Você está na página 1de 5
* Caso NACIONAL 2 BIG A CORRETORA ONLINE m Julho de 1999, 0 Banco de Investimento Global (BIG) surpreendeu © mercado financeiro portugués com o langamento da primeira corre- tora online nacional’. De facto, somente cinco meses antes, um grupo de empreendedores liderado por Carlos Rodrigues, ex-Banco Chemical Portugal, tinha decidido enveredar pela criagdo de um banco diferente, apoiado nas tiltimas tecnologias ¢ otientado para a prestagio de servigos independentes de banca de investimento. Mas a surpresa foi ainda maior quando em Dezembro de 1999 0 BIG revelou ter conseguido ultrapassar 0 break-even logo no primeiro ano de actividade e obtido cerca de 20 mil contos de Iucro! Em retrospectiva, o desenvolvimento de uma corretora online por- tuguesa era inevitdvel. A liberalizagdo do mercado nacional tinha comeca- do em 1984 e, desde entao, tinha-se assistido a uma crescente proliferagao de novos produtos e servigos, ao sucesso da rede Multibanco e, mais recen- temente, a0 advento da banca telef6nica. Em paralelo, a concentragio do sector tinha resultado no controlo de quase 90% de todos os activos em apenas cinco grandes grupos financeiros — a Caixa Geral de Depésitos, 0 Banco Comercial Portugués, 0 grupo Champalimaud, 0 Banco Espirito Santo © 0 Banco Portugués de Investimento. Contudo, esta concentragio tinha também contribufdo para subal- ternizar a banca de investimento a actividade da banca comercial, com a consequente perda de agressividade ¢ capacidade de inovagao. Num con- texto de mudanga tecnolégica, a pequena equipa independente do BIG decidiu entdo atacar a oportunidade emergente. © Copyright 2000 Adriano Freire wwwbigoniine pt 66 CariruLo 2 Novas TecNoLocias A Aposta NA_INTERNET Tipicamente, o acesso directo as bolsas de valores em Portugal estava limi- tado a poucas entidades de grande dimenséo que usavam corretores espe- cializados, enquanto a maioria dos investidores tinha de recorrer &s tradi- cionais agéncias bancérias para aplicar as suas poupancas no mercado de capitais. Mas 0 servigo demorado, ineémodo e pouco transparente dos bbancos estabelecidos penalizava sempre os pequenos investidores. Sobretudo a partir de meados dos anos 90, a reduc&o das taxas de juro € a estabilidade do crescimento econémico contribuiram para tomar 0 investimento em acgSes, fundos e derivados cada vez mais atractivo, pelo ‘que uma percentagem crescente das aplicagdes financeiras comegou a ser canalizada para as bolsas de valores nacionais internacionais. Capitalizando nesta tendéncia, os fundadores do BIG acreditaram existir lum espago néo preenchido no sector financeiro portugués e decidiram democratizar 0 acesso ao mercado de capitais. Para esse efeito foi criada a primeira corretora nacional na Internet, a www.bigcorretora,pt que veio mais tarde a ser redenominada www.bigonline.pt, Através do bigonline, passaram a ser disponibilizados os seguintes servigos: * Cotages em tempo real gratuitamente ‘+ Relatérios de pesquisa gratuitos ‘+ Transacgbes na Bolsa de Valores de Lisboa com rapidez, seguranga © comissdes reduzidas E para explorar o potencial interesse dos portugueses em investir no estrangeiro, a partir de Fevereiro de 2000 o bigonline passou ainda a pos- sibilitar 0 acesso directo as principais bolsas de valores mundiais, uma i ciativa igualmente pioneira em Portugal. Esta aposta firme na corretagem online atraiu rapidamente a atengio dos investidores nacionais, de que resultou nao sé uma elevada noto- riedade para 0 BIG, como também um mimero crescente de transacgdes € de oportunidades de cross-selling de outros servigos. De facto, 0 BIG nao actua apenas no mercado de capitais, a sua estratégia assenta em quatro ‘éreas distintas mas complementares: corporate finance, mercados de capi- tais, gestio de activos ¢ intermediacéo financeira (Figura CN2.1). O cenfoque inicial na banca de produto evoluiu assim gradualmente para uma postura de banca de relacionamento... Em sintonia, 0 B/G procura hoje em dia prestar um servigo de investi- mento global ¢ independente a clientes individuais e institucionais, uti- lizando as novas tecnologias para desintermediar e simplificar transacgdes financeiras. Da Internet a0 WAP (Wireless Application Protocol: protoco- lo da aplicagées sem fios), passando ainda pela televisio digital, o BIG tem como fungao proporcionar aos clientes a informagdo e o servigo certo, na altura certa e pelo canal certo. Caso NACIONAL 2 BIG 67 Figura CN2.1 Areas de Actividade do Big BIG Corporate Mercado de Gestio Tntermediagio Finance Capitais de Activos Financ Avaiages Estturagio CGestlo de carteiras _Servigos de cometagem OPV: ——_Vendas trading, Fundos de investimentoIntermediagdo de produos Fusdes eaquisigdes Obrigngbes, acges Aconselhamento financeiro Estruturagdo financeira Private equity capital Research Para esse efeito, conta com um vasto niimero de colaboradores qualifi cados e permanentemente actualizados, bem como com 0 apoio profi sional da Andersen Consulting, a maior empresa de consultoria no mundo, que se encarregou da concepgdo implementagdo dos sistemas de suporte a actividade do jovem banco. ‘Assim, em vez de acentuar a componente financeira, como é habitual ros projectos bancarios, 0 BIG privilegiou desde o primeiro dia os recursos tecnol6gicos e humanos, na convieg#o de que, desta forma, os resultados financeiros seriam alcancados. E na realidade, a conciliagdo das novas tec- nologias com a criatividade dos seus quadros ¢ consultores permitiu criar nido s6 um banco inovador, mas sobretudo um novo modelo de negécio para fa banca, em que as tecnologias de informagao e comunicacéo servem de veiculo facilitador da expansio comercial e da redugio dos custos. Na pratica, a caracteristica fundamental deste modelo reside na cons- tancia da mudanga. $6 adoptando as mais recentes inovagbes tecnolégicas para reforgar constantemente a relagdo com 0 mercado € possivel ao BIG quebrar as regras estabelecidas ¢ continuar um passo a frente da concor- réncia na satisfagao das necessidades dos clientes. A evolugio internacional no sector financeiro est4 alids a confirmar a validade deste modelo de inovagao constante: a Charles Schwab, lider de hé longa data na corretagem, tem vindo a ser flanqueada com sucesso pela recém-criada e-trade, gragas & sua abordagem mais agressiva e orientada exclusivamente para o negécio online. Por isso, numa altura em que os grandes grupos financeiros portugueses avangam também para a Internet, © BIG vai ter de novo de se reinventar para manter a lideranga jé conquis- tada, O que implica a adopcdo criativa das novas tecnologias para servir ainda melhor o mercado.