Especialidade Arqueologia

1-Demonstrar com o auxílio de fotos,figuras,ilustrações, o que é arqueologia e qual a sua importância para o mundo de hoje. 2-Identificar em um mapa do Brasil as principais zonas arqueológicas e como se classificam. 3-Preparar uma palestra ilustrada sobre uma das zonas arqueológicas do país, enfocando os seguintes aspectos: localização, estado atual, aspectos interessantes e importância histórica, social, econômica e turística. 4-Conhecer, por meio de pesquisa bibliográfica, duas zonas arqueológicas de outros países. 5- Expor a idéia da evolução humana decorrente dos estudos arqueológicos citando as principais descobertas e onde ocorreram. 6- Apresentar um estudo sobre a vida de um povo antigo de sua livre escolha, baseado em pesquisas arqueológicas e ilustrado com fotos e gravuras de escavações, documentos, monumentos ou objetos deixados por ele. 1-Demonstrar com o auxílio de fotos,figuras,ilustrações, o que é arqueologia e qual a sua importância para o mundo de hoje. Arqueologia, do grego, ciência do antigo, é um ramo cientifico baseado no estudo de vestígios materiais de sociedades extintas ou não, utilizando-se também das mudanças do meio ambiente feitas pelas sociedades estudadas. Nos dias de hoje, representam um elo com o passado, resgatando culturas e tradições.Representa também, uma importante ferramenta para historiadores, como forma de interpretação material de sociedades antigas e como, para antropólogos, ferramenta para a compreensão do pensamento social da época estudada. 2-Identificar em um mapa do Brasil as principais zonas arqueológicas e como se classificam.

Pinturas figurativas são marcas representativas utilizando pigmentos naturais que remetem a objetos e fatos cotidianos e/ou naturais da época. Sítios arqueológicos são locais onde fica ou ficaram preservados artefatos . construções ou outras evidências de atividades humanas ocorridas num passado muito distante.Sambaquis são montanhas de objetos levantadas por humanos na era Pré-Histórica. sejam estas impressas com tintas ou talhadas em superfícies. não somente de dejetos de alimentos.Estas também remetem a objetos e fatos cotidianos e/ou naturais da época. templos. . Gravuras figurativas são imagens gravadas. Os sítios arqueológicos mais conhecidos correspondem a cidades. representando acúmulos. (como se pensava ser) mas também de objetos primitivos e de ossadas humanas. cemitérios e túmulos antigos soterrados.

Expor a idéia da evolução humana decorrente dos estudos arqueológicos citando as principais descobertas e onde ocorreram. aspectos interessantes e importância histórica. . duas zonas arqueológicas de outros países.e experimentar seu efeito acústico fantástico: basta sussurrar para se fazer ouvir. em pleno século XIII. Chihuahua. jardins. que atingiu o seu apogeu nos séculos XIV e XV. Pela sua importância histórica e pelos materiais encontrados na Zona Arqueológica a UNESCO declarou-o em 1986 patrimônio histórico da humanidade. altamente hierarquizado e com uma estrutura arquitetônica perfeitamente planejada. climatizados. 5. México – Paquimé. deixando para a posterioridade ruínas de sua civilização. Atualmente existem muitas contradições sobre a evolução humana havendo assim as teorias da hipótese da origem única e da Evolução Multirregional. É um Património Mundial da Unesco desde 1998. Zona Arqueológica de Chan Chan. por meio de pesquisa bibliográfica. no norte do México. Uma das histórias daquela época faz referência a jardins com plantas de ouro. A cidade de Chan Chan dividia-se em dez partes muradaschamadas cidadelas -. No século XV os Chimus foram dominados pelos Incas. teve um papel fundamental no comércio e nos contactos entre a cultura de Pueblo (que viviam no noroeste dos Estados Unidos e norte do México) e as culturas mais avançadas da Mesoamérica. As ruínas são uma clara prova da vitalidade de uma cultura que foi perfeitamente adaptada ao seu ambiente físico e económico. Vale do Chimu. mas que desapareceu no tempo da Conquista Espanhola. onde até hoje pode-se apreciar a Câmara do Conselho . Paquimé.A teoria mais aceita é de que surgimos do Australopitecus e. e um sofisticado sistema hidráulico. econômica e turística. tinha edifícios de sete andares. Zona Arqueológica de Paquimé. Fora do muro ficavam as casas mais modestas. A cidade de barro é um mistério que até hoje os arqueólogos não sabem explicar. cemitérios.3-Preparar uma palestra ilustrada sobre uma das zonas arqueológicas do país. costa norte do Peru – Chan Chan foi a capital do reino de Chimu . 4-Conhecer. enfocando os seguintes aspectos: localização. datado do século XIV. reservatórios e palácios para os reis e nobres.contemporâneo ao Inca. social. O centro da cidade era o Templo de Tschudi. estado atual. A marcar com a Chefia da Tropa. segundo a seleção natural e a adaptabilidade ambiental chegamos ao estágio atual.local reservado a reuniões . para o povo. Em cada cidadela havia templos religiosos piramidais. algumas com paredes de proteção de mais de 9 metros de altura.

as pólis gregas são dominadas e controladas pelos Macedônios. a 448 a.5 milhões de anos. cuja espécie é conhecida como Homo sapiens sapiens. b) Evidências datadas em 3. com destaque para a cerâmica. os gregos fundam colônias. As pólis (cidades-estado.000 e 12. onde os gregos saem vitoriosos. estão as primeiras evidências do estágio humano moderno. Os conflitos e desentendimentos entre as colônias da Ásia Menor e o Império Persa ocasiona as famosas Guerras Médicas (492 a. e) Ainda no período pleistocênico. jônios. O artesanato grego. formando-se após a migração de tribos nômades de origem indo-européia.C e V a. surgiram por volta do século VIII a.2 milhões de anos. situam-se as primeiras evidências da espécie Homo erectus. na Etiópia. na parte sul da Península Itálica e na região da Ásia Menor. encontram-se registros dos primeiros hominídios da espécie Australopithecus na África. chegando até mesmo . trigo e vinhedos. por exemplo. Com o comércio marítimo os gregos alcançaram grande desenvolvimento.C.C. teve grande a aceitação no Mar Mediterrâneo. politicamente autônomas). azeites e perfumes para os quatro cantos da península. baseado em pesquisas arqueológicas e ilustrado com fotos e gravuras de escavações. Neste limite do tempo. encontra-se a espécie Homo habilis. A civilização grega surgiu entre os mares por volta de 2000 A. 6.C.7 milhões de anos indicam o esqueleto Australopithecus afarensis conhecido como Lucy.Apresentar um estudo sobre a vida de um povo antigo de sua livre escolha. na África Oriental e Meridional. a partir de dados arqueológicos advindos do Oriente Próximo e do Norte da África.000 anos AP. documentos. forma que caracteriza a vida política dos gregos.5 milhões de anos. datado na escala do tempo como fase pré-humana. d) Entre 1.C. classificada como estágio humano tardio. aconteceram várias migrações de povos gregos a vários pontos do Mar Mediterrâneo. apresentam dados de um estágio humano primitivo (recebendo terminologia Homo por lembrarem características anatômicas mais modernas).C.C. aqueus. monumentos ou objetos deixados por ele.2 e 1. As duas pólis mais importantes da Grécia foram: Esparta e Atenas.). dos conflitos internos e da necessidade de novos territórios para a prática da agricultura. Na região da Trácia. como conseqüência do grande crescimento populacional. Por volta dos séculos VII a. essa hipótese é comprovada com seis descobertas principais: a) Aproximadamente aos 4. A economia dos gregos baseava-se no cultivo de oliveiras.eólios e dórios. encontrada em Hadar.Arqueologicamente falando. encontrados na Tanzânia em jazidas do Olduvai. No ano de 359 a. entre 100. c) Registros humanos datados entre 2 e 2. como.. As ânforas gregas transportavam vinhos.

As decisões políticas. os deuses ficavam orientando sobre questões importantes da vida cotidiana e desvendando os fatos que poderiam acontecer no futuro.a cunhar moedas de metal. onde os atores apresentavam peças dramáticas ou comédias. Foi na Grécia Antiga. principalmente em Atenas.artes plásticas e a arquitetura foram muito importantes na cultura grega. cidade onde surgiu a democracia grega. Até os dias de hoje a mitologia grega é referência para estudos e livros. organização social e deuses protetores. usando máscaras. os gregos ergueram palácios. . Cada cidade-estado tinha sua própria forma político-administrativa. Quase todas as cidades gregas possuíam anfiteatros. no século V ( Período Clássico da Grécia). que surgiram os Jogos Olímpicos em homenagem aos deuses. eram tomadas na Ágora (espaço público de debate político). principalmente em Atenas. pois através dos mitos e lendas os gregos transmitiam mensagens e ensinamentos importantes. templos e acrópoles de mármore no topo de montanhas. A filosofia também atingiu um desenvolvimento surpreendente. Os deuses possuíam características humanas e de deuses. Os escravos. Platão e Sócrates são os filósofos mais conhecidos deste período. Poesia. na cidade de Olímpia. a história . A dramaturgia grega também pode ser destacada. Os gregos costumavam também consultar os deuses no oráculo de Delfos. A religião politeísta grega era marcada por uma forte marca humanista. Acreditavam que neste local sagrado. Os gregos também desenvolveram uma rica mitologia. devedores ou prisioneiros de guerras foram utilizados como mão-de-obra na Grécia. A mitologia grega também era muito importante na vida destacivilização. Na arquitetura.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful