeito mútuo pressuposto pelo ponto de vista moral. inclusive aos que deles discordavam? Resposta: c) Em que sentido Kohl Berg se refere a eles como educadores? Resposta: 11) (UFMG) “Tudo compreender é tudo desculpar?” Redija um texto. “(Kohl Berg. Foram essas característica que os tornaram não apenas grandes visionários morais. Em: Angela M. Lawrence Kohl Berg: ética e educação moral.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->