Você está na página 1de 2

Conheça o significado esotérico de presentear

Presentear simboliza a inauguração de um acontecimento; um novo ciclo. O significado a palavra


em francês étrennes sugere estrear; ou seja, presentear soleniza "o começo do novo".
As pessoas presenteiam desde a Antigüidade e o ato sempre foi associado aos ritos destinados a
atrair proteção dos deuses. Na sociedade, é o símbolo da promessa, abundância e prosperidade.
Quando escolhemos um presente, estamos envolvidos em uma emoção diretamente ligada ao
coração. O princípio básico de presentear é a vontade de agradar alguém.

Presenteia-se no mundo inteiro, revelando valores básicos de uma sociedade. Aceitar com carinho
um "mimo" envolve uma verdadeira gramática que fala diretamente ao coração.

Quem troca o presente que ganha, revela o desejo de não fixar um estreitamento, deixando a relação
impessoal; não chega a ser uma indelicadeza, mas é preciso cuidado para não se transformar em um
hábito.

No Japão, dá-se mais importância ao embrulho do que ao conteúdo; a embalagem representa o amor
de quem presenteia. O que está dentro é puramente material, algo que não atinge a alma.

Há muito tempo, na Inglaterra e nos Estados Unidos, tornou-se mais importante enviar cartões do
que propriamente presentes; assim, manifestam-se por meio da escrita todos os sentimentos. O
presente torna-se mais especial quando é feito pelas próprias mãos, pois além de reafirmar o afeto,
está impregnado de amor, algo que não tem preço.

Se o presente for acompanhado de uma surpresa, fica ainda melhor. Presenteie sempre que possível;
não precisa ser algo valioso. Vale tudo: cartões, um convite para jantar ou passear, enviar um e-mail
ou abraçar quem se ama.

Significado esotérico de presentear com jóias


Todo ornamento usado por uma pessoa é considerado uma jóia que pode conter gemas incrustadas
em metais, como o ouro ou a prata. Presentear alguém com uma jóia representa o desejo de um
vínculo permanente.

Desde os tempos mais remotos, elas eram usadas como símbolo de status ou em talismãs para trazer
boa sorte. A palavra bijou (jóia) e joyau (gema), derivam do vocábulo joie, francês arcaico, (jóia) e
significam alegria, júbilo e contentamento. A jóia pode ser utilizada nas mais diferentes maneiras:

Anel – “Quero me unir a você”


Toda pessoa que vive um relacionamento deseja sacramentá-lo com o uso de um anel. Usado pelos
casados, tem a função de ambivalência de unir e, ao mesmo tempo, isolar.
No plano esotérico, possui poderes mágicos. É o protetor simbólico de algo, objeto ou alguém que
guarda um tesouro ou um segredo.

Brinco – “Desejo que se lembre que você é só meu/minha”


O simbolismo do brinco está relacionado ao elo que é fechado e, através do fecho, simboliza a
autodefesa. É usado em todas as culturas por mulheres e homens.
Na África, é possível identificar as mulheres com os diferentes tipos de brincos chamados bularwah,
cujo significado é "o portador de almas".

Colar – “Eu sou submisso (a) ao seu amor”


Além de ser utilizado como ornamento, significa uma função ou uma dignidade. Símbolo do elo
entre aquele que o traz.
No sentido cósmico, o colar representa a redução do "múltiplo" ao "Uno", ou seja, quem o usa tem o
poder para colocar as coisas no seu devido lugar e ordem (lembre-se dos faraós e sacerdotes hebreus,
que usavam colares).

Pulseira – “Você é de minha confiança”


Usada no braço, representa o símbolo da força, do socorro atendido e da proteção. É o símbolo da
atividade.
O braço é considerado como o prolongamento do espírito e a pulseira tem sua função simbólica de
proteger.

Tornozeleira – “Eu sigo você por onde for”


Para os chineses, o tornozelo representa a parte íntima do corpo, especialmente das mulheres. De
acordo com a delicadeza do tornozelo, é possível revelar as habilidades na relação sexual.
Para os gregos e romanos, era o ponto de fixação das asas, assim como o deus Mercúrio que
simboliza a comunicação, a sublimação e a elevação.

Interesses relacionados